Dificuldade com o acorde C/G

Autor Mensagem
Rafa0410
Membro Novato
# 20/jan/18 03:21


Estou com dificuldade no acorde de C/G (Pestana na terceira casa)
O meu dedo 3 fica escorregando para a casa anterior.
O que fazer?

Ismah
Veterano
# 20/jan/18 03:25
· votar


Mas isso não é tocado como 335553 ?

Rafa0410
Membro Novato
# 20/jan/18 03:29 · Editado por: Rafa0410
· votar


Mas isso não é tocado como 335553 ?

Desculpa, to aprendendo a tocar violão tem um mês, não sei o que isso significa :\

Mas o acorde que digo é este

https://scontent.faru1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/26815328_1188152661320 902_1869036549429599927_n.jpg?oh=b1cdb5e9b4caec1bce2733c7791480ed&oe=5 AF5E067

Ismah
Veterano
# 20/jan/18 04:00
· votar


Não se desculpe, pois não há motivo.
São os números das casas para cada corda (do grave pro agudo, ou do bordão para as primas).
É exatamente o que tu postou na imagem.

É preciso dosar antes de tudo sua limitação física e motora.

Flexibilidade vai aumentar com o tempo e existem exercícios para isso. Teus dedos não aumentam - salvo se tu ainda está em fase de crescimento - logo é preciso re-arranjar esse acorde para um outro formato.
Por exemplo 332010, que nada mais é que o C tradicional, mas o dedo 4 aperta a corda E na casa 3, e o dedo 5 aperta a corda A (antes apertada pelo dedo 4) na casa 3.

A questão motora também melhora com o tempo, é conhecido que quanto mais nos exercitamos em alguma, mais o cérebro cria conexões para esse movimento ser ainda mais natural.

Não conseguir hoje, não impede de tu treinar essa posição...!
Habitualmente coloco a data, quando eu tiro uma música - leia-se escrevo-a no meu caderno de cifras e tablaturas. Tem músicas, que já fazem anos que eu tirei, e ainda não consigo executar plenamente algumas passagens, o que não me impede de continuar tentando. ;)

metal_ofender
Membro Novato
# 20/jan/18 07:32 · Editado por: metal_ofender
· votar


A memoria de tocar o acorde conta mais do que a dificuldade em executar.

Eu lembro que eu conseguia fazer vários acordes difícil, mas quando vinha um que eu nunca tinha feito antes, mesmo ele sendo feito com apenas 2 dedos, eu sentia uma tremenda dificuldade.
Um amigo que toca só MPB acha extremamente difícil fazer Power Chords (acordes simples que utilizam 2 dedos), pelo fato dele nunca tocar esses acordes. Já acordes "aranha" ele faz facilmente.

O que eu quero dizer é, tente, toque, que uma hora ele fica fácil.

Rafa0410
Membro Novato
# 20/jan/18 12:26
· votar


existem exercícios para isso

Quais exercícios?

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/18 17:00
· votar


Rafa0410

Já que você disse que é novato apenas uma informação para agregar conhecimento (caso voce não saiba).

Este acorde é uma formação de C (Dó maior), se você toca o bordão da quinta corda. C/G se você usa o bordão da sexta corda.

Ismah
Veterano
# 21/jan/18 03:55
· votar


Rafa0410

Existem diversos internet a fora, basta pesquisar. Começando pelo clássico 1234 e suas infinitas variações possíveis.
No entanto, nada que eu disser aqui, ou qualquer pessoa disser, vai substituir um professor que te veja tocando, e veja onde está tendo erros e/ou dificuldade e possa adequar o exercício a isso.

Synth-Men
Veterano
# 21/jan/18 08:30 · Editado por: Synth-Men
· votar


Além do 1234, 1324 e todas as suas variações já citado é importante praticar o CAGED. Para o ato de desenvolver a prática é costume das posições dos acordes o CAGED é totalmente útil.

JoeCruzGuitar
Veterano
# 21/jan/18 13:17
· votar


Continue praticando, só isso.

makumbator
Veterano
# 21/jan/18 13:49
· votar


Rafa0410
Quais exercícios?

Um exercício bom (mas bastante básico e até óbvio) é estudar as trocas de acordes entre o que você tem dificuldade com outro com que já está acostumado. Pratique as trocas tanto indo para o acorde problemático quanto saindo dele para ir para outro com que esteja confortável.

Ismah
Veterano
# 21/jan/18 21:33
· votar


Synth-Men

EU acho meio precipitado forçar ele ao CAGED, quando ainda tem dificuldade nas passagens de acordes. Não que ele não possa praticar, mas é preciso conhecimento prévio de mais coisas que só posição dos acordes...

É uma assunto que EU colocaria só mais pra frente... Já para introduzir acordes incompletos...

Lelo Mig
Membro
# 21/jan/18 22:58
· votar


Ismah

Concordo. Até porque as pestanas na forma A são dificeis mesmo para um principiante.

Não tem milagre, demora pra se fazer sem desconforto e com sonoridade agradável.

Adler3x3
Veterano
# 21/jan/18 23:05 · Editado por: Adler3x3
· votar


erro, post duplo

Adler3x3
Veterano
# 21/jan/18 23:30 · Editado por: Adler3x3
· votar


Uma dica é a seguinte, difícil de exemplificar com palavras, isto só um professor pode ensinar presencialmente.
Mas vou tentar explicar.

Talvez observando alguns tutoriais da internet que contenham os acordes que você vai usar, conforme o vídeo pode analisar como o músico fez para montar o novo acorde.
Agora principalmente as pestanas só se ganha confiança e segurança com a prática.

Mas quando vai se sair de um acorde para o outro tem que pensar e executar sempre o menor caminho e nos movimentos dos dedos, aí fica mais fácil montar a nova posição.
Conforme a posição as vezes até alguns dedos não mudam de lugar.

Agora é bom diferenciar as dificuldades, acordes que você não domina, tem que aprender a dominar fazendo exercícios.
Tem que respeitar as suas limitações.

E músicas que você quer ter o prazer de tocar, tem que ter o arranjo mais simples, com os acordes que você já sabe tocar bem, e aos poucos a medida que domina mais acordes, vai se caprichando mais o arranjo e a música soa até melhor.

LeandroP
Moderador
# 22/jan/18 02:33 · Editado por: LeandroP
· votar


Ismah
É uma assunto que EU colocaria só mais pra frente... Já para introduzir acordes incompletos...

E o que seriam "acordes incompletos"?

Ismah
Veterano
# 22/jan/18 04:08
· votar


Um erro proposital, para facilitar o aluno entender que a intensão continua sendo a mesma.

Também é uma música do Backstreet Boys. rs

Buja
Veterano
# 22/jan/18 10:39
· votar


Ismah
EU acho meio precipitado forçar ele ao CAGED, quando ainda tem dificuldade nas passagens de acordes.

Todo mundo quando aprende pestanas aprende sem saber dois desses shapes de CAGED, o de E e o de A e Am, claro.
Talvez junto aprende tambem o de C. Mas eu aprendi depois de um bom tempo e só hoje uso o de C com mais frequencia. Hoje prefiro fazer um F no shape de C do que no de E.

Mais realmente é meio precipitado alguem que custa trocar acordes abertos, forçar a fazer uma pestana no shape de G ou D. Eu mesmo me enrolo demais.

Buja
Veterano
# 22/jan/18 10:40
· votar


A proposito, sempre usei C/G assim


e----0-------------------------------------------------
B----1-------------------------------------------------
G----0-------------------------------------------------
D----2-------------------------------------------------
A----3-------------------------------------------------
E----3-------------------------------------------------


Abertão assim mesmo.

harlero rock
Membro Novato
# 22/jan/18 11:03
· votar


Tem músicas, que já fazem anos que eu tirei, e ainda não consigo executar plenamente algumas passagens, o que não me impede de continuar tentando. ;)

eu tbm!

Lelo Mig
Membro
# 22/jan/18 11:39 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Buja

"Abertão assim mesmo."

Eu também.

Tenho um estilo que me "segue" há muitas décadas, sempre tendo a fazer acordes com o minimo de dedos possiveis e o maior numero de cordas soltas possiveis.

Não pela facilidade, mas pela sonoridade.

Eddie Van Hallen
Veterano
# 22/jan/18 11:45
· votar


Rafa0410
Muda a posição do acorde.
Faça o C com pestana, no desenho de lá, e pega o baixo em sol na sexta corda.
Se não souber o que é desenho de lá pode ver este video que explica bem detalhadamente como mudar a posição dos acordes:



Buja
Veterano
# 22/jan/18 12:25
· votar


Lelo Mig
Não pela facilidade, mas pela sonoridade.

Com delay ou chorus fica lindo ne!
E tambem pelo dedilhado.

Simplesmente nao vejo muito sentido fazer um C com G no baixo tocando strumming...quase nao se nota essa nota G no baixo.
Geralmente quem faz essas "baixarias", busca uma harmonia mais elaborada, cordas soltas, timbre com modulacoes...

Wade
Membro Novato
# 22/jan/18 12:52 · Editado por: Wade
· votar


Faz assim:

e----0-------------------------------------------------
B----1-------------------------------------------------
G----0-------------------------------------------------
D----2-------------------------------------------------
A----3-------------------------------------------------
E----3-------------------------------------------------



Bem mais fácil.

LeandroP
Moderador
# 22/jan/18 14:50
· votar


O que facilitou a minha vida no começo em relação às pestanas foi a forma de praticar os acordes sem a pestana.

Faça de conta que você não tem o dedo indicador, e pratique os acordes nos shapes (desenhos) tradicionais das primeiras casas. Toque os acordes C, A, G, E e D sem usar o indicador. Você só pode usar os dedos médio, anelar e o mindinho. O dedo indicador vai ficar sobrando, mas é apenas por enquanto.


C A G E D
e----0----0----3----0----2----
B----1----2----0----0----3----
G----0----2----0----1----2----
D----2----2----0----2----0----
A----3----0----2----2---------
E--------------3----0---------


E com o dedo indicador sobrando, você exercita os demais dedos nas posições que eles acabarão tomando quando for executar de fato um acorde com pestana. Esses dedos devem segurar as cordas com mais firmeza, facilitando o descanso do dedo indicador na pestana. Sem dificuldades pra tocar um C com pestana na 3a casa, ou mesmo qualquer outro acorde, por exemplo, no shape de G no CAGED (que é o shape mais chato de executar).

Ismah
Veterano
# 23/jan/18 03:59
· votar


Lelo Mig
Buja

Justamente por isso eu considero ser material introdutório para "acordes incompletos" (tá bom assim LeandroP? rsrs)...


EU pessoalmente não gosto da sonoridade do shape de C, acho que ele tem muitas terças que criam uma tensão a mais. Pode ser impressão, mas me parece que isso trás uma sonoridade mais "U.S. country"...
Prefiro C9 = (3)30 010 e G9 = 300 033, G(9) = 300 003, ou ainda G9 = 300575. Tenho usado algumas vezes G7 = 300 005,

Não vejo uso pro CAGED limitado como normalmente são apresentados nas vídeo-aulas...


Dm(9) B5 A Em G C(7) B
e--5----x------------7----7----7-----------(8)---7--------
B--5----0------------10---8----8------------5----7--------
G--5----4------------9----9----7------------5----4--------
D--x----4------------7----9----9------------5----4--------
A--5----6------------7----7----x------------7---(4)-------
E--5----7------------x----7---(7)-----------x----7--------


Mais uma vez fica de sugestão o site

www.scales-chords.com
www.scales-chords.com/chordid.php

LeandroP
Moderador
# 23/jan/18 09:57 · Editado por: LeandroP
· votar


 
Arpejando um acorde incompleto:

e------------------x------------------------------------
B---------------x---------------------------------------
G------------x------------------------------------------
D---------x---------------------------------------------
A------x------------------------------------------------
E---x---------------------------------------------------


°;°

metal_ofender
Membro Novato
# 23/jan/18 10:18 · Editado por: metal_ofender
· votar


Uma pergunta, vcs conseguem ver tanta diferença de um C para um C/G numa música que é apenas batida. sem dedilhado? Por mais que a pessoa ainda foque no baixo, eu não consigo sentir tanta assim, ainda mais se tratando de violão.

A música Mother do Pink Floyd é um exemplo disso.

renatocaster
Moderador
# 23/jan/18 11:30
· votar


metal_ofender

Uma pergunta, vcs conseguem ver tanta diferença de um C para um C/G numa música que é apenas batida.

O acorde invertido é geralmente usado como um acorde de "passagem", que prepara para um outro acorde seguinte que vai "concluir" uma determinada cadência/progressão harmônica. Então, se for só acorde "batido", não vai dar tanta diferença se tocar um C ou um C/G.

Então, depende da intenção que vc quer dar na música. O caso mais comum é quando se tem uma melodia mais voltada para a linha de baixo, que dá aquela sensação melódica de "subida" ou de "descida". Então, o acorde com baixo invertido funciona perfeitamente.

renatocaster
Moderador
# 23/jan/18 11:32
· votar


LeandroP

Arpejando um acorde incompleto:

Esse é o arpejo incompleto quando vc tá vindo de "Ré sem Dó"?

( ͡° ͜ʖ ͡°)

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Dificuldade com o acorde C/G