Dunamiz stratocaster - La Marveille Rouge

Autor Mensagem
MMI
Veterano
# jun/16


Já faz um tempo que estou devendo este review, então vamos lá! :)

Conhecendo bem o trabalho do pessoal da Dunamiz, que tenho no mais alto conceito, precisava do momento certo para acertar uma guitarra com eles. O "prato da casa" deles sempre foi ligado às Les Paul, que são fantásticas, mas sempre fui fanático por este modelo e depois de pesquisar, comprar e trocar me sinto bem servido pelas que tenho. Tinha vontade, GAS, mas mais uma boa LP para mim hoje tem pouco sentido. Acabei fechando numa strato, porque a deles sem dúvida é uma das melhores que vi na vida (atualmente é a do Guty). A oportunidade apareceu com um bloco muito bom de swamp ash bem leve e outro de jacarandá bem seco e de boa qualidade para escala. Só faltava uma boa peça de maple, que foi escolhido um flamed depois, para o braço.

A questão era que o "modelo" de strato deles era uma pré-CBS 62, de onde saíram algumas ideias, já que entre as vintage é uma guitarra bem legal. Mas não era para ser uma guitarra igual nem ser uma "reissue", simulação de guitarra antiga. Muito mais pela qualidade do que havia disponível, ela ganhou tarraxas Fender (mais modernas) e ponte Gotoh. Segundo o Fabrício as guitarras tem vontades próprias, então ela ganhou uma cor de pré-produção da Fender de 54, custom color vinda do catálogo da Cadillac, chamada de Aztec Red. Ainda assim resolvemos fazer um relic não muito forte, um pouco diferente do que o habitual, baseado em algumas pré-CBS.

Desde o início eu fazia questão que o Edu da Fullertone fizesse os captadores. A proposta era que tivesse outro som, diferente da 62 "padrão", mas com uma proposta envelhecida, alnico, mas com a personalidade e qualidade que ele costuma fazer. Optamos por um set padrão 68, só que o Edu optou por fazer o captador do braço invertido, ficando "um pouco Hendrix". Ficaram uns captadores mais fracos, diferente da 62. Ela soa mais aguda, mais cristalina e com um pouco mais dinâmica em relação à do modelo 62 que foi tomada como modelo. Muito legal por ter ficado, como na proposta, com um excelente som. Para quem tem a "pegada" strateira ela é bem responsiva, a dinâmica responde muito à palhetada. Talvez poderia dizer que a 62 é mais SRV, enquanto a Dunamiz é mais para Gilmour, com o perdão da liberdade com os mestres (coincidentemente, as datas se aproximam bastante).

A guitarra ficou pronta e ganhou uma "tag" de registro de batismo de fevereiro de 2016, feita pelo Fabricio. Acho que já a conheço um pouco... Alguns amigos e conhecidos já puderam ver e tocar nela, inclusive uns amigos daqui do fórum. A verdade é que ao se comparar a Dunamiz com a Fender 62, fica claro que são duas gigantes e bastante diferentes. As opiniões se dividem, alguns por questão de gosto mesmo preferem a Dunamiz.

Fotos.

MMI
Veterano
# jun/16 · Editado por: MMI
· votar


Só me faltava alguém me pedir algum som... kkkkkk

Bom, tem aí uma gravação dela, não sou eu tocando e não pedi autorização. Foi só um aquecimento que sobrou nas trilhas, mas serve. O guitarrista tem cadastro, se ele entrar e disser "sou eu!", então edito e dou os créditos. ;-)

Obs.: guitarra + amp Fender Twinolux + SM57 gravado num corredor reverberando alucinadamente. :)

Del-Rei
Veterano
# jun/16
· votar


MMI
Cara, você está falando daquela vermelhinha que o Guty ficou de fazer o vídeo comparando com a outra vermelhinha?

Estou curioso pra ver esse video, hehe.
O link não abre aqui. Em casa eu vejo!!
:)

Um aceno de longe!!!

MMI
Veterano
# jun/16
· votar


Del-Rei

Essa mesma!

Filippo14
Veterano
# jun/16
· votar


MMI

Boa, essa guitarra pelas fotos parece ótima, ansioso pra ver algumas coisas dela. A minha ficou pronta por esses dias, assim que der posto alguma coisa sobre tambem.

Abracao

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


MMI

Impecável!
Parabéns pela guita e valeu pelo review!

Tô muito afim de uma telecaster com som de Telecaster.
Quanto estima um valor?

Filippo14
Veterano
# jun/16
· votar


LeandroP

Cara, vi os caras recentemente, eles estao aceitando encomendas ate o fim do ano só e acho que sairia uns 5500-6500, mas é chute total baseado na strato que eu encomendei com eles ano passado

Abracao

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


Filippo14

Valeu! Infelizmente passa muito longe do meu orçamento.

Buja
Veterano
# jun/16
· votar


PQPPQPPQPPQP.....QUE GUITARRA LINDAAAA

flora_
Veterano
# jun/16
· votar


Muito bonita, cara! A textura do relic ficou bem legal, nem glossy nem grossa parecendo gesso. E essas cordas coloridas, quais são?

Hammer
Veterano
# jun/16
· votar


linda guitarra!!!!!
e nao precisei nem pedir sons :P

eu achei o som bem equilibrado e responsivo
Bela aquisicao

Luiz_RibeiroSP
Veterano
# jun/16
· votar


MMI

Guitarra nova e você já lascou a tinta!
......brinks, ficou bem legal. eu queria pegar uma stratocaster com eles, mas gosto de guitarra mais moderna estilo a Jeff Beck.
Para regular o tensor dessa guitarra precisa tira o braço?

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


Para regular o tensor dessa guitarra precisa tira o braço?

Isso que fiquei pensando.

Luis A.
Membro Novato
# jun/16
· votar


MMI

A primeira guitarra q toquei na vida foi uma Fender mexicana vermelhinha com escala em rosewood.... talvez por isso eu curto tanto strats vermelhas rsrsrsr

Linda guitarra, otimo review... parabéns!

ogner
Veterano
# jun/16
· votar


MMI
Bacana, heinnn!!

Que corda maluca é essa, vermelha??

Como ficou o braço..specs dele?!?

MMI
Veterano
# jun/16
· votar


Filippo14

Conheci a sua! :)

Gostei muito! Parabéns!

LeandroP

A alta do dólar aumentou os preços. Mas não só isso, muita gente encontrou a qualidade deles e a demanda é cada vez maior, mal estão dando conta trabalhando atualmente em 3 pessoas. A tendência deles é aumentar... Quem quiser que faça logo.

Buja

QUE GUITARRA LINDAAAA (2)

flora_

E essas cordas coloridas, quais são?

Essas cordas coloridas... São um set da DR strings que foi um presente de um amigo ligado à importadora. Se é presente, então era para colocar e ver qual era a delas, né? Eu ia fotografar com cordas normais, mas o Hammer pediu o review e eu estava sem fotos, então fotografei com elas mesmo. Esqueci de comentar, eu ia escrever e me desculpar por essa bandeira americana numa guitarra bem brasileira. :)

Hammer

Valeu! Minha dívida tá aqui! :)
Obs.: vou editar ali e deixar claro que isso aí é a guitarra + amp + SM57.

Luiz_RibeiroSP

Para regular o tensor dessa guitarra precisa tira o braço?

Sim, ela é feita nos moldes das pré-CBS, para buscar essa sonoridade e padrões. Mas se seu gosto é mais moderno, não é nada que quem vive construindo não possa fazer.

Luis A.

Quis o destino que todas minhas guitarras do tipo Fender fossem vermelhas - as stratos e a tele - sem que eu tivesse a chance de escolher a cor (não que seja uma reclamação, curto). Só meu baixo Precision que é uma custom color (que não seria minha escolha) do final da década de 70, Monaco Yellow. De toda forma, guitarra strato ou tele aqui em casa hoje em dia só tem vermelha! rs

ogner

Como ficou o braço..specs dele?!?

O braço é um "U", slab board em Brazilian Rosewood. Foi feito nos moldes da vintage, mas acabou que ficou um pouco (pouco mesmo) mais grosso. A única corruptela em relação ao molde foi que ela ganhou um radius um pouco maior, mais moderno, não é no 7.25".

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


MMI
Estou com um crise muito forte de G.A.SES.

DoisUm
Membro Novato
# jun/16
· votar


Wow, que som gostosinho. Parabéns pela guitarra.
Mas agora a pergunta que na quer calar:
Quando poderemos ouvir o som da Grizzly?

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


MMI

Um trabalho com este primor vale o quanto é cobrado. O valor se justifica. Só digo que está longe da minha capacidade financeira mesmo, no momento. Eu não tinha conhecimento desse pessoal. Excepcional.

MMI
Veterano
# jun/16
· votar


Migs Kriston

Te entendo, a tentação anda bem grande...

DoisUm

Quando poderemos ouvir o som da Grizzly?

Não tenho nenhuma gravação decente dela. Até porque ela está em processo de amadurecimento ainda, tem que "abrir o som" muito ainda. Gravação indecente já tenho alguma coisa, mas é injusto postar um som de brincadeira daqueles, dizendo que ela é aquilo. Até porque nunca coloquei um mic na frente dela ainda... Mas se a curiosidade é tanta, podemos conversar e eu posto lá. ;)

LeandroP

Eu também acho que vale, eles fazem o trabalho em outro patamar. O duro é pagar! kkkkk

Pior que eu já embarquei em outro projeto com o Cassias.

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


MMI

Outra obra de arte!
http://cassiasguitars.com.br/modelos/archtop/dark-burst

Hammer
Veterano
# jun/16
· votar


MMI
Obs.: guitarra + amp Fender Twinolux + SM57 gravado num corredor reverberando alucinadamente. :)

ficou na medida... nem muita ambiencia e tb nao ta seco....

makumbator
Veterano
# jun/16 · Editado por: makumbator
· votar


MMI

Acho que você já mostrou essa gravação antes não é? Eu lembro de já ter ouvido. Muito legal o som e a guitarra.


LeandroP

A que aparece no vídeo nessa página eu achei feia (apesar de ter adorado o som!). Esse brilho excessivo sobre essa cor ficou parecendo acabamento de violino barato de fábrica.

Mas o som (que é o que interessa) é lindo! Não sei porque até hoje não comprei uma dessas.

Calime
Veterano
# jun/16
· votar


LeandroP

Putz, que guitarra bonita!

pedropohren
Membro Novato
# jun/16
· votar


Alguém falou "guita estilo Gilmour"? :P

Cara, adorei o som dela. Achei bem macio, na real. (Talvez porque o set que eu estou acostumado tem um timbre bem mais carregado do que o desses caps :P )

pedropohren
Membro Novato
# jun/16
· votar


Quanto à estética da guita, não curto muito strato vermelha... Pintei a minha em um burst de verde mucho loco, porque era a única configuração que nunca tinha visto numa strato :v

EduJazz
Veterano
# jun/16
· votar


MMI

Maravilha, maravilha, maravilha... Desde que você comentou que faria a guitarra com eles eu sabia que sairia um petardo como esse. Meus parabéns!!

Eu, como feliz proprietário de uma Dunamiz, sei do que você fala quando menciona a qualidade extrema!

E aquele vídeo comparativo que estava sendo feito? Sai ou não?

Sub_Zero
Veterano
# jun/16 · Editado por: Sub_Zero
· votar


Parabéns pela guitarra! Muito linda e eu curti muito o som também!
Só pra contrariar eu encomendei uma strato deles com braço e escala em maple, no padrão fender 54/55, pra fazer companhia à minha outra strato de escala em jacarandá. Acredito que no próximo mês já devem começar a construí-la. Pena que eu não tenho equips de gravação.

MMI
Veterano
# jun/16
· votar


LeandroP

Esses caras colocam a luthieria em um nível acima...

Hammer

MMI mobile studio!!! hahahahahaha

makumbator

Pode ser, nem sei. kkkkkk

Calime

Putz, que guitarra bonita! \o/

pedropohren

Quem sabe algum dos amigos que testaram pintam por aqui... Mas sim, o som dela é bem macio, cristalino.

Quanto a cores... Cara, ligo bem pouco. Levo mais a sério a questão de som do que da cor, pelo menos priorizo assim.

EduJazz

E aquele vídeo comparativo que estava sendo feito? Sai ou não?

Acho que não. Penso que ficou aqui, esquecido num cantinho do HD apenas.

Sub_Zero

Acho que vai satisfazer muito. Mas faz um caseirão, liga a cam do celular e "let's rock!".

boblau
Veterano
# jun/16 · Editado por: boblau
· votar


MMI

muito legal mesmo!!!! Como estão as emoções com duas filhas pequenas e mais um para chegar???

Dá um tempo amigo.... vc vai acabar vendendo as importadas e ficando só com as nacionais...

Eu tô indo fácil neste caminho.... Nem PRS 10 Top, PRS Modern Eagle 1, Gibson R9, Fender CS David Gilmour, está me convencendo mais.... Tô vendendo tudo....

É muito talento, mesmo parecendo violino barato.... hahahaha
makumbator não briga comigo não... é que vc precisa pegar na mão. No vídeo não dá para enxergar nada.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Dunamiz stratocaster - La Marveille Rouge