Sobre pessoas 35+ ainda morando com os pais.

Autor Mensagem
moisesbodani
Membro Novato
# set/17 · Editado por: moisesbodani


Jovens (e outros nem tão jovens assim), estive conversando com uma colega de trabalho recentemente sobre coisas da vida. Acabamos conversando sobre futuro, relacionamentos, compra ou não de apartamento, etc.

Eu tenho 27 anos, ela tem 37. Ela nunca morou fora da casa dos pais, não tem carro e sequer tem carteira de motorista. O pai é procurador, portanto, a família tem uma qualidade de vida considerável.

Eu particularmente entendo, não concordo com o fato estar perto dos 40 e morando com os pais, não pelo sentido de casar/constituir família em si, mas por questões diversas, e ainda não ter sequer vontade/desejo de mudar tal situação.

E vocês, tem qual posicionamento acerca do supracitado assunto?

Discorram.

Viciado em Guarana
Veterano
# set/17
· votar


Pergunta pro salpicão, ele recém conseguiu sair desse status.

sallqantay
Veterano
# set/17
· votar


qual posicionamento acerca do supracitado assunto?

tudo um bando de tanga frouxa do caraleo.

Recentemente tive que viver 02 anos na minha mami (tenho 34), foi o inferno na terra. Mas eu sobrevivi e voltei para a minha casa, com a minha bateria na sala junto com a lespa e o laney-scania

o/

Black Fire
Gato OT 2011
# set/17
· votar


Sei lá, se não fosse casado moraria de boa.

Schadenfroh
Membro Novato
# set/17
· votar


Tive que voltar, pretendo sair logo. Mas to longe do 35.

sandroguiraldo
Veterano
# set/17
· votar


Sai de casa aos 22 anos, casado, para constituir família, como deve ser.
Só cogitaria voltar nos seguintes casos:

1 - pobreza extrema... estar ferrado na vida e não ter nenhuma opção viável a não ser morar na sogra ou na mãe

2 - divórcio ou viuvez... que espero que nenhum dos 2 me alcancem. Não sei se me adaptaria a morar com meus pais novamente. Provavelmente iria filar rango lá todo dia, mas iria dormir em casa

3 - não tem alternativa 3

sallqantay
Veterano
# set/17
· votar


3 - meter o loco

acabaramosnicks
Membro Novato
# set/17
· votar


Cara, eu acho que cada caso é um caso. Tem gente que se dá muito bem com os pais, tem gente que não suporta a convivência, tem gente que não se dá tão bem mas acaba se acomodando com a situação fácil que morar com os pais proporciona.

Na minha opinião, comodismo é idiotice e revela um tipo de personalidade que eu não gosto, e isso acontece porque se eu me acomodasse eu estaria fadado à tristeza. Mas tem gente que não é assim, vive acomodado e feliz, então eu respeito quem é assim, mas tem gente que é acomodado e preguiçoso, vive de certo modo infeliz e não sai da situação porque além de acomodado é preguiçoso, daí eu espero mais é que se foda na vida.

Ou seja, na minha opinião não se trata tanto do negócio em si, mas o motivo do negócio, mais ou menos igual a teoria da moral de Kant.

Só pra não dizerem que não falei nada sobre mim... tenho 23, moro com minha namorada, fui morar sozinho com 17, mas na verdade tenho alguma ajuda financeira do meu pai até hoje, ele paga minha internet e televisão pq é do combo dele que fizemos gato pra pegar aqui em casa, do resto eu pago minhas próprias contas. Apesar de eu ter ido morar sozinho definitivamente com 17, não foi tão repentina a minha liberdade financeira do meu pai, isso foi aos poucos. Nem meu pai nem minha mãe lavaram minhas roupas nem fizeram minha comida desde então. Minha mãe, coitada, eu que paguei as contas dela por algum tempo pq ela é mais fodida que eu de grana, mas isso também tem seus motivos, que não convém dizer.

Eu não voltaria a morar com meu pai nem por decreto, se fosse solteiro eu ia preferir passar fome do que voltar pra casa dele, como sou amaziado, talvez eu passaria por essa humilhação em prol do bem estar de minha copine. Voltaria a morar com minha mãe em caso de extrema necessidade financeira, mas pra falar a verdade, acho que ia ser pior ainda hahahahaha

acabaramosnicks
Membro Novato
# set/17 · Editado por: acabaramosnicks
· votar


druplo

Wade
Membro Novato
# set/17 · Editado por: Wade
· votar


O pai é procurador, portanto, a família tem uma qualidade de vida considerável.


A família tem dinheiro até não saber onde enfiar, a menina não é casada, não tem que sustentar ninguém e a logística (trabalho, estudo, locomoção em geral) permite que ela permaneça na casa dos pais sem nenhuma desvantagem. Por que caralhos ela deveria sair?

O problema da idade chegar e continuar na casa dos pais é você virar um parasita. Consumir mais do que agrega. Se os seus pais tem que fazer algum tipo de esforço extra SOMENTE pelo fato de você ainda morar com eles, aí sim tem que tomar uma dose de vergonha na cara.

Mas no caso da menina aí, os pais continuariam na mesma ela estando em casa ou não, então foda-se.

moisesbodani
Membro Novato
# set/17
· votar


acabaramosnicks
Na minha opinião, comodismo é idiotice e revela um tipo de personalidade que eu não gosto, e isso acontece porque se eu me acomodasse eu estaria fadado à tristeza.

Partilho da mesma opinião. Eu sou inquieto, não conseguiria ficar sem trabalhar, por exemplo, da mesma forma que não consigo ficar a toa, sem buscar crescimento, sem buscar conhecimentos diversos (mesmo que só na teoria) e sem tentar construir (ou constituir) minhas próprias coisas. Exemplo, uns anos atrás, quando falei que iria comprar um apartamento, minha mãe disse: "ah, mas quando eu e seu pai morrermos, isso aqui vai ser seu". Eu só respondi que não ia esperar meus pais morrerem pra ter alguma coisa... Entretanto, muita gente se conforma com isso mesmo e pronto.

Eu tenho 27 anos, (ainda) moro com meus pais, mas em no máximo 2 ou 3 anos estarei no meu lugar, e se tudo der certo como o planejado, comprado à vista.

Da mesma forma, não consigo entender gente que casa, mas mora no fundo ou em cima da casa dos pais ou compra casa na mesma rua. Amo meus pais, mas entendo que temos que nos desvencilhar da família, viver a própria vida. Nada contra marcar um almoço ou jantar com os pais também, mas tenho um grande amigo casado, que faz na faixa de 20k/mês bruto (dá ou não pra brincar? só se for líquido? haha), mas quando eu e minha namorada o chamamos pra sair pra comer alguma coisa, ele tem que avisar pro pai antes, porque todos os dias almoça e janta com os pais. A esposa e ele sequer sabem cozinhar... Eu acho isso bizarro, apesar de entender o quanto é cômodo.

moisesbodani
Membro Novato
# set/17
· votar


Wade
Por que caralhos ela deveria sair?


O problema da idade chegar e continuar na casa dos pais é você virar um parasita. Consumir mais do que agrega. Se os seus pais tem que fazer algum tipo de esforço extra SOMENTE pelo fato de você ainda morar com eles, aí sim tem que tomar uma dose de vergonha na cara.

Você mesmo respondeu sua pergunta. Ela é uma grande amiga, ganha bem pra o lugar que moramos...
Sabe dondoca mimada, que tem estudo, competência técnica, mas é acomodada? Então... Por mim, cada um faz o que quiser da vida, julgar o que ela faz ou não não é a questão do tópico, mas sim gerar a discussão em torno de tal questão, de que forma cada um enxerga esse tipo de coisa.

PRA MIM, é algo surreal. Pra outros, é sonho de vida! E não tem problema, cada um entende e vive a realidade que achar melhor, só que no caso dessa amiga em específico, ela comentou que atualmente a situação até a incomoda, "mas dá trabalho sair agora, né?" foi a resposta dela.

sallqantay
Veterano
# set/17 · Editado por: sallqantay
· votar


27 anos, (ainda) moro com meus pais, mas em no máximo 2 ou 3 anos

não vejo muita diferença entre 30 ou 35+, em ambos os casos já passou da hora faz tempo

sandroguiraldo
Veterano
# set/17
· votar


que faz na faixa de 20k/mês bruto
padrão OT

sallqantay
Veterano
# set/17
· votar


20k/mês bruto

temos uma divergência: 1,0 excel é bruto ou líquido?

DarkMakerX
Veterano
# set/17
· votar


Acho que tem que sair quanto antes. Mas hoje é bem difícil para comprar/alugar um lugar e quanto mais adiar a saída com planejamento e juntanto grana, melhor e mais fácil para não ter que voltar numa crise.

moisesbodani
Membro Novato
# set/17
· votar


sallqantay
não vejo muita diferença entre 30 ou 35+, em ambos os casos já passou da hora faz tempo

Não concordo quanto à diferença, mas concordo que passou da hora. Na realidade, 5 anos atrás tudo estava esquematizado, mas houve uma situação um pouco brusca na minha família, o que mudou um pouco os rumos de casa, inclusive os meus.

Pra você ter uma ideia, desde os meus 20 anos, meus pais não me dão dinheiro propriamente dito (sim, pagam o condomínio do lugar que moramos, internet, essas coisas de casa), mas eu tenho agido de forma sistemática nesse aspecto. Não vou entrar em detalhes, evidentemente, mas até abri mão de um bem de valor que eu tinha e literalmente entreguei o dinheiro para meus pais, que sempre tiveram um padrão de vida alto.

Minha vida financeira mudou (pra +), enquanto a dos meus pais também mudou (pra -), ou seja, acabei me tornando parte da sustentação do lar em alguns aspectos, o que me impossibilita temporariamente de ajudar um pouco meus pais e ter meu próprio apartamento (próprio ou alugado) ao mesmo tempo, porém, isso tem mudado. Como eu e minha namorada estamos esperando a formatura dela na graduação para resolvermos coisas de casamento e como algumas atitudes minhas mudaram também situação dos meus pais, será mais ou menos o tempo de viver aquela vida de família classe média de comercial de margarina...

Wade
Membro Novato
# set/17 · Editado por: Wade
· votar


moisesbodani

Eu não sei quanto ganha um procurador, mas imaginei que o caso aí da sua amiga é aquele caso em que os pais não iriam ter que trabalhar menos se ela saísse de casa. Eles iam trabalhar o mesmo, ganhar o mesmo e viver do mesmo jeito. Nesse caso, pra quê ela sair de casa se isso traz vantagens pra ela e não traz desvantagens para os pais? Por questão moral? Porque no manual do universo você tem que sair de casa depois dos 30?

Pra mim, sair de casa é uma necessidade, que podem ser muitas. Mas sempre por uma necessidade, não por capricho. Se foder por opção não faz meu estilo não.

Pleonasmo
Membro Novato
# set/17
· votar


Se eu tivesse pais, moraria com eles de boa por longos anos se não tivesse mulher. Poderia arriscar umas ideias empreendedoras mais ousadas tendo a segurança de morar com eles.

makumbator
Veterano
# set/17
· votar


sallqantay
temos uma divergência: 1,0 excel é bruto ou líquido?

Líquido. E claro, sempre sonegando impostos o máximo possível, pois imposto é roubo.

Johnny Favorite
Veterano
# set/17
· votar


Agora com 36 se tivesse pensado antes nunca teria saído da casa dos meus pais.

Viciado em Guarana
Veterano
# set/17
· votar


sallqantay
Bruto.

Porque todo mundo deve pagar impostos. E ainda é tempo.

makumbator
Veterano
# set/17
· votar


Viciado em Guarana
Porque todo mundo deve pagar impostos.

Seu estatizante do demônio! Queime no inferno anarcocapitalista!

st.efferding
Membro
# set/17
· votar


Bruto.

Porque todo mundo deve pagar impostos. E ainda é tempo.


Aí sobra uma mixaria.

Bizet
Veterano
# set/17 · Editado por: Bizet
· votar


1) se os pais podem pagar de boa e você não se importa tanto com privacidade (ou se eles respeitam bem e a casa é relativamente grande), pode ficar até os 60 que é bem irrelevante

2) se for um caso diferente desse, passar dos 30 na casa dos pais é tosco

3) se os pais não são escrotos, sair da casa deles aos 18 pra morar na mesma cidade é autoflagelação de retardado, que merece viver de pão seco até morrer de deficiências nutritivas pra deixar de ser idiota

4) constituir família é valor pra conservador mongoloide, mas a instituição é de fato útil como fazenda de mão de obra e de portadores de rifle (obviamente kalashnikovs, não m4s), inclusive essas duas razões são as únicas válidas pra ser contra o aborto, então se é pra produzir lavrador de trigo e assassino de ianque tudo bem sair cedo

Black Fire
Gato OT 2011
# set/17
· votar


O cara escreve 3 parágrafos dando satisfação pro sallqantay.

Snakepit
Veterano
# set/17 · Editado por: Snakepit
· votar


Tenho 32, já saí por anos e voltei diversas vezes, mesmo depois dos 30.

Mas considero morar sozinho algo importante para o crescimento da pessoa. O ideal é sair de casa para evoluir, acordar pra vida pois morar com os pais é uma "bolha".

se os pais podem pagar de boa

As vezes isso sequer acontece. É possível trabalhar, pagar as próprias contas, se alimentar por conta própria e no fim do dia ir pra casa dormir pois gastar grana em aluguel é dinheiro no lixo se existe um quarto vazio na casa dos pais.

Pra mim o problema não é morar com os pais, o problema é ser sustentado pelos pais. Isso pode acontecer mesmo morando fora de casa, o que é ainda mais vergonhoso e mostra muito sobre a personalidade da pessoa.

moisesbodani
Membro Novato
# set/17
· votar


Black Fire
O cara escreve 3 parágrafos dando satisfação pro sallqantay.

Posso escrever 3 pra você também! Sem preconceitos!


makumbator
Líquido. E claro, sempre sonegando impostos o máximo possível, pois imposto é roubo.

Justo. Afinal, 30-35% de impostos, fora os impostos embutidos no consumo impedirão as pessoas de brincar.
Veja

Bizet
constituir família é valor pra conservador mongoloide

Claro, justo também.

Snakepit
Mas considero morar sozinho algo importante para o crescimento da pessoa. O ideal é sair de casa para evoluir, acordar pra vida pois morar com os pais é uma "bolha".

Essa questão em si foi uma das norteadoras da conversa. Ela diz que está acomodada demais para sair, mas que quer, tem condições e que acha que está na hora, mas diz isso a uns dois anos, no mínimo. Só que a conveniência de ganhar bem, os pais pagarem um monte de coisa, ter empregada, roupa lavada, cozinheira, etc falam mais alto (palavras da própria). Ou seja, está se incomodando, mas não tem coragem de tomar qualquer tipo de atitude quanto a isso.
Pra mim, não existe certo ou errado, necessariamente, mas EU não conseguiria viver assim. E tudo bem, não quero transpor minha realidade pra vida de outros, apenas discorrer sobre o assunto.



Pra mim o problema não é morar com os pais, o problema é ser sustentado pelos pais. Isso pode acontecer mesmo morando fora de casa, o que é ainda mais vergonhoso e mostra muito sobre a personalidade da pessoa.

Meu ponto de vista é bem por aí. Conheço uma galera desse jeito. Uma menina em específico, recebia 3k/mês do pai, o marido não gostava de trabalhar (ao contrário da moça), vivia em casa ou tentando coisas como ganhar dinheiro sem trabalhar, enfim... Resultado, se separaram no início do ano, depois de 4 anos de casamento. Os pais disseram que não iam mais sustentar vagabundo com a filha e a mesma voltou pra casa dos pais.

Simonhead
Veterano
# set/17
· votar


Sobre pessoas 35+ ainda morando com os pais.

Ressalvada possíveis exceções, nem sempre esse lance acontece por vontade própria e sim por necessidade.

brunohardrocker
Veterano
# set/17
· votar


Pra que eu pagaria aluguel? Eu só uso o meu quarto e a cozinha. Estou me preparando para realizar o sonho da casa própria. Aí sim eu sairei.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Sobre pessoas 35+ ainda morando com os pais.