Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Pedais simuladores de amps ligados em amps de verdade, é besteira?

      Autor Mensagem
      MMI
      Veterano
      # ago/10
      · votar


      MauricioBahia

      Minha opinião é o seguinte (de quem já testou muita coisa, mas sem ser técnico especializado nisso)... Esses pedais simuladores, como o postado no início do tópico, o AMT legend Amp, são todos prés em última análise. Já na descrição do site, no início diz: ""AMT Legend Amps" is a new revolutionary series of one-channel preamps (JFET-preamps)". Portanto, grande parte da diferenciação de um amp para outro está no pré, o power varia com a potência, as válvulas usadas, mas é mais constante (ou varia menos). Se vocês pesquisarem equipamentos de pré e power separados, tipo rack, verão que os prés são cheios de controles e possibilidades de mudanças de timbres, os powers só tem volume e ás vezes presença. Ou seja, a grande identidade de um amplificador está no seu pré, depois dele é só uma EL-34 ou EL-84, por exemplo, com poucas diferenças.
      Várias pessoas já me falaram que prés ligados em série não dão um som legal. Isso depende muito do que se fala, no tipo de pré que se refere. Existem prés em rack, como o Mesa Boogie Triaxis, Mesa Boogie Rectifier, Marshall JMP-1, Rocktron (vários), os vários prés que se usam em estúdios, mas até um Boss Bassman ou um TS9 pode ser considerado um pré. Intuitivamente minha impressão é que depende do ganho do pré, ou seja, da construção, para ele ficar legal em série com outro. Um TS9 é feito exatamente para isso, dar uma "empurrada" no pré (input) do amplificador, muito diferente de se ligar um pré Mesa Boogie Rectifier no input de qualquer amplificador (fica uma droga). Por essa razão, por exemplo, uma Fender Clapton não fica legal em qualquer amplificador ou distorção, devido ao pré que vem embutido nela.
      Tendo isso em mente, cheguei a testar meu pedal Mesa V1 Bottle Rocket ligado no meu power amp. Deu certo, ficou legal. Minha surpresa foi ligar a GT-10 no power. Melhorou muito o som dela (que não gosto), fica algo bastante interessante. Minha opinião é que dessa forma o som real do pré (do pedal/pedaleira, no caso), mostra bem a cara. só que quando se trata de pedais, são feitos para se plugar no input do ampli, lógico. Aí que vem a dificuldade. Um pedal que simula um Marshall ligado no pré de um Fender vai ser mais difícil de configurar e vai ter o som dos dois prés, nunca um só (ou seja, vai ter coloridos diferentes como exemplificado ali em cima).
      Essa é minha impressão...

      MauricioBahia
      Moderador
      # ago/10
      · votar


      MMI: ou seja, vai ter coloridos diferentes como exemplificado ali em cima).
      Essa é minha impressão...


      Que é a minha também. Só que tem gente que acha que vai comprar um simulador de amp e espetá-lo num input de um amp e terá, milagrosamente, o som de um Marshall o Mesa, por exemplo.

      Então, eu fiz o tópico pra isso. Debater o bom uso desse artifício.

      Abs

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10
      · votar


      Atualizando aqui...

      Um AMT F1 usado em linha, na prática. Todo mundo plugado atrás dele, que simula um Fender Twin:



      Pra quem não sacou, esses pedais tem duas saídas: uma pra ligar no amp e outra pra ligar em linha, simulando gabinetes. Além de loop de efeitos.

      Abs

      Son Volt
      Veterano
      # out/10
      · votar


      Acho essas coisas úteis pra quem tem um amp muito bom e precisa mudar o timbre dele, pra fins profissionais como gravações e tal, mas o que muita gente faz é usá-los pra consertar um amp ruim, transformá-lo naquele cujo dinheiro falta pra comprar. Nesse caso sou contra, é preferível juntar esse dinheiro, vender algo, fazer bicos, trabalhar, e comprar o tão sonhado amp. Se for ligar isso num amp ruim não deve fazer mágica, deve ser bem dificil uma tecnologia ser capaz de fazer qualquer amp soar como o que se deseja, se o amp já for ruim e barato, não vai ser um pedal que vai salvar, no máximo vai dar uma embromada.

      Mad Dock
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia
      Cara é bem isso que vc escreveu lá no começo, eu quase toda minha vida guitarrística trabalhei com simuladores de ampli...na sequencia de evolução que eles apareceram (Analógicos e depois os digitais)...sansamp gt2, V-Amp, POD, Guitar Rig..etc...
      nunca consegui um timbre razoável ligando eles antes do pré, tipo no imput do ampli...dessa forma o timbre potencializa os agudos e ruídos, mas potencializa os agudos de uma forma feia...pois come os médios e tira a definição dos graves...
      Agora quando se efetivamente os utiliza para o que vieram, tipo ligar direto na mesa e tocar através dos PAs, gravação direta, ou no power dos amplis aí a coisa muda de figura, pois fica muito simples de conseguir o timbre que se quer com um mínimo de conhecimento e esforço...e fica muito bom!!
      eu estou num dilema particular, toco a algum tempo já com o XTLive e tenho um timbre animal!! (para o meu gosto)...aí nesse ano de 2010 migrei para os valvulados e pedais analógicos, o resultado está bom, mas está longe do desempenho que consigo com o POD....e também não consegui ainda fazer ele conversar com o valvulado como eu quero...
      Até o pessoal da minha banda pega no meu pé..."Putz cara o timbre do pedal está melhor!"...
      pior que não tive tempo de esmerilhar as possibilidades para chegar onde eu quero com os analógicos...

      Bereta
      Veterano
      # out/10
      · votar


      Um tópico desses realmente dá uma animada por aqui e rejuvenesce o FCC. Boa Maurício!!!

      Já há algum tempo eu sou adepto de um Simulador (AS-1 da NIG) no meu Pedalboard. Ele basicamente timbra minhas distorções.

      Assim, tenho 4 distorções possíveis no canal sujo: O simulador sozinho, gerando um "crunchzinho" apenas, bem gostoso; DS-2 + Simulador pra uma distorção mediana com um certo corpo de médios; ML-2 + Simulador pra uma distorção hi-gain; DS-2 + ML-2 + Simulador pra uma distorção ultra hi-gain com boost de médios ótimos pra solos. Com bons cabos e bom aterramento, o ruído é bem pequeno, mesmo sem gate algum.

      Então, o AS-1 aqui fica sempre ativado no canal sujo do pedalboard.

      Muitos acham exagero, mas, no meu amp q não é all tube, a diferença entre o com / sem simulador é absurda!!! Mas já vi trocentos usando simuladores em Valvulados. O grande lance já foi matado por muitos aí no tópico: o lance é buscar novas texturas sonoras. Nesse jogo vale tudo......bom.......quase tudo =)

      Abraço!

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Mad Dock: Agora quando se efetivamente os utiliza para o que vieram, tipo ligar direto na mesa e tocar através dos PAs, gravação direta, ou no power dos amplis aí a coisa muda de figura, pois fica muito simples de conseguir o timbre que se quer com um mínimo de conhecimento e esforço...e fica muito bom!!

      E muita gente não sabe disso e usa um simulador no input do amp achando que vai soar que nem um AC30, por exemplo. O resultado será um mistura!

      Bereta: o lance é buscar novas texturas sonoras. Nesse jogo vale tudo......bom.......quase tudo =)

      É uma maneira de usar. Se ficar pq é pq tá bom! hehe

      Son Volt: Acho essas coisas úteis pra quem tem um amp muito bom e precisa mudar o timbre dele,

      Pode ser usado também se vc vai fazer um show e não quer levar sei caríssimo AC30, mics, etc... Fica mais prático liga em linha e pronto, como no caso do vídeo acima.

      Abs

      MMI
      Veterano
      # out/10 · Editado por: MMI
      · votar


      MauricioBahia

      Bahia, dependendo da situação é legal sim, vale a pena um set simples e prático. Por outro lado, como o Son Volt disse, claro que ligando bons simuladores num amp muito bom, dá um resultado legal, não adianta querer tirar leite de pedra.
      Lembrei que semana passada testei o novo G-Dec da Fender. Tudo bem, aqui é para falar de pedais e isso é um amplificador com pedais, loop, bateria eletrônica, tudo incluso. Olha, vou te contar que achei fantástico.

      Bereta
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia

      (...)Fica mais prático liga em linha e pronto, como no caso do vídeo acima.

      Tem certeza de que tá em linha?? Vi alguns amps vox atras dele ali. Acho que ele só tá timbrando o amp mesmo, não? Sei lá, só cisma mesmo! =)

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10
      · votar


      Bereta: Tem certeza de que tá em linha?? Vi alguns amps vox atras dele ali. Acho que ele só tá timbrando o amp mesmo, não? Sei lá, só cisma mesmo! =)

      Tá sim, ele diz isso no vídeo. Os outros amps devem ser do James Reyne, que canta e toca guitarra.

      Inclusive o propósito do vídeo é justamente mostra o pedal AMT F1 na prática, simulando amp e gabinete.

      Abs

      Bereta
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia

      Pow, muito bacana esse pedal hein? Simulação bem consistente mesmo! Demorei pra acreditar q tava em linha. Eita GAS fdp!!!!

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Bereta

      Essa linha de predais da AMT é incrível. São pré-amps completos, incluindo loop de efeitos e simulação de gabinetes. Saída pra amp ou gravação em linha.

      E os valvulados? Paracem tanques!
      http://www.amtelectronics.com/products/amt_tube_guitar_preamp_series/

      hehe

      Em linha:


      No power


      Abs

      Bereta
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia

      Cacete!!! Esse pedal realmente me impressionou!!! Embora fique meio pé atrás com esses reviews. Mas me deu curiosidade de experimentá-los =)

      erico.ascencao
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia
      Bahia, plagiei você.

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10
      · votar


      erico.ascencao: plagiei você.

      Denunciado!

      :P

      Fred_Wylde
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia
      du caraih esse pedal/preamp eim!
      sobre o som, achei bem melhor ligado no ampli do q em linha
      sei lah acho q a simulação de falantes dele deixa um pouco a desejar
      mas engana mto bem quem não está comparando

      Bog
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia

      Esses pedais da AMT são bem legais mesmo. Estão fazendo um sucesso danado aqui no Japão. Peguei um F1 e um R1, que me surpreendeu pelo ótimo crunch (o pedal é feito para high gain!). A única coisa que incomoda é que o som fica muito agudo mesmo com o knob de agudos no mínimo, mas com um equalizador no final da cadeia, fica muito legal. Sinceramente, ligando em linha fica bem melhor que QUALQUER amp transistorado que eu já tenha ouvido.

      Volta e meia me dá uma coceira para comprar o SS-11. Aí eu lembro que é um troço caro e que eu não preciso dele. Aí eu lembro que provavelmente é uma oportunidade única, e que depois de voltar para o BR, nunca mais... GAS maldita!

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Bog: Sinceramente, ligando em linha fica bem melhor que QUALQUER amp transistorado que eu já tenha ouvido.

      Meldels!! Será que é por causa dos MOSFETs?

      GAS maldita!

      haha! Já namorei muito esses pedais da AMT, mas na hora de casar eu disse "não". :)

      Abs

      luizvaz
      Veterano
      # out/10
      · votar


      Penso igual a vc meu caro. E fico na dúvida se vale a pena comprar 1.

      MauricioBahiaFala galera!

      Acredito que muitos novatos nunca pensaram nisso.

      Quando você compra um Sansamp (Sans = sem), por exemplo, está comprando um mini amp ou mesmo, diria eu, um head!


      MauricioBahia
      Moderador
      # out/10 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      luizvaz: Quando você compra um Sansamp (Sans = sem), por exemplo, está comprando um mini amp ou mesmo, diria eu, um head!

      Sendo bem específico, são pré amps com simulação de gabinetes e outras. Tecnicamente, todo pedal é um preamp, basta ver que eles amplificam o sinal da guitarra.

      Abs

      Bog
      Veterano
      # out/10
      · votar


      MauricioBahia
      Será que é por causa dos MOSFETs?

      JFETs, no caso. Acho que, SE tiver relação com eles, é pelo jeito que eles são usados, ou seja, com o projeto bem feito. Senão daqui a pouco começamos a alimentar uma nova lenda: a de que se não tem JFET, é ruim (para se juntar à do: se não é AAAALLLL-Tube, é ruim, hehhaa).

      Uma coisa que eu reparei há muito tempo é que nessa parte de gear de guitarra, muita gente quer opinar sobre "por que é bom" mesmo sem conhecer p* nenhuma de eletrônica. Então, acabam colocando toda a responsabilidade nos componentes, já que não sabem como eles são usados dentro do projeto. Nisso, o sujeito acaba achando que pedais com válvulas e amps valvulados são a mesma coisa (afinal, o que importa é a "válvula"). Eu mesmo talvez já tenha seguido esse tipo de raciocínio, e a ficha me caiu quando vi o pessoal fã dos Axe-FX falando de convolution para lá e para cá. Como eu uso convolutions no trabalho, sei que não tem nada de mágico ou místico, é apenas uma ferramenta. No fim, julgar o projeto simplesmente pelos componentes é como julgar uma pintura simplesmente pela qualidade das tintas - é óbvio que o Michelangelo jamais poderia ter feito o teto da Capela Sistina com carvão é urucum, mas nem tampouco a genialidade da obra está no tipo de tinta que ele usou.

      Enfim, acabamos sempre voltando ao ponto: é bom porque soa bem. =P

      luizvaz
      Veterano
      # out/10 · Editado por: luizvaz
      · votar


      Desculpem-me pela ignorância, mas eu estou um tanto qto confuso sobre simuladores de amps.
      Qual seria a melhor foma de ligá-lo ao set ?
      Vale a pena a compra ?
      Funciona de verdade ?

      Abraços a todos ?

      Bog
      Veterano
      # out/10 · Editado por: Bog
      · votar


      luizvaz
      Qual seria a melhor foma de ligá-lo ao set ?

      Er... acho que boa parte da discussão deste tópico foi exatamente sobre isso! O.o

      Eu pessoalmente uso ligando num PA, no PC, ou em fones de ouvido. Isso quer dizer que quando uso simuladores, eu não uso amp de guitarra, só a potência do PA, ou nem isso! Aliás, quase todas as minhas gravações eu faço com simuladores.

      Vale a pena a compra ?
      Funciona de verdade ?

      Depende. Se você não tem ilusões de que vai transformar uma caixa multi-uso Frahn em um Bassman...

      luizvaz
      Veterano
      # out/10
      · votar


      Me ajudou muito, entendi bem o conceito da coisa !

      Abraços

      Bog : Er... acho que boa parte da discussão deste tópico foi exatamente sobre isso! O.o

      Eu pessoalmente uso ligando num PA, no PC, ou em fones de ouvido. Isso quer dizer que quando uso simuladores, eu não uso amp de guitarra, só a potência do PA, ou nem isso! Aliás, quase todas as minhas gravações eu faço com simuladores.

      Vale a pena a compra ?
      Funciona de verdade ?

      Depende. Se você não tem ilusões de que vai transformar uma caixa multi-uso Frahn em um Bassman...

      [i][/i][u][/u]

      Chines da Padaria
      Veterano
      # jan/13
      · votar


      Upando

      Em termos de pedais tenho:

      Wah- Drive-Dist- Simulador (Boss GP-20)- Eq- Chorus e Delay

      Atualmente faço a seguinte ligação para tocar em linha:
      Wah- drive-dist-Gp-20-Eq-Chorus e delay.
      Minha duvida eh:
      O simulador está no lugar correto?

      Marthin87
      Veterano
      # jan/13
      · votar


      Chines da Padaria
      E do delay vai para?

      Chines da Padaria
      Veterano
      # jan/13
      · votar


      Marthin87

      Mesa.

      Ultimamente so tenho tocado em linha.

      Marthin87
      Veterano
      # jan/13
      · votar


      Chines da Padaria
      Então o equalizador-delay- chorus ficam depois da simulação de amp, como um loop "send sem return" e vai para o mixer? Ta valendo..

      Chines da Padaria
      Veterano
      # jan/13
      · votar


      Marthin87

      isso..essa eh a ideia

      tbm ja pensei em ligar o simulador no final da cadeia mas ainda n fiz o teste.

      Obrigado pelas respostas!!!!

      Felipe_Balta
      Veterano
      # jun/13
      · votar


      Mas então...

      dando outro choque que vida no tópico...

      Li todas as postagens e praticamente resolvi o meu problema, que ainda é: simulador de drives (mais especificamente o Drive Force da Nux) ou um simulador de amps (mais especificamente o Amp Force também da Nux).

      Porém ainda restam alguns poréns a serem resolvidos para que eu possa sacramentar a minha escolha e gostaria de pedir a opinião de alguns dos Gurus do FCC (sem lambeção de saco) como MauricioBahia, Bog, MMI, entre outros, no seguinte:

      Primeiramente, meu objetivo é conseguir uma maior variedade de timbres, principalmente no tocante à drives; tenho um Fender Frontman 212r; uso um set de pedais dispostos num looper true bypass e na ordem clássica; meus drives originam-se de um PW-10 da Boss (que, apesar de ter recebido vários elogios pelo timbre que consegui, apenas me possibilita ajustar o ganho e o noise gate de cada uma dos drives que ele oferece(OD-1, OD-2, MT-2, DS-1, BD-2, Big Muff, Guv'Nor e Booster)) e de uma Utopia G100 da Rocktron (que tem drives muito bons e que também uso como mods, mas que, apesar da qualidade muito boa de ambos, dificulta a acoplagem no board, portanto, vou me livrar dela, consequentemente, perderei os seus bons drives e ficarei apenas com o PW-10).

      Tendo "dito" isso, minhas dúvidas são:

      - Largo mão de querer o simulador de amp e pego logo o de drives? (se você responder algo do tipo "mas é lógico seu animal!", não precisa nem ler o resto, você já respondeu todas as outras!)

      - No caso do simulador de amp: eu conseguiria abrir bastante o meu leque de drives apenas com o PW-10?

      - Onde raios eu coloco o simulador de amp pra obter os resultados mais fiéis ao que se propõe o pedal? No início da cadeia? No meio depois de algum outro pedal? No fim? No loop do meu amp? No c* ?

      - Caso coloque o pedal no loop: os mods e o delay ficam depois dele né? ou não?

      - Comprar os 2 (não é bem essa a intenção, mas...) seria interessante?

      Obrigado gurizada!

      Ps.: a questão em jogo não é o pedal em si, mas qual dos dois citados seria mais adequado na situação deste pobre infeliz! Valew!!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Pedais simuladores de amps ligados em amps de verdade, é besteira?

      305.927 tópicos 7.899.016 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital