Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Influencia da madeira no som da guitarra.

      Autor Mensagem
      Deji
      Veterano
      # ago/05 · Editado por: Deji


      Regras do tópico:

      1 - Discussão Civilizada. – Não é permitido responder com palavras agressivas. Aprenda a respeitar opiniões diferentes
      2 - Só poste com embasamento. . – Saiba justificar sua resposta.
      3 – Lembrem-se, o questionamento é sobre até que ponto a madeira tem influência no som e não se a madeira tem ou não influência no som.

      Influencia muito

      Corpo(body)- numa guitarra elétrica, o corpo funciona como uma 'prancha sonora', e seu material eh fundamental
      para a resolução final do timbre do instrumento, pois diferentes madeiras vão determinar diferentes formas do corpo 'ouvir' a vibração das cordas.corpos de guitarras podem ser encontrados em grande variedades de madeiras, cada uma com sua própria característica sonora, sendo q diferentes cortes podem dotar a mesma madeira com sonoridades diversas, por variações na sua densidade e peso. mesmo assim, podemos fazer algumas considerações gerais......

      maple- tem grande resposta de ataque e rápido declínio da nota(decay);gera uma grande resposta do som fundamental,sem muita projeção dos harmônicos, muito utilizada para guitarras semi-acústicas.

      mahogany(mogno)- tem ataque macio, rico em sustain e massa; é uma madeira consideravelmente pesada.

      basswood- geralmente usada em guitarras de rock feitas para tocarem em alto volume; possui ataque moderado, com sustain constante; é uma boa madeira leve, mas com boa massa sonora final.

      ash- madeira com timbre bem caractrístico; funciona bem com single coils, proporciona excelente corpo sonoro e boa resposta de agudos.

      estas são apenas algumas opções que podem ser usadas na construção de um corpo. também é comum a combinação de madeiras - como na gibson les paul standart, que tem o corpo de mahogany e o top de maple - ganhando assim o 'melhor dos dois mundos' um peso tolerável e uma excelente resposta de agudos..

      Influencia pouco

      Mas o captador de guitarra não foi projetado para isso, ele não capta a fonte sonora advinda da madeira ou por ela refletido, ele capta variações no campo eletromagnético gerado (a grosso modo) e produz tensões elétricas que são amplificadas por um amplificador e estes por sua vez excitam os falantes, que por sua vez movimentam o ar que geram a massa sonora que sensibiliza nossos ouvidos (e o dos vizinhos tb). Para violões, aí sim, a história é outra, pq o som percorre cavidades e reflete na madeira alterando as carcterísticas tonais.

      Construções diferentes. Vc deve considerar:
      Comprimento da escala,
      Captadores, singlexHumbucker, forma da ponte, altura da ponte, inclinação, tarraxas, curvatura da escala, trastes, potenciometros, capacitores, fiação, aterramento, tipo de corda usado, fixação do braço (colado ou aparafusado), ajuste do capotraste, regulagem de oitava na ponte. fixação da ponte, posições dos captadores etc...
      Prá vc ter uma ideía, um simples capacitor no controle de tonalidade, já muda muito o som de uma guitarra. Como comparar duas coisas diferentes e querer o mesmo resultado.
      Comparar três stratocasters da fender (ou qq outra) não irá lhe dar respostas idênticas. Até pq a fender já mudou dezenas de vezes a orientação (posição dos ímas) de seus captadores.
      Os grandes fabricantes não produzem guitarras de MDF, pq o material é reciclado e não poderiam cobrar o mesmo preço de um material virgem. Tradição, acabamento, durabilidade, resistência a variações de temperatura, rigidez, beleza, facilidade de construção, resistência a umidade, etc.... É por isso que se usa madeiras de qualidade.
      Uma guita de MDF terá vida curta perto das outras de mogno. Principalmente se eu for morar em um lugar úmido. Ela provávelmente vai ficar uma merda, pois a fixação do braço no MDF vai arregaçar o furo do parafuso até ficar impossível de se tocar. Sem contar os parafusos de fixação da placa, jack, molas, etc.... Com o tempo o MDF vai se esfarelar, è por isso que uma boa guitarra usa boas madeiras e são mais caras.

      Funcionamento dos captadores

      http://www.stellfner.com.br/Conceitos%20Pickup.htm#pickup



      Qual a sua opinião?

      kbza
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      concordo plenamente (nem li hehe)

      Jason
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      deve ser uma miragem esse tópico

      maniac123
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      e em relaçao a madeira usada no braço, tambem tem influencia, neh...

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      kbza
      rsrs

      Jason
      Não, ele é real, da uma olhada no tópico resposta da stellfner que vc vai entender como ele surgiu.


      maniac123
      Cara, influencia sim.

      Jason
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      na época do allan fly eu cansei de ver tópicos assim
      valeu

      Deji
      Veterano
      # ago/05 · Editado por: Deji
      · votar


      Jason

      Imagino. Diga-se de passagem, esses argumentos de pouca influencia foram dele mesmo rsrs...
      Mas o grilo é o seguinte, eu e o Claudio Natureza estamos com uma duvida:
      Eu tenho um Epi LP Standard ele uma SG da Epi, ambas madeiras legais acabembto e etc... Obviamente uma Gibson Studio, ou uma SG no caso dele é bem melhor contruida, e madeira selecionada e etc...
      A questão é, investimos nas Ephis, ou passamos pra frente pra pegar uma Gibson? Pq a diferença entre turbinar a Epi e pegar uma Gibson, é um tanto quanto grande$$$$$$$$...

      Gasoline
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Acho que as duas respostas são válidas.

      Influencia muito SE : A captação da guitarra for passiva, sem nenhum circuito ativo. Porque neste caso, o captador (e sua resposta) está sucetivel (sp?) a toda e qualquer vibração, ou alteração da vibração, no corpo. O que é altamente influenciado pela densidade da madeira. Também deve-se levar em conta se o captador está colocado diretamente na madeira ou no escudo/moldura, pois a moldura e o escudo acabam absorvendo um pouco destas vibrações, não repassando-as ao captador. Deve se levar em conta também a velocidade com a qual essas vibrações são transmitidas pelo corpo da guitarra (que alteram conforme a densidade da madeira).
      Acho que a madeira ideal tem uma densidade mediana, o suficiente para vibrar um pouco, e repessar isto aos captadores, mas não dura demais para não vibrar, não matar o som.

      Influencia pouco se : Os captadores forem ativos ou tiverem algum circuito ativo (mid-boost, por exemplo) já que estes circuitos alteram o sinal da guitarra DEPOIS de ele ter sido captado, ou seja depois da influência da madeira. O que diminui a interferencia da madeira no timbre. Afinal, o sinal é processado antes mesmo de chegar no jack. Também se os captadores estiverem em um escudo ou moldura, que serve de suspensão para as vibrações do corpo. Absorvendo elas de maneira que a densidade da madeira acabe influenciando menos no timbre da mesma.

      No caso, acho interessante de se notar, por exemplo, a soma de fatores :
      Pegue uma guitarra como a Wolfgang (que tem os caps ligados direto na madeira e nenhum circuito ativo) e crie uma réplica dela (com todas as mesmas peças) mas a madeira do corpo diferente, a diferença vai ser grande.

      Pegue a Fender do David Gilmour (com set DG20 (caps ativos nos escudo + circuito EMG pós)). E troque a madeira do corpo, vai existir diferença ? Sim vai, mas vai ser BEM menor, de modo que algumas podem nem notar.

      Lembrando que tudo pode influenciar no som.. que é uma grande equação.

      Eu gosto de guitarras com madeiras de densidade média (como o Alder, e o Ash), não gosto de madeiras muito densas (como o mogno), e simplesmente, guitarras de pouca densidade (compensados, laminados, mdfs e afins) simplesmente, não rola.

      E sobre as madeiras do braço ?
      Informações ?

      Jason
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      sei lá kra, pra mim esses detalhes nunca fizeram diferença
      eu sempre fazia regulagem no pedal e no amp pra verificar timbre. Esse lance de madeira eu só gostava se a guitarra fosse macia pra tocar.
      eu não entendo nada disso ae, marcas de captador, tipo de madeira, nada.
      Fui descobrir oq era headstock tem uns 2 meses.
      o lance é tocar e curtir, se vale a pena outra guitarra aí eh soh testar.

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      E sobre as madeiras do braço ?
      Informações ?


      Tambem é valido.

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Jason
      Fui descobrir oq era headstock tem uns 2 meses.
      rrsrsrsrs... e vc toca pra kct hein...

      maniac123
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      o q conta mesmo é a boniteza.... eheh

      Jason
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      po, obrigado =)
      mas é sério kra, eu não entendo nada disso de parte técnica
      as vezes eu lia os tópicos soh pra dar risada das tretas do allan com o pessoal heehe

      JediKnight
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Man, acho q a discussão sobre saddlers e trafos muito mais relevante.


      O tópico com o mesmo nome foi famoso na época do ala fly.

      Curly
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      vc nota que influencia muito quando toca com timbres limpos a maior parte do tempo como eu... já com drive e compressão nem tanto, sinto q aí importa mais a massa, o peso da madeira no resultado final... um instrumento onde fica fácil ver isso é a telecaster, já vi teles construídas por luthiers com corpo de mogno e cedro, muito boas, mas ñ têm aquele som característico da fender tele...

      Jason
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      saddlers e trafos
      hahahahaha
      uns paf pro na testa desse povo que não manja disso

      advance2
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Eu tenho uma Lyon Strato (Washburn), e sei q ela eh de MDF, qual a parte dela q eh de MDF? Só o braço, o corpo apenas, ou os dois?

      LOW Fl
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Gasoline
      E sobre as madeiras do braço ?
      Informações ?

      DErepente na pesquisa sai isso. O COrvo na epoca falou sobre a importancia da madeira do braço e ate colocu um link de um site que ele participava de tecnologia de guitarra

      gsprs
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      advance2
      só o corpo...

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      ^

      Gambá do Rock
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Caros camaradas foristas,
      dêem uma olhada no link abaixo para melhorar a informação que vocês têm sobre a utilização de madeiras na fabricação de instrumentos musicais. Os artigos são científicos e baseados em madeiras brasileiras.
      Bem, é isso.
      abraço

      http://www.funtecg.org.br/publicacoes.html

      Fritz_mkvl
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Gambá do Rock
      Valeu cara, estou atrás de algo do tipo a meses.

      Gambá do Rock
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Fritz_mkvl
      Por que não falou antes???
      Esse site é bem interessante! Ocorrem atualizações mensais de artigos e as temáticas pesquisadas estão cada vez melhores.
      abraço e divirta-se com a leitura

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Gambá do Rock
      Interessante mesmo, valeu cara!

      Gambá do Rock
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Deji
      Falow!

      Deji
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Ta aí a resposta do tópico

      http://www.funtecg.org.br/arquivos/guitarra_final.pdf

      Fritz_mkvl
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Gambá do Rock
      hehehe, agora tenho material de leitura pra uns tempos.

      Fritz_mkvl
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Ué, o cara pôs Les Paul como semi-sólida. Que eu saiba é massiça.
      http://www.funtecg.org.br/arquivos/guitarra_final.pdf

      Fritz_mkvl
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Gambá do Rock
      aaaaahhhhh, achei a preciosa tabela de densidades. Acho que vou chorar.

      Gambá do Rock
      Veterano
      # ago/05
      · votar


      Fritz_mkvl
      O mais maneiro disso é como os caras desenvolveram um equipamento para aferir a densidade de diversas madeiras brasileiras. Se não me engano, tem uma tabela comparativa com madeiras estrangeiras.

      Não chore não! Fique feliz!!! Agora você tem material que pode te igualar em conhecimento (pelo menos das madeiras presentes no artigo) ao Seizi Tagima ou a qualquer outro Luthier que trabalhe com madeiras nacionais
      hehehehehe

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Influencia da madeira no som da guitarra.

      306.448 tópicos 7.907.839 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital