Artistas são números? - A industria da música em série

Autor Mensagem
ErickDutraLemos
Veterano
# 14/set/20 22:30
· votar


Mauricio Luiz Bertola
Se a pessoa acostumou-se à comer carne podre por toda a vida, quando lhe oferecem carne bem preparada ela estranha o gosto...

Nossa isso faz muito sentido.

Ismah
Veterano
# 17/set/20 04:35
· votar


Mauricio Luiz Bertola

Sinceramente, eu lá tenho minhas dúvidas que o comunitário médio, iria para a apresentação da orquestra, abrindo mão de ir pro baile. Pode ser um pouco preconceito meu, e realmente é uma consequência direta da precariedade cultural. Agora, existe algo chamado brio. E este é que vem me questionando.

A música, como produto, precisa ser vendida. E a facilmente palatável, creio que venda mais e melhor, por ser bem mais abrangente. Como pianista, acho chato Schönberg, apesar de compreender. Acho Greg Allman (Allman Bro's Band) muito mais digesto.

O artista, vira um número pelo meu argumento inicial: não importa mais uma carreira, importa que alguém traga grana. E diria que é isso que difere as tais "produtoras", das gravadoras. Não se busca explorar mais o artista. Se abraça o que der certo, mesmo que seja tosco.

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 17/set/20 10:22
· votar


Ismah
Pode ser um pouco preconceito meu
Talvez seja.

A música, como produto, precisa ser vendida. E a facilmente palatável, creio que venda mais e melhor, por ser bem mais abrangente. Como pianista, acho chato Schönberg, apesar de compreender. Acho Greg Allman (Allman Bro's Band) muito mais digesto.
Música de qualidade precisa é ser OFERECIDA. Pois musica "vendida" (mormente atualmente), já é, vía-de-regra, de baixa qualidade (com notáveis exceções...). Allman Bros Band é de extrema qualidade comparado ao que a população tem acesso hoje em dia...

O artista, vira um número pelo meu argumento inicial: não importa mais uma carreira, importa que alguém traga grana. E diria que é isso que difere as tais "produtoras", das gravadoras. Não se busca explorar mais o artista. Se abraça o que der certo, mesmo que seja tosco
Sim, é isso mesmo. Mas "artista" não é só isso. Só aqui em Nikity City eu conheço PESSOALMENTE vários bons artistas que não estão no "mercado" - mas que, se OFERECIDOS à população, seriam ouvidos (até para o bem dessa própria população).
O MERCADO é implacável, e, se ele existisse sozinho, apenas por sua lógica - o que está se realizando nos dias de hoje - à décadas nós estaríamos na situação em nos encontramos hoje culturalmente falando...
Abç

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Artistas são números? - A industria da música em série