Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      A Pirataria Venceu?

      Autor Mensagem
      Prof. Grosélio
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Julia Hardy
      fico impressionada que ainda se grave cd.


      Tem associação de músicos que só considera cantor (Ou aceita como cantor) quem já tem algúm trabalho gravado para fins comerciais. Não vale CD demo.

      BaNdAiD
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      A Pirataria venceu no momento em que foi inventada a internet. O lance é que algumas pessoas são muito cegas para ver isso...

      VIVA O GOOGLE!!!

      Honestamente, se o google dominar o mundo, eu não vou achar nem um pouco ruim!!

      trobb
      Veterano
      # mai/09 · Editado por: trobb
      · votar


      Viva a pirataria !
      Velho eu acho que a pirataria é boa pro mundo da música,já os outros só é bom para nozes.

      As pessoas tem oportunidade de experimentar todas as musicas que ele quiser de graça e se ele gostar mesmo ele pode ir ao show ou comprar o CD original.

      Filme o cinema nunca vai falta gente nem se o ingresso passa de 20 real (tipo aqui em londrina[3D na sexta a noite é R$20 e ainda quem compra pipoca e coca-cola já vai mais 10 reais]) só é ruim pras locadoras,mas é só vira lanchonete que não falta fregues.

      fill.zanchez
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Prof. Rosélio Araujo
      Estava na cara que isso iria acontecer. Com isso ganha os grandes, ou os que já tem muito dinheiro.

      Discordo,

      Vamos lá, hj em dia os CDs são lançados pra vender, e qm mais vende são as bandas "made in MTV".
      Sendo assim, se uma taxa mensal fosse cobrada para liberação de downloads as gravadoras não se preocupariam tanto em meter o bedelho no trabalho dos músicos! Na verdade os pequenos teriam mais chances, pois na internet teriam o mesmo espaço diante aos músicos famosos... A disputa iria aumentar, a qualidade musical tmb, trabalhos independentes teriam mais espaço...
      Tmb sobre produtores independentes que gostariam de uma fatia do bolo das grandes gravadoras, a solução seria algo como criar um PJ e requerer uma porcentagem em cima dos downloads de suas músicas, tudo controlado por grandes sites de download (aí nasceria a corrupção digital, mas tudo bem...).

      Por fim, aí sim a pirataria acabaria...

      McBonalds
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      os pequenos teriam mais chances, pois na internet teriam o mesmo espaço diante aos músicos famosos

      Não acho que o espaço seria tão igual assim. Os grandes contratariam grandes agências de publicidade digital e investiriam centenas de milhares de reais em pop-ups,spams e banners, enquanto os pequenos dependeriam apenas do que aprenderam no cursinho de web-designer.

      Deiab
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      O Google é o meu pastor e nada me faltará!!!

      Kyrinus
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      se não fosse o download gratuito e coisas como o Youtube, algumas bandas conhecidas no mundo todo não teriam suas musicas tocadas nem em 1/3 das rádios do seu próprio país.

      o que eu quero dizer é que, na minha opinião, a "pirataria" serviu como meio de propagação para tudo e para todos, e o melhor, sem cobrar nada por isso.

      abraços?

      fernando tecladista
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Kyrinus
      se não fosse o download gratuito e coisas como o Youtube, algumas bandas conhecidas no mundo todo não teriam suas musicas tocadas nem em 1/3 das rádios do seu próprio país.

      o que eu quero dizer é que, na minha opinião, a "pirataria" serviu como meio de propagação para tudo e para todos, e o melhor, sem cobrar nada por isso.


      também vejo isso
      todo esse blá blá blá, pode ver que não sai do mesmo lugar, se fala, fala e não muda, dá pra contar nos dedos artistas que vi abraçar a causa, acho que a maioria mesmo nem esquenta melhor que baixem a minha do a do outro

      MauricioBahia
      Moderador
      # mai/09
      · votar


      As grandes corporações em geral, não gostam da mudança pq vai exigir que a as mesmas mudem! Isso exige esforço e grana. Levantar do trono é incômodo e além disso vc corre o risco de ter a cadeira puxada. Então, ninguém quer perder o reinado nesse mundo de $$$$$$$. E a internet é uma ameaça em potencia pq nela existe o agente da mudança, que é o poder da massa.

      xXx Icaro xXx
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Sei que devemos prestigiar o artista...
      Mas muitas pessoas assim como eu não tem condições de comprar um cd original...
      Aí o negócio é baixar mesmo da net...

      jimmy vandrake
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      xXx Icaro xXx

      A questao nao é condiçao, mas sim saber dar valor ao seu dinheiro.

      edu ROCK
      Veterano
      # mai/09 · Editado por: edu ROCK
      · votar


      MauricioBahia

      Achei uma matéria interessante, na qual Duff, ex-baixista do Guns e atual Velvet Revolver, fala sobre a pirataria, mais especificamente sobre o caso do Napster.

      Duff McKagan: gravadoras perderam oportunidade com Napster

      Pra quem não quiser ler tudo, resumidamente a história é assim:
      todos vocês sabem que o Metallica processou os criadores do programa Napster, por violação de direitos autorais, e coisa e tal.

      Mas , a novidade(e que Duff revela nessa matéria) é que o Napster propôs um acordo com as gravadoras:dividir com as gravadoras o lucro que eles estavam obtendo com os anúncios.
      Assim, os artistas ganhariam dinheiro, as gravadoras ganhariam dinheiro, e nós (os fãs) baixaríamos a música de graça,ou seja, todos sairiam ganhando.
      (O que vem a ser bem parecido com o esquema do download remunerado, tema daquele tópico que eu fiz.)

      E as gravadoras(adivinha?) recusaram...
      Ou seja, o que está acontecendo agora com as gravadoras é culpa delas próprias...isso prova que a indústria fonográfica tem uma mentalidade arcaica, e não soube se adaptar as mudanças que ocorreram.

      MauricioBahia
      Moderador
      # mai/09
      · votar


      edu ROCK
      A indústria fonográfica queria TUDO e nada menos que isso. A idéia de perder o reinado deve ser algo bem inconveniente pro Rei.
      Abs

      edu ROCK
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      MauricioBahia

      Concordo plenamente.
      Eu penso da seguinte forma: é melhor ter alguma coisa, do que não ter nada.
      Com certeza a indústria não pensou assim.

      Abraço

      Neologico
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Eu odeio de todas as formas possíveis o mp3!!

      A cópia venceu sim e ainda bem, é preciso se acostumar que o mundo daqui para frente será compartilhado, mas o que poucos sabem é que o mp3 é uma enganação! Aquilo não é música, ele remonta do tempo da internet discada, seu tamanho é irreal se comparado ao original, para quem entende de audio, sabe que o mp3 corta frequências da música e em troca o compacta com eficácia, Mas já circula principalmente de bandas estrangeiras o que chamam de lossless(Sem perda de qualidade) o mais popular codec que compacta como se "zipasse" o arquivo é o FLAC, Sim ele diminui um WAV de tamanho gigantesco sem perder uma informação sequer e em um volume mais alto, e o processo é totalmente reversível caso se queira gravar um cd (igual ao original). Desses lossless,
      aí sim, eu tenho vários aqui, principalmente do Rock Inglês, como o tamanho é bem maior, eu passo para CD de Audio, vale o armazenamento e preenche o cd todo. Fica aí a dica.

      yue-lemoned
      Veterano
      # mai/09 · Editado por: yue-lemoned
      · votar


      CD é bom, download nunca que vai substituir a sensação de abrir a caixa, sentir o cherinho de papel novo...

      Mas pelo menos pra mim, isso só vale para as minhas bandas preferidas.

      E essa história que o edu ROCK comentou, pelo que eu sei, já acontece com algumas bandas japonesas (não "famosas") e também lembro de ter visto um músico brasileiro famoso, que eu não me lembro quem é (provavelmente do samba ou do pagode), disponibilizando esse serviço.

      Isso sim é futuro.

      Neologico

      Totalmente irrelevante.

      E eu duvido alguém que tenha equipamento normal (caixa de som de pc fuleira, fone de ouvido comprado no camelô; provavelmente mais de 90% das pessoas devem se encaixar aqui) reconhecer a diferença entre lossless e um .mp3 de 128.

      Aliás, mesmo com os MELHORES equipamentos do mundo, é praticamente impossível reconhecer um .mp3 de 320 de um lossless.

      Neologico
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Bom eu que não toco nenhum instrumento percebo muita diferença!

      Imagine quem sabe diferenciar as notas e tem o ouvido treinadinho?

      Quando ouço um mp3 percebo na hora, praticamente iguais os sons, muda o ritmo, o que diferencia uma música da outra não está mais lá para contar a história.

      MARCIO.LIMEIRA
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      eu não baixo músicas da internet...

      só copio a que meus amigos baixam heheheh
      (dá menos trampo)

      eu acho tudo isso uma puta palhaçada... a gravadora tem q sofrer as consequências agora... sempre quis ganhar dinheiro fácil e empurrar porcarias pra mídia... agora tá doendo no bolso.. bem feito

      Neologico
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Olha só é a segunda vez que vejo nesse fórum que depois de 320 kbps o ouvido humano não sabe a diferença, que precisa de um equipamento da Nasa e etc. Estou entrando nessa questão pois a pirataria não competia com o original em termos de qualidade, mas isso está mudando cada dia mais!

      Em primeiro lugar aqui se tem uma boa base de um cara que realmente entende de audio e postou isso no GH

      http://www.guiadohardware.net/comunidade/flac-vantagens/867341/

      Agora vamos pensar comigo, as músicas nos Cds vêm em 1411 kbps, quer dizer que os produtores, as gravadoras, estão desperdiçando dinheiro com esse bitrate, sendo que só precisavam de 320 kbps? Até 1411(talvez até mais, dependendo do sujeito!) o ouvido humano escuta e diferencia bem, isso é fato, tudo que você precisa é de um microsystem igual o meu, com duas caixinhas estéreo e notará a diferença, por esse motivo o original sempre superou um pirata mp3, de fato as caixinhas internas do meu notebook são uma bosta, mas se eu ligar o fone de ouvido, direto na "fonte" do som(isso porque meu notebook é bem antigo), eu vou sentir toda a diferença.

      Neologico
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Continuando!

      Tenho uma música aqui de 22 minutos, ela tem 230MB sem compressão nenhuma, em WAV, 1411 kbps, pensem logicamente, se eu transformar em mp3 e ela passar a ter 15 MB, isso significa menos de 10X do tamanho original, então de um cd original, só é possível ouvir menos de 10% da música realmente, eu já ouvi falar de uma nota que os beatles puseram imperceptível ao ouvido humano que só os cachorros ouvem, mas isso é rídiculo, a não ser que a pessoa ainda viva o mito de que só usa 10% do cérebro, vai ver é isso.

      Não daria para perceber também a diferença entre um dvd-rip e um dvd original? Na imagem?

      Olha o mp3 remonta da época da internet discada, era o único jeito de compartilhar naquele tempo, eu por exemplo tenho 80GB no notebook de HD, o que faço? Gravo cds de audio, um cd virgem é tão baratinho, e nunca o lossless vai ultrapassar o cd de 700MB(obvio ele surgiu de um tbm), basta eu descompactar como se tivesse zipado o FLAC e gravar o WAV como aúdio, sem compressão novamente, agora os dados perdidos, as frequências costumam ser as partes mais lindas das músicas(a música corre rápido é normal agente deixar isso passar um pouco despercebido), mas o que fica no mp3 definitivamente são as partes mais obvias da música, não é atoa que lá fora, o pessoal já tenha separado espaço para o lossless, já existam show raros nessa qualidade, enfim é isso.

      MARCIO.LIMEIRA
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Neologico

      cara, agora pensa do ponto de vista econômico...

      vc acha que as grandes gravadoras estão realmente preocupadas com qualidade de áudio????

      uma coisa é 2% dos consumidores que apreciam a música (vc, eu e os membros desse fórum rsrs) procurarem a qualidade, os timbres únicos, os volumes, e muitas vezes até os clips do audio ou erros da músicas... normalmente buscamos isso nos clássicos do led, beatles, floyd ou pros mais conhecedores (eu não me incluo nisto), Bach, Bethoven, etc...

      daí tem a outra parte da população (98%)... NX Zero, Fresno, Calypso, Bonde do Tigrão, e afins.... vc acha q esses caras estão procurando qualidade de audio?
      Quem ouve Calypso que mais é tocar num volume absurdo pra galera dançar...

      A qualidade hj, do ponto de vista econômico, pelo menos para música é o que menos interessa para as gravadoras...

      MARCIO.LIMEIRA
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      não esqueçam de comparar.. .
      quem vende mais no Brasil?
      Calypso ou Bach?

      yue-lemoned
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Neologico

      http://www.head-fi.org/forums/

      Você deve conhececer, se não, te apresento o melhor fórum sobre áudio.

      E repito novamente, é semi-impossível diferenciar 320 por um lossless.

      Gráficos e números não representam absolutamente nada, isso é efeito placebo.

      Vários fóruns conceituados (incluindo o head-fi) já fizeram vários testes cegos com os usuários, em TODAS as pesquisas, não obteve nenhum resultado satisfatório.

      Nunca apareceu uma pessoa sequer que conseguiu provar de fato que consiga sentir a tal diferença.

      Gui rebelo
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      MauricioBahia
      sim, a pirataria venceu

      Neologico
      Veterano
      # mai/09
      · votar


      Ok Yue, eu só quis compartilhar o que sei sobre o assunto, cabe aos usuários decidirem, para mim tanto faz o que os outros estão ouvindo, tendo meu lossless para eu curtir como o amigo aí de cima citou os clássicos.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # mai/09 · Editado por: Mauricio Luiz Bertola
      · votar


      Neologico
      Cara, vc tem alguma razão.
      Não é à toa que, ao ouvir MP3 no meu sistema de som (todo ele dos anos 80, portanto de qualidade MUITO superior em potência, THD e resposta de frequencia) à esses mini-sistemas atuais, percebo claramente a compressão e distorção (que às vezes inutiliza o arquivo). Quando ouço meus vinís no meu toca-discos DD ou CD's originais no meu CD-Player, isso não ocorre. Curiosamente ao ouvir os mesmos MP3 no meu MP3 player desses "de ouvido", essa distorção não é audível. Por que será?
      Abç

      Minow
      Veterano
      # mai/09 · Editado por: Minow
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola
      Na verdade os MP3 digitalizados a partir de LPs já caíram nessa nova estética de compressão absurda na remasterização, o que é uma pena.
      É possível ter a dinâmica descomprimida dos analógicos no digital, mas o que se ganha na falta do hiss e dos pops, se perde diretamente em super agudos e freqüências dobradas no caso do MP3.

      Mas na minha opinião, o MP3 em matéria de praticidade é maravilhoso.
      Um Mp3 em 320 não perde tanto em relação a um WAV, pra o que muda no tamanho do arquivo, então acaba valendo muito a pena.
      O Mp3 é a mídia do futuro (ou presente!), uma mídia virtual, prática, rápida e econômica.

      Neologico
      Veterano
      # jun/09
      · votar


      Neologico

      cara, agora pensa do ponto de vista econômico...

      vc acha que as grandes gravadoras estão realmente preocupadas com qualidade de áudio????

      uma coisa é 2% dos consumidores que apreciam a música (vc, eu e os membros desse fórum rsrs) procurarem a qualidade, os timbres únicos, os volumes, e muitas vezes até os clips do audio ou erros da músicas... normalmente buscamos isso nos clássicos do led, beatles, floyd ou pros mais conhecedores (eu não me incluo nisto), Bach, Bethoven, etc...

      daí tem a outra parte da população (98%)... NX Zero, Fresno, Calypso, Bonde do Tigrão, e afins.... vc acha q esses caras estão procurando qualidade de audio?
      Quem ouve Calypso que mais é tocar num volume absurdo pra galera dançar...

      A qualidade hj, do ponto de vista econômico, pelo menos para música é o que menos interessa para as gravadoras...


      Se não se preocupam nem um pouco, então porque os Cds não saem igual ao mp3, mas em formato de audio? pense o quanto isso pouparia nos gastos...

      Abraço!

      edu ROCK
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Dando um up no tópico...
      Essa semana aconteceu um fato importante e eu acho que é pertinente ao assunto do tópico:o site The Pirate Bay foi vendido, e vai passar a distribuir músicas legalmente.

      Segue o link:http://www.cifraclubnews.com.br/noticias/18085-pirate-bay-vendido-tera -compartilhamento-de-arquivos-legalizado.html

      zoso
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      edu ROCK

      Sim, eu vi, interessante mas na minha opinião vai continuar a mesma coisa.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a A Pirataria Venceu?

      306.096 tópicos 7.902.468 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital