Copyright vs Youtubers

Autor Mensagem
ferraz bass
Veterano
# 10/abr/19 16:37
· votar


O que até ontem era teoria da conspiração, hoje passa a ser realidade. Já cansei de ser motivo de chacota quando falava dessas coisas a 15 anos atras. Odeio estar certo.

Del-Rei
Veterano
# 10/abr/19 17:16
· votar


MatheusMX
Recentemente tem ganhado força a DLT - Decentralized Ledger Technology, da qual a Blockchain, aquela tecnologia do Bitcoin e etc, faz parte.
Ao passo que essa tecnologia avançar, a tendência é que as redes deixem de ter um controle centralizado (Youtube, Instagram, FB), e passem a surgir novas redes descentralizadas, e muito mais democráticas. Aí essas grandes corporações vão ver o tiro no pé que deram.


Cara, explica melhor aí essa parte. Fiquei confuso. Pelo que entendi, a tal lei na Europa determina a responsabilização da plataforma em relação aos direitos autorais dos conteúdos.

Como essa tal DLT iria se desvencilhar dessa lei, já que ela é aplicável a qualquer tipo de plataforma....? Mesmo os conteúdos sendo retirados do Youtube, ainda assim estariam sujeitos a essa regra da lei.

Um aceno de longe!!!

MatheusMX
Veterano
# 10/abr/19 20:28 · Editado por: MatheusMX
· votar


Del-Rei
Como essa tal DLT iria se desvencilhar dessa lei, já que ela é aplicável a qualquer tipo de plataforma....? Mesmo os conteúdos sendo retirados do Youtube, ainda assim estariam sujeitos a essa regra da lei.

Bom, o assunto é bem complexo, pois envolve uma variedade enorme de conceitos, estruturas, e aplicabilidade, mas de uma forma bem simplória seria mais ou menos o que acontece com o Bitcoin, que não está vinculado a nenhuma instituição financeira, nem sistema financeiro, normas, ou qualquer coisa do tipo, mas somente a seu próprio algoritmo, que precisa apenas do poder computacional compartilhado entre seus usuários para funcionar.
Em outras palavras, é algo com uma autonomia absurda quando comparado às formas tradicionais que conhecemos.
Aliado a isso, fatores como o anonimato, irrastreabilidade, redundância de dados, entre outros, podem tornar esse tipo de estrutura quase que imunes a ações de controle. Daí a preocupação do poder estatal com essa tecnologia, de como lidar com algo que eles não podem controlar.
Enfim, é um assunto muito interessante, vai além da tecnologia, englobando conceitos políticos, sociológicos, éticos, morais, filosóficos e etc, kkkk.

Del-Rei
Veterano
# 10/abr/19 22:59
· votar


MatheusMX
Parece ser complicado mesmo, embora eu perceba que as administrações dos países estejam se voltando pra tentar controlar essas novas formas de movimentação financeira.

Esse ano o Brasil já passou a exigir declaração de moeda Bitcoin em imposto de renda.

Sobre a questão dos direitos autorais no YouTube, estou começando a achar que debandar o conteúdo pra outras plataformas pode ser chover no molhado. No caso, os canais não têm como manter anonimato e criar conteúdo de forma frequente. O canal tem que ter alguma cara, tem que ter alguém interagindo com o telespectador.

Um aceno de longe!!!

MatheusMX
Veterano
# 11/abr/19 00:31
· votar


Del-Rei
Parece ser complicado mesmo, embora eu perceba que as administrações dos países estejam se voltando pra tentar controlar essas novas formas de movimentação financeira.

Esse ano o Brasil já passou a exigir declaração de moeda Bitcoin em imposto de renda.


Os Estados estão lutando com as armas que tem... tentaram restringir de várias formas, mas nada foi muito eficaz.
A RFB obrigar a declaração de criptomoedas chega a ser engraçado, tendo em vista que eles nunca saberão quem as possui. Mas isso também não impede quem quer declarar corretamente de o fazer.


Sobre a questão dos direitos autorais no YouTube, estou começando a achar que debandar o conteúdo pra outras plataformas pode ser chover no molhado. No caso, os canais não têm como manter anonimato e criar conteúdo de forma frequente. O canal tem que ter alguma cara, tem que ter alguém interagindo com o telespectador.

Em casos mais radicais isso pode ser um problema mesmo. Afinal, a pessoa pode esconder seu nome, seus dados, ser irrastreável, mas a imagem é mais complicada de desvincular. Porém sempre dão um jeito, nem que sejam máscaras ou plásticas virtuais, kkkk.
Ou talvez simplesmente nem se preocupem com essas coisas, apenas divulguem seus conteúdos normalmente, assumindo os riscos, e quem se sentir prejudicado que corra atrás.

Del-Rei
Veterano
# 11/abr/19 01:21
· votar


MatheusMX
e quem se sentir prejudicado que corra atrás.

Então.... mas é isso que as gravadoras já estão fazendo. Só que elas têm muita força. Daqui a pouco tem Youtubers migrando pra deep web, rs.

Pelo que estou percebendo, há 2 possíveis cenários. Um em que as gravadoras pressionam o YouTube a permitir essa avalanche de copyright strikes, e o YouTube, por sua vez, se finge de morto enquanto os conteúdos são excluídos. E é esse o cenário atual que percebo. Só que talvez o YouTube não perceba que cava a própria cova, pois a galera já está migrando pra outras plataformas.

O outro cenário, pior de todos, é a tal lei europeia que responsabiliza a plataforma pelo conteúdo que infringir as normas de direito autoral. Aí, não só o YouTube como praticamente todas as plataformas vão pro saco juntos. Eu torço pra que os outros países não resolvam implementar essa medida também.

Um aceno de longe!!!

MatheusMX
Veterano
# 11/abr/19 01:56
· votar


Del-Rei
Acho que é por aí mesmo.
Da forma que vejo, o YouTube está mais para um refém, que facilita o trabalho dos detentores de direitos autorais, em troca de não ser punido por atos de terceiros. Aposto que os diretores do YouTube/Google não devem estar contentes com isso, pois eles sabem quais serão as consequências disso.

Por outro lado, as redes descentralizadas não teriam esse problema.
Primeiro porque não teria como identificar os responsáveis pela rede da forma como acontece com o YouTube, pois não seria uma empresa, seria apenas um sistema autônomo, praticamente impunível.
E segundo porque os detentores dos direitos autorais não teriam essa moeda de troca para barganhar a facilidade de controle que possuem atualmente. Poderiam até sair processando os usuários, um por um, mas imagina o custo e o tempo que isso levaria... seria inviável pra eles.

ferraz bass
Veterano
# 11/abr/19 08:17
· votar


Um assunto muito interessante, enfim, infelizmente o Youtube esta chegando ao fim, por causa dessas malditas penas punitivas, censuras, strikes, desmonetização, etc, uma pena, pois gosto muito dessa plataforma. Sem criadores de conteúdo, o Youtube já era, talvez até sobreviva, porém como eu já disse anteriormente, terá que se transformar como as TVS de Canal aberto, com programação lixo, talvez até a Globo Lixo e afins alugue o Youtube para começar a passar as suas porcarias.

Lelo Mig
Membro
# 11/abr/19 08:26 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Del-Rei
MatheusMX
ferraz bass

Foi justamente a anarquia, falta de controle e de regras, que possibilitou que o Youtube tenha tanta porcaria, tanto lixo e tanta coisa boa.

Essa liberdade total favorece a criatividade... pro bem e pro mal.

Eu entendo as regras, a "necessidade" do controle, os copyrights dos criadores. Entendo e respeito.

Mas, fica tudo certinho, formatadinho, politicamente correto... ou seja, a plataforma vai ficar tipo uma "TV aberta".

Del-Rei
Veterano
# 11/abr/19 13:23 · Editado por: Del-Rei
· votar


MatheusMX
Aposto que os diretores do YouTube/Google não devem estar contentes com isso, pois eles sabem quais serão as consequências disso.

Sim, lá no primeiro vídeo que você postou o Paul Davids mostra uma mensagem do Youtube pedindo ajuda. Estão desesperados, já viram a merda.

Poderiam até sair processando os usuários, um por um, mas imagina o custo e o tempo que isso levaria... seria inviável pra eles.

Certamente. Porque uma coisa é estar em casa e apertar uns botões pra dar um copyright strike molezinha. Outra é ter que acionar o judiciário.

Eu acho que o Youtube hoje está em maus lençóis, mas acho que ele cavou sua cova. Não devia ter cedido à pressão das gravadoras.Youtube criou um esquema que favorece às gravadoras enquanto ele se finge de morto quando os youtubers pediam ajuda.

No Youtube há ferramentas que permitem às gravadoras bloquearem, de maneira ridiculamente fácil, qualquer vídeo - e o mais bizarro é que a contestação do youtuber é analisada por quem bloqueou o vídeo, como o Paul Davids mostrou no vídeo.


Lelo Mig
Eu entendo as regras, a "necessidade" do controle, os copyrights dos criadores. Entendo e respeito.

Da forma que está sendo feita, não concordo, muito menos respeito. Nunca vou concordar um cara que ensina a tocar um riff ter seu vídeo bloqueado por problemas com direitos autorais. Ou ainda, vários casos de vídeos de mais de 10 minutos com mera passagem de 5 segundos de uma música, e a gravadora passa a ter toda a monetização sobre o vídeo. Não dá pra respeitar isso.

As gravadoras estão é desesperadas. a internet e o Youtube deram visibilidade aos artistas de forma que jamais teriam conseguido nas eras passadas.

A vida inteira as músicas famosas foram usadas em aulas de escolas de música. O aluno se matricula numa escola de música e quer aprender sua música favorita. Desde que começou a internet, há sites de cifras e tablaturas. Existe até software especializado em cifras e tablaturas. Mas um cara executar riff no youtube não pode....???

Um aceno de longe!!!

Del-Rei
Veterano
# 11/abr/19 16:19
· votar


Seria interessante que todos os grandes youtubers criassem vídeos com conteúdos de várias empresas diferentes (Warner, EMI, Sony, Fifa, etc, etc) e ver como elas brigariam entre si pelos direitos do vídeo.

Um aceno de longe!!!

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 11/abr/19 17:04
· votar


MatheusMX
Aí essas grandes corporações vão ver o tiro no pé que deram. Obviamente eles já sabem disso, só não acreditam que vai acontecer. Os grandes bancos e bancos centrais já levaram um susto grande por conta disso, recentemente, mas por algum motivo conseguiram contornar a situação, por enquanto.
E torna-se um ciclo vicioso...
Essa é a dinâmica interna do Capital, e isso não mudou... É essa dinâmica que faz do Capitalismo um "sistema" (ou "modo-de-produção") tão dinâmico e é por isso que ele não "implode". Daqui à pouco, as Grandes Corporações estarão controlando totalmente o yu2b segundo seus interesses e seus objetivos de lucro maximizado, e, mesmo se surgirem outras plataformas, elas "vão correr atrás"... Temos uma briga de "gato e rato"... Enquanto que o que gera a briga não é afetado...
Abç

Del-Rei
Veterano
# 11/abr/19 17:29
· votar


Mauricio Luiz Bertola
Daqui à pouco, as Grandes Corporações estarão controlando totalmente o yu2b

Eu diria que já estão. Youtube se finge de morto nessa caça que as empresas fazem aos youtubers.


Enquanto que o que gera a briga não é afetado...

Não adianta.
O dindin vai mover o mundo e ditar as regras até o fim da existência humana. Vai ser a eterna guerra pelo poder.

Um aceno de longe!!!

Lelo Mig
Membro
# 11/abr/19 18:48 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Del-Rei
Mauricio Luiz Bertola

De forma simplificada a coisa funciona assim:

Os covers e etc, violam os copyrights etc. Isso mexe no bolso das gravadoras e artistas mainstream.

Mas, os caras não vão criar uma "bancada analisadora" caso à caso. Isso custa caro! Ninguém quer despesa... só lucro.
Bota um programa, busca/caça por algoritmo, e bota tudo no mesmo balaio.... cover, review, aula e etc.

Dá strike em todo mundo e foda-se. Quem se achar prejudicado que corra atrás.

Como a grande maioria é independente, faz seus vídeos no quarto, sem recursos... não vai entrar nessa briga.

A corda estoura pro lado do mais fraco e foda-se.

Alguém tá preocupado que você assiste aulas ou review? Não! A única preocupação é que você consuma e pague.

MatheusMX
Veterano
# 11/abr/19 19:01
· votar


Mauricio Luiz Bertola
E torna-se um ciclo vicioso...
Essa é a dinâmica interna do Capital, e isso não mudou... É essa dinâmica que faz do Capitalismo um "sistema" (ou "modo-de-produção") tão dinâmico e é por isso que ele não "implode".


De fato.
Os grandes (Estados e Corporações) são sedentos por controle, e não admitem perdê-lo.
Sempre que houver ameaças eles farão tudo o que for po$$ível para evitar.

Del-Rei
Veterano
# 11/abr/19 19:39
· votar


Lelo Mig
Dá strike em todo mundo e foda-se. Quem se achar prejudicado que corra atrás.

Na prática é essa a postura do YouTube - ele não está nem aí... Ou não estava. Até que essa passividade começou a causar o próprio declínio. O Youtuber número 1 já migou pra outra. Vários canais encerraram as atividades. Isso reflete menos acesso ao próprio YouTube. Mas agora está pedindo ajuda aos próprios youtubers. Se fudeu.

Um aceno de longe!!!

Lelo Mig
Membro
# 11/abr/19 19:53 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Del-Rei

Cara tenho um amigo que trabalha na Globo.

Ele comentava que o Ibope de Ana Maria Braga + Bem Estar + Fátima Bernardes somados, é menor do que da antiga TV Globinho com desenhos.

Mas, devido às regras impondo uma série de restrições nas propagandas voltadas para crianças (hoje em dia é praticamente proibido estimular o consumo nas crianças, brinquedos, guloseimas, etc)... A emissora deu um foda-se na criançada porque o retorno financeiro, apesar da audiência menor, é maior com estas merdas de programas.

Você acha que não tem ninguém inteligente o suficiente dentro da emissora para saber que isso é um puta tiro no pé, porque estão criando uma geração que não vai adquirir hábito de ver TV? Que isso irá quebrar a TV como a conhecemos?

Os caras sabem. Mas, vamos encher o cu de dinheiro aqui e agora... foda-se o amanhã.

Quem não pensa deste jeito não enriquece. (Por isso sou pobre).

Se preocupar com o outro ou com amanhã não dá dinheiro.

Se o Youtube encolher, outro vai crescer... quando chegar este dia... foda-se o Youtube. Irão meter algoritmo no novo.

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 11/abr/19 20:01
· votar


Del-Rei
Não é "dindin" de uma forma simplista.
Dinheiro existe antes do Capitalismo, e é uma invenção útil pra caramba.
A questão é a concentração de Capital (que inclui também dinheiro) que o Capitalismo gera e promove cada vez mais tendo os governos (os Estados) como seu principal instrumento.
Abç

Del-Rei
Veterano
# 12/abr/19 00:37
· votar


Lelo Mig
Você acha que não tem ninguém inteligente o suficiente dentro da emissora para saber que isso é um puta tiro no pé, porque estão criando uma geração que não vai adquirir hábito de ver TV? Que isso irá quebrar a TV como a conhecemos?

Certamente sabem, até porque ninguém monta um império sendo burro. Acho uma pena estarmos caminhando nessa direção. Os anos 80 eram sensacionais... rsrsrs.

A TV como conhecemos está com os dias contados. Os conteúdos por demanda estão cada vez mais populares e a programação tradicional de TV iria pro saco em alguma hora, de qualquer forma. As próximas gerações não vão aceitar ter que assistir nada que tenha hora e dia específico pra passar.

Mauricio Luiz Bertola
Curioso que sempre que vem esse papo de reforma da previdência as pessoas entram em pânico, mas depois esquecem... Me deixa triste que em momento nenhum os governantes se preocupam em implementar uma educação financeira como disciplina nas escolas. Isso traria excelentes resultados pras gerações futuras. Mas isso não deve ser interessante pro governo.... Estou comentando isso porque esse papo de capital, dinheiro, concentração, etc, deveria ser mais íntimo das pessoas.

Um aceno de longe!!!

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 12/abr/19 06:35
· votar


Del-Rei
Sobre a reforma da previdência:
https://www.youtube.com/watch?v=zTqBFUj0FsE&t=39s
https://www.youtube.com/watch?v=LLbhXM-bU20
Educação financeira é algo muito recente, mesmo nos programas escolares dos países desenvolvidos essa disciplina tem relativamente pouco tempo.
Abç

ferraz bass
Veterano
# 12/abr/19 08:05
· votar


Del-Rei
Na prática é essa a postura do YouTube - ele não está nem aí... Ou não estava. Até que essa passividade começou a causar o próprio declínio. O Youtuber número 1 já migou pra outra. Vários canais encerraram as atividades. Isso reflete menos acesso ao próprio YouTube. Mas agora está pedindo ajuda aos próprios youtubers. Se fudeu.

Como dizia aquele velho ditado :
Tudo o que você planta, um dia você colhe.

The Man Who Sold The World
Veterano
# 12/abr/19 14:58
· votar


ja faz um tempo eu migrei pra Twitch, a proposta é bem diferente mas pra mim funciona
a galera faz lives, rola interação do chat com o streamer, assim como conversas entre as pessoas assistindo
no "geral" os streamers ganham seu salario por meio de doações e dos subs, ou seja pra voce se inscrever em um canal, voce paga e ajuda o cara
é claro, voce pode favoritar os canais e saber quando iniciou a live e etc
e sim, a plataforma também tem alguns problemas principalmente com a busca que ainda não funciona direito
mas vejo que a tendencia dos sites é de proporcionar melhores oportunidades pra galera trabalhar, principalmente os que estão crescendo
pra mim o youtube já é uma tecnologia ultrapassada

Flipe J.
Membro Novato
# 12/abr/19 20:36
· votar


Eu acho que pelo menos pra galera do cover deveria ter uma divisão da revenue mais "justa" e não simplesmente ignorarem seu tempo gasto no cover e ir tudo pro detentor dos direitos autorais.

A pergunta que não quer calar é se eu criar uma musica original e upar no YT e na composição tiver um riff parecido com uma banda qualquer de um país qualquer que nunca ouvi falar, sendo um plágio invonlutário, vai levar strike... Aí já seria o fim da picada.

Flipe J.
Membro Novato
# 12/abr/19 20:36 · Editado por: Flipe J.
· votar


dupro

Filippo14
Veterano
# 13/abr/19 08:32
· votar


Mauricio Luiz Bertola

Que capital, cara? Capitalismo não tem nada a ver com grandes corporações. Blockchain e criptomoedas surgiram justamente para democratizar o dinheiro e tirar essa produção monetária da mão do Estado. Liberalismo em muitas vertentes é contra propriedade intelectual, o que acaba por abominar totalmente essa questão de copyrights. Centralização, corporações (gigantes nacionais) entre outras características a gente vê em outros sistemas, mas culpar o "capitalismo", que em sua essência difere em muito do que vemos por ai, é brincadeira.

Po, cara, sério mesmo, Previdência? Sério mesmo que você acha que a aposentadoria hoje funciona? De verdade, assim, não vale a pena nem discutir, não é possível, você deve querer todo mundo na pobreza, juro, INSS é um lixo cara... Falar que a proposta é pouco austera eu até concordo, mas ser contra é foda. Melhor acabar logo com essa Previdência então e segue cada um por sí de uma vez.

Abraço

Casper
Veterano
# 13/abr/19 12:32
· votar




Casper
Veterano
# 13/abr/19 12:32 · Editado por: Casper
· votar




MatheusMX
Veterano
# 13/abr/19 14:38
· votar


Putz, até o video do Paul Davids que coloquei na inicial do tópico já desapareceu do YouTube, haha

Mauricio Luiz Bertola
Veterano
# 13/abr/19 15:31
· votar


Filippo14
Jovem, você acha que Capitalismo é o que?
Capitalismo não tem nada a ver com grandes corporações.
AHAHAHAHAHAHAHAHAAAAAAAAAHHHHH....
Desculpa, mas... só rindo dessa afirmação aqui...
Blockchain e criptomoedas surgiram justamente para democratizar o dinheiro e tirar essa produção monetária da mão do Estado
Quer dizer que programas de computador e esquemas de "pirâmide" vão "destruir" o Capitalismo???? Uáu! Essa nem mesmo o grande astrólogo Olasno de Carralho previu...
Liberalismo em muitas vertentes é contra propriedade intelectual
AHAHAHAHAHHAHAAAHHH...
Publique aí na sua casa um livro copiado do Instituto Von Mises (sic!) pra você ver o que te acontece...
Cara... Nem vou discutir mais isso com você, ok... Um abraço e uma musiquinha...
https://www.youtube.com/watch?v=CTYA1DoC7iY

Del-Rei
Veterano
# 13/abr/19 16:37
· votar


MatheusMX
Muito louco. Será que foi ele que removeu, ou o próprio Youtube...? Ou alguma gravadora...? rs

Um aceno de longe!!!

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Copyright vs Youtubers