Cês tem noção qe em breve não "poderemos" usar expressões como "que viadagem!"?

Autor Mensagem
Die Kunst der Fuge
Veterano
# mai/14 · Editado por: Die Kunst der Fuge


Cês tem noção que em breve não "poderemos" usar expressões como "que viadagem!"?

Dissertem.

Die Kunst der Fuge
Veterano
# mai/14
· votar


Post pro santo.

One More Red Nightmare
Veterano
# mai/14
· votar


venha pro RS

preferencia o interior, aqui o prazo será mais longo

One More Red Nightmare
Veterano
# mai/14
· votar


ou pra arábia saudita, sei la

sallqantay
Veterano
# mai/14
· votar


Eu me preocupo mais com o creme de leite em pratos salgados

st.efferding
Membro
# mai/14
· votar


venha pro RS

preferencia o interior, aqui o prazo será mais longo
(2)

roger that, sir

o último refúgio redneck modelo terra bananis

dibass
Veterano
# mai/14
· votar


Po, e nem piada de "preto" podemos fazer... em contra ponto nem da nada a afrodescendentaiada chamar os branquelos de branquelo azedo, macaco branco, etc...

Bons tempos em que eu chamava meus amigos de "neguin café", eles respondiam xingando minha mãe e aí tava tudo de boa...

Rednef2
Veterano
# mai/14
· votar


Seria o "politicamente correto" o "Big Brother" de George Orwell?

Simonhead
Veterano
# mai/14
· votar


Cês tem noção que em breve não "poderemos" usar expressões como "que viadagem!"?

Não, eu não sabia desse lance.

E só para constar, que viadagem isso!

Drowned Man
Veterano
# mai/14
· votar


Só viadagem nesse tópico.

Antoine Roquentin
Membro
# mai/14
· votar


minha nossa.

brunohardrocker
Veterano
# mai/14
· votar


Acho que o problema da educação brasileira se resume ao fato de as pessoas não terem tido amigos escrotos. Na minha época, você começava uma frase com um verbo que só tem duplo sentido na imaginação hormonal e virjona da quinta série ("eu vou dar", "peguei firme", "fiquei com ele ali" etc) e você tomava bullying por 6 meses pra aprender a falar de maneira escorreita, burilada e perfeccionista perto de um bando de zé-goiaba com a mesma autoridade para te julgar que o Thunderbird tem para dar aula de retórica latina.
Era um Estado-policial auto-induzido, uma vigília que permanecia nos sonhos, um esmero cuidadosíssimo em busca não apenas do bem pensar, mas também do bem expressar - a linguagem edulcorada que nenhum parnasiano jamais atingiu.
Duvido muito que hoje seria escritor se não fosse aquele bando de pereba que nunca tinha visto uma vagina tentando bancar o gostosão e com discurso mais machista do que borracharia de Fórmula Truck (mas que, na verdade, estava pouco se lixando se você era viado ou não - se alguém sonhasse em te bater por você ser MESMO viado, eles pegariam [olha aí o duplo sentido] o valentão de galera para te proteger).
Eu tenho de agradecer por ter tido amigos escrotos todo dia para saber me expressar tanto perante a diretora (para nós, na época, era uma espécie de ser onipotente, tipo o Putin ou um mestre de RPG) até com uns malacos semi-analfas que constituem o grupo indeciso e volátil eleitoralmente e também a minoria de vândalos.
É a busca pela palavra perfeita, e tudo isso art pour l'art, só pra nos sacanearmos e xingarmos o caboclo sem preocupação ética ou moral (xingávamos de filha da puta sem nos preocuparmos se a mãe do cabra vendia seu corpo por sexo - nem mesmo se estava viva -, de viado sem nos preocuparmos se ele dava a bunda, xingamento racial, envolvendo cor de cabelo, altura, densidade, pelanca e afins eram completamente permitidos e nunca ninguém estrilou nem virou discípulo de Adolf Hitler por isso). Era só saber falar sem ser zoado.
Aí hoje vem essa turma nos forçando uma hipersensibilidade de cristal, uma delicadeza de asa de borboleta, uma capacidade para se ofender que faria um judeu num campo de concentração mandar o cara tomar uns tabefes pra aprender a virar homem - e, pior de tudo, os bons conceitos, corretos e destacados da verborragia indisciplinada do dia-a-dia (que nunca era indisciplinada, se você tinha amigos toscos e espinhentos fazendo piadinha o tempo todo) se perdem, e hoje vira um manancial de termos abstratos (tudo é "social", tudo termina em "ismo" ou "fobia") homogêneo, sem distinção de valores.
Seus amigos eram carinhosos e um exemplo de tolerância e compartilhamento de emoções delicadas? Nossa, mas que bosta de amigos você teve, hein, nêgo? Os meus eram bem mais imperdoáveis que meus maiores inimigos hoje - INCRIVELMENTE MAIS, você não consegue conceber, impossível descrever. Por isso virei um escritor tão cuidadoso - virou uma segunda natureza minha, tão atrelada a mim que não posso despi-la nem em pensamento. Foi do caralho.
Se vocês tivessem tido amigos de verdade - cheios de piadas cretinas, humor porco e incorreto, intolerância ogra e te excluindo por ficar em penúltimo num campeonato de arroto - vocês escreveriam melhor, não teriam conceitos tão RIDÍCULOS pra falar de políticas públicas e nem seriam essas criaturinhas afrescalhadas capazes de se ofender com um assovio, mas tolerar um volume de assassinato superior ao da maioria das guerras em curso no mundo só porque acharam um ismo da moda para chamar de seu - e juram que, SEGUINDO a última modinha, estão sendo "críticos". Meus amigos escrotos me forçaram a ser crítico, justamente por nunca seguir modinha nenhuma.
Se você quer postar algo na internet sem ser zoado, editado, sacaneado e humilhado, você não sabe como era dizer "já dei pra ele" sem querer há menos de 15 anos.

Flavio Morgenstern

dibass
Veterano
# mai/14
· votar


brunohardrocker
compensa ler tudo isso?

Simonhead
Veterano
# mai/14
· votar


dibass

Boa a leitura. Vai nessa!

Tmusic
Veterano
# mai/14
· votar


Ainda tenho esperança que um presidente muito rígido e machista subirá ao poder supremo e aniquilará as viadagens, ops, indagações dos grupos ativistas gays.

sallqantay
Veterano
# mai/14
· votar


Não tem viadagem maior que pedir um presidente rígido e machista

Antoine Roquentin
Membro
# mai/14
· votar


Tmusic

e que tal um presidente rígido na sua cama?

JvNWay
Membro Novato
# mai/14
· votar


sallqantay
Antoine Roquentin

Suas respostas me contemplaram, ia dizer algo assim. hehe

Tmusic
Veterano
# mai/14
· votar


sallqantay
Antoine Roquentin

Ces tão ligados que eu tô sendo irônico, né?

Drowned Man
Veterano
# mai/14
· votar


Sabe o que eu acho? Que em breve estaremos em uma sociedade aos moldes da de " O Demolidor" (de 1993, com o Stallone).

Se isso é bom? Eu sei la.

Xeper
Veterano
# mai/14
· votar


Ainda tenho esperança que um muito rígido e machista subirá

Enquanto ainda pode... "que viadagem!"

landlord
Veterano
# mai/14
· votar


Prefiro que proíbam o "Cês".

Schadenfroh
Membro Novato
# 21/out/17 22:39
· votar


up

makumbator
Veterano
# 21/out/17 22:41
· votar


Tia Rute profético já em 2014.

lucas 666
Veterano
# 21/out/17 22:44
· votar


"isso é uma bichooooona"

nunca mais veremos uma piada dessas na rede bosta de televisão.

sallqantay
Veterano
# 22/out/17 06:35
· votar


censura às aspas que é bom, nada

Insufferable Bear
Membro
# 22/out/17 10:31
· votar


nunca houve um tópico mais cheio de "viadagem" que este.

MrYuriSilva
Veterano
# 22/out/17 12:20 · Editado por: MrYuriSilva
· votar


Não entendo porque o Flávio se sente tão intimidado, oprimido e censurado. Ele simplesmente tem espaço pra zuar, até xingar quem ele quiser do que ele quiser nos veículos de comunicação. O Olavo de Carvalho xinga todo mundo, julga quem gosta do que não gosta, Bolsonaro também e ele até passa dos limites de forma bem agressiva. Aliás, quem tá destruindo a piada com contexto de humor negro é justamente eles e certos extremistinhas que fazem da política um circo de piadas que não tem nada a ver com as necessidades do povo e ficam dando show de comentários infelizes.

Onde essa galera tá sendo censurada em fazer piada com "viadagem"? Esse tipo de humor tá forte ainda até na globo que tem um certo ativismo. O pânico na Band, o Ratinho, vários programas ainda estão intactos nesses tipo de humor...

O pior problema é o país se tornar uma ditadura onde a gente não pode nem discordar de qualquer pessoa que tenha a opinião diferente da nossa e isso tá bem longe de acontecer como muitos youtubers ficam propagando por aí pra fazer populismo e desesperar a população virtual como toda essa conversinha fiada de que o Brasil vai se tornar uma Coréia do Sul, só pra ganhar views e audiência. O famoso falso alarde pra desesperar todo mundo e ganhar popularidade e fama.

Black Fire
Gato OT 2011
# 22/out/17 12:24
· votar


Sei lá, ninguém pode usar a expressão "que negragem" e ninguém morre por causa disso.

Wade
Membro Novato
# 22/out/17 12:51
· votar


Piada com viado nunca teve a menor graça. Tanto faz.

Você não pode enviar mensagens, pois este tópico está fechado.
 

Tópicos relacionados a Cês tem noção qe em breve não "poderemos" usar expressões como "que viadagem!"?