David Gilmour anuncia que venderá todas suas guitarras, incluindo a Black Strat!

Autor Mensagem
Snakepit
Veterano
# 29/jan/19 14:24 · Editado por: Snakepit


https://www.christies.com/features/David-Gilmour-legendary-Black-Strat -comes-to-auction-9637-3.aspx

Difícil acreditar, mas ele vai vender praticamente toda sua coleção, mais 120 guitarras, inclusive a lendária Black Strat e a Strat com serial #0001.

Todo dinheiro irá para instituições de caridade.

Não sei o que dizer, estou chocado, pois na prática isso pode significar sua aposentadoria. Quem viu ele ao vivo, viu. Muito triste, mas feliz pelo gesto, incrível que ele consiga se desfazer de todos esses bens. Gilmour é foda.

fontes_rio
Veterano
# 29/jan/19 14:57
· votar


Tenho muita admiração pelo Gilmour.
Diferente daquele otário do Roger Waters, que veio para o Brasil e no meio do show coloca aquela babaquice de "ele não", querendo influenciar na eleição presidencial.

Lelo Mig
Membro
# 29/jan/19 15:02
· votar


Snakepit

Mandei uma proposta pelo Zap......vamos ver se ele aceita.

killeryoda
Membro
# 29/jan/19 15:02
· votar


Diferente daquele otário do Roger Waters

mas o Roger nunca escondeu a posição politica dele, e dificilmente ele influenciaria... Realmente não entendi as vaias no show, e achei que quando ele pos "censurado" foi uma sacada muito interessante, um tapa sem mãos...

Mas voltando ao assunto, o gilmour teve um grande desprendimento, e pela caridade

Snakepit
Veterano
# 29/jan/19 15:05 · Editado por: Snakepit
· votar


Lelo Mig
É um bom ano pra ser milionário. As principais guitarras dele são um ótimo investimento, retorno financeiro garantido em alguns anos. Alias, quando ele vier a falecer tudo já vai valorizar muito.

Ainda não acredito que ele ta fazendo isso. Eu não conseguiria vender minhas guitarras antigas, isso que não toco nada e são guitarras ruins.

Se a Black Strat e a #0001 sairem por menos de um 1m de Trumps elas saíram de graça.

EduJazz
Veterano
# 29/jan/19 15:07
· votar


Se a Dunamiz estiver no meio do lote eu faço um lance.

Lelo Mig
Membro
# 29/jan/19 15:39 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Snakepit

"Ainda não acredito que ele ta fazendo isso..."

Você é jovem, não é? Isso não faz sentido quando somos jovens...

Mas quando você olha e se dá conta de que falta bem menos prá morrer do que o que você já viveu, tudo muda. Prá que aquele monte de guitarras? Pros outros detonarem depois que ele morrer?

Seus filhos são adultos, tem outras atividades. Ele esta na fase de brincar com netos...

Gilmour fez uma fortuna, mas fará 73 anos em março... Nas últimas décadas vêm cada vez mais envolvido com causas humanitárias, gasta a maior grana ajudando algumas entidades ligadas à ecologia, sustentabilidade e deficiências infantis, também é piloto de aviões hobbista, têm uma empresa no ramo da aviação.

Creio que a música não seja mais tão representativa. Turnês, ensaios, estudo... deve ter dores, cansaço, não ter mais tanto prazer em tocar, isso é bem comum... suas prioridades são outras.

Já parou de se drogar, já parou de beber, já parou de fumar... logo, logo não fará mais sexo.


Ele deve ter olhado aquele monte de guitarra e pensado: Prá que eu preciso disso tudo? Nem tocar eu quero mais...

Obs: (Phill Collins, Genesis e Ian Anderson, Jethro Tull fizeram a mesma coisa. Sem contar o Neil Peart do Rush)

Snakepit
Veterano
# 29/jan/19 15:49 · Editado por: Snakepit
· votar


Lelo Mig
Entendo, mas de qualquer forma acho um altruísmo absurdo. Ele não está vendendo uma ou outra guitarra pra arrecadar e parecer um cara legal e filantrópico, ele está vendendo um patrimônio com valor sentimental muito significativo.

Tem que ser muito "desapegado" pra conseguir vender algo que obviamente significa muito pra ele.

Acho muito nobre o que ele vai fazer, mas fico triste por saber que nunca mais veremos ele tocando com a Black Strat, e possivelmente isso significa sua aposentadoria definitiva. O show em Pompeii deve ser o último registro.

makumbator
Veterano
# 29/jan/19 17:15
· votar


Snakepit
ele está vendendo um patrimônio com valor sentimental muito significativo.


Talvez elas não tenham tanto valor sentimental assim pra ele. Talvez sejam só instrumentos mesmo pra ele.

Velvete
Veterano
# 29/jan/19 17:26
· votar


Talvez elas não tenham tanto valor sentimental assim pra ele. Talvez sejam só instrumentos mesmo pra ele.

Perfeitamente possível. Difícil explicar, mas não deixa ser um instrumento de trabalho.

Lelo Mig
Membro
# 29/jan/19 17:31 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Snakepit
makumbator
Velvete

"Talvez elas não tenham tanto valor sentimental assim pra ele. Talvez sejam só instrumentos mesmo pra ele."

O próprio valor sentimental é relativo com a vivência e acontecimentos da vida.

Por exemplo, sem comparar com Gilmour, minha "última guitarra", a única que segurei desde a minha época atuante, aquela Fender Black Strat Japa 86, que alguns já viram vídeo aqui no Fórum, vendi em novembro.

Não tenho mais guitarras...

renatocaster
Moderador
# 29/jan/19 17:42
· votar


Tudo nessa vida são fases. Tem a fase do apego e do desapego. Vai ver o cara tá de saco cheio de ver tanta guitarra guardada...sei lá. E pode ser que ele nem seja tão apegado, com viés de colecionador. Foi só acumulando mesmo ao longo dos anos.

Ou talvez ele já esteja pensando de uma maneira póstuma, tipo, depois que eu morrer alguém que vai decidir o que fazer com tudo isso. Então é melhor que eu mesmo faça isso ainda em vida, e por uma causa nobre.

Velvete
Veterano
# 29/jan/19 17:50
· votar


Lelo Mig
:(

Quanto arrecadou no leilão da sua blackstrat? Rs

Lelo Mig
Membro
# 29/jan/19 19:29 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Velvete

"Quanto arrecadou no leilão da sua blackstrat? Rs"

Pois é meu querido..... essa é a questão, me ofereceram 1.500 dólares nela, quase o dobro do que paguei nova.

Contudo, é uma conta bastante relativa. Ela, teoricamente, vale e não vale isso (era uma guitarra entre 800 e 1000 dólares, na época, aqui no Brasil).

Mas, em contrapartida, se alguém quiser comprar uma não acha, estão cada dia mais raras.

Resolvi me desfazer, por uma série de motivos, inclusive de ordem sentimental.

Tive muitas guitarras mas nenhuma com tanto apego emocional, porque esta guitarra foi a primeira "guitarra profissa" que tive, numa época em que vivia de música, superstrats eram o sonho de consumo e eu sonhava em acontecer profissionalmente. Comprei com dinheiro ganho como músico.

Toquei por muito tempo ainda, inclusive tive guitarras melhores e de valores maiores, mas esta virou um talismã.

Mas, além de eu não tocar mais, achei que precisava me livrar dessa ligação e sepultar meu "sonho de guitarrista". Tenho motivos pessoais para ter de desfazer com este passado...

Obs: O Gilmour tem em sua coleção uma igualzinha a esta que vendi. Li uma matéria sobre ela lá no Gilmourish.

makumbator
Veterano
# 29/jan/19 19:30
· votar


Lelo Mig
Obs: O Gilmour tem em sua coleção uma igualzinha a esta que vendi. Li uma matéria sobre ela lá no Gilmourish.

Então se bater o arrependimento em você basta comprar a dele! Haha!

Velvete
Veterano
# 29/jan/19 19:31 · Editado por: Velvete
· votar


Lelo Mig

Cada coisa tem o seu momento. Torço pra que volte a tocar logo, caso seja sua vontade.

Abraço

Lelo Mig
Membro
# 29/jan/19 19:34 · Editado por: Lelo Mig
· votar


makumbator

"Então se bater o arrependimento em você basta comprar a dele! Haha!"

A dele é igualzinha a que eu tinha, mas, "não sei porque", tão pedindo 5 vezes mais.

Será que é só porque ele foi o guitarristazinho de uma bandinha um pouquinho famosinha?

Snakepit
Veterano
# 30/jan/19 02:31 · Editado por: Snakepit
· votar


https://www.rollingstone.com/music/music-features/pink-floyd-david-gil mour-interview-guitar-charity-auction-779721/

Excelente entrevista do Gilmour.

Pra quem acha que ele não é apegado às guitarras errou, ele é, mas não pelas que estão sendo vendidas e nem pela Black Strat (!!!).

Ele vai ficar com cerca de 20 guitarras ainda, inclusive a "The Workmate", capa do About Face, que ele disse que não tem como se separar.

Não sabia que a Black Strat tinha ficado anos em algum Hard Rock em exposição. Ele já tinha se "livrado" dela uma vez, mas pegou de volta. Agora ela vai de vez, e ele vai usar as replicas pois as vezes não consegue nem notar a diferença. Que propaganda pra vender hein, 5.100 trumps essa guitarra.

Também não vai se aposentar. Enfim, to mais tranquilo. Acho difícil ele fazer uma turnê mundial, mas mais um album ainda tem chance.

A real é que o cara tem 140 guitarras, 120 devem ficar empilhadas sem uso. Vai vender e fazer algo legal com o dinheiro. Sou ainda mais fã do Gilmour agora.

makumbator
Veterano
# 30/jan/19 02:45 · Editado por: makumbator
· votar


Snakepit
ele é, mas não pelas que estão sendo vendidas e nem pela Black Strat (!!!)

Ou seja, ele não é assim tão apegado a essas guitarras que está vendendo (ao menos não agora), então no fundo a gente acertou no diagnóstico: Ele está vendendo também por não ser apegado a elas.

Também não vai se aposentar.

Ah vai, um dia vai. Hahah! Humor negro: o tópico de obituário do FCC está aberto o ano todo, 24 horas por dia.

Vai vender e fazer algo legal com o dinheiro. Sou ainda mais fã do Gilmour agora.

É legal mesmo.

Snakepit
Veterano
# 30/jan/19 03:09
· votar


makumbator
Ele está vendendo também por não ser apegado a elas.

Vocês deram a entender que ele não é apegado às guitarras em geral por serem instrumentos de trabalho. Mas não é isso, ele apenas não é apegado por todas 140 guitarras da coleção, apenas 20 conquistaram o mestre.

makumbator
Veterano
# 30/jan/19 03:25 · Editado por: makumbator
· votar


Snakepit
Vocês deram a entender que ele não é apegado às guitarras em geral por serem instrumentos de trabalho.

Eu não. Só falei que ele poderia não ser apegado às guitarras que estava vendendo (não sabia que era apenas parte da coleção).

Isso aqui que ele comenta casa bem com meu sentimento em relação aos meus instrumentos, é uma mistura de certo respeito por eles mas com uma boa dose de desapego (não sei como é a relação do pessoal aqui do FCC com os instrumentos):

Guitars are special in what they give you, but I’m not overly sentimental about the qualities that some people think become imbued in one particular instrument itself. The guitars that I play on a lot tend to be the ones that are closest.



Mas esse lance da black eu já tinha lido há muitos anos em uma guitar world aí da vida. Essa entrevista dele no seu link me fez lembrar disso. Ele já havia comentado sobre ela outras vezes.

Rei Arthur Pendragon
Veterano
# 30/jan/19 10:17
· votar


Black Strat deveria ficar no Louvre, perto da Monalisa. Afinal, é uma das obras de arte mais importantes da humanidade ;)

Snakepit
Veterano
# 30/jan/19 13:23
· votar


makumbator
Claro, são instrumentos de trabalho, mas nem todas ele conseguiu desapegar.

Are you selling the 1955 Fender Esquire, on the cover of About Face, that you’ve dubbed “The Workmate”?

The Workmate isn’t going. I’m afraid I couldn’t do it.

Is the Workmate your go-to guitar these days?

When I’m in the studio room, the Workmate is the one that I will often pick up or a Black Strat [replica]. I’ve got one or two of my own more recent Fender-issue Black Strats, which are brilliantly good, and I’m happy when they hop into my fingers. Sometimes I can’t even tell whether I’m playing the first original one or these other ones.


Lelo Mig
Membro
# 30/jan/19 13:39 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Ele diz, em certo ponto, mais ou menos isso:

"Eu não quero ficar muito velho com um monte de guitarras ao meu redor, sentado sem fazer nada. Francamente, muitas delas eu nem tenho tempo suficiente para tocar."

Ou seja, é exatamente a situação que imaginamos. Esta velho, tem outras prioridades.

Quanto a entrevista e etc., faz parte do negócio, do bussiness. É um leilão da Christie’s , os caras vão fazer o maior auêe, é como promover um novo álbum, vai rolar muita mídia para arrecadar o máximo possível; situação que também beneficia em muito o Gilmour.

MatheusMX
Veterano
# 30/jan/19 13:55
· votar


Lelo Mig
Quanto a entrevista e etc., faz parte do negócio, do bussiness. É um leilão da Christie’s , os caras vão fazer o maior auêe, é como promover um novo álbum, vai rolar muita mídia para arrecadar o máximo possível; situação que também beneficia em muito o Gilmour.

Verdade.
Mas nesse aspecto, de arrecadar o máximo possível, acho que ele vacilou em anunciar que irá leiloar 120 guitarras. Talvez se tivesse anunciado de 30 em 30, por exemplo, teria um controle melhor de oferta/demanda, conseguindo melhores valores. Mas talvez ele não esteja nem aí pra isso, rs.

Lelo Mig
Membro
# 30/jan/19 16:01 · Editado por: Lelo Mig
· votar


MatheusMX

Não sei cara.... não entendo muito do negócio, mas a Casa Christie´s é top no ramo de leilões, os caras sabem o que fazem.

Veja bem, o Gilmour tem muitas guitarras normais, de 1.000 dólares, mesmo sendo "ex Gilmour" são comuns, não têm valor histórico, não participaram de grandes álbuns, não estão nos vídeos... então, vão ser vendidas pelo dobro, pelo triplo no máximo, e atendem um público de fãs, que podem e vão pagar, por serem fãs e porque elas vêm com um certificado de "ex autêntica".... quando Gilmour morrer já dobram de preço no dia seguinte; mas não interessam a colecionadores profissionais.

Agora, imagine a Fender Strato Azul, a número 001? Cara, arrisco a antecipar aqui que será a guitarra com o maior preço de venda da história... se a Strat Branca do Hendrix foi vendida por 2 milhões de dólares, eu chuto 5 milhões, facinho, na "azulzinha do Gilmour".

Nem a Fender vai conseguir comprar essa guitarra, vai prá mão de colecionador/investidor.

Filippo14
Veterano
# 30/jan/19 16:07
· votar


EduJazz

Essa lespa era boooa...

Releed
Veterano
# 30/jan/19 16:44
· votar


Agora, imagine a Fender Strato Azul, a número 001? Cara, arrisco a antecipar aqui que será a guitarra com o maior preço de venda da história... se a Strat Branca do Hendrix foi vendida por 2 milhões de dólares, eu chuto 5 milhões, facinho, na "azulzinha do Gilmour".


Acho que a 001 é a branca com dourado.

MatheusMX
Veterano
# 30/jan/19 16:51
· votar


Lelo Mig
Tem isso também. Nessa coleção existem guitarras e "Guitarras".
As mais valiosas sem sombra de dúvidas são essas mais icônicas dele, e ainda tem as vintage e as custom shop exclusivas, que aliam a raridade com o fator Gilmour. Depois vem as guitarras comuns de linha.
Sobre os valores, nem faço ideia de quanto chegarão as principais. Mas a branquinha do Hendrix é um patamar bem alto ao meu ver, tenho dúvidas se ultrapassa. A blackie do Eric Clapton saiu por U$959k, talvez seja um número mais próximo.

Lelo Mig
Membro
# 30/jan/19 20:03
· votar


Releed

"Acho que a 001 é a branca com dourado."

Sim, você esta certo. Eu fiz confusão.

(é porque li em algum lugar, não sei onde, que a cor original era um verde/menta azulado e o Seymour Duncan pintou... mas nem sei se procede. Acho que fiquei com isso na cabeça).

Mas o que importa é que ela é branca com escudo dourado.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a David Gilmour anuncia que venderá todas suas guitarras, incluindo a Black Strat!