Review Tanglewood Signature Series TSB 58

Autor Mensagem
GuitarHome
Veterano
# jun/16 · Editado por: GuitarHome
· votar


Falcon guitar
Cara Vintage nunca testei, pessoal fala bem. Epiphone Standard eu já testei e tenho a Tanglewood. Não vou comparar as duas, pois faz tempo que fiquei por dois dias com uma Epiphone em casa, mas tinha gostado dela. Porém gostei tanto da Tanglewood que mesmo assim cravo que não vale a pena a pena pegar a Epiphone sabendo o preço que ela custa. E também duvido muito que a Vintage seja melhor a ponto de valer mais que a Tanglewood, apesar de não ter testado.

Mas deixo minha satisfação com a Tanglewood aqui, guitarra linda e com muitos pontos positivos. Recomendo.

Abç

LeandroP
Moderador
# jun/16 · Editado por: LeandroP
· votar


Falcon guitar

Testei uma Les Paul mesmo. Mas era para destro, e por isso eu não compraria mesmo. Era mais pra saber, porque poderia pintar uma oportunidade boa, sei lá. Também não comprei no dia que testei. Mas posso te dizer que as duas estão no mesmo patamar. Talvez alguns detalhes sobre a Vintage tenha escapado da minha percepção pelo fato de eu ser canhoto e não pode explorar a tocabilidade. Em termos de timbres acho que ambas são excelentes. No caso de ter que escolher entre uma e outra pode apostar numa moeda, cara ou coroa ;)

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


E ai pessoal! Pintou a oportunidade em um rolo e peguei ela! É do modelo novo mesmo que lembra um pouco as PRS Singlecuts, mas eu achei ela muito massa! Ela veio com os caps originais dela e com um par de captadores que ele colocou (que eu estou achando que são SDs, mas vou confirmar com o Benedetti amanhã). Segue uma interpretação da Brothers in Arms usando a dita cuja. Que guitarra hein amigos? rsrs



Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


PS: Já tive a Vintage v100 do modelo antigo que tinha o mesmo shape da Gibson e eu achei a Tanglewood superior.

Falcon guitar
Membro Novato
# jun/16
· votar


Migs Kriston
A Afd Vintage é superior a v100 q é o modelo básico

Falcon guitar
Membro Novato
# jun/16
· votar


Migs Kriston
Foi uma pergunta blz, esqueci a interrogação. E quais os prós e contras dessa Tanglewood em relação a v100?

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


Falcon guitar
A Vintage AFD tem um tampo em maple enquanto a v100 tem apenas um veneer.

Achei que a Tanglewood tem mais sustain, uma pegada mais confortável, uma parte elétrica um pouco melhor, caps decentes...

GuitarHome
Veterano
# jun/16
· votar


Migs Kriston
Eu tenho o modelo antigo, que tem o shape muito próximo da Gibson. Mas esses dias vi o modelo novo na Made In Brazil e é muito bonita também. Só não gosta os mais tradicionais, ou quem busca uma guitarra com a cara de uma Les Paul clássica da Gibson.

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


GuitarHome
Eu achei ela linda! Além do mais, sinto que estou tocando com uma Les Paul de verdade. Quem me acompanha sabe que sou o mais Strateiro possível mas precisava muito de uma LP por dois motivos: estou começando a estudar Jazz e não tenho interesse algum em semi-acústicas e preciso de uma guitarra boa para bases. Essa guitarra conseguiu suprir minhas necessidades! rsrs

GuitarHome
Veterano
# jun/16
· votar


Migs Kriston
Bacana, tenho gostado muito da minha também. Guitarra que eu mais uso é super strato, humbucker, Floyd e tal. Gostei da Tanglewood por ter uma pegada bem diferente da minha Ibanez, que é uma Prestige e tem aquele braço finíssimo, que eu também gosto. Então quando pego a Tanglewood sinto tocando em uma Les Paul de verdade também, fora o timbre que gostei bastante, bem encorpado. Cap do braço com aquele timbre cremoso típico das Lespa. Show.

Abraço

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


Quem me acompanha no canal sabe que eu também gosto de super stratos com humbucker, Floyd, braço todo escalopado e etc... Mas as vezes sinto falta de um timbre de Les Paul para tocar coisas no estilo do Gary Moore, puxar a sardinha pro Jazz , Blues e etc... Agora eu preciso de uma Strato tradicional com 3 singles! rs

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


Tenho além da Les Paul Tanglewood, uma strato que transformei numa super strato HSH (com a ponte tipo tremolo, de 6 parafusos mesmo). Meu desejo no momento é ter uma telecaster com um single tipo texas na ponte e um P90 no braço.

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


LeandroP

Legal, timbre diferenciado...

Tava vendo as fotos dessa Tanglewood nova no site da Made in Brazil, realmente, nas fotos estão ridículas, mas quando você vê ao vivo você a acha bem mais bonita :)

LeandroP
Moderador
# jun/16
· votar


Migs Kriston

Quero uma tele por mais de uma razão, e uma delas é porque é fácil manter uma telecaster. O timbre também, embora pela configuração dos captadores se vê que é bem específico. Nessa guita eu só quero single coil.

Gostei do novo contorno da Tanglewood CSB, com diferenças sutis e de bom gosto. Mas por falar em gosto, ainda prefiro o contorno da Les Paul tradicional.

Migs Kriston
Membro Novato
# jun/16
· votar


LeandroP
Eu também. Mas foi essa que caiu no rolo :( rsrsrs

Deixando claro que eu estou felizaço!

Migs Kriston
Membro Novato
# jul/16
· votar




Upando o tópico por utilidade pública. :)

LeandroP
Moderador
# out/16
· votar


Ela é boa ao vivo... T! tocar com ela!

Tanglewood + Tube Screamer + Acedo 296


https://www.youtube.com/watch?v=spftjbj_-ls

Algaba
Membro Novato
# mai/17
· votar


Pararam de produzir a Tanglewood TSB 58 ??? Não há nenhuma informação no site, alguém sabe se não são mais produzidas?

LeandroP
Moderador
# mai/17
· votar


Algaba

Pelo que sei eles pararam de fabricar o modelo idêntico à Gibson e mudaram o contorno. Depois não vi mais, só instrumentos acústicos e outros modelos de guitarra. Se procura pelos primeiros modelos é só usado. Ainda tem algumas ofertas boas na Internet. A minha, por exemplo, não vendo pelo dobro do que eu paguei.

Delson
Veterano
# mai/17
· votar


LeandroP
A minha, por exemplo, não vendo pelo dobro do que eu paguei.
Somos dois então, kkk

LeandroP
Moderador
# mai/17
· votar


Delson

Fazia um tempão que eu não tocava com ela, estava usando muito a strato (que vai ser mexida novamente rsrs) e sábado passado eu toquei com ela num Bugera 6262... Paulada!

GuitarHome
Veterano
# mai/17
· votar


LeandroP
Delson

Tô com a minha firme e forte aqui também. Guitarrinha boa demais. Só as tarraxas que não seguram tão bem a afinação comigo. Mas já vi muito nego reclamar muito das tarraxas vintage que vem nas Gibson's, então tá tranquilo rsrs.

Algaba
Membro Novato
# mai/17
· votar


Tô indo buscar a minha hoje por R$900,00 com case! Preço bom demais!
Vendi minha Cort CR200 por R$1500,00 pra comprar ela.... já está sendo um bom negócio :)

Delson
Veterano
# mai/17 · Editado por: Delson
· votar


LeandroP
Me surpreende muito a tocabilidade dela pelo preço que eu paguei. Os trastes de inox deixam a guitarra uma manteiga. E passados mais de seis anos, nem sinal de uso eles têm. O braço poderia ser um pouco mais grosso, NA MINHA OPINIÃO. Mas isso não desabona em absolutamente nada o instrumento.

estava usando muito a strato (que vai ser mexida novamente rsrs)
Mal de guitarrista, kkkkk

GuitarHome
Só as tarraxas que não seguram tão bem a afinação comigo.
Já comigo é o contrário. Não volta fácil a afinação de jeito nenhum.

Algaba
Tô indo buscar a minha hoje por R$900,00 com case! Preço bom demais!
Preço excelente!

LeandroP
Moderador
# mai/17
· votar


Delson

Sensacional os trastes... Tudo nela. Eu pensei que tivesse que fazer alguma mudança, mas bicho... Até hoje só cordas mesmo rsrsrs

Algaba

Cara, se tiver tudo em ordem tu fez um puta negócio bom!

GuitarHome
Veterano
# mai/17
· votar


Delson
Eu sou um pouco cavalo tocando, talvez seja isso. Mas acho as tarraxas um pouco instáveis mesmo. Talvez trocando o nut posso conseguir melhorar um pouco, mas estou feliz com ela originalzona mesmo. Qualquer dia tiro o escudo dela por uns dias só pra não enjoar kkkkk.

Algaba
Membro Novato
# mai/17
· votar


Peguei a minha ontem, ainda com a película de plástico nos captadores e as etiquetas da Made in Brazil na guitar e case por R$900,00... tá novinha hehe.
O que posso inicialmente dizer da guitarra que é muito boa, a sensibilidade dos knobs é bem legal, o tom muda consideravelmente entre o 0 e o 10.
Eu fiquei meio encanado com o braço mais fino do que minha Cort CR200, mas ela veio com as cordas um puco mais altas (geralmente eu deixo no limite, bem baixas) mas por incrível que pareça ficou muito bom pra tocar, acho que nem vou abaixar mais a ação das cordas (por enquanto), a combinação braço fino e cordas com ação alta me agradou.
Guitarra top mesmo, agradeço a todos os comentários do FCC que me ajudaram escolher essa guitar, essa eu não vendo :)

Delson
Veterano
# mai/17
· votar


GuitarHome
Talvez trocando o nut posso conseguir melhorar um pouco
Isso sem dúvida. Na minha eu me lembro que a primeira coisa que eu fiz foi confeccionar um nut de osso. O original é realmente muito ruim.

Delson
Veterano
# 28/abr/19 18:30
· votar


Alô galera!
Upando pra informar que, depois de OITO ANOS DE PURO BLUES E ROQUENRÔU, acabei de vender minha Tanglewood.
Que o próximo dono seja tão feliz quanto eu fui.

Um minuto de silêncio para esse momento.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Review Tanglewood Signature Series TSB 58