Dúvida sobre fórmula de compasso.

    Autor Mensagem
    Sir 1.0
    Membro Novato
    # fev/16


    Bom...como não achei o assunto aqui, e nem em outro lugar, vamos iniciar um então.

    Eu aprendi uma forma de ler a formula de compasso, mas um dia pesquisando na net e aprendi outra forma. Quando mostrei essa outra forma para as pessoas que me ajudaram na musica eles não concordaram dizendo ser errado isso...MAS, eu estava viajando e conversei com outros músicos e eles disseram que é certo, e que a forma que eu aprendi primeiramente era errada...

    Vamos la, vou dizer resumidamente:

    Primeira forma

    Numerador: quantas figuras
    Denominador: qual figura

    Segunda forma

    Numerador: tempos por compasso
    Denominador: figura que valera 1 tempo


    Diferenças entre as duas formas:
    A primeira forma vai ter sempre a duração dos valores fixas, ou seja, semibreve sempre vale 4 independente da formula de compasso.
    Já na segunda forma as durações mudam dependendo da fórmula, então a semibreve pode valer 4 em um 4/4, ou 2 em um 2/2......


    Venham com argumentos concretos e se possível com fontes...é como se eu fosse reunir um material para ficar mais claro sobre isso...

    Agradeço.

    makumbator
    Moderador
    # fev/16 · Editado por: makumbator
    · votar


    Sir 1.0
    A primeira forma vai ter sempre a duração dos valores fixas, ou seja, semibreve sempre vale 4 independente da formula de compasso.

    Isso é equivocado. Por exemplo, em 12/8 uma semibreve não vale as 4 pulsações "tercinadas" que o caracterizam, a figura que vale as 4 pulsações do compasso nesse caso é a semibreve pontuada. No 12/8 a colcheia (que está no denominador) não vale um tempo de pulsação do compasso, uma vez que ele é contado em 4 (afinal ele é o correpondente composto do compasso simples 4/4).


    O correto pra mim é:

    numerador; quantidade de valores (ou figuras)
    denominador: qualidade de valores (ou figuras)

    O numerador mostra quantas figuras entram no compasso e o denominador sua espécie.

    No compasso simples de 4/4 (por exemplo) temos a semínima como unidade de tempo, e a semibreve como unidade de compasso (ou seja, a figura que preenche todo o compasso em questão).

    No compasso composto de 6/8 (por exemplo) temos a semínima pontuada como unidade de tempo (que caracteriza uma pulsação) e a mínima pontuada como unidade de compasso (que o preenche completamente).

    Sir 1.0
    Membro Novato
    # fev/16
    · votar


    Eu sei isso.
    Mas o que eu quero é comprovar a mudança da duração dos valores...

    Já mostrei pro pessoal na apostila que eles mesmo têm falando que as figuras não têm duração fixa...mas não aceitam...

    Só que como música também é matemática ai não teve como...

    Eles interpretam assim:
    Denominador diz qual figura e o numerador quantas dela.
    Ai em um 2/2 teria duas minimas para preencher o compasso...porem, eles usam a duração fixa para as figuras...e completa o compasso...é como se lessem todos com o numerador 4...

    makumbator
    Moderador
    # fev/16 · Editado por: makumbator
    · votar


    Sir 1.0
    Já mostrei pro pessoal na apostila que eles mesmo têm falando que as figuras não têm duração fixa...mas não aceitam...

    Realmente as figuras não tem duração fixa, uma vez que são sempre relações fracionárias

    Ai em um 2/2 teria duas minimas para preencher o compasso...porem, eles usam a duração fixa para as figuras...e completa o compasso...é como se lessem todos com o numerador 4...

    Então o erro deles é levar em conta apenas o numerador (a quantidade) e não a qualidade (denominador). Acho curiosa essa interpretação!

    pergunta pra eles como contam um compasso de 11/8, 24/16 ou um 16/32.

    Mostre pra eles essa peça e pergunte como contam:

    http://forum.cifraclub.com.br/forum/3/314948/

    pianoid
    Veterano
    # fev/16
    · votar


    o negócio é bater o pé rs

    Ismah
    Veterano
    # fev/16
    · votar


    É... a qualidade dos professores vem decaindo... Lembrei do meu primeiro e único professor de música, lá por 2001~2 quando comecei a estudar orgão...
    O cara estava com quase 80 na época e dizia saber muito pouco sobre música, que ainda havia muito o que estudar...

    Renato F
    Veterano
    # fev/16
    · votar


    Sir 1.0
    Segunda forma

    Numerador: tempos por compasso
    Denominador: figura que valera 1 tempo


    Esta forma não funciona com compassos compostos.

    Senão, em um 12/8, teríamos:

    Numerador: tempos por compasso = 12 ????
    Denominador: figura que valerá 1 tempo = colcheia????

    Quando o certo seria:

    Numerador: tempos por compasso = 4
    Denominador: figura que valerá 1 tempo = semínima pontuada

    Diferenças entre as duas formas:
    A primeira forma vai ter sempre a duração dos valores fixas, ou seja, semibreve sempre vale 4 independente da formula de compasso.
    Já na segunda forma as durações mudam dependendo da fórmula, então a semibreve pode valer 4 em um 4/4, ou 2 em um 2/2......


    Bom, isso é divisão binária, ou seja, o que é importante pra nós e que, em qualquer forma, a semibreve sempre vai valer o dobro da mínima e assim por diante. O fato do compositor utilizar 4/4, 2/2 ou 4/2 é, na maioria das vezes, por questão estilística.

    Abraço!

    Sir 1.0
    Membro Novato
    # fev/16
    · votar


    As pessoas que me ajudaram não são professores...aprenderam sozinhos...
    E é ai que esta a desvantagem, algo pode passar batido...

    Pra piorar vejam:
    https://www.youtube.com/watch?v=PP1dXPAdXmU

    Ok...ele pode alegar que falou que dura esses tempos porque usou somente o denominador 4.

    Mas e nesse:
    https://www.youtube.com/watch?v=n1h1csyR9Po

    Dá até tristeza...

    Ismah
    Veterano
    # fev/16
    · votar


    Aceito correções, mas uma semibreve vale 4 tempos de qualquer modo, como uma mínima vale 1 tempo, e a semínima meio... E assim por diante, contanto que a unidade de um tempo seja fixada na duração de uma mínima.

    No compasso 12/8 (acho que nunca toquei isso rsrs), a figura de 1 tempo, é uma semibreve pontuada, que se divide em 3 colcheias.

    makumbator
    Moderador
    # fev/16 · Editado por: makumbator
    · votar


    Ismah

    Aceito correções, mas uma semibreve vale 4 tempos de qualquer modo

    Nem sempre. Um exemplo é o 12/8 que dei. Lá os quatro tempos estão na semibreve pontuada, e não na semibreve (que nesse caso vale dois tempos + dois terços de tempo).


    No compasso 12/8 (acho que nunca toquei isso rsrs), a figura de 1 tempo, é uma semibreve pontuada, que se divide em 3 colcheias.

    Deve ter tocado sim (mesmo sem saber), é uma fórmula de compasso extremamente comum no rock, pop e afins (acho que é a mais comum depois do 4/4). Acho que você quis dizer semínima pontuada como pulsação básica (a semibreve pontuada é na verdade o compasso completo)

    Quer um exemplo?

    Nessa música a semínima pontuada vale em torno de 40 ou 41 bpm.
    https://www.youtube.com/watch?v=w4THXeOD-Dw


    Sir 1.0
    Membro Novato
    # fev/16
    · votar


    Vlw ae galera...

    Quando entra em compasso composto ja fica um pouco mais complicado, mas é só estudar...

    Ismah
    Veterano
    # fev/16
    · votar


    makumbator

    Eu to ligado o "12 bar blues" em 12/8, mas realmente nunca peguei uma partitura de blues pra teclas... Sou muito mais do power metal com elas que do rock "crássico"... Na guitarra sim já peguei, mas ali isso não importa rsrs

    Nem sempre. Um exemplo é o 12/8 que dei. Lá os quatro tempos estão na semibreve pontuada, e não na semibreve

    Entendeu que isso se referia só aos casos onde uma mínima determina a unidade de tempo né?

    Acho que você quis dizer semínima pontuada como pulsação básica (a semibreve pontuada é na verdade o compasso completo)

    Ops erro meu... Estava pensando na janta mais que em música.

    Lendo e re-lendo, começam a voltar as coisas, fazem já 6 anos que chutei as teclas e não estudo mais isso...
    Estamos falando dos compassos compostos, 9/8, 6/8 e 12/8 entre outros, onde a unidade de tempo é uma figura pontuada.
    Invés de se partir o tempo em 2, ele se parte em 3. Tudo faz sentido agora.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Dúvida sobre fórmula de compasso.