Mesa Quadrada - Futebol e Debate - Sem Grana, Sem Time

Autor Mensagem
ju.nito
Veterano
# 28/fev/20 15:42
· votar


Palmeiras ainda pode cair, porque é refém de patrocinador

Ta sabendo legal kkkkkkkkkkkkkkk

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 16:25
· votar


entamoeba

"Para o Flamengo, não tem volta."

O Flamengo (ainda é) um time como qualquer outro. Nada impede que amanhã um outro presidente/bicheiro/populista assuma a presidência e arrombe as contas de novo.

Achar que porque o Flamengo equilibrou suas contas, pagou suas dívidas, aumentou suas receitas e vem mantendo o equilíbrio nos últimos anos ele virou um Barcelona, têm muita distância.

Estão no caminho certo, feito uma excelente gestão e, principalmente, mantendo a política na mudança de diretoria.

Mas, acho cedo para achar que não têm volta.

Quanto o Palmeiras... sem comentários. Os caras se iludem que possuem um modelo administrativo de primeiro mundo e que a italianada e a Mancha Verde pararam de mandar lá. Mas não é bem assim não.

brunohardrocker
Veterano
# 28/fev/20 17:17
· votar


entamoeba
O filhote de Globo enfim cresceu.

Atacando a imprensa?!

entamoeba
Membro Novato
# 28/fev/20 18:01
· votar


brunohardrocker
Atacando a imprensa?!

Quando eu comecei a criticar a imprensa você ainda mamava. Mas não! Não se trata de uma crítica à imprensa. Critico a ação de um grupo com muito poder econômico, que tá cagando para o esporte.


Lelo Mig
Achar que porque o Flamengo equilibrou suas contas, pagou suas dívidas, aumentou suas receitas e vem mantendo o equilíbrio nos últimos anos ele virou um Barcelona, têm muita distância.

Flamengo sempre foi um clube muito lambido pela mídia, sobretudo, pela Globo. Minimizavam o comportamento destoante dos juízes nos jogos deles (até premiaram o Wright com um empregão), promoviam jogadores medíocres a gênios da espécie, superexpunham a marca para valorizá-la, enalteciam a geração do Zico como se fosse a melhor coisa que já aconteceu no esporte etc.

Agora, a TV é 4K; um jogo tem 50 câmeras, fora os celulares do público; as estatísticas dos jogos estão acessíveis; a crítica foi democratizada; o campeonato é de pontos corridos e a internet não perdoa! Não dava mais para tocar o clube à moda antiga, mas as receitas presentes são frutos de um trabalho de 40 anos de formação de torcida e valorização da marca.


ju.nito
Ta sabendo legal

Estou sabendo pouco. Falo com base nas minhas impressões. De onde vejo, com a pouca informação que tenho, o Palmeiras não me parece tão consolidado economicamente quanto o Flamengo.

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 18:32 · Editado por: Lelo Mig
· votar


entamoeba

"40 anos de formação de torcida e valorização da marca."

Concordo em termos... explico.

O Flamengo não fez muito esforço para "formar ou consolidar" torcida. Isso foi um fenômeno, à parte, da própria expressão popular, de simpatia e identificação da galera com o clube. O Flamengo jogou muito fora, principalmente no Nordeste, mas não como estratégia de marketing para arregimentar torcedores. E sim porque nunca teve um campo decente prá chamar de seu, e sempre dependeu de estádio alheio.

A grande torcida do Flamengo, assim como a do Corinthians, se dá por uma grande identificação do povão com o clube, e não por nenhuma obra estratégica. E não concordo com "trabalho de 40 anos"... outro dia, 2012, o Flamengo tava quebrado, com uma dívida gigantesca. Foi o Bandeira de Mello que começou a botar ordem financeira na casa e as coisas começaram a entrar nos eixos em 2015, ou seja, nem 5 anos. Antes disso, bailava a mesma valsa dos seus adversários cariocas.

"Palmeiras não me parece tão consolidado economicamente quanto o Flamengo."

O Palmeiras sempre foi um clube com uma guerra política imensa e rivais poderosos brigando pelo controle do clube e usando uma torcida "manipulada" e dependente, A Mancha Verde, como exército. Quem é de Sampa, frequenta os bairros da Água Branca, Pompéia, Perdizes, Limão, Casa Verde e etc, e conhece bem o clube, sabe o que estou falando.

E há sim, uma facção expressiva, que acha bastante suspeita uma Capixaba, vascaína, que até outro dia não sabia nada de futebol, ser "tão apaixonada pelo Palestra". E gato escaldado têm medo de água fria...

Gansinho
Veterano
# 28/fev/20 19:04
· votar


Lelo Mig
uma Capixaba

A Leila não é capixaba. Ela nasceu no RJ, se eu não me engano.

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 19:07
· votar


Gansinho

"A Leila não é capixaba"

Não sei porque achei que fosse... pensei ter lido algo há algum tempo, posso ter me equivocado. Valeu!

makumbator
Veterano
# 28/fev/20 19:09
· votar


Lelo Mig
Estão no caminho certo, feito uma excelente gestão e, principalmente, mantendo a política na mudança de diretoria.

Mas, acho cedo para achar que não têm volta.


Concordo. Basta uma Patrícia Amorim para destruir boa parte do que foi feito, e o Fla voltar algumas casas (mesmo sem retornar para a época de pindaíba total, ainda seria um retrocesso de gestão).

O Flamengo não fez muito esforço para "formar ou consolidar" torcida.


Mais uma vez concordo. Não vejo nenhum plano genial e maquiavélico feito pelo Flamengo ao longo dos anos. Acho que a coisa simplesmente aconteceu sem que o clube controlasse os aspectos externos que contribuíram para seu crescimento de torcida.

Pedro_Borges
Veterano
# 28/fev/20 19:12
· votar


A grande torcida do Flamengo, assim como a do Corinthians, se dá por uma grande identificação do povão com o clube, e não por nenhuma obra estratégica. E não concordo com "trabalho de 40 anos"... outro dia, 2012, o Flamengo tava quebrado, com uma dívida gigantesca. Foi o Bandeira de Mello que começou a botar ordem financeira na casa e as coisas começaram a entrar nos eixos em 2015, ou seja, nem 5 anos. Antes disso, bailava a mesma valsa dos seus adversários cariocas.

Essa história das dívidas do Flamengo "sob controle", eu tenho cá minhas dúvidas. Os anos vão dizer.

makumbator
Veterano
# 28/fev/20 19:19
· votar


Pedro_Borges

Totalmente off-topic, mas e aí Pedro? As coisas estão melhores e entrando no eixo na sua vida? Espero que sim!

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 20:24 · Editado por: Lelo Mig
· votar


makumbator

"a coisa simplesmente aconteceu sem que o clube controlasse os aspectos externos que contribuíram para seu crescimento de torcida."

Eu, como torcedor do Santos, time sem torcida expressiva, de verdade admiro o carisma, os fatos e tudo que envolveu, seja história, oportunidade e sorte, para que clubes como Flamengo e Corinthians se tornassem paixões.

Cabe ao clube aproveitar o enorme poder que isso dá a marca e contabilizar, coisa que até outro dia eles desperdiçavam. Mano, se o Flamengo "arrancar", (no bom sentido), 1 real por mês de cada torcedor ele praticamente paga as suas contas, incluindo folha de pagamento, sem depender de mais nada. Isso é um número que clube nenhum no mundo jamais poderá sonhar em ter. A folha do Flamengo hoje é perto de 15 milhões, a torcida chega a 35 milhões de mulambos...

(tá certo que 75% não têm 1 real... tava esquecendo deste detalhe, mas tudo bem, o cara rouba um vascaíno ou tricolor e tá tudo certo....kkkkk)

entamoeba
Membro Novato
# 28/fev/20 20:26
· votar


Lelo Mig
O Flamengo não fez muito esforço para "formar ou consolidar" torcida.
E não concordo com "trabalho de 40 anos"

O trabalho de 40 ao qual me refiro é o da Globo, não o do Flamengo. Trabalho de branding!

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 20:33
· votar


entamoeba

"O trabalho de 40 ao qual me refiro é o da Globo, não o do Flamengo. Trabalho de branding!"

Não defendendo a Globo, mas analisando a real. A Globo é uma empresa capitalista que visa lucro. Em TV o lucro é diretamente ligado a audiência. Ou seja, a Globo investiu no Flamengo porque o Flamengo já tinha a maior torcida do País... em consequência, acabou ajudando a aumentar ainda mais esta audiência.

Durante os anos 50, 60, 70 e até parte dos 80, se assistia Globo Paulista em SP e Globo Carioca no Brasil todo. Então, molecada do Maranhão, por exemplo, assistia Flamengo e Vasco invés de Moto Club e Sampaio Correa. Isso enfraqueceu o futebol regional e potencializou os clubes do Rio.

makumbator
Veterano
# 28/fev/20 20:41
· votar


entamoeba
O trabalho de 40 ao qual me refiro é o da Globo, não o do Flamengo. Trabalho de branding!

Dr. Roberto Marinho era Rubro-negro fervoroso (como você deve saber). Com certeza houve uma ponta de amor de torcedor do patrão no caso, mas a Globo lucrou também com o crescimento do Flamengo, não foi caridade. Ficou bom para ambas as partes.

O Fla já era popular fora do Rio quando a Globo potencializou.

Lelo Mig
A folha do Flamengo hoje é perto de 15 milhões, a torcida chega a 35 milhões de mulambos...

A imprensa infla os números das pesquisas (para todos os times). Eles calculam o percentual de torcida em cima da população global, enquanto a pesquisa é feita em uma faixa de população (não sei as mais recentes, mas outras mais antigas era entre 12 anos e 60 e tantos). O correto seria extrapolar os valores de percentual sobre a faixa e não sobre o todo populacional. Obviamente que se fizessem isso cairia o número de milhões de todos os times (e isso não fica tão legal nas manchetes).

Então, molecada do Maranhão, por exemplo, assistia Flamengo e Vasco invés de Moto Club e Sampaio Correa. Isso enfraqueceu o futebol regional e potencializou os clubes do Rio.

E nem apenas com o Flamengo. Meu pai (que é do Maranhão) se tornou torcedor do Fluminense quando o tricolor carioca foi fazer amistosos lá em São Luís quando ele era criança.

brunohardrocker
Veterano
# 28/fev/20 21:29
· votar


um grupo com muito poder econômico, que tá cagando
O trabalho de 40 ao qual me refiro é o da Globo

Como é que a imprensa aguenta tanto ataque?!

Lelo Mig
Membro
# 28/fev/20 21:36
· votar


makumbator

"A imprensa infla os números das pesquisas"

Estava certo que a parte que você ia comentar era justamente essa:

"(tá certo que 75% não têm 1 real... tava esquecendo deste detalhe, mas tudo bem, o cara rouba um vascaíno ou tricolor e tá tudo certo....kkkkk)"

makumbator
Veterano
# 28/fev/20 22:25
· votar


Lelo Mig
"(tá certo que 75% não têm 1 real... tava esquecendo deste detalhe, mas tudo bem, o cara rouba um vascaíno ou tricolor e tá tudo certo....kkkkk)"

Vascaíno e tricolor estão aí pra serem roubados mesmo. o JJJ e o Entamoeba não me deixam mentir.

:)

Will Bejar
Veterano
# 29/fev/20 22:39
· votar


Resumo da história: Flamengo e Globo são uma bosta!

ju.nito
Veterano
# 02/mar/20 13:18
· votar


Esse sampaoli é doente mesmo hein, foi pro atletico e ainda ta pedindo reforço kkkkkkkkkkkkkkkkk

makumbator
Veterano
# 02/mar/20 14:44
· votar


ju.nito

Mas ele baixou um pouco a bola. Na primeira negociação com eles ele queria um monte coisa e mais 60 milhões de reforços. Agora diminuiu a pedida (pelo que vi agora ele "só" pede jogadores por posição específica, sem falar em valores).

Buja
Veterano
# 02/mar/20 16:21
· votar


Eu achei que o galo ia trazer o cuca.

entamoeba
Membro Novato
# 02/mar/20 17:16
· votar


E esse uniforme do Palmeiras inspirado em papel higiênico? Arrumaram patrocínio do Neve?

Jonas Kahnwald
Membro Novato
# 02/mar/20 17:20
· votar


Palmeiras ainda pode cair, porque é refém de patrocinador


O patrocínio do Palmeiras responde por cerca de 16% das nossas receitas...

renatocaster
Moderador
# 03/mar/20 14:36 · Editado por: renatocaster
· votar


Jonas Kahnwald

O patrocínio do Palmeiras responde por cerca de 16% das nossas receitas...

O Palmeiras se reestruturou financeiramente sim e isso é louvável, mas contou com a generosa contribuição do patrocinador mecenas e do ex presidente que injetou dinheiro do próprio bolso no clube. Isso fez muita diferença em um momento chave em que o clube vivia uma situação muto critica.

Conseguiu se recuperar na base do menor esforço possível, basicamente pouco trabalho de administração foi feito de forma que seja reconhecido e digno de elogios. A diretoria simplesmente soube administrar os recursos, montou bons times e obteve os resultados esportivos. O êxito está basicamente aí.

Mas, o modelo econômico do Palmeiras baseado em "doações" não se mostrou potencialmente sustentável, prova disso é a enxugada no elenco, poucas contratações e aposta em jogadores da base nesta temporada. Esse movimento indica uma clara mudança de postura em termo administrativos, inclusive é uma abordagem bastante louvável.

Jonas Kahnwald
Membro Novato
# 03/mar/20 16:06 · Editado por: Jonas Kahnwald
· votar


renatocaster
flamenguista falar de mecenas é engraçado, pq mamou na mãe globo e mama até hj, com disparidade exponencial nos atuais contratos de tv

a atual diretoria palmeirense cometeu diversos erros, mas o maior acerto foi ter peitado a globo para receber valores mais próximos de vcs e do curintia, tendo em vista nosso protagonismo recente, nada mais justo

e outra, nosso patrocinador estampa nossa camisa inteira, a adesão às faculdades do grupo explodiu e a crefisa continua dando bom lucro, portanto eles investiram com retorno proprio.
Paulo Nobre n doou nada, conseguiu um emprestimo de empresa sólida em seu proprio nome e o repassou ao Palmeiras, que já devolveu todo o dinheiro tomado

e mesmo com toda a ajuda da mamae globo, em 2018 nós tivemos mais receitas que vocês, que se n fosse a globo, daí sim, de nada adiantaria todas as reformas estruturais - muito elogiaveis - que fizeram

brunohardrocker
Veterano
# 05/mar/20 10:33
· votar


Tem um clube peruano com o nome de Binacional.

É de Puno. Não encontrei motivos para ser binacional. Afinal, não tem a nacionalidade dividida com a Bolivia.

brunohardrocker
Veterano
# 05/mar/20 10:38
· votar


Jonas Kahnwald

Querem a Globo? Conquistem torcedores. Ou seja, deem audiência.

Jonas Kahnwald
Membro Novato
# 05/mar/20 10:47 · Editado por: Jonas Kahnwald
· votar


brunohardrocker
querem mecenas? consquistem um torcedor rico e o convençam a investir no clube

apenas falo que flamenguista falar de mecenas é o cúmulo do ridículo

Lelo Mig
Membro
# 05/mar/20 11:51
· votar


brunohardrocker

"Não encontrei motivos para ser binacional. Afinal, não tem a nacionalidade dividida com a Bolivia."

Pensou na hipótese de ser um clube de nacionalistas bissexuais ?

Pedro_Borges
Veterano
# 05/mar/20 15:04
· votar


E o Ronaldinho Gaúcho, hein? Que treta.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Mesa Quadrada - Futebol e Debate - Sem Grana, Sem Time