Iron Maiden, os mais repetitivos. Parte II - Killers ( 1981 ). . .

Autor Mensagem
lemingue
Veterano
# fev/08 · Editado por: lemingue
· votar


Até acho o Iron repetitivo, mas isso não significa que é ruim.

Blues e Rock básico... Geralmente com 3, 4 acordes...

Ele teve o "seu tempo". Muitas bandas e músicos "fodões" que tem por aí cresceram escutando ou se inspirando no Iron ou em coisa parecida. É a dialética musical. Nem por isso fazem ou farão o mesmo sucesso que eles. E, não raramente, não conseguem fazer algo original ou melhor.

Que chato né... o cara ser super técnico, reloginho, metralhadora, ter o vocal super agudo e etc... e nunca sair do lugar, enquanto bandas como os Beatles, Ramones, AC/DC, por exemplo, fizeram um rock simples direto e bom. Uma coisa é compor para músicos, outra é compor pra quem quer "só ouvir um som".

É só ir num bar/boate especializada em Rock, que seja frequentada majoritariamente por "não músicos", para entender o que eu tô falando. Se não for um evento temático ou coisa assim, experimenta tocar mais de 2 músicas virtuose em sequëncia, instrumentais e enormes, que o pessoal não conheça ou não "cante" (embrome) junto, enfim, que a galeta não participe. A primeira coisa a sumir da frente do palco são as mulheres, só ficam os caras que saem para secar os outros tocando, de braços cruzados ou com um copinho de cerveja na mão. E se continuar assim só fica músico no lugar... A maioria das bandas (boas) começam na noite/circuitos regionais e etc e não no "Idolos" ou coisa assim (BROS, NX0, KLB e etc). Mais uma vez, uma coisa é compor pra músico...

Só pra terminar, acho que o Iron é uma das bandas que, seguramente, faz um show com 30 músicas, todas boas e de sucesso. Digam-me o nome de 30 músicas do Malmsteen que tenham o mesmo sucesso do Iron, e que, pasmem, também não sejam repetitivas (só pra citar um cara que todo mundo idolatra, melhor técnica e etc).

Fui.

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


lemingue
Até acho o Iron repetitivo, mas isso não significa que é ruim.

Não mesmo. Só acho que é falta de criatividade...

De modo semelhante, o Metallica compor New Metal não significa que seja ruim. Só significa que não agrada algumas pessoas, tanto quanto Thrash Metal não agrada outras. E que o Metallica é capaz de compor e tem criatividade para isso...

Aimples assim...

Que chato né... o cara ser super técnico, reloginho, metralhadora, ter o vocal super agudo e etc... e nunca sair do lugar, enquanto bandas como os Beatles, Ramones, AC/DC, por exemplo, fizeram um rock simples direto e bom. Uma coisa é compor para músicos, outra é compor pra quem quer "só ouvir um som".

Também acho. Acho um porre escutar Jazz. Com toda a complexidade que eles alegam, também acabam soando todos iguais para mim ( obviamente conheço pouco e estou generalizando, não entendam este comentário como entendem o tópico )...

E se continuar assim só fica músico no lugar... A maioria das bandas (boas) começam na noite/circuitos regionais e etc e não no "Idolos" ou coisa assim (BROS, NX0, KLB e etc). Mais uma vez, uma coisa é compor pra músico...

O que também não é demérito nenhum. E existem coisas complexas e acessíveis. Acho tranquilinho um não-músico escutar os 20:42 de "Tarkus" e curtir. Acho que muita gente confunde disposição do ouvinte de escutar com a proposta do músico de fazer "música para músicos". Repare que uma coisa parte do ouvinte ( não escutar com atenção ) e outra parte do músico ( fazer música para músicos )...

E acho, sinceramente, que muitas vezes o erro parte do público que torce o nariz de cara...

Fica aí outro aviso interessante para o pessoal: Não escutar músicas mais complexas como se fossem "música para músicos". Tem que dar a oportunidade a si mesmo de escutar. Pelo menos um pouquinho...

Só pra terminar, acho que o Iron é uma das bandas que, seguramente, faz um show com 30 músicas, todas boas e de sucesso. Digam-me o nome de 30 músicas do Malmsteen que tenham o mesmo sucesso do Iron, e que, pasmem, também não sejam repetitivas (só pra citar um cara que todo mundo idolatra, melhor técnica e etc).

Fui.


Nossa, acho que não tenho paciência de escutar 30 músicas desse cara aí não. Não que eu normalmente tenha com o Iron Maiden ( sempre achei que 2, 3 músicas deles davam, e olhe lá )...

Devil Boy
Veterano
# fev/08
· votar


james_the_bronson
( vou esperar o advogado/futuro doutor trazer a definição )

Permita-me algumas correções, como bônus especial por ter me "esperado":

- Bacharéis em Direito(não apenas advogados) já são detentores do título de "doutor", mesmo sem ter obtido o grau acadêmico de doutorado. É uma prerrogativa profissional. Logo, "futuro doutor" é uma expressão equivocada, em se tratando de juristas.

- Em decorrência de qualquer advogado ser "doutor", utilizar essa palavra logo em seguida ao "advogado" configura redundância ou pleonasmo vicioso(a "repetição" por excelência), crime gravíssimo contra as leis de coerência textual que constam dos Códigos de Sintaxe da Gramática da Língua Portuguesa...

Ansião
Veterano
# fev/08
· votar


essa bobagem tem parte II ...??!!

inacreditavel...

ZXC
Veterano
# fev/08
· votar


Ansião
essa bobagem tem parte II ...??!!

E III...eheheheh

kohler1000
Veterano
# fev/08
· votar


ZXC

Você por aqui? dshuhs...

ZXC
Veterano
# fev/08
· votar


kohler1000
Você por aqui? dshuhs...

Oi meninão?

kohler1000
Veterano
# fev/08 · Editado por: kohler1000
· votar


ZXC

Tudo jóia, meninona? Não sabia que curtia um IRON =P

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


Devil Boy
Permita-me algumas correções, como bônus especial por ter me "esperado":

Não permito...

Ok, eu deixo, vai...

- Bacharéis em Direito(não apenas advogados) já são detentores do título de "doutor", mesmo sem ter obtido o grau acadêmico de doutorado. É uma prerrogativa profissional. Logo, "futuro doutor" é uma expressão equivocada, em se tratando de juristas.

Você não vai fazer doutorado???

Título de "doutor" significa???

- Em decorrência de qualquer advogado ser "doutor", utilizar essa palavra logo em seguida ao "advogado" configura redundância ou pleonasmo vicioso(a "repetição" por excelência), crime gravíssimo contra as leis de coerência textual que constam dos Códigos de Sintaxe da Gramática da Língua Portuguesa...

Eu escrevi "advogado/futuro doutor". Por que você acredita necessariamente que:

- Estou me referindo a você?
- "advogado/futuro doutor" significa "advogado e futuro doutor" e não "advogado ou futuro doutor"?

ZXC
Veterano
# fev/08
· votar


kohler1000
Tudo jóia, meninona? Não sabia que curtia um IRON =P

Não gosto do Iron Maden...gosto dos diálogos quentes.....Tô só de spectateur...... ehehehehe

Bog
Veterano
# fev/08 · Editado por: Bog
· votar


Devil Boy
Bacharéis em Direito(não apenas advogados) já são detentores do título de "doutor"

Só um acréscimo: eles são tratados por "doutor" por tradição, mas o tratamento como "doutor" não os dá o grau acadêmico de doutor. São coisas diferentes. Aliás, é daí que surge a confusão. Um Ph.D. em química tem o mesmo grau acadêmico que um Doutor em Física, mas ambos tem um grau diferente do Dr. Zé Advogado, mesmo que todos os 3 sejam chamados de "doutor". Um Bacharel em Direito tem o grau acadêmico de bacharel (não é óbvio?), e não de doutor.

makumbator
Veterano
# fev/08
· votar


Bog

Exato. Mas os "adevogados" adoram uma massagem no ego...

Devil Boy
Veterano
# fev/08 · Editado por: Devil Boy
· votar


james_the_bronson
Não permito...
Ok, eu deixo, vai...

Blerghs!

Você não vai fazer doutorado???

Vou.

Título de "doutor" significa???

"Título de doutor" significa "título de doutor". Apenas isso. Que é diferente do grau acadêmico do doutorado...

Por que você acredita necessariamente que:
- Estou me referindo a você?


Resposta 1:
Eu não "acredito necessariamente" que você se referiu a mim... Diria apenas que "acredito provavelmente", com base nas evidências que colhi:

1. Nosso papo amistoso sobre "definições & significados" de palavras;
2. A sua especulação sobre a minha formação acadêmica, que foi prontamente respondida por mim;
3. Sua fala ( vou esperar o advogado/futuro doutor trazer a definição. ) que incorpora os elementos principais das duas "evidências" anteriores.

Somando esses indícios ao meu ego narcisista ultradesenvolvido, mas é claro que eu vou entender que é comigo a parada! ahahaha. Contudo, é claro que eu não vou "acreditar necessariamente" que você se referia a mim, com base apenas nisso.

Resposta 2: No momento em que você se referiu a "advogado", qualquer membro da "classe" estaria apto e qualificado a intervir na questão, independentemente se a tua intenção era se referir a uma pessoa em específico...

Resposta 3: A Mãe Diná me contou. Ela errou?

- "advogado/futuro doutor" significa "advogado e futuro doutor" e não "advogado ou futuro doutor"?

Tanto faz. Tanto um quanto outro caso se encaixa em pleonasmo vicioso. Seria como dizer algo equivalente a "advogado/advogado" ou "doutor/doutor". Não importa o que signifique a "/(tanto "e" como "ou").

Ressaltando novamente que "futuro doutor" em se tratando de advogados, por si só já está equivocado.

Bog
Só um acréscimo: eles são tratados por "doutor" por tradição, mas o tratamento como "doutor" não os dá o grau acadêmico de doutor. São coisas diferentes.

Mas foi exatamente o que eu disse... é só ler o post. Não disse em momento algum que um bacharel detinha o grau acadêmico do doutorado(até porque seria contradição). Foi justamente o contrário... mesmo sem ter obtido o grau acadêmico de doutorado.

Apesar disso, o título de "doutor"(veja bem: título.) para bacharéis foi institucionalizado em 1825, pelo mesmo decreto(depois eu acho por aí o texto do decreto) que criava e regulamentava o primeiro curso de Direito no Brasil. E o uso perdura até hoje. Ou seja, não é mera "tradição" de matuto, mas convenção chancelada e oficializada pelo Estado.

Um Bacharel em Direito tem o grau acadêmico de bacharel (não é óbvio?)

Mas é claro que é óbvio...

makumbator
Mas os "adevogados" adoram uma massagem no ego...

Eu prefiro nas costas...

makumbator
Veterano
# fev/08
· votar


Devil Boy

Mas os "adevogados" adoram uma massagem no ego...

Eu prefiro nas costas...


Opa! Hehehe

Bog
Veterano
# fev/08
· votar


Devil Boy
Não disse em momento algum que um bacharel detinha o grau acadêmico do doutorado

E nem eu "disse que você disse". Era um acréscimo, como eu mesmo disse. Acréscimo, do verbo acrescer, significando "aumentar", "adicionar"; diferente de "refutar".

Devil Boy
Veterano
# fev/08
· votar


Bog

Beleza, cara.

Grow
Veterano
# fev/08
· votar


seria legal fazer com a legião, eheh

Bizet
Veterano
# fev/08
· votar


Ouça o álbum Best of B'Sides deles, tem umas coisas bem diferentes.
Ouvindo esse álbum, cheguei à conclusão de que Iron é realmente uma banda marqueteira até a medula (até dava pra concluir antes, com o "tênis do Eddie" e até mesmo o próprio Eddie), sabiam variar, mas preferiram usar sempre a mesma fórmula pra ganhar dinheiro. Ou talvez gostem dessa fórmula, sei lá.
Só sei que, mesmo sendo repetitivo pra caráleo, nunca enjôo, auhauhauha

james_the_bronson
Veterano
# fev/08 · Editado por: james_the_bronson
· votar


Devil Boy
Blerghs!

Argh!!!

Duh!!!

Vou.

Boa sorte!!!

"Título de doutor" significa "título de doutor". Apenas isso. Que é diferente do grau acadêmico do doutorado...

Ok...

Resposta 1:
Eu não "acredito necessariamente" que você se referiu a mim... Diria apenas que "acredito provavelmente", com base nas evidências que colhi:

1. Nosso papo amistoso sobre "definições & significados" de palavras;
2. A sua especulação sobre a minha formação acadêmica, que foi prontamente respondida por mim;
3. Sua fala ( vou esperar o advogado/futuro doutor trazer a definição. ) que incorpora os elementos principais das duas "evidências" anteriores.

Somando esses indícios ao meu ego narcisista ultradesenvolvido, mas é claro que eu vou entender que é comigo a parada! ahahaha. Contudo, é claro que eu não vou "acreditar necessariamente" que você se referia a mim, com base apenas nisso.


Você se baseia em indícios como indícios ou em indícios como provas???

Resposta 2: No momento em que você se referiu a "advogado", qualquer membro da "classe" estaria apto e qualificado a intervir na questão, independentemente se a tua intenção era se referir a uma pessoa em específico...

Eu falei "o advogado", não "um advogado". Significa que eu estou me referindo a alguém específico. Mas ainda assim não precisa ser você. Independentemente de egos e indícios...

Resposta 3: A Mãe Diná me contou. Ela errou?

Não sei, junte os indícios que sugiram que ela tenha razão e apresente aqui como prova...

Tanto faz. Tanto um quanto outro caso se encaixa em pleonasmo vicioso. Seria como dizer algo equivalente a "advogado/advogado" ou "doutor/doutor". Não importa o que signifique a "/(tanto "e" como "ou").

Não, está enganado. "Advogado ou futuro doutor" pode ser "um advogado ou outra pessoa prestes a se formar"...

E o "ou" designando uma pessoa diferente, não apenas uma condição diferente da mesma pessoa. Sacou???

Ou ainda posso me referir ao "grau acadêmico" de "doutor". Ou não???

Ressaltando novamente que "futuro doutor" em se tratando de advogados, por si só já está equivocado.

Sugestão: Procurar a definição de "doutor" que não seja referente a "mania do povão"...

Legal que você não se conforme em ser apenas doutor e esteja buscando o doutorado também!!!

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


Bizet

Hahahaha, agora que eu vi! Pô, no outro tópico você falou em duas com a seqüência, mas acho que é mais do que isso...

DeathAngel
Veterano
# fev/08
· votar


kra... ngm aki pod nega q falando de técnica e talz... eles naum xegam nem perto d Metallica e outras bandas..
mas se olharmos por outro lado issu eh o estilo deles...por issu ngm pod criticar...

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


DeathAngel

Então cara, como eu disse outras vezes: Repetir o mesmo clichê não tem lá muito a ver com estilo próprio. Dr. Sin por acaso repete algum? Mas eles têm uma sonoridade bem característica...

E como o meu outro tópico sugere: Se repetir fosse realmente sinônimo de "identidade" ou "estilo próprio", o MC Créu teria identidade apenas por repetir a palavra "créu"...

pacificpoker
Veterano
# fev/08
· votar


nossa.. se eles conseguiram virar milionarios sendo repetitivos, imagine vc que é variado ou sei lá o q... vc vai ficar bilionario rapaz


zueira... os caras podem ser repetitivos, mas o som é bom, e isso que importa... tanto que uma das minhas bandas preferidas é ACDC

TiCk_NoRrIs
Veterano
# fev/08
· votar


Tah,e onde tah a continuação?

O proximo algum do iron ou uma analizada de uma outra banda?

hein???

hehe

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


pacificpoker
zueira... os caras podem ser repetitivos, mas o som é bom, e isso que importa... tanto que uma das minhas bandas preferidas é ACDC

Acho uma ou outra legal. De resto, acaba ficando previsível demais...

Ou soando tudo como se fosse uma coisa só...

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


TiCk_NoRrIs
Tah,e onde tah a continuação?

O proximo algum do iron ou uma analizada de uma outra banda?

hein???

hehe


Pensei em fazer com algum álbum do Blaze e algum dois 3 últimos álbuns. Mas e a paciência para escutar as músicas???

TiCk_NoRrIs
Veterano
# fev/08
· votar


james_the_bronson

Acho uma ou outra legal. De resto, acaba ficando previsível demais...

Pq não faz do ACDC ..... =]

Mas e a paciência para escutar as músicas???

Eu acho que...hmm...não sei. =/


Espero ter ajudado. :]

[ / tu ]

haha

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


TiCk_NoRrIs
Pq não faz do ACDC ..... =]

Porque não vejo muita gente inventando/aumentando "fatos" sobre o AC/DC...

Porque o pessoal que gosta de AC/DC ( que eu conheço ) tem menos propensão a odiar estilos diferentes. E por causa disso são menos contraditórios. Já os de Iron Maiden normalmente criticam estilos pela simplicidade ( mas é raro admitir que Iron Maiden é simples diante de música erudita/jazz ). Ou então por ser repetitivos, aqui é que mata de vez. Porque simplicidade pode ser genial, vide Beatles, mas ser repetitivo, principal característica do Maiden ( entre simplicidade e repetitividade ), eu acho que só denota uma coisa: Falta de capacidade...

shoyoninja
Veterano
# fev/08
· votar


james_the_bronson
Falta de capacidade...

Tem toda a razão, aguardamos anciosamente uma composição de alguém capaz, como você por exemplo, para aprendermos o que é música de verdade ok?

Até lá vou estudar, escutar e tentar tocar essas musiquinhas menos trabalhadas de que gosto.

E um dia quem sabe... um dia:

Vou gostar de escutar e tocar Enter Sandman e Nothing Else Matters, confesso que isso está fora de meu alcance no momento. Deve ser muito complexo, não consigo ouvir as músicas inteiras...

james_the_bronson
Veterano
# fev/08
· votar


shoyoninja
Tem toda a razão, aguardamos anciosamente uma composição de alguém capaz, como você por exemplo, para aprendermos o que é música de verdade ok?

"Argumento" tipicamente maideniano. Todo mundo sabe que para atestar a mediocridade da banda eu não necessariamente preciso fazer melhor. Apesar que já estou trabalhando nisso. Inclusive, em 2006, fiz uma música no estilo do Iron Maiden ( não faço letra nem vocal ), foi uma das que eu compus mais rápido. Se eu tiver paciência de tirar ela na guitarra, eu posso até considerar postar ela aqui. Detalhe, hora nenhuma eu pensei em usar C-D-E, e teve gente que escutou e achou parecido com Iron Maiden...

Vou gostar de escutar e tocar Enter Sandman e Nothing Else Matters, confesso que isso está fora de meu alcance no momento. Deve ser muito complexo, não consigo ouvir as músicas inteiras...

Só não deixe de tocá-las por isso. Vai estar perdendo a oportunidade de interpretar a maior banda de Heavy Metal da História do Universo ( e eventuais Multiversos ) :] ...

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Iron Maiden, os mais repetitivos. Parte II - Killers ( 1981 ). . .