IDH, ateísmo e cerveja stout

Autor Mensagem
Samá Samutte
Membro Novato
# fev/17 · Editado por: Samá Samutte
· votar


One More Red Nightmare

Porque você quebra as mesmas regras que o homo sapiens de 5 mil anos atrás quebrava.

One More Red Nightmare
Veterano
# fev/17
· votar


querendo a todo custo associar o ateísmo a algum tipo de decadência ou degradação

Bom, isso é uma tese dominante para uma quantidade grande de acadêmicos que escrevem sobre civilizações. Aliás, talvez dê pra dizer com segurança estatística que haja gente inteligente nesse grupo.

One More Red Nightmare
Veterano
# fev/17
· votar


Samá Samutte
Você consegue demonstrar isso?

Insufferable Bear
Membro
# fev/17
· votar


One More Red Nightmare
A demonstração fica como exercício para o leitor.

brunohardrocker
Veterano
# fev/17
· votar


Lógico que o Cristianismo não é o pai da moral.

O pai da moral é o nosso criador, aquele que nos fez de barro ou de poeira das estrelas (tanto faz, o material é o mesmo).

-Dan
Veterano
# fev/17
· votar


forçação de barra e de causalidades e o nível de confirmation bias desse tópico tá mais de 8 mil.

brunohardrocker
Veterano
# fev/17
· votar


Régua passada.

-Dan
Veterano
# fev/17
· votar


pode fechar o tópico

Samá Samutte
Membro Novato
# fev/17 · Editado por: Samá Samutte
· votar


One More Red Nightmare

Você consegue demonstrar isso?

Sim, é claro que consigo. E vale para todos os demais aqui.

- Em 2017 você, em algum momento, cobiçou a mulher/homem de outrem?
- Em 2017 você se relacionou com a mulher/homem de outrem?
- Em 2017 você mentiu alguma vez para se safar de alguma situação ou obter alguma vantagem?
- Em 2017 você teve alguma oportunidade de ajudar alguém necessitado, mas não o fez?
- Em 2017 você trapaceou alguma vez, seja na faculdade, colando em provas ou trabalhos, ou no trabalho, ou jogando cartas?
- Em 2017 você adquiriu algum produto pirata?
- Em 2017 você baixou algum arquivo protegido por direitos autorais?

Se a sua resposta para alguma dessas perguntas é um belo e sonoro sim, a sua moral é a mesma de um homem das cavernas. A diferença é que você usa a bela de uma máscara chamada hipocrisia. O seu coração é tão ruim quanto o de Ninrode, ou de um Ben-Hadade, ou de Nero, ou de Hitler.

Wade
Membro Novato
# fev/17
· votar


- Em 2017 você adquiriu algum produto pirata?

Mas há 5 mil anos o acervo do Piratebay era bem melhor que hoje.

acabaramosnicks
Membro Novato
# fev/17
· votar


Samá Samutte
Vc tá pegando pessoas que são provavelmente de buenas e colocando no mesmo saco que Ninrode, ou de Ben-Hadade, ou de Nero, ou de Hitler.
Isso é o método do saco 2.0?


Jack Holland

Em momento algum eu falei que ser ateu é decadência ou degradação.
Várias coisas podem levar a pessoa ao ateismo. Como as pessoas tendem a ir pelo caminho mais fácil como a água, acho perfeitamente natural alguém se tornar ateu por querer transar com mais de uma pessoa ao longo da vida sem ir para o inferno, por exemplo. E não acho isso degradante.

Só pra deixar um pouco mais claro o que eu disse:
De um lado, a religião antes servia como guia para evitar certos excessos prejudiciais proibindo inclusive coisas que não são prejudiciais (talvez fossem 2k anos atrás), do outro lado temos uma multidão querendo fazer muita merda achando que não tem problema.

Nesta parte eu critico a religião por nunca ter sofrido uma reforma. Depois do sublinhado eu critico os excessos do populacho ignóbil. O fato de ser cristão não implica necessariamente que vc esteja fazendo merda, o fato de vc ser ateu também não.

Wuju Wu Yi
Membro Novato
# fev/17
· votar


Perdi o gás para discutir. Some things will never change.

Samá Samutte
Membro Novato
# fev/17
· votar


acabaramosnicks

Em se tratando do assunto moral, sim, estão todos no mesmo saco. São todos sepulcros caiados.

Wuju Wu Yi
Membro Novato
# fev/17
· votar


Samá Samutte

Pessoal não entende que a diferença entre eles e Hitler é que Hitler não reprimia seus impulsos.

Mas bora, vamos incentivar a sociedade dar vazão aos impulsos o máximo possível com todas as liberdades individuais que se puder ter, de preferência sem nenhum contimento, que seria obviamente fanatismo.

acabaramosnicks
Membro Novato
# fev/17
· votar


Samá Samutte
Nossa, discordo totalmente. Se o cara comete assassinato por estar em perigo de vida é uma coisa, se comete genocídio é outra. Nos dois casos é assassinato, estão infringindo o mesmo código ético, mas ainda assim são coisas totalmente diferentes.

Pegando um caso pessoal... eu era viciado em sexo, então cometia frequentemente o ato de "cobiçar a mulher do próximo", mas não me sinto culpado por isso pois era um desvio de conduta causado por um transtorno mental, um desequilíbrio químico do corpo, não porque eu era safadinho. Se eu o fizer hoje, o delito pode ser o mesmo, mas o contexto e outro, por isso a gravidade não tem nada a ver.

É a velha história do cara que rouba um centavo é tão mal quanto o que rouba um banco. Será? Quer dizer que eu não posso entrar no carro do meu colega e pegar uma balinha sem falar nada que eu sou malvadão?

makumbator
Veterano
# fev/17
· votar


Wuju Wu Yi

Claro que Hitler reprimia seus impulsos. Ele não era um animal na selva. Tanto reprimia que fazia pacto com quem não gostava visando um benefício próprio futuro. Ele aguentava as bonecas que infestavam a SA no início e atrapalhavam a opinião pública do partido, negociava com comunas, queria mandar matar os oficiais prussianos da velha guarda mas precisava deles, etc...

Então ele reprimia muito os impulsos.

acabaramosnicks
Membro Novato
# fev/17 · Editado por: acabaramosnicks
· votar


Wuju Wu Yi
Se eu tivesse total liberdade pra fazer o que eu quisesse eu teria uma conduta muito pior do que tenho, porém, nem fodendo que eu chegaria ao ponto desses caras justamente por achar errado fazer certas coisas. Todo mundo sabe quando tá fazendo algo errado, a diferença é que tem gente que se importa mais ou menos de fazer errado, e esse meu limiar não se compara ao de pol pot.

Wuju Wu Yi
Membro Novato
# fev/17
· votar


acabaramosnicks

nem fodendo que eu chegaria ao ponto desses caras justamente por achar errado fazer certas coisas.

Moral judaica Cristã falando dentro de você.

Wade
Membro Novato
# fev/17
· votar


Deus não existe.

Wuju Wu Yi
Membro Novato
Esse post foi marcado como inapropriado mostrar
O autor recebeu uma advertência por publicar conteúdo contra as regras do fórum.

fev/17

O cabaço da sua mãe não existe.

Insufferable Bear
Membro
# fev/17 · Editado por: Insufferable Bear
· votar


A vontade de Hitler de exterminar os judeus não era um impulso, seus retardados.

Wade
Membro Novato
# fev/17
· votar


Era porque ele acreditava em Deus, obviamente.

Jack Holland
Veterano
# fev/17 · Editado por: Jack Holland
· votar


Samá Samutte
Wuju Wu Yi

Independente de vcs estarem corretos ou não, o ponto não é esse (a meu ver vcs estão puxando pra subjetividade só pra embolar a discussão).

A questão é simples, vou desenhar pra ver se fica mais fácil:

Proposição A: o cristianismo e seu conjunto de preceitos teve seus méritos em algum momento da história (não estou negando isso);

Proposição B: LOGO, a bíblia inventou toda a moralidade, é 100% verdadeira, e deus existe.

Pelo que eu entendi (me corrijam se eu estiver errado) vcs estão defendendo que A implica em B, enquanto eu defendo que não.

Samá Samutte
Membro Novato
# fev/17
· votar


acabaramosnicks

era um desvio de conduta causado por um transtorno mental, um desequilíbrio químico do corpo

Belo nome você encontrou para lascívia. Você mesmo postou em um tópico há um tempo que se olhasse uma mulher bonita na rua iria cobiça-la. Sua moral não é nem 1% melhor do que as dos imperadores romanos promíscuos que se divertiam em seus bacanais.

Samá Samutte
Membro Novato
# fev/17
· votar


Jack Holland
Pelo que eu entendi (me corrijam se eu estiver errado) vcs estão defendendo que A implica em B, enquanto eu defendo que não.

A primeira proposição deveria levar você a pelo menos meditar se B, de alguma forma, pode ser verdadeiro. Sério que não te causa nenhum tipo de curiosidade o fato de um velho Livro de 5 mil causar tantos impactos na história da humanidade, e que até hoje ainda influencia milhões de pessoas? E que esse velho Livro, por vezes, mudou a história de países? Será que não haveria nada de especial - ou sobrenatural nesse Livro - que o faz ser contemporâneo ainda hoje?

Wuju Wu Yi
Membro Novato
# fev/17 · Editado por: Wuju Wu Yi
· votar


Jack Holland

Proposição A: A bíblia demonstra conhecimento atemporal impossível para época que foi escrita.

Proposição B: Isso é extraordinário.

Conclusão: A bíblia é extraordinária.

Proposição A: Teoria-M, melhor explicação para criação do universo, afirma propriedades iniciais como onipotência, onipresência, onisciência, atemporalidade, etc... são necessárias para o surgimento do universo.

Proposição B: Deus descrito na bíblia é onipotente, onipresente, onisciente, atemporal, etc...

Conclusão: Deus descrito na bíblia possui as mesmas características descritas pela teoria-M para fazer o universo surgir.

Inferência plausível: A bíblia antecipar isto na época em que foi escrita e sem procedimentos científicos comprova que é extraordinária.

Proposição A: A bíblia diz que ela é divinamente inspirada.

Proposição B: A bíblia é extraordinária.

Conclusão: A bíblia é coerente.

Inferência plausível: A bíblia diz a verdade, e essa verdade é extraordinária.

Wuju Wu Yi
Membro Novato
# fev/17
· votar


Eu poderia fazer isso o dia inteiro.

acabaramosnicks
Membro Novato
# fev/17
· votar


Samá Samutte
Se não fosse um transtorno mental causado por desequilíbrio químico, o tratamento não precisaria de intervenção medicamentosa e se resumiria a terapia e reforma íntima. Hoje não sou mais assim. Talvez os imperadores romanos precisassem de alguém que falasse "ei, isso que vc tá fazendo é errado e te trará prejuízos" além de umas droguinhas.

O que vc tá fazendo é a mesma coisa que classificar depressão como frescura, quando tem gente que simplesmente tem deficiência na produção de certos neurotransmissores e isso pode levar à depressão.


Wuju Wu Yi
Moral judaica Cristã falando dentro de você

Não conheço a moral judaica mas acho que deve ser bem por aí hehehe
Reitero: todo mundo sabe quando tá fazendo errado. Como lidar com isso vai do seu caráter.

Maestro della Verità
Membro Novato
# fev/17
· votar


Em vez de incentivar à fé cega, a Bíblia nos aconselha a manter nossos olhos figurativos bem abertos, para não sermos enganados.

Romanos 12:1
Portanto, eu lhes suplico, irmãos, pelas compaixões de Deus, que apresentem o seu corpo como sacrifício vivo, santo e aceitável a Deus, prestando assim um serviço sagrado com a sua faculdade de raciocínio.

Se alguma pessoa diz acreditar no Deus da Bíblia, mas não parou nem mesmo 1 segundo para meditar sobre Ele, não parou para estudar a sua palavra, não procurou obter conhecimento sobre ele e saber o que deve fazer para agradá-lo, então esta pessoa possui uma fé cega.

Portanto a fé nao deve ser cega.

Jack Holland
Veterano
# fev/17
· votar


Samá Samutte
A primeira proposição deveria levar você a pelo menos meditar se B, de alguma forma, pode ser verdadeiro

É claro que pode, sempre estou aberto pra possibilidade de estar errado. Mas é aquela coisa... "alegações extraordinárias exigem provas extraordinárias". Por enquanto, não tenho nenhuma evidência nem nenhum bom motivo pra acreditar.

Enquanto isso, pratico bons valores pq é o certo e pq me faz bem. Não por interesse em uma vaga no céu ou medo do capiroto.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a IDH, ateísmo e cerveja stout