Handmades nacionais reconhecidos mundo afora. Nossos produtos sendo exportados.

Autor Mensagem
Del-Rei
Veterano
# out/14
· votar


nichendrix
Já ouvi falar muito bem dos falantes Weber. Nunca toquei, nem vi pessoalmente, mas tenho curiosidade!!

Sobre os produtos do Keeley, acho eles relativamente caros... rs... As mods dele são muito famosas, e caras também. Eu me acho extremamente ogro pra distinguir as sonoridades, pelo que ouço no Youtube, acho as modificações bem sutis... Arrisco dizer que num teste cego eu dificilmente acertaria qual é o original e qual é o modificado, rs.

Mas tenho curiosidade de testar pessoalmente algum produto deles.

O T.Miranda esses dias postou no face dele que o T. J. Helmerich está usado um amp dele. Achei maneiro.

Um aceno de longe!!!

MMI
Veterano
# out/14
· votar


nichendrix

Hoje o Rudy Pensa trabalha sozinho até onde eu vi

Ano passado, quando fui lá, tinha 2 funcionários trabalhando na luthieria. O Pensa faz alguma coisa, mas muita coisa é um funcionário mais velho lá, que aliás é bem bacana. O Pensa vai lá, mexe em alguma coisa, mas são esses caras que fazem o grosso.

nichendrix
Veterano
# out/14
· votar


Del-Rei
Já ouvi falar muito bem dos falantes Weber. Nunca toquei, nem vi pessoalmente, mas tenho curiosidade!!

Todos os que testei são muito legais, é a única marca de falantes que faz eu titubear no gosto pelos Jensen... kkkkk

Sobre os produtos do Keeley, acho eles relativamente caros... rs... As mods dele são muito famosas, e caras também. Eu me acho extremamente ogro pra distinguir as sonoridades, pelo que ouço no Youtube, acho as modificações bem sutis... Arrisco dizer que num teste cego eu dificilmente acertaria qual é o original e qual é o modificado, rs.

Mas tenho curiosidade de testar pessoalmente algum produto deles.


Cara, eu tenho alguns Keeley, acho os pedais originais dele mais legais que os Mods, mas os mods dele são interessantes que só, realmente não é algo do tipo, eu nunca toquei no BD-2 ou num ProCo Rat ou DS-1 ou Tube Screamer e se botar os 2 na frente você percebe a diferença de cara, é muito mais algo pra o cara que tem esse pedais a anos e acha que ficariam um pouco melhores com mais ganho ou mais médios ou mid-scooped ou mais definição. Tanto é que por anos os Keeley mods eram realmente mods, você tinha que comprar o pedal original e mandar pro cara modificar, depois ele passou a vender diretamente o pedal já modificado.

No fim pra quem conhece esses pedais é uma diferença boa, por exemplo, eu não consigo mais tocar no TS e no Boss Blue Drive original de fábrica e achar legal, hoje a sonoridade desses pedais pra mim é a do Keeley Mod, não do pedal stock. Agora eu tive por anos antes de ter os Keeley, então pra mim a diferença é perceptível.

No fim meu Keeley preferido são os Boosts, eu tenho um Katana Boost e é o booster mais limpo que já vi, praticamente imperceptível a influência dele no som.

O T.Miranda esses dias postou no face dele que o T. J. Helmerich está usado um amp dele. Achei maneiro.

O T. Miranda é um cara muito legal, conheci ele ano passado, apresentado pelo Alvaro e pelo Erick Assmar, é um grade contador de histórias e pode ficar fácil por horas falando de amplificador detalhes de amplificador que tu nunca vai perceber a diferença como se fossem as coisas mais importantes e fascinantes do mundo... kkkkkk

MMI
Ano passado, quando fui lá, tinha 2 funcionários trabalhando na luthieria. O Pensa faz alguma coisa, mas muita coisa é um funcionário mais velho lá, que aliás é bem bacana. O Pensa vai lá, mexe em alguma coisa, mas são esses caras que fazem o grosso.

É bem por aí, ele ficou um tempão sozinho também, aqui a se tem a imagem de que esse mercado de boutique são de grandes empresas e que os donos são milionários, etc. Só que mesmo caras como o Monteleone que não faz guitarras por menos de 20mil dólares, são em essência one-man shops e quando tem funcionários são alguns ajudantes.

Mesmo no caso de empresas relativamente grandes, como a Electro-Harmonix, não são tão grandes assim, uma vez vi um vídeo do Mike Mathews mostrando a sede da EHX e falando que eles tinham em torno de 50 funcionários, que eram uma empresa bem pequena se comparada comas BOSS da vida.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Handmades nacionais reconhecidos mundo afora. Nossos produtos sendo exportados.