David Gilmour anuncia que venderá todas suas guitarras, incluindo a Black Strat!

Autor Mensagem
Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 30/jan/19 21:53
· votar


David Gilmour está certo. "Guitarras são meras ferramentas" (palavras dele - concordo 100%).

Buja
Veterano
# 31/jan/19 11:45
· votar


Se eu estivesse no patamar dele, preferiria ver minhas guitarras servindo pra algo util em vida, como caridade, do que morrer e não saber o que foi feito delas.
Ele nasceu pelado e pelado se vai.
Antes disso, fazer algo de bom é o melhor que a vida pode proporcionar.

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 31/jan/19 11:53
· votar


Buja
Concordo em gênero, numero e grau...
Abç

Ismah
Veterano
# 31/jan/19 16:30
· votar


fontes_rio
Diferente daquele otário do Roger Waters, que veio para o Brasil e no meio do show coloca aquela babaquice de "ele não", querendo influenciar na eleição presidencial.

Pronto, mais um ignorante... Só pra lembrar, War Pigs não é sobre uma guerra de suínos... Qual é...

Snakepit
está vendendo um patrimônio com valor sentimental muito significativo
Tem que ser muito "desapegado" pra conseguir vender algo que obviamente significa muito pra ele.

Bem mais pra ti, que pra ele... Como ele mesmo afirmou, são ferramentas de trabalho, e eu tenho vista cada dia mais assim... Não achei um instrumento que não aparecesse outro com som equivalente... Noto mais diferença girando um knob, que trocando entre instrumentos da mesma linha.

Não sabia que a Black Strat tinha ficado anos em algum Hard Rock em exposição.

A Hard Rock Cafe, além de uma franquia que custa a bagatela de 5 milhões de reais, é uma leiloeira. TODOS os bares estão recheados de instrumentos, roupas e demais artigos, e qualquer um pode dar um lance...
Posso fotografar as do HRC de Gramado/RS, se chegar lá novamente. Tem itens muito legais, mas disparado é a Ludwig Vistalite do John Boham que ganha todo destaque... Está desmontada, fixada peça por peça, sob o palco num local de difícil acesso. É bem possível que por questões de segurança, já que presumo ser o item mais caro da coleção.

Aliás, HRC é um dos lugares mais caros que eu já vi, paguei 20 pila um expresso e 60 o xis/hamburguer, mas é uma visita que todo músico deveria fazer...

Vai vender e fazer algo legal com o dinheiro.

Estou mais interessado no que Willie Nelson vai fazer com sua "viola"... Digamos que ele tem hábitos mais estranhos, e várias referências ao longo da carreira, tanto na música como no cinema... kkkk

makumbator
não sei como é a relação do pessoal aqui do FCC com os instrumentos

Pelo jeito, se importam mais com a guitarra que com a patroa... kkkk
O que mais me chocou, é que não existe esse apego da maioria das pessoas... Ouvi várias vezes que "é só uma guitarra"...
Já me jogaram uma GIbson Explorer zero no pé, como quem joga um pano de chão, e eu com 16 na época estava absurdamente chocado com isso... Mas bem, eu fiz a primeira troca de cordas dela, e quase tive um orgasmo na época... Hoje trabalho com vários instrumentos topo de linha, e bem, já peguei Tagimas que valem 1/10, com a mesma pegada...

JJJ
Veterano
# 31/jan/19 18:44
· votar


Bom... meu pitaco...

Tenho mais ou menos a mesma idade do Lelo e do Bertola. O Gilmour é, grosso modo, uma geração mais velho que nós.

Já pensei nesse "momento final", sim. Meu filho nunca se interessou muito por isso (a guitarra dele está no bag há uns dois anos...). Minha banda mais recente está paralisada há um ano, por falta de baixista.

Mas ainda toco bastante sozinho e ainda tenho muita tralha aqui. Só que acho um absurdo imaginar que um dia eu vou partir e deixar essa tralha danada pra minha família se virar! Portanto, pra mim, é perfeitamente compreensível o que o Gilmour está fazendo. Melhor assim. Ele se livra de coisas que sabe o valor e ninguém vai ter que se preocupar com isso depois (até porque o cara tem dinheiro até dizer chega... a família dele não precisa da grana das guitarras).

Só estranho ele não ficar com a Black Strat. Acho que ele poderia mantê-la até o fim. Afinal de contas, aquela guitarra é quase que uma extensão natural dele! Da mesma forma, não entendo o Lelo se desfazer de tudo. Não consigo entender um guitarrista (mesmo em inatividade) não querer tirar um sonzinho, de vez em quando. Mas... cada um sabe de si, né?...

Eu pretendo manter uma ou duas até o fim. E, quem sabe, botar uma comigo, no caixão... hehehe

Ismah
Veterano
# 01/fev/19 00:47 · Editado por: Ismah
· votar


O Lelo disse que não tem mais guitarras, mas não que não tenha um violão, baixo, etc... Eu iria pelo mesmo caminho, também sou multi-instrumentista, e várias vezes já quis vender tudo e ficar só com um BOM violão, e hoje me ocorreu de vender tudo que não uso e investir na bike...
Não estou desistindo da música, mas surgiram outras coisas e música já é meu trabalho a bastante tempo. Na estrada sempre rola de tocar bastante, e por aí vai...
No começo era legal experimentar instrumentos diferentes, amps diferentes... Já toquei em uma penca deles, e hoje sei o que quero. Pra piorar, o que mais me agrada sonoramente, eu não tenho...

Em suma, musicalmente o que eu preciso, um violão resolve.

Snakepit
Veterano
# 01/fev/19 03:24 · Editado por: Snakepit
· votar


O pessoal aqui é muito desapegado, em se tratando de casos particulares (não o Gilmour com 140 guitarra), acho que alguns instrumentos não deveriam ser vendidos, caso realmente sejam de qualidade, mesmo que isso possa parecer egoísta. Em 50, 100 anos ele estará firme e forte, acho isso bacana, mesmo que a valorização financeira seja ruim.

lamas92
Membro Novato
# 01/fev/19 08:43
· votar


Imagino a quantidade de guitarras que caras como Gilmore, Clapton Slash, Bonamassa e outros grandes nomes possuem...

Além de poderem comprar seus sonhos, eles ainda ganham muitas de patrocinadores, amigos, contratantes, fãs, puxa-sacos, etc...
Fora a quantidade de Amps e pedais que ganham para testar e opinar...

É explicável querer se desfazer daquilo que, apesar do valor financeiro, não tem valor sentimental... Fora desocupar o espaço (quem nunca?).
Além disso, uma guitarra de uma lenda viva, tem seu valor agregado. Por que não fazer algo útil com isso enquanto vivo?
Depois que morre o valor sobre, mas vc não tem mais o controle... Talvez também seja isso.

Dificilmente alguém e desfaz de tudo. Sempre fica um xodó um pra brincar... Mas tudo é fase.
O admirável é a consciência disso e ver o cara tomando as rédeas do destino, antes. Fica um exemplo.

Casper
Veterano
# 01/fev/19 09:07
· votar


Cento e vinte guitarras é muita coisa.
Duvido que ele use de fato mais que dez,
mesmo sendo ele quem é.

O triste é que 90% dessas guitarras
vão para filhos de pessoas endinheiradas
que nem tem ideia da história que tem em mãos.

E no máximo vão repetir o riff de
Smoke in the water, se muito.

Pelo menos o dinheiro vai ajudar (espero)
muitas pessoas.

Lelo Mig
Membro
# 01/fev/19 10:10 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Casper

"Pelo menos o dinheiro vai ajudar (espero) muitas pessoas."

Com relação a isso não tenho dúvidas, e o digo não por ser fã do Gilmour, mas por na qualidade de fã, acompanhar a vida dele.

Sua relação com a caridade é muito antiga, ele não é um aventureiro no assunto. Em 2003 ele vendeu a mansão que morava, foi morar numa casa muito menor e doou todo o dinheiro para uma instituição que cuida de moradores de rua na Inglaterra. (obs: era uma "casinha" de 3,6 milhões de Libras)

Quando o álbum Pulse atingiu o recorde de vendas "platina triplo", ele doou toda a bonificação prevista no acordo comercial para o "Save Rhino"... Não era dinheiro de pinga não, eram cifras de 5 zeros prá cima.

Existe uma "elite financeira" que faz parte de um grupo que acha que ganha mais dinheiro do que precisa. Bill Gates, Keanu Reeves, Hilary Swank, Bruce Springsteen e etc. são apenas alguns famosos, David Gilmour faz parte desta turma.

E é elite mesmo, gente com fortuna acima de 50 milhões de dólares.

Buja
Veterano
# 01/fev/19 15:08 · Editado por: Buja
· votar


Eu particulamente acho nobre a ação de caridade.
Infelizmente não acho que isso resolva o problema.
É uma cesta basica para quem nao tem o que comer.
Nobre, bonito, mas com o tempo vai precisar de novo.

Porem, é melhor do que acumular "ferramentas".
Por mais lindas e timbristicas que sejam, são ferramentas.
Guitarras vem e vão. Estou meio que na metade da vida,
e a media do que tive foi 1 guitarra para cada biênio.
Todas eram lindas e eu achava que nunca venderia.
Mas no fim a gente vende.
E volta a sonhar com outra diferente de novo.
Até semana passada tinha 2 apenas. Agora so tenho uma.
E ja to com projetinho na cabeça fervendo de novo.

Na eṕoca que tive 7 guitarras ao mesmo tempo,
sem contar os violoes, teclado e pedais a rodo,
eu nao usava tudo. E nao tinha o timbre tambem.
Ontem sentado no sofá, com uma strato no colo e uma v-amp 2,
tirei muito timbre, me diverti bastante e vi o quanto as vezes
cultuamos coisas desnecessárias. É apenas um vício de ceratonina.
E percebemos isso quando ficamos mais velhos.

Acho que foi o que o Gilmour já percebeu faz tempo.
Imagina voce chegar num hospital do cancer infantil,
vendo crianças sedentas de vida, com os dias contados,
e saber que na sua garagem tem 120 guitarras
cada uma valendo no minimo 100 mil dolares,
sem contar os milhoes que estão no seu bolso?

https://www.bbc.com/portuguese/geral-41077549?ocid=socialflow_twitter

Recomendo a leitura. É rapido

MMI
Veterano
# 01/fev/19 16:24
· votar


Eu acho um pouco estranho que ele não dê importância para a preta que de certa forma, fez a carreira e o nome dele e do Pink Floyd. Por outro lado, é só uma guitarra que como ele disse, as réplicas da Custom Shop são iguais. Então ele pode levantar uma boa grana... Mas grana não é um um ponto central, tenho a impressão. O Gilmour recusou turnês milionárias de reunião do Pink Floyd, muito mais que ele receberia desta guitarra. Um leilão deste tipo tem um valor mínimo, o máximo nunca se sabe. A guitarra do Hendrix foi tão valorizada porque quem bateu o martelo foi nada menos que Paul Allen, dono também da Microsoft, que comprou para expor no museu em Seattle - atrair pessoas que pagam ingresso para ver e rende muita grana! Já estas do Gilmour, apesar de serem icônicas e terem potencial também, não sei se seriam atração num museu assim, se teriam algum investidor com dinheiro e capacidade de gerar retorno como Paul Allen.

Um detalhe, que pode não ser relevante... Pelo lado do colecionador, tem a dificuldade de manter. Se ele tem umas 20 que usa e toca mais, tendo que trocar cordas, polir trastes, dar uma revisão a cada 2 meses, significa que a cada semana tem que fazer isto em mais de 2 guitarras (daria revisão em 16-18 guitarras em 2 meses se fosse 2 por semana). As outras 120, se for uma vez ao ano que ganham manutenção, o que é meio que uma judiação, teria que fazer manutenção em 10 por mês. Isso é complicado, dá trabalho e custo, inevitavelmente acaba tendo instrumento sem condições de uso imediato.

Ramsay
Veterano
# 01/fev/19 22:53
· votar


Pelo menos pra mim, ele vai se aposentar mesmo, pelo menos em turnês e
shows da banda. Afinal ele já tem 72 anos, três mais que eu.
E eu não pretendo me aposentar tão cedo (de tocar em casa).
Enquanto eu puder eu sigo tocando as minhas 18 guitarras, usando BT-Tracks criadas por mim ou baixadas da Internet e, vamos que vamos...

makumbator
Veterano
# 02/fev/19 00:38
· votar


Ramsay
Enquanto eu puder eu sigo tocando as minhas 18 guitarras

Opa, organize um leilão e chame a gente pra dar uns lances! Heheh!

Ismah
Veterano
# 02/fev/19 02:44
· votar


MMI
Eu acho um pouco estranho que ele não dê importância para a preta que de certa forma, fez a carreira e o nome dele e do Pink Floyd.

Não sei se é o caso, mas eles são repetidos que uma coisa de estupendo sucesso, foi feito meio nas coxas...

Lelo Mig
Membro
# 03/fev/19 00:24 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Ismah

"O Lelo disse que não tem mais guitarras, mas não que não tenha um violão, baixo, etc... "

Prá quem já teve uns 30 Instrumentos, hoje reduzi apenas ao que pego ao pé da cama e toco sem ter que ligar nenhum botão ou tomada:

01 Violão Folk Yamaha
01 Violão Nylon DiGiorgio
01 Viola Caipira Del Vecchio
01 Gaita Cromática Yamaha
01 Corneta Weril


E 01 teclado Yamaha PSR 83, que os timbres são uma bosta, mas o teclado é confortável, com boa sensibilidade e se tornou um controlador midi muito bom, ou seja, seu beneficio (bom controlador) vs o custo (ninguém dará 5 reais nele)... é excelente e o tornou invendável.

makumbator
Veterano
# 03/fev/19 02:06
· votar


Lelo Mig
é excelente e o tornou invendável.

Eu compro. Pode leiloar.

Fugitivo
Veterano
# 04/fev/19 17:28
· votar


Para quem acha que ele está preocupado com a tal guitarra endeusada por muitos, leia isso:

David Gilmour também falou sobre a Stratocaster preta especificamente quando foi questionado se não era difícil “abandoná-la:”

Sabe de uma coisa? Para mim, eu posso deixá-la ir. Irá trazer um monte de gente para esse leilão e irá cumprir essa tarefa. É uma guitarra adorável. Ela esteve em praticamente todos os discos do Pink Floyd nos Anos 70. Está no Meddle, Dark Side Of The Moon, Animals, The Wall. Eu gravei o meu solo de ‘Comfortably Numb’ com ela. As notas no começo de ‘Shine On You Crazy Diamond’ surgiram dela um dia. Está em muita coisa, mas a Fender fez réplicas dela que são comercializadas e eu tenho duas ou três dessas que são absolutamente perfeitas. Uma dessas pode se tornar a minha guitarra preferida ou eu até mesmo irei mudar de cor.


Matéria completa: http://www.tenhomaisdiscosqueamigos.com/2019/01/29/david-gilmour-leila o-guitarras/

makumbator
Veterano
# 04/fev/19 17:38
· votar


Fugitivo

Plot twist:

Gilmour vai mandar uma réplica para o leilão e ninguém vai perceber,

Lelo Mig
Membro
# 04/fev/19 18:36
· votar


makumbator

Duvido que ele vá vender a Tonante Finder.

Villts
Veterano
# 04/fev/19 19:09
· votar


Fugitivo
ele ainda diz no video dele que so sabe qual eh a original por causa de uns experimentos na parte de tras da guitarra huahauhauah

Will Bejar
Veterano
# 04/fev/19 19:16
· votar


Pra falar a verdade, eu nem entendo como conseguem acumular tantas guitarras... Eu tinha 3 e achei muito...

Ele disse que manteria umas 20... Caceta...
Aí, até que é um número razoável pra ele.
5 Stratos
5 violões de cordas de náilon
5 violões de cordas de aço
5 violões de 12 cordas... Kkkkkk

MatheusMX
Veterano
# 04/fev/19 21:35 · Editado por: MatheusMX
· votar


Porran, essa black strat do Gilmour foi mais judiada que mulher de malandro!
Não conhecia a história dela. É uma partscaster da partscaster, verdadeira frankenstein.

Ismah
Veterano
# 05/fev/19 00:23
· votar


Will Bejar

Essa é fácil... Se ganha uma hoje aqui, uma amanhã lá... E por aí vai...
Sabe qual é a parada? O cara vive disso e é um ídolo de muita gente.
E tem gente que dá todo tipo de coisa! Eu nem da banda sou, e ganhei diversas vezes presentes diversos de fãs das bandas que trabalho...

Snakepit
Veterano
# 05/fev/19 00:37 · Editado por: Snakepit
· votar


Ismah
Essa é fácil... Se ganha uma hoje aqui, uma amanhã lá... E por aí vai...
Sabe qual é a parada? O cara vive disso e é um ídolo de muita gente.
E tem gente que dá todo tipo de coisa! Eu nem da banda sou, e ganhei diversas vezes presentes diversos de fãs das bandas que trabalho...


Certamente ganha muito equipamento de graça das empresas mesmo, se rolar patrocínio então nem se fala. Ele tem "algumas" réplicas da Black Strat por exemplo, que devem ser Masterbuilts. Mas as guitarras e violões mais famosos ele comprou, tem um vídeo rolando que ele explica onde e pq ele comprou alguns deles.

Quando se vive de música e se tem verba ilimitada vc acaba comprando tudo em busca do som "perfeito". Gilmour sempre foi um aficionado pelo seu timbre, então imagina o estrago que ele fazia nas lojas de vintages. Trocar o instrumento também é uma fonte de inspiração no processo de composição.

Hoje ele tem 140 guitarras, mas ele já deve ter vendido e trocado outras centenas. Ele não chegou no som que ele tem hoje comprando uma guitarra pronta na prateleira.

Bonamassa por exemplo diz ter mais de 1000 guitarras! Paixão pelo instrumento + verba ilimitada + eterna busca de um timbre melhor + busca de inspiração = centenas de guitarras.

Tem outra coisa também, instrumentos musicais para o padrão de vida desses caras é troco de pão. Somente a Ferrari 250 GTO do Nick Mason vale mais do que todos instrumentos que o Gilmour já teve em toda sua vida juntos. Essa Ferrari está avaliada em 48 milhões de dólares...

Ismah
Veterano
# 05/fev/19 01:28
· votar


E gente com "verba ilimitada", tende a fazer merda... Muita gente do cenário musical coleciona carros!

Mas é por aí mesmo! Na verdade funciona assim, se compõe algo, e no decorrer da coisa, vê-se que uma guitarra X ou Z poderia funcionar melhor, vai lá e compra... Como mero mortal, a gente adapta e/ou modifica o que tem, ou troca... Mas como aquela grana, não faz falta, aquele instrumento fica encostado...

felipe bento pereira
Membro Novato
# 05/fev/19 11:58
· votar


Gilmour é um homem admirável e sábio!!!
Um exemplo a ser seguido!!...
Enquanto isso Waters só está ganhando a antipatia das pessoas!!!

felipe bento pereira
Membro Novato
# 05/fev/19 11:59
· votar


daqui a pouco uma dessas guitarras irão aparecer naquele programa trato feito!!kkkkkkkkk

MatheusMX
Veterano
# 05/fev/19 13:40
· votar


Ismah
Mas é por aí mesmo! Na verdade funciona assim, se compõe algo, e no decorrer da coisa, vê-se que uma guitarra X ou Z poderia funcionar melhor, vai lá e compra... Como mero mortal, a gente adapta e/ou modifica o que tem, ou troca... Mas como aquela grana, não faz falta, aquele instrumento fica encostado...

Mais ou menos. A black strat mesmo sofreu diversas modificações ao longo da carreira do Gilmour. Ele poderia simplesmente ter pedido guitarras do jeito que ele queria pra Fender, mas preferiu continuar fuçando nela, ainda que tenha réplicas "absolutamente perfeitas", como ele mesmo disse.

O John Mayer tem mais de 200 guitarras. E nunca vi alguém trocar tanto de guitarra num show quanto ele. Num setlist de umas 20 músicas ele usa umas 6 Fender e uns 6 Martin. E na turnê ele carrega por volta de 40 guitarras/violões. Mas sempre tem aquelas favoritas.

Parte do colecionismo não é nem necessidade. Os caras devem comprar algumas guitarras só porque acharam diferentes ou legais, ou por ser muito rara, e nunca nem ter usado numa gravação ou apresentação.

Ismah
Veterano
# 05/fev/19 17:15
· votar


Muito cuidado. Mesmo que o Joãozinho queira, trasportar 10 guitarras numa viagem aérea não é tão simples, e já tem algum tempo...

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a David Gilmour anuncia que venderá todas suas guitarras, incluindo a Black Strat!