Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      【FIXO】 Pra quem acha que saber escrever corretamente não é importante!

      Autor Mensagem
      MMI
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman

      Mais feio que a aberração da palavra é uma faixa preta com um símbolo que apareceu sobre a imagem do Adriano. "Concerteza"!

      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Dia desses eu quase caí da cadeira aqui no trabalho: uma menina escreveu em uma mensagem " derrepentemente".

      Depois de muito reler a mensagem e conversar com a funcionária, cheguei à conclusão de que ela queria dizer " talvez "...

      Del-Rei
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Del-Rei
      · votar


      Hum... O vídeo é bem bacana mesmo, e abrange vários assuntos, não só escrita. Não conhecia esse cara, depois vou conferir os outros vídeos dele!!

      Marcelo Bico
      "derrepentemente".

      Cara, tem gente que fala coisas assustadoras mesmo.
      Um dos problemas é a influência de outros idiomas no portugûes.

      A língua inglesa deixou vários vestígios... O que mais se ouve por aí é gente dizendo coisas como "Amanhã vou estar ligando pra funalo...".
      Isso não existe no nosso idioma.
      O certo é "Amanhã ligarei para fulano".

      "Inicializar" foi outra que adaptaram do inglês, especialmente do sistema operacional Windows, que aparece na tela de abertura o "initializing".

      Em portugûes é iniciar, iniciando, etc. Não existe inicializar, inicializando.... Só que virou moda.

      :/

      E agora, com a nova cartilha do MEC oficializando a escrita errada, já viram como estará o Brasil daqui a 20 anos, né?!

      Salve-se quem puder!!

      Um aceno de longe!!!

      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Del-Rei
      Ih, rapá... esse anglicismo na nossa língua complica mesmo. E se considerarmos o internetês, aí ferrou de vez: inicializar, deletar, downloadar, upar...

      É isso aí, salve-se quem puder!

      De Ros
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Del-Rei
      Marcelo Bico

      Ainda bem que não usamos anglicismos para falar de gear, né?

      E falando em gear, se alguém tem problemas de humm com o equipo (ou até mesmo um hiss leve), descobri um gate que tem o threshold rapidissimo, mas, como não sou endorsee da marca, não vou cita-la aqui...

      Uhauhauhauha!!!

      Konrad
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Konrad
      · votar


      De hoje em diante, minha assinatura aqui no Fórum (ideia que roubei do[b] Del-Rei [/b)]será:

      Nós pega os pexe.

      Del-Rei
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Del-Rei
      · votar


      De Ros

      Ah, isso porque você não conhece o Bingo Business no meu trabalho.

      "Vou lhe passar, agora, um briefing sobre a reunião hoje à noite e quero que me dê seu feedback sobre o assunto, pois precisamos estar in tune com os partners da equipe... E depois do speech final poderemos fazer um coffe breack.

      Bizarro.

      Um aceno de longe!!!

      EDIT:
      Konrad

      hehehehe... Boa!

      MauricioBahia
      Moderador
      # jun/11
      · votar


      Del-Rei: fazer um coffe breack.

      hum, hum... "coffee break"! :P

      Abs

      Duds McCready
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Vou startar a aplicação aqui...

      kkkk, esse pra mim é o pior que existe!! Startar... ou estartar...

      Abraços!

      Del-Rei
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Del-Rei
      · votar


      MauricioBahia
      Pô, dá um desconto.... É muito bingo business por aqui... hehe.

      Eu sou analfa em inglês mesmo.. :)
      Nem vou deletar... hehe.

      Um aceno de longe!!!

      T-Rodman
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: T-Rodman
      · votar


      anglicismo eu desisto.
      Eu acho mais fácil decorar e utilizar eles, do que aprender 2 ou 3 palavras que significam a mesma coisa.
      Fora que, muitas vezes, na internet, você procura por review ou pra saber qual é o nome de uma pecinha, e você só acha em inglês. Então acaba utilizando somente em inglês mesmo.

      btw, qual seria, por exemplo, o nome de 'string trees' em português?
      - já falaram 'carrinho' pra mim, mas carrinho é parte da ponte/bridge da guitarra.

      "sítio de internete" então, é o fim. Tem um dos colunistas que escreve para o FPCs que não utiliza anglicismos. É difícil de entendê-lo às vezes.

      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman
      Sim, sim. Quando não houver corresopndente na nossa língua, aí tem que usar o inglês, não tem jeito.
      Só não dá prá engolir é o "aportuguesamento" . "Setar" a pedaleira...

      p.s.: carrinho prá mim são aquelas seis pecinhas móveis da ponte, por onde passam as cordas. Little cars at the bridge?

      De Ros
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman

      "btw, qual seria, por exemplo, o nome de 'string trees' em português?"

      "Negocinho que segura as cordas e que fica perto daqueles trequinhos de afinar, e que se não estiver com um bom lubrificante, ajuda a desafinar a bagaça."

      Tá bom, tá bom, "string trees" é bem mais fácil, hehehe!

      T-Rodman
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Marcelo Bico
      De Ros
      E quando você precisa disso, e quer comprar lá no ML, como se faz a busca?
      rs

      Foi assim que eu me matei de pesquisar sobre o nome. Acabei comprando no ebay, na época, rs.

      amplexos

      T.

      ogner
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman

      Ué!? Molesinha...

      Arvores de cordas!!

      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      ogner
      T-Rodman
      ahá, corda tá dando em árvore agora!! Vou procurar um pé de Elixir aqui no RJ - 0.10 se possível, he he he!

      T-Rodman
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: T-Rodman
      · votar


      ogner
      :)
      Não achei na lista do ML:
      http://lista.mercadolivre.com.br/%C3%A1rvores%20de%20cordas

      Eu estava lendo a lista de tópicos recentes aqui do FCC, e pensei até em mudar alguns títulos de tópicos, totalmente para o português:
      "óculos homenageia O Paulo"!
      (lembrando de alguns amigos piadistas que jogam tenis com a raquete do Uírson)

      kkkkkk

      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman
      Falando em tópicos, tem uns por aí que causam impacto: coisas como " felicidade guitarrística" ou " guitarristicamente falando"...

      T-Rodman
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Então. Não sou doutor em letras, mas creio que o tal anglicismo tem uma conotação negativa no popular, mas nem ele, nem a formação de outras palavras são impedidas - a grosso modo, na língua portuguesa.
      A utilização de prefixos e sufixos em palavras, é uma delas. Parece soar estranho, mas parece não haver restrição para a criação de palavras como essa.

      Em qualquer idioma, existe essa regra. Há criação de palavras com a utilização das já existentes, e a utilização de palavras de origem externa.
      Naquele filme 'Códigos de guerra' (aka. Windtalkers) mostra bem como é feito esse processo.
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Windtalkers

      No idioma alemão, pelo que sei, é que existe uma regra determinada para formação de novas palavras. Elas seguem regras de formação e chegam ao recorde como essa: "Donaudampfschiffahrtsgesellschaftskapitän" que significaria "Danube steamship company captain".

      Ainda, em formação de palavras, no inglês há alguns exemplos do mesmo gênero:
      http://en.wikipedia.org/wiki/Longest_word_in_English

      ... incluindo em português: "pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconióticos" e "anticonstitucionalissimamente", rs.

      MMI
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      T-Rodman

      Eu também não sou das letras. Mas tem coisas que não adianta reclamar nem falar que está errado. A língua é algo mutável, precisa se adaptar. Por essa razão "download", "inicializar" e outras não se pode mais chamar de erradas, mesmo porque consta de dicionários de português, como o Houaiss. para contrariar o pessoal ali de cima. Não critiquem não... hehehehe

      ogner
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      MMI
      A língua é algo mutável,

      Total, ainda mais agora que o MEC liberou geral...Tudo é tudo, e os livro tão tudo certos!!

      Konrad
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Konrad
      · votar


      MMI
      ogner

      O problema não é o MEC liberar.... é simplesmente dar o aval do errado sem sequer ter passado perto de ensinar o minimamente certo. É querer incutir conceitos impregnados de bolor acadêmico em quem mal consegue entender um parágrafo.

      Essa posição do MEC de libertária não tem nada. É uma condenação à ignorância.

      Nós pega os pexe.

      Del-Rei
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      ogner
      ainda mais agora que o MEC liberou geral

      Isso é coisa de Brasil mesmo.

      Ao invés de tentar elevar o conhecimento dos menos favorecidos, resolveram abaixar oficialmente o padrão de qualidade.

      Até concordo que a língua portuguesa é complexa, mas chegar ao nível de oficializar "a gente fomo", é fod*.

      Isso é coisa do governo, pra deixar a população cada vez mais ignorante, e poder roubar à vontade.

      Imagina o Brasil daqui a 40 anos................

      Um aceno de longe!!!

      T-Rodman
      Veterano
      # jun/11
      · votar



      Imagina o Brasil daqui a 40 anos............


      Eu tenho medo desse filme, que é o que o mundo está virando:


      Marcelo Bico
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      MMI
      Sim, concordo que a língua não é engessada. Ela muda de acordo com o uso. O que se discute aqui ( pelo menos o ponto onde eu martelei ) é que a língua vai se descaracterizando com a incorporação de termos estrangeiros à língua cotidiana.

      Voce citou o "download", que está no dicionário. Oficialmente esta palavra não existe em nossa língua, uma vez que a letra "w" passou a constar de nosso alfabeto apenas para nomes próprios. Então a palavra , apesar de aparecer no dicionário ( somente para que se saiba o seu significado ), não pode ser considerada parte de nossa língua.

      Mas a mobilidade da língua justamente permite que as palavras sejam incorporadas, desde que dentro das normas da língua.

      O que eu critiquei é que palavras como digitalizar, inicializar, printar, resetar e outras passem a fazer parte de nossa língua por uso constante, ainda que inadequado. Aliás, se "resetar" passar a fazer parte de nossa língua, tem que ser mudado para "ressetar", para que esteja gramaticalmente correta.

      O "inadequado" fica por minha conta pois sou radicalmente contra o "aportuguesamento" de palavras de outro idioma quando temos correspondentes com o mesmo significado em nossa língua.

      p.s. Nem consigo imaginar como seria a incorporação de "download". Daunlôude? Mas já passamos por coisas semelhantes e nos acostumamos. Abat-jour vrou abajur...

      Penta_Blues
      Moderador
      # jun/11
      · votar


      Boa tarde!!!

      Del-Rei
      E agora, com a nova cartilha do MEC oficializando a escrita errada, já viram como estará o Brasil daqui a 20 anos, né?!
      Dá pra se ter uma idéia se levar em conta as consequências que a aprovação automática trouxe...
      Valeu!!!

      ogner
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: ogner
      · votar


      Konrad
      Del-Rei
      T-Rodman
      Penta_Blues

      É a novilingua pô..George Orwell já cantou essa bola e outras mais tem muito tempo...1984 na veia...Meu livro de cabeceira!!

      Edit: Pra colocar um "r" ali no oRwell

      Penta_Blues
      Moderador
      # jun/11
      · votar


      Boa tarde!!!

      Vou colocar aqui um dado até antigo, mas que tem muito a ver com o assunto educação e suas consequências:

      Nunca é demais lembrar que, 40 anos atrás, a renda per capita da Coréia do Sul era a metade da do Brasil, e as taxas de analfabetismo de ambos eram próximas dos 35%. Hoje (2005), o país asiático, com 40 milhões de habitantes, exporta o dobro do Brasil - e, em sua maior parte, produtos de alta densidade tecnológica. Já a renda por habitante é mais de duas vezes a brasileira. O analfabetismo foi praticamente zerado, enquanto aqui ainda se avizinha de 13%.

      Peculiaridades históricas e culturais à parte, o principal mecanismo propulsor da transformação da Coréia do Sul num dos players de alta competitividade do cenário mundial foi a revolução educacional que o país vem empreendendo, sem tréguas, desde a década de 60, enfatiza o adido educacional sul-coreano em São Paulo, Jeong Seong Cheon (só o fato de a representação consular manter um encarregado de assuntos educacionais já sinaliza uma diferença).

      Enquanto isso, apenas em 2004 o Brasil se aproximou dos US$ 100 bilhões na exportação, embora com 78% em itens de baixa ou média densidade tecnológica - índice muito acima da média mundial, hoje em 56%, avalia o Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (Iedi). Basta lembrar que os sul-coreanos hoje têm perto de 3 mil produtos patenteados internacionalmente, e os brasileiros, cerca de 220. "Só um verdadeiro salto de qualidade na educação, em todos os níveis, poderá mudar isso", diz Joseph Tutundjian, conselheiro da Amcham e um dos mais experientes executivos do País na área de comércio exterior. Segundo ele, existe uma correlação direta entre bom desempenho exportador e capacitação de recursos humanos da forma mais abrangente, duradoura e consistente possível.


      Valeu!!!

      Del-Rei
      Veterano
      # jun/11 · Editado por: Del-Rei
      · votar


      T-Rodman
      Que filme é esse...? Aqui no trabalho não abre Youtube...
      :(

      Penta_Blues
      Dá pra se ter uma idéia se levar em conta as consequências que a aprovação automática trouxe...

      Penta, e olha que essa aprovação automática teve início aqui no RJ há uns 4 anos, mais ou menos!
      Some a aprovação automática a essa nova cartilha do MEC, e veja como será o futuro....

      Será que o Governo se perguntou onde essas pessoas (formadas nesses padrões pobres de aprendizagem) vão arrumar emprego??

      Quem vai dar emprego a essas pessoas...?
      Só vão conseguir subempregos/empregos informais.
      Marginalização total dessa parte da população.

      E ainda vai além...
      Perceba que a parte pobre/miserável da população é a parcela que mais tem filhos hoje. Proliferação.
      Enquanto a alta/média-alta segura a onda com os filhos.

      A proporção da população que falará "nóis fomo" será uns 80-90% em 2050.
      E pode esperar mais violência na cidade do RJ.


      ogner
      Penta_Blues
      Salve-se quem puder.

      Um aceno de longe!!!

      EDIT:
      Penta_Blues

      o principal mecanismo propulsor da transformação da Coréia do Sul num dos players de alta competitividade do cenário mundial foi a revolução educacional que o país vem empreendendo, sem tréguas

      Por isso que sempre fui fã do Cristovam Buarque. Educação é a coisa mais importante de uma nação, e praticamente todos os problemas existentes (violência, corrupção, impunidade, etc, etc), decorrem da ausência dela.

      Marcus Cerutti
      Veterano
      # jun/11
      · votar


      Tem nada há ver com música, mas este tópico está bom demais... rolei de rir...

      Del-Rei
      "Vou lhe passar, agora, um briefing sobre a reunião hoje à noite e quero que me dê seu feedback sobre o assunto, pois precisamos estar in tune com os partners da equipe... E depois do speech final poderemos fazer um coffe breack.


      Hehehehehehe... e o cara se acha muito importante e intelectual escrevendo ou falando assim... hehehehehe muito boa cara!!

      Certa vez, saindo de uma prova de física dois colegas: cara, tu viu aquela questão 6... bah, véio, sinistra!! E o outro responde... véio, eu forguetei totalmente a matéria...

      Parece, mas não é piada... eu escutei isso.

      MauricioBahia - muito bom o vídeo; agora, vamos combinar que isso que ele diz é o que deveria ser normal, não? Ser educado e não desprestigiar as pessoas, falar e escrever certo... essas coisas deveriam estar na nossa cabeça sempre!

      Vários escreveram que há alguns tópicos/posts que não dá para entender a mensagem - concordo, mas é mais profundo que simplesmente a escrita.

      Uma coisa é o cara escrever errado, outra é o cara não ter condições de estruturar uma idéia por escrito...

      Acho que não devemos crucificar o autor por algumas resbaladas na língua mãe... a bucha mesmo é a falta de estrutura na escrita, que é reflexo da falta de estrutura mental. Ou seja, o cara mal consegue se expressar, vai entender uma resposta?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a 【FIXO】 Pra quem acha que saber escrever corretamente não é importante!

      303.923 tópicos 7.864.191 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital