Para quem começõu depois dos 30

    Autor Mensagem
    kinsler
    Veterano
    # out/07


    Olá!

    Gostaria de saber quem daquí tem menos de 3 anos de estudo de violão, tem mais de 30, trabalha o dia todo, estuda, tem filhos, e mesmo assim insiste em tentar aprender o instrumento!

    Quanto tempo está estudando?
    Qual é sua experiência a respeito?
    Tem sentido um bom avanço?
    Como avalia se desempenho?

    Valeu!

    ((((o))))
    kinsler

    ABATANGERINA
    Veterano
    # out/07
    · votar


    kinsler
    cara, tenho 33 e toco violão há 15 anos. de 01 anos e meio para cá to insistindo em aprender baixo e minha situação pessoal é bem parecida que a sua. é claro q com responsabilidades e tempo escasso, a gente demora + a aprender. o q tenho feito e têm dado certo, é ser BEM disciplinado, realista e paciente. não adianta ter expectativas muito altas a curto prazo, e nem querer gastar muito tempo, pq quando temos responsabilidades num dá pra manter esse ritmo. ou seja, pouco tempo por dia e sempre é melhor. tenho avançado bastante no estudo do contra-baixo assim.

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    ABATANGERINA
    Valeu Cara! Eu sou 34 velho... rsrs, Já iniciei ha uns 3 anos, parei um tempo e agora voltei com gana... espero continuar assim.

    luiz_sjrp
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Se ajudar:
    Tenho 37, mas toco desde os 9 anos, já parei várias vezes, mas é impossível viver longe da música.

    jimmy vandrake
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Veja neste tópico a lista da veiarada do FCC.

    http://forum.cifraclub.com.br/forum/9/165282/

    Simonetti
    Veterano
    # out/07 · Editado por: Simonetti
    · votar


    kinsler
    Gostaria de saber quem daquí tem menos de 3 anos de estudo de violão, tem mais de 30, trabalha o dia todo, estuda, tem filhos, e mesmo assim insiste em tentar aprender o instrumento!

    Tá falando de mim! Tenho 32 (faço 33 amanhã, dia 2/10!).

    Estou estudando violão há 2 meses. Trabalho o dia todo como analista de sistemas, sou casado e tenho 1 filhinha de 4 anos, que também estou iniciando na música.

    Eu já tentei aprender música aos 8 anos, depois aos 14. Não consegui. Agora estou tentando de novo. Vamos ver no que dá. Desta vez estou tendo melhor sucesso que antes.

    Para piorar a coisa (no quesito tempo apena$), também trabalho como consultor autonomo, o que acaba me tomando o pouco tempo que me resta livre.

    luiz_sjrp
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Simonetti

    Parabéns antecipado....

    Simonetti
    Veterano
    # out/07
    · votar


    luiz_sjrp

    Obrigado, Luiz!

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Simonetti
    Parabéns Cara!
    Legal! meu filho tem 3 anos completos agora final de setembro!
    meu tempo também é pouco, porém vamos achando um tempinho aqui, outro alí e assimm vamos né.... valeu!

    luiz_sjrp
    é impossível viver longe da música.
    ... concordo em gênero e grau!

    Valeu!

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Simonetti
    oopsss: hoje é o dia né!!! reforço meus Parabéns a você!
    abraço!

    Simonetti
    Veterano
    # out/07
    · votar


    kinsler

    Valeu, meu amigo!

    Minha filha vai ganhar, de dia das crianças, um tecladinho da Casio, que será seu primeiro instrumento musical!

    Acho importante que ela aprenda música deste cedo. Assim ela não passa pelas mesmas frustrações que o pai está passando - agora aos 33 - para aprender música depois de velho.

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Simonetti

    Excelente!!!! Vou fazer o mesmo com meu filho! Valeu pela idéia!
    Eu tento tornar minha casa um ambiente bem musical. Tenho todos os cds do Palávra Cantada e sempre coloco para ele ouvir, e tiro algumas no violão também... Ele as vezes reclama se eu fico tocando muito porque ele quer minha atenção para ele e quer que eu brinque com ele e tal...

    abraços e vamos manter o contato (fgferraz@ig.com.br)

    ((((o))))
    kinsler

    Simonetti
    Veterano
    # out/07
    · votar


    kinsler
    Ele as vezes reclama se eu fico tocando muito porque ele quer minha atenção para ele e quer que eu brinque com ele e tal...

    Hahahaha!!! É assim mesmo! Minha filha fica olhando eu estudar violão, achando a coisa mais mágica do mundo! Aí ela pega a flauta doce dela (aquelas de 5 reais!) e fica tocando junto. Claro que não sai som nenhum que presta, mas eu não falo isto para ela!

    Tem que estimular, kinsler. O estudo da música desenvolve partes do cérebro, da criatividade, da coordenação motora que nenhuma outra atividade desenvolve tão bem. Mesmo que ela não seja música no futuro, estes benefícios aparecerão de outras formas.

    Tem um Songbook da Disney, com as músicas-tema dos filmes, com partituras de 1 nota (2 no máximo), que criança consegue tocar desde cedo. Tem ele para download no eMule (PDF). Não acha para comprar no BR, infelizmente.

    Patys
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Quanto tempo está estudando?
    Qual é sua experiência a respeito?
    Tem sentido um bom avanço?
    Como avalia se desempenho?


    bah

    nao tenho a mesma idade que vc sou mais nova... toca a bem menos tempo...
    e acho meu desempenho bom embora nao tenha treinado muito..

    tenho um amigo que ele tem 30 anos começo nao faz muito tempo.
    mas todo tempo livre que ele tem ele se dedica.. assim como vc ele trab tem filhos e tals..
    acho que vc só nao pode ter pressar de aprender pq isso atrab fora isso.. nunca se é tarde pr aprender..
    o importante vc ja tem que é a força de vontade, agora só vc se organizar reserlva um horario nem que seja na sua hora de almoço pr ir treinando um pouquinho.

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Patys
    É isso aí! Como você disse - o importante é a força de vontade!
    E tem que ter motivação também. As vezes me ocorre de não estar pensando em tocar o intrumento num determinado momento... passo por ele e pego, começo a tocar - sem compromisso a princípio - só brincando, e derrepente tô fisgado!!!! aí pra parar é fd!!! hehehe

    Abraço e veleu pela 'strength'!
    ((((o))))
    kinsler

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Simonetti
    Legal cara. Vou considerar as partituras para um foturo estudo dele...

    Patys
    Veterano
    # out/07
    · votar


    kinsler
    É isso aí! Como você disse - o importante é a força de vontade!

    exatamente.. enquanto vc tiver força de vontade.. vc vai longe.

    E tem que ter motivação também. As vezes me ocorre de não estar pensando em tocar o intrumento num determinado momento... passo por ele e pego, começo a tocar - sem compromisso a princípio - só brincando, e derrepente tô fisgado!!!! aí pra parar é fd!!! hehehe

    isso acontece comigo tbem.. e acho que acontece com varias pessoas..

    Abraço e veleu pela 'strength'!
    ((((o))))
    kinsler


    imagina
    nao tem de que

    =*

    Fernando de almeida
    Veterano
    # out/07
    · votar


    kinsler
    Kara, o jimmt vandrake que parace ser o Matusalem do fórum (42 anos) toca guitarra em duas bandas ...

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Fernando de almeida
    Bom! 42 anos e no pique total!
    É isso aí! Será que ele já toca desde novo?
    ((((o))))
    kinsler

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    E por falar em veterano (eu na verdade só sou veterano no FCC de violão porque na prática mesmo sou bem iniciante... hehehe) alguém se lembra do Balbino Junior??? Que fim teve este figura???

    Leo-RJ
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Também tenho 31, trabalho o dia inteiro etc etc.

    Já tocava teclado e comecei a aprender violao há coisa de 5 meses. Tenho aulas aos sábados de manhã e treino, além dos finais de semana, nos dias de semana à noite. E até por isso meu sonho é aquele violão Yamaha Silent (que pode conectar um fone de ouvido diretamente no bicho) o que não me fará acordar a vizinhança.

    Não tem como, com esta falta de tempo, aprender muito rápido como esta molecada que tem bastante tempo disponível, mas mesmo assim, vale a pena isso, porque gosto bastante.

    Abraços!

    Carlos Rodrigues
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Tenho 38, tocava (muito pouca coisa) entre os 16 e os 20. Agora retornei faz 3 semanas, tenho pouco tempo e muita paciência. O professor tá achando que suprei as espectativas. Agora não paro mais.

    luiz_sjrp
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Carlos Rodrigues

    Seja bem vindo ao fórum, e seja Re-bem vindo a música.
    Abraço.

    Fox_scc
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Aprendi a tocar violão aos 16 anos, mas fui autodidata, e parei aos 20, só tocava por cifras.

    Hoje aos 40 anos, resolvi que ia morrer guitarrista, e estou estudando com professor e tudo a 1 ano, já estou até lendo partituras, mas ainda preciso estudar mais uns 5 anos até me considerar um guitarrista medíocre, e tenho certeza que chegarei lá.

    luiz_sjrp
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Fox_scc

    Humildade você já tem, e é muito decidido, acredito que chega lá.
    Cuidado para não morrer eletrocutado com a guitarra na mão..... hahahahaha (brincadeira).

    kiki
    Moderador
    # out/07
    · votar


    kinsler
    bonito tópico!
    ainda não cheguei nos trinta (se bem que mais uns anos...) por isso não postei nada ainda. mas gostei da discussão que tá rolando.

    eu comecei num tempo razoavel, no meio da adolescencia, mas espero chegar na minha maturidade com o mesmo pique. como disse nosso amigo Fox_scc, morrer músico!

    eu gosto muito de musicas infantis. alem do palavra cantada, gosto do rumo e do ziskind (tudo farinha do mesmo saco), além dos classicos arca de noé e saltimbancos.
    não tenho filho, mas tenho um irmão temporão de 8 anos. ele já adora musica, e agora vidrou em beatles. eu acho ótimo, já pega gosto desde cedo. um a menos pra começar depois dos trinta!

    Simonetti
    parabéns atrasado!

    Patys
    somos a criançada deste topico!

    força a todos! dou o maior apoio pros que tão (re)começando!

    kinsler
    Veterano
    # out/07
    · votar


    Carlos Rodrigues
    Excelente!
    Cara! acho que eu também tive uma experiência parecida. Quando eu ara aborrecente dava umas arranhadas no violão mas nunca levava a sério... Tive o reencontro ha uns 3 anos e poucos, uma curta separação e um recente retorno triunfante em fev deste ano. Não paro mais também!!!

    Fox_scc
    Meus sinceros parabéns! Eu estou fazendo aulas, e por um tempo tentei levar algumas partituras para casa e levar a séio, mas o danado do tempo me empacava legal... Por isso hoje pego de leve, partitura mesmo somente uma ou outra harmonia de alguma música, para ajudar o canto, introcução etc.... do mais é cifra, tablatura, treino, suor e curtição!

    kiki
    Legal kiki! Eu não conheço este 'ziskind'. São os mesmos integrantes do Palavra? Sandra Perez e do Paulo Tatit... Meu filho de 3 anos gosta muito de música também... Eu acabei não comprando o teclado pra ele no dia das criânças... vou procurar!

    -+-+-+-+-+-+-+-+


    soneto de morrer música

    notas navegam submerso
    eu a mim carrego-ego
    e esparço no espaço
    levo tudo comigo cego

    a força desta (de)composição
    lógica sublime lume sonoro
    emerge deste som-ação
    e eu só -pausa- imploro

    nesta harmonia ante-andante
    e antes e sempre e agora
    neste instante daqui adiante

    um tom navalha que me corte
    rítmo agudo que me sobra
    o rumo que me dê o norte


    -+-+-+-+-+-+-+-+


    ((((o))))
    kinsler

    PurpleRod
    Membro Novato
    # 20/nov/18 15:35
    · votar


    Bom cara to começando a estudar guitarra agora,com 18 ja acho que demorei muito pra começar,Porem creio que com esforço e trabalho duro,vou conseguir meu maior objetivo que é tirar as músicas das minhas bandas favoritas.

    lamas92
    Membro Novato
    # 27/nov/18 15:21
    · votar


    PurpleRod

    Não sou mais criança, tenho 47. Tenho família pra cuidar, emprego, cachorro pra me escravizar e tudo o mais que a vida moderna nos impõe. Não tô reclamando, isso é só pra dizer que o tempo vai deixando de ser inteiramente nosso...

    Não sabia tocar violão, um sonho antigo. Dois anos atrás resolvi sair da inércia. Comprei um violão (depois de muita pesquisa, inclusive aqui) e me inscrevi na Villa Lobos. Lá é mais clássico e vi que não era exatamente isso o que eu queria... Mas foi muito bom principalmente pela teoria, que é uma coisa que vai fazer falta em algum momento. O que era uma língua totalmente desconhecida, já ficou mais amigável e finalmente passei a entender as coisas... Antes, era zero. Mesmo, acredite.

    Comprei também uma guitarra (com todo o seu aparato) pra brincar e vou te dizer, tô gostando demais!

    Saí da VL e fui para a aula particular perto de casa. Aprendi outras coisas, um outro jeito da música, o jeito que eu queria.
    Sei que não serei músico profissional, o que quero é distrair a mente.

    No começo de tudo foi foda. Pegava o violão e não sabia os acordes, não conseguia trocar os dedos em tal casa, os dedões de banana esbarravam em tudo e ainda tinha o trágico caso da pestana assassina...
    Mas... devagarinho a gente vai pegando o jeito, vai ganhando gosto e as coisas estão crescendo. Não é o ritmo de um jovem que chega da escola, encontra o prato de comida pronto e vai pro quarto tocar a tarde toda numa boa...

    Não, não é assim. A evolução é mais lenta, no meu tempo. Já avisei logo ao professor o que queria, que não queria cobranças... Mas o legal é que eu sinto que evoluí muito. Já aprendi notas, acordes (não sei tudo, mas sei beeeeem mais do que sabia - nada), a pestana finalmente sai (devagar, mas sai limpa - na maioria dos casos...) e por aí vai.

    Minha mulher fica me sacaneando e cobrando quando é que eu vou aprender a tocar direito... Bom... Tô tentando, carai!!! Eu já sei tocar 100% mais do que eu sabia e 100% mais do que ela!
    (Bom, não dá pra responder exaaaaatamente assim porque a felicidade não vai rolar mais tarde... mas é "tipo" isso)

    A evolução é mais lenta, sim, mas na mesma medida do seu esforço. Mas tem a felicidade... ô coisa boa tocar uma musiquinha sem ninguém ver o mico.
    Se vale ou valeu à pena?
    Muito. Consegui fazer, depois de quase meio século, o que sonhava em fazer quando ainda jovem.

    Antes tarde do que mais tarde.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Para quem começõu depois dos 30