Postura de power chord (dúvida)

    Autor Mensagem
    Khamkill
    Veterano
    # jul/12


    Fala galera, beleza?

    Eu já toco guitarra uns 2, 3 anos, porém nunca tive aulas. E um problema me assombra na guitarra: o meu power chord é muito estranho.

    Pra ser mais específico, aqui estão algumas fotos:

    O meu Power chord
    [IMG]http://img825.imageshack.us/img825/9827/foto0073c.jpg[/IMG]

    Um power chord normal:
    [IMG]http://img266.imageshack.us/img266/1507/foto0074nf.jpg[/IMG]

    O meu problema é que eu simplesmente não consigo executar o power chord com os dedos retos, e sim, meu dedão é bem ajustado no braço da guitarra.

    Gostaria de saber se isso tem haver com a dinâmica, se é alguma tendinite, ou simplesmente falta de prática, e se existe algum exercício para corrigir isso.

    Abraços!

    jmarcuscf
    Veterano
    # jul/12
    · votar


    Cara, na realida não existe uma regra dizendo que tal postura é correta, eu tenho varios amigos guitarristas e cada um de nós faz de maneira diferente... O ideal é que vc faça de uma maneira que tu se sinta confortavel.

    Lelo Mig
    Membro
    # jul/12
    · votar


    Amigo, o fato de seus dedos não ficarem levantados "palma ou concha" como você vê na maioria dos guitarristas não quer dizer que seu "power chord" não sai com o som correto...como disse jmarcuscf não existe uma regra ou manual para isso.

    Contudo, não tem nada a ver com tendinite...rs.

    Quando fazemos um acorde, qualquer que seja, temos um instinto (e cada um tem o seu) cerebral de posicionar os dedos da forma mas cômoda.

    É muito comum termos de "abafar" os power e aí, em seu caso, acho que você terá um pouco mais de trabalho... desta feita, você, se quiser, precisa condicionar seu cérebro a manter a mão em "palma ou concha", basta você fazer uma repetição com a posição em concha devagar, repetidas vezes, um pouco por dia.

    Em pouco tempo, você condiciona a uma nova posição.

    Electric Eye
    Veterano
    # jul/12
    · votar


    Você sente alguma dificuldade para executá-lo? O som não sai limpo como deveria sair?
    Se não, acho que não tem nenhum problema em você fazer-los desse jeito.

    sebber
    Veterano
    # jul/12 · Editado por: sebber
    · votar


    Khamkill, não é exatamente um exercício, mas se você treinar os power com 3 dedos ao invés de dois pode ajudar a condicionar o posicionamento deles.

    Outra vantagem é que quando você tocar a 5ª com o dedo 3 vai ficar com o dedo 4 disponível para uma eventual 5ª aumentada ou 6ª, por exemplo. Nesse caso considerando o power com 2 dedos mesmo.

    Geist
    Veterano
    # jul/12
    · votar


    Já eu não uso o mindinho, uso o indicador e o anelar, o mindinho só quando faço além das duas notas a oitava.

    cafe_com_leite
    Veterano
    # jul/12
    · votar


    eu uso o indicador, o anelar e o mindinho, tipo como se faz uma pestana, tá errado isso?

    Khamkill
    Veterano
    # jul/12
    · votar


    Você sente alguma dificuldade para executá-lo? O som não sai limpo como deveria sair?
    Se não, acho que não tem nenhum problema em você fazer-los desse jeito.


    Não sinto dificuldade, porém sinto que a minha agilidade nas trocas de cordas fica limitada, e eu sinto que de pé fica muito complicado também.

    Khamkill, não é exatamente um exercício, mas se você treinar os power com 3 dedos ao invés de dois pode ajudar a condicionar o posicionamento deles.

    Entendi. Será que usar um elástico, forçando eles a ficarem retos ajuda também?

    Lelo Mig
    Membro
    # ago/12
    · votar


    Khamkill

    "Opinião pessoal, ok?" Não aconselho o uso de elástico neste caso.

    Acho que voce deveria apenas fazer os powers em "concha" ou de 3 dedos e executar devagar, sem pressa.

    Ainda acho que é mais "ordem" de seu cérebro do que problema nos dedos.

    Guinervauscko
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    cafe_com_leite
    eu uso o indicador, o anelar e o mindinho, tipo como se faz uma pestana, tá errado isso?


    Que eu saiba não tá errado. Eu aprendi assim. Aliás essa é a maneira mais fácil de se entender e aprender. Por isso Khamkill a posição com o dedo indicador e anelar é a mais natural e mais fácil. Mas não significa que o seu jeito de fazer seja errado. Existe uma infinidade de guitarristas que tocam dessa maneira e eu só não cito 300 aqui por que acho que ficaria um pouco extenso meu post[ironic mode>on]

    A única dica que eu posso te dar é o que já disseram aí. Se não estiver saindo desafinado, sujo, TÁ CERTO. Postura, a não ser quando ela lhe proporciona conforto e precisão ao mesmo tempo, não é o que te faz executar um som perfeito. Se fosse assim Yamandú Costa não conseguiria executar peças de violão clássico com seu instrumento apoiado no colo como ele faz, já que a postura clássica exije uma posição sentada mais ereta. (Eu sei que aqui é o fórum de guitarra, mas o exemplo é bom)
    Obs: Nunca ouvi falar dessa de elástico!!! O.O

    Corre pra 1:00 e veja que sua postura não é precisamente "errada":



    pOkiz
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    O único problema aí é que a maioria usa esses dedos que estão 'sobrando' pra abafar a mizona pra não soar, pq assim você pode palhetar todas cordas sem preocupação.

    Desse jeito você terá a preocupação de palhetar somente as 5 cordas debaixo pra não deixar a mizona soando, senão fica estranho o som mesmo.

    Você pode abafar a mizona com a ponta do dedo indicador (oque está na quinta corda) também, mas acho mais complicado pelo fato de que todo powerchord terá que ter um posicionamento qse que perfeito para que soe a quinta corda e sobre um pedaço do indicador pra abafar a mizona

    e_merson
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    Meu power chord involuntariamente fica com o dedo do meio mais levantado. Já me perguntaram por quê eu tocava mostrando o dedo pra galera...

    .,i,,

    Juro que não é proposital.

    juninholiveira
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    Se vc ver meu power chord cara, tu morre.

    Deco_ufrj
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    eu acho que isso dai é vicio de quem aprendeu power chord antes de fazer acordes com pestana... quem ja sabe os acordes, faz o power chord pensando num acorde em posição de F sem o dedo da 3a e a pestana não tão firme, abafando as outras cordas...

    alem disso, nessa posição da foto, você consegue abafar a 6a corda tocando desse jeito? os dedos esticados, alem de conforto, servem para abafar a 6a corda quando estamos fazendo power chors das cordas 4 e 5....

    Khamkill
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    eu acho que isso dai é vicio de quem aprendeu power chord antes de fazer acordes com pestana... quem ja sabe os acordes, faz o power chord pensando num acorde em posição de F sem o dedo da 3a e a pestana não tão firme, abafando as outras cordas...

    alem disso, nessa posição da foto, você consegue abafar a 6a corda tocando desse jeito? os dedos esticados, alem de conforto, servem para abafar a 6a corda quando estamos fazendo power chors das cordas 4 e 5....



    Eu abafo as cordas de Ré até Mizinha com o mindinho, e a mizona com a ponta do dedo indicador, nunca soou estranho desde o dia que eu fiquei bom nisso.

    E de fato, você acertou. Eu aprendi Power Chord antes de pestana. Como eu nunca tive aulas eu corri pra aprender Metallica (que usa muitos power chords) então devo ter pego o vicio mesmo.


    "Opinião pessoal, ok?" Não aconselho o uso de elástico neste caso.

    Acho que voce deveria apenas fazer os powers em "concha" ou de 3 dedos e executar devagar, sem pressa.

    Ainda acho que é mais "ordem" de seu cérebro do que problema nos dedos.


    Talvez seja ordem do cérebro mesmo. Digo talvez porque quando eu faço um power chord em "concha" meu dedo anelar dói um pouco na primeira falange, como se estivesse fazendo força pra dobrar sozinho. Sem apertar o power chord eu faço de boa em concha, porém se eu apertar as notas o dedo anelar dobra involuntariamente.

    Btw: o dedo do meio eu consigo deixar levantado, mas quando eu menos espero ele tá lá, dobrado de novo.

    Cenachi
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    Khamkill
    Mano como tudo na música nada tem que ser seguido cegamente
    nem uma tab,você fazendo certo e com pegada de seu gosto é o que importa.
    Eu por exemplo eu faço com o indicador e o terceiro,e muitas vezes faço
    pestana com esse 3 tipo assim e muito nego diz que esta
    errado mas pra mim o que importa é sair do meu gosto.

    e------------------------------------------------------
    B------------------------------------------------------
    G------------------------------------------------------
    D3----------------------------------------------------
    A3-----------------------------------------------------
    E1------------------------------------------------------


    ALF is back
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    Khamkill
    se usarmos o triangulo de pascal pra determinar o pi radiano da curvatura dos dedos 2 e 3, veremos q quando toca com os dedos mto curvados vc tem uma variação de aproximadamente 0,000000000000015891¯% dbs a menos de volume final, quando ligado em um amplificador single ended
    entao, se um dia vc plugar a guita num ampli SE e nao souber q ele é SE vc vai ter esse problema...cuidado hein!


    brincadeira...é só pra vc entender q tem mta gente q coloca argumentos absurdos pra defender algumas teses q no final das contas, nao influenciam no som em nada humanamente detectavel...toca do seu jeito! se depender dos outros pra tocar a sua guitarra estará ferrado! Jimi Hendrix nao queria nem saber se tinha guitarras pra canhoto ou nao, se podia saturar o volume do ampli ou nao...enfim...nao liga pra essas coisas!
    abç

    Khamkill
    Veterano
    # ago/12
    · votar


    Bom galera, segundo todas as respostas, acho que a pegada tem que depender se está legal PARA MIM mesmo. Então acho que vou manter minha posição do jeito que tá mesmo.

    Obrigado a todos pelas respostas, foi de grande ajuda!

    denisb411
    Membro Novato
    # dez/16
    · votar


    Oi Pessoal,

    Aproveitando o tópico, eu to com uma duvida bem chata... Quando eu faço power chords com a tônica na quinta corda, eu não consigo abafar direito a sexta! Ai quando eu bato na cordas, sai um som feito da mizona misturada....
    Pior ainda quando a tônica está na quarta corda, ou preciso fazer acordes como por exemplo o A5 na segunda casa.
    Queria saber o que eu DEVO arrumar, se é a minha palhetada (bater apenas nas cordas certas) ou minha técnica de abafar a corda... Tô nessa dúvida =/

    Abraços.

    acabaramosnicks
    Membro Novato
    # dez/16
    · votar


    denisb411
    as duas coisas
    primeiro, tente palhetar só as cordas usadas, no final das contas é quase que inevitável acertar outras
    daí entra a parte de vc abafar as outras cordas com a própria mão esquerda
    o jeito que eu faço é usar o indicador "reto" ao invés de apertar a corda com a ponta do dedo, aperto com a metade do dedo, e a ponta do dedo fica encostada na mizão, abafando ela
    dependendo o jeito que vc segura o braço da guitarra, dá pra abafar com o dedão também, por cima da escala
    Jimi hendrix fazia o esquema com o dedão

    denisb411
    Membro Novato
    # dez/16
    · votar


    acabaramosnicks

    o que você acha de abafar com o dedo do meio?

    GPONTESFM
    Membro
    # dez/16
    · votar


    o jeito que eu faço é usar o indicador "reto" ao invés de apertar a corda com a ponta do dedo, aperto com a metade do dedo, e a ponta do dedo fica encostada na mizão, abafando ela

    Também faço assim

    DoisUm
    Membro Novato
    # dez/16
    · votar


    denisb411

    O ideal é aprimorar as 2 tecnicas, a palhetada por causa da precisão e o abafamento porque alguns shapes de acordes só funcionam se você souber abafar as cordas que não devem ser tocadas.

    Lembro que quando estava aprendendo a fazer bicorde também tinha muita dificuldade em abafar a 6º corda.

    Hoje em dia, quando uso a tonica na 5ª corda abafo a 6º com o dedo do meio; e quando a tonica está na 4 ª abafo a 6º com o dedo do meio e a 5ª com a pontinha do indicador. Pra mim funciona bem.

    Ismah
    Veterano
    # dez/16
    · votar


    denisb411
    o que você acha de abafar com o dedo do meio?

    Eu faço assim, e funciona muito bem, já que não perco a empunhadura.

    Vale pra TODOS essa...

    Mas nem sempre é benéfico abafar... As vezes a sujeira é bem vinda!
    Tanto quando se passa a tocar F#4 (ou B5/F#) invés de B5, como quando se usa a corda abafada para dar um "tchan" percussivo, dando "peso" extra ao som.

    Richie Sambora, no Bon Jovi, usou muito isso, creio que para contornar a falta de graves, por usar single coils - é apenas uma suposição...
    Muitos dos refrões dos sucessos de "Slippery when wet", partem do acorde de C. Ao invés de tocar C5, ele toca na realidade C5(9)/G, apenas para dar uma preenchida no som, e funciona pra caramba...

    Eu sempre gostei muito do "metal" europeu... Muitas das bandas atuais usam 7 ou mais cordas, e isso ferra com minha vida, apesar de que eu tenho muita vontade de ter uma 7c ou uma 6c em B... Mas seria a 3ª guitarra já, enfim...
    Uma das que eu toco, é Armata di strigoi do Powerwolf... A base dos versos é C#5, B5, E5 e A#5, tocados na 5 primeiras cordas. Porém, soa muito MAIS magro se tocar assim, e se tocar com a 6ª corda fazendo a V, dá uma boa compensada...

    As vezes não... Principalmente no metal mais 70, pra começo de 80... O dito "metal clássico": Ozzy, Black Sabbath, Led Zeppelin, Van Halen, Savatage, Accept...

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Postura de power chord (dúvida)