Aproximadamente 2 meses de piano, estou criando vicios?

    Autor Mensagem
    rhoadsvsvai
    Veterano
    # 01/mar/17 01:25


    Tenho contato com o piano desde pequeno pois meu pai sabia tocar e tinha um piano na casa dele, com ums 12 anos de idade, cheguei a fazer menos de 1 mes de aula, e de lá pra cá, as vezes tento aprender, mas sempre acabava por desanimar, pois só tinha um teclado pra praticar (não moro na casa do meu pai), poucas oitavas, teclas que parecem de papel sem resposta de dinâmica etc.

    Outro motivo que sempre me levava a desanimar é a minha idade, uma vez que o classico é que se inicie com 4~7 anos. mas ai pensei, quer saber? só vou viver uma vez, depois acabou, se eu não aprender algo que eu quero aprender a unica coisa q isso vai me causar é inveja de quem sabe, e infelicidade de não saber.
    de dezembro pra cá, resolvi recomeçar a estudar, desta vez visando o longo prazo, e de forma mais disciplinada, em janeiro comprei um piano digital e comecei de fato a aprender,

    Meu objetivo não é interpretar lizt com o dobro da velocidade sem errar uma nota, até pq esse papo de ser interprete é chato pra caralho, eu quero é ter capacidade de compor e improvisar com naturalidade no instrumento usando as duas mãos, musicalmente quero tocar algo na praia do boogie woogie, stride, jerry le lewis essas coisas, sei que vai levar anos, mas estou pronto pra insistir.

    Para esse objetivo estou priorizando musicas que tenham saltos na mão esquerda, ou andamento quebrado (3/4 , 12/8) e que em geral trabalhem a independência da mão esquerda

    Sei que o piano é um instrumento super perigoso de se aprender sozinho, e por conta da faculdade, família, questões de prioridades financeiras etc, ter aulas esta fora dos meus planos.

    Gostaria que avaliassem pelo vídeo se estou desenvolvendo algum mal habito, que se virar um vicio no futuro em musicas mais avançadas vai me prejudicar, cometi alguns erros de execução, mais me refiro mais em posição das mãos etc.






    Adler3x3
    Veterano
    # 01/mar/17 07:00 · Editado por: Adler3x3
    · votar


    Hoje os tempos são outros.
    Temos muito mais recursos, a forma de aprendizagem mudou, e a internet e outros meios são válidos.

    E a realidade é outra, e o que você esta fazendo é se adaptar as suas limitações.

    Acho que você esta no caminho certo.
    Um erro ou outro não importa, o que vale e ir ganhando a fluidez.
    E não sou um tecladista, toco teclado mas...

    O certo é ter um bom professor, mas como já foi dito os tempos são outros.
    Mas de tempos em tempos você pode consultar um professor para fazer uma avaliação e ir corrigindo os erros na medida do possível.

    Hoje temos acesso a informação e a bons livros e tutoriais como nunca.

    E os estudos a medida que progredir vão abri a sua consciência para compor melhor, e este é o principal objetivo, não ser um virtuoso, mas entender o que esta fazendo e tocar música digamos mais popular ou perto disto, até com uma complexidade acima do normal.

    Cada um tenta criar a sua própria técnica, se é a melhor não importa.
    Procure estudar os erros e vícios mais comuns e vá se adaptando.
    No clássico tem músicas que não são tão belas, a beleza esta no grau da dificuldade, que só é entendida por aqueles que tem um bom conhecimento.
    E a obra prima só acontece quando se tem a boa técnica aliada a boa musicalidade.

    Mesmo os grandes compositores nunca tiveram virtuosidade em todos os instrumentos para o qual fizeram composições, mas tinham o mais importante o conhecimento.

    Vá no simples, pois o complexo é formado por partes simples, e só fica simples depois de muita prática.

    A boa técnica no teclado é aquela que facilita a sequência, ou seja você esta numa posição e depois vai mudar para a outra, então a boa técnica é aquela que já pensa na facilidade de montar o próximo passo.

    Mas o que importa é o resultado final e o prazer de tocar um instrumento.

    Continue praticando um pouco todos os dias, os resultados vão aparecer para o que você quer fazer, os erros, vícios de postura são superáveis, o importante é ter a mente aberta, e você tem o principal que é uma boa musicalidade.
    E com relação a idade, isto é relativo, o bom compositor normalmente só fica bom depois de mais velho, e com o passar dos anos vem a sabedoria (conhecimento) que só pode ser adquirida com o passar do tempo.
    Tem compositores que por não se adaptarem ficam perdidos no tempo, e depois não conseguem mais fazer uma boa música, como faziam quando eram jovens.
    Entenda que daqui dez anos, você vai estar mais velho, mas dentro de você ainda vai habitar o jovem e o mais experiente.
    O importante é não perder nunca a juventude, mantendo o corpo com saúde, mas principalmente a sua atitude mental.

    Tem músicos e compositores que são muito datados, em grande parte na sua juventude, e depois não conseguem se manter, pois não evoluem no conhecimento.
    Este certamente não é o seu caso, e a música esta em constante evolução.

    Você fez o certo, não desanime.
    Palavras chaves:
    - amor, gostar do que esta fazendo, tocar com sentimentos;
    - determinação;
    - dedicação;
    - perseverança;
    - constância;
    - humildade;
    - paciência;
    - harmonia (também é virtude), harmonia consigo mesmo, não no sentido musical, mas também;
    - coragem para enfrentar os momentos difíceis;
    - não querer pular etapas;
    - renuncia, não perder tempo com besteiras e futilidades, claro no descanso faz parte fazer algumas besteiras; não ser radical;
    - revisão, de tempos em tempos revise o que esta fazendo;
    - sempre reserve um tempo de estudo para a boa teoria musical;
    - estudo e
    - prática.

    As virtudes são o caminho.
    Estude as virtudes na essência, não tem nada de religioso aqui, é pura filosofia elas vão te ajudar em tudo na vida, inclusive na música.
    As musas inspiradoras são as virtudes que ajudam a superar os vícios.

    Estudante eterno
    Membro Novato
    # 01/mar/17 11:51
    · votar


    rhoadsvsvai

    Bom dia, velho.

    De cara, reparei dois vícios no seu jeito de tocar. Um deles é "alisar" ou "deslizar" os dedos sobre as teclas, pois isso, embora seja bonito visualmente falando, dificulta bastante controle de dinâmica. Outro é sua forma de apertar a tecla com o dedo mínimo, pois o correto é pressionar com a ultima falange do dedo (isso vale para todos os outros).

    Sou, assim como você, um estudante de piano. Porém, tenho um livro excelente sobre técnica pianística, que trata de cada questão com muitos detalhes. Como estou no trabalho agora, não consegui analisar com atenção seu vídeo. No entanto, mais tarde, analisarei com mais cuidado e lhe passo o que eu puder sobre postura e correção de vícios.

    Abraços e bons estudos

    Artref
    Veterano
    # 01/mar/17 13:14
    · votar


    Olá, amigão! Sim, tem coisinhas que requerem atenção, sim. A principal é que o pedal está embolando bastante. Trocou o acorde, tem que trocar o pedal.

    Também acho que seu banco está muito baixo, o que acaba fazendo seu pulso subir. Suba esse banco. Ou tente melhorar a postura das suas costas, não dá pra ver direito mas dá pra ver o reflexo da postura (ou altura baixa) nos seus braços.

    Outra é que você está dependendo totalmente do pedal para ligar as notas, por isso que sua mão esquerda acaba "deslizando". Pra solucionar isso "é fácil": estude SEM PEDAL. Ligue no dedo.

    E realmente, o 5º dedo da mão direita está muito "deitado", toque com ele mais em pé. Embora eu ache que subir o banco já vai ajudar nisso.

    Então basicamente é isso: postura e estudar sem pedal.

    Pra te ajudar, veja isso, que é bem legal:
    https://www.hoffmanacademy.com/blog/top-ten-tips-for-good-piano-postur e/

    Em inglês mas dá pra entender pelas figuras.

    rhoadsvsvai
    Veterano
    # 01/mar/17 13:44
    · votar


    Adler3x3
    lindo texto , chorei hahaha, obrigado pela motivação cara
    Estudante eterno
    Artref
    oi galera, obrigado pela ajuda. então os vicios apontados foram deslizar o dedo nas notas,não tocar com a falange do dedo, e quanto ao pedal,

    vou praticar mais com a finalidade de vencer esses vicios, muito obrigado por me apontarem de forma construtiva onde preciso melhorar!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Aproximadamente 2 meses de piano, estou criando vicios?