New Ignite Amps Emissary (VST) - Ainda é Possível Diferenciar o Real do Digital?

Autor Mensagem
krixzy
Veterano
# ago/14


Daew galera, estava dando uma vasculhada pela net atras de uns VST's novos e encontrei o Emissary da Ignite Amps, fiquei impressionado, o VST é incrível, o que me incentivou a levantar a discussão:

"Ainda há grande diferença no timbre entre os VST's atuais e os Amps reais?"

Mas vamos imaginar de forma justa, seria um VST ligado num interface boa e em caixas boas, com alto falantes bons, assim como os amps reais, porque ligar numa caixinha de PC não rola.


Esse VST tem 2 canais, Clean e Lead, o que torna bem versátil, tem muuuito ganho, e um timbre muito claro e definido, e achei o nível de ruído bem baixo pela quantidade de ganho que ele tem, é realmente muito bom, vou deixar aqui umas demonstrações que encontrei no youtube, e o link pra quem quiser baixar e testar, é "GRÁTIS" e uma breve descrição do VST.

Aos meus ouvidos, em um teste cego, não daria pra dizer se é real ou digital, o timbre é muito fiel na minha opinião, coisa top.

Isso me leva a pensar que o fim dos pedais está se aproximando.





The Emissary is a digital emulation of a custom dual channel guitar tube amplifier. It has been developed to accurately model its real hardware counterpart, built for Ryan Huthnance (The Seer / Gaped / Chrome Bison / Emissary Studios) by Ignite Amps, in 2014.

The Emissary is a no compromise custom amp built for the kill. Featuring a very versatile clean channel that ranges from pristine cleans to slightly overdriven tones and a mean lead channel designed for serious bone-crushing distortions, it offers a very wide tonal palette for the modern metal musician.

Every single component on the signal path of the real analog circuit has been taken into account and modeled in the best possible way to match the original sound, keeping an eye on CPU performance and real-time playability at the same time.

The plug-in GUI has been 3D modeled and rendered by Voger Design, in order to resemble the real amplifier as much as possible.
The Emissary is meant to be used as a virtual guitar amplifier for live playing and jamming, tracking or mixing inside hosts capable of VST or AU Plug-Ins support.


Download:
http://www.igniteamps.com/en/audio-plug-ins
---------------------------------------------------------------------- ---------------------------

Em breve faço umas gravações com ele pra demonstrar também.


Deixem suas opiniões sobre o assunto.

juniorlp
Veterano
# ago/14
· votar


O segundo video ta muito ruim a distorção comparando com do primeiro video
Os racks q tem q ser comparados com os amps reais

krixzy
Veterano
# ago/14 · Editado por: krixzy
· votar


juniorlp
Você consegue dizer qual é vst e qual é amp real sendo microfonado, só pelo som?


Edit: Vou propor um teste cego aqui em breve, vamos ver se alguém acerta o que é vst e o que é amp.

Slash_1989
Veterano
# ago/14 · Editado por: Slash_1989
· votar


De novo essa discussão? Vocês querem discutir o que é melhor ou pior sem levar em conta que "qualidade" é um conceito subjetivo e depende de cada caso.

Chega de masturbaçāo, galera!

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


Slash_1989

A discussão não é qual é melhor, a discussão aqui é se ainda é possível identificar "no ouvido" o som de um amplificador real de um VST.


Já Já posto um teste cego.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


Pronto, segue 03 demos, alguém é capaz de dizer qual ou quais delas é um amp de verdade e qual ou quais é VST?


Demo 01

Demo 02

Demo 03


Quem é bom de ouvido ai?

juniorlp
Veterano
# ago/14
· votar


Demo 1 vst
Demo 2 amp
Demo 3 vst

Acertei ou nao ?kkkk

Gilberto Jr.
Membro Novato
# ago/14
· votar


juniorlp
Meu palpite é o mesmo =P

krixzy
Nossa! Esse VST é ótimo. O melhor VST de um amp Hi gain que já testei aqui. Muito fácil de timbrar. Tu conhece algum outro tão bom quanto esse?

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


juniorlp
Gilberto Jr.

Palpite errado rs...

vou aguardar mais pra ver se alguém acerta, depois posto a prova de qual é vst e qual é amp pra não parecer que manipulei o resultado.

Gilberto Jr.
Nossa! Esse VST é ótimo. O melhor VST de um amp Hi gain que já testei aqui. Muito fácil de timbrar. Tu conhece algum outro tão bom quanto esse?

Cara, conheço sim, tem vários vst's excelentes, inclusive, conheço o vst dessas demos ai acima. Ainda não tive tempo de testar bem o Emissary, dei uma olhada rápida nele, mas ele parece superior, digo, não em timbre, pq é uma coisa subjetiva, e há outros igualmente bom em questões de timbre.

Agora analisando questões de ruídos, timbragem, ganho, versatilidade, somando tudo isso em um vst, ele me parece superior, foi muito bem pensado, e é um VST muito completo, vc pode escolher até o tipo de válvulas que vc quer. Nesse fim de semana vou fazer vários testes nele, eu baixei alguns pachs enormes de impulses pra testar nele tbm, impulses de alguns falantes da celestion, impulses de 4x12 celestion v30, vários impulses do mesa boogie, orange, Randall, Marshal, com diversos microfones... Tenho muita coisa pra testar, esse fim de semana vai ser longo kkK....

Segue uma pequena lista dos VST's simuladores de amp que julgo os melhores:

- Legion
- Lector
- 8505 Lead
- Le456
- SoloC Head
- The Anvil
- TSE X50
- Rectifier (Simulador de Mesa Boogie Dual Rectifier)
- JCM 900 (Simulador de Marshall JCM 900)

Essa lista vc encontra pra baixar nesse Site exceto o Rectifier e o JCM 900, esses dois encontrei em um outro site gringo, são tops tbm, esse rectifier é meu preferido, mas ta sendo ameaçado pelo Emissary rs...

Gilberto Jr.
Membro Novato
# ago/14 · Editado por: Gilberto Jr.
· votar


krixzy
Muito legal. Dois palpites errados. Pra mim você já provou seu ponto de vista =D Estou começando agora a aprender sobre impulses e descobrindo uns vst's mais alternativos, fugindo um pouco do guitar rig e do amplitube.

Desse site eu ja tinha baixado o Anvil. Muito obrigado pelas indicações. Vou baixar todos!

Edit: Baixei todos menos os 2 últimos. Todos muito bons =) Tu sabe dizer quem são os desenvolvedores do rectifier e do jcm900? Fica mais fácil de encontrar.

SkyHawk
Membro
# ago/14
· votar


Gilberto Jr.
Eu tenho o Amplitube e o Guitar Rig 5, particularmente acabo só usando o Amplitube que considero muito superior. Até agora ainda não entendi porque usar outros vst's e impulse, alguém poderia me dar umas opiniões ?

rhoadsvsvai
Veterano
# ago/14
· votar


SkyHawk
mesma coisa, sei la,me passa a impressão que esses vsts são muito focados no guitarrista moderno,pouca coisa low gain...

os amps low gain do amplitube podem até soar muito longe dos amps reais,mas ainda sim me soaram melhor do que o que eu tirei dos impulses, fora o controle na simulação da microfonação q faz toda a diferença.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


SkyHawk
rhoadsvsvai
É só questão de preferencia, eu mesmo acho muito melhor o timbre de vst's + impulses, acho amplitube e guitar rig muito ruim, não me agradou, posta ai algumas demos de timbres que vc tira no seu amplitube pra gente ver.

Também tem vst's low gain, inclusive já vi vários impulses de amps fender, plexi, mas não baixei, não é muito minha praia... é só procurar, a fonte ta nos sites gringos, tem aos montes.

rhoadsvsvai
Veterano
# ago/14 · Editado por: rhoadsvsvai
· votar


krixzy
essa tem distorções não muito pesadas na intro,tudo amplitube,incluindo o baixo.
https://www.dropbox.com/s/6nbb592n65h5y8n/e%20assim%20foi.mp3
ignore meu vocal horrivel nessa ahuahua:
https://soundcloud.com/lucascampagnolo/she-1
quando entra a bateria entram as guitarras, e tem muitas, todas gravadas com amplitube
https://www.dropbox.com/s/zlhdcc0ofuj6rfj/little-%20remake-%20quaseee. mp3

infelizmente não tenho nenhum blues recente gravado com amplitube q eu tenha guardado

Edson Caetano
Veterano
# ago/14
· votar


Teste cego de gravações para mim não tem validade, já passaram pelos conversores então tudo é digital...

Um teste deste seria na minha frente com o valvuladao ligado bombando e no outro lado o computador com suas caixas, aí eu poderia analisar friamente

Mas adianto, tenho os dois mundos aqui, é muito boa a qualidade digital atingida, seja na gt100, na vg99, no iOS, nos vsts que tenho etc... Ligados em meu home que é top, mas para bater meu Fender deville eles ainda tem que comer bastante arroz e feijão, para crescerem e ficarem fortinhos kkkk

E no final, tudo é subjetivo, e tem gente que vai defender sua escolha até o final dos dias kkk, por isso gosto tanto disso, tem opções para todos a todos os valores

SkyHawk
Membro
# ago/14 · Editado por: SkyHawk
· votar


Edson Caetano
Também tenho os dois mundos, no estúdio da bandinha dos amigos é tudo amp de verdade, só coisa boa, ENGL, Orange, Mesa e um Soldano. Em casa no meu home studio tenho um Viralata da Gato Preto e o resto é todo digital, IOS Ipad, amplitube no notebook e uma pedaleira Boss. Já coloquei frente a frente o Orange e o Amplitube em uma caixa 4x12 e fiz o mesmo com o Mesa, ambos os testes mostram o poder da simulação, com uma fração infinitesimal do custo o timbre da simulação é muito foda !!!! Bom mesmo inclusive ao vivo !!!

Dois novos aplicativos do Ios, o BIAS e o ToneStack colocaram os softwares em patamares inimagináveis.

E a mesma tendência vai acontecer com os pedais, logo logo um software tipo BIAS vai surgir para vc montar cada detalhe do timbre de seu próprio Fuzz por exemplo.

MMI
Veterano
# ago/14
· votar


Edson Caetano

Ainda é Possível Diferenciar o Real do Digital?

Há muuuuito tempo que não.

Você tem toda razão, depois que entra ambiência, microfone, conversores, processamento na DAW, compactação de arquivo para MP3, processamento para o Youtube ou similares e o escambau, a distância para o som real do gabinete bombando empurrado pelo valvuladão é muito grande, ficou apenas um detalhe no meio do caminho.

Uns anos atrás a simulação de qualidade mesmo era menos acessível, mas muito fidedigna. Hoje em dia até o Edu Ardanuy e outros gravam seus CDs com simuladores, como o Guitar Rig (que nem acho grande coisa, mas já foi suficiente para ele tirar um som enorme).

Alguns VST realmente são melhores. Mas isso não quer dizer que são necessários, dá para tirar bons timbres com pedaleiras, simuladores dos mais variados tipos, de um POD até um Fractal Axe FX ou VSTs. A diferença está na facilidade e versatilidade de conseguir timbres principalmente. É por isso que eu não gosto do Guitar Rig, Amplitube e da Boss GT10, mas não que sejam incapazes de fazer um som bom, de fazer uma gravação impossível de diferenciar de um "real thing".

Um software bacana que usei bastante e achei bom foi o GTR da Waves. Um colega aqui do fórum andou usando e está gostando bastante. Mas eu tenho usado muito o Kemper Profiling, é um super equipamento e que saem excelentes timbres com facilidade. A ponto de me fazer pensar seriamente em mandar embora meu rack com os Mesa Boogie que praticamente está encostado - não tenho dúvidas em dizer que o Kemper é bem melhor para gravar.

Abs

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


rhoadsvsvai
Quando chegar em casa escuto e comento.

Edson Caetano
mas para bater meu Fender deville eles ainda tem que comer bastante arroz e feijão, para crescerem e ficarem fortinhos kkkk

Mas não da pra conseguir o timbre diferente, mas igualmente bom com vsts? Talvez haja vsts que te permitam chegar num timbre bem próximo.

Mas no final o que conta é o gosto, timbre cada um tem sua preferência.


SkyHawk
Já coloquei frente a frente o Orange e o Amplitube em uma caixa 4x12 e fiz o mesmo com o Mesa, ambos os testes mostram o poder da simulação, com uma fração infinitesimal do custo o timbre da simulação é muito foda !!!!

Penso em fazer isso, uma caixa 2x12 já seria suficiente pra mim, faria isso em vez de comprar um amp, como vc faz pra ligar o pc numa caixa dessas?

MMI

Quando aprendi a usar VST's com impulses não pensei duas vezes, vendi meu amp SS junto com uns pedais e passei a usar o PC como amp, o timbre é muito superior ao SS que eu tinha, e vendo a comparação entre VST's e Amps tops, acabei perdendo a GAS de comprar um valvulado, antes disso já tinha testado guitar rig, amplitube... mas não me agradei deles.

Atualmente uso uma caixa multiuso com um falante de 12 ligada no PC, mas estou querendo montar uma caixa boa pra ligar no PC, estou pensando em colocar 2 alto falantes bons numa caixa e usar o PC como amp mesmo.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


rhoadsvsvai
Bons timbres mano, ficarão mesmo bons.

daimon blackfire
Membro Novato
# ago/14
· votar


Tentar baixar esses vsts. Ver se consigo usar.

SkyHawk
Membro
# ago/14 · Editado por: SkyHawk
· votar


krixzy
Saida do pc para a mesa e dela para o return de um amp para só usar o estágio de pontência é uma maneira. Ou acredito que do PC para um PA também deva funcionar.

Eu uso com frequência a seguinte configuração: guitarra na ME-25 com todos os efeitos e simulação desligados, fica só como interface, cabo usb da ME-25 para o PC (o sinal é de duas vias, vai para o pc passa pelo Amplitube e volta para a ME-25 processado), a saída da ME-25 para o return do amp. As vezes ligo só o Wha-wha da ME-25 para usar o pedal de expressão e ativo o boost de Solo da pedaleira para os Leads.

Detalhe, lembra de desligar a simulação de caixa e microfone do amplitube, faz isso no módulo da gabinete clicando em ByPass, pois você já está com o gabinete real.

Se seu amp não tiver send e return liga direto na cara do amp, aí vc vai ter o colorido do amp mas a busca do timbre pode gerar surpresas bem agradáveis com coisas assim. Por exemplo: eu tenho um Pignose 7-100 e para Blues adoro usar ele como pré-amp, ligo a guitarra nele e a saída que ele tem na parte de trás vai para o amp, é um dos melhores efeitos de Fuzz que já consegui.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


SkyHawk
Hum, mas ai vc ta ligando um amp né?

Eu queria ligar direto numa caixa mesmo, sem amp, só uma caixa com os alto falantes...

Aqui eu uso o pedal Bad Monkey na saida mixer como uma interface, fica muito bom.

makumbator
Veterano
# ago/14
· votar


krixzy
Eu queria ligar direto numa caixa mesmo, sem amp, só uma caixa com os alto falantes...

Mas não funciona. Precisa ter um amplificador se as caixas forem passivas.

Hum, mas ai vc ta ligando um amp né?

Ele está ligando no amp, mas não está usando a seção de pré do mesmo, pois está no loop. Ele usa apenas a seção de amplificação e os falantes.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


makumbator
Então não tem como ligar o PC direto numa caixa passiva, mas e se fosse uma caixa ativa?

Pra falar a verdade nem sei como é uma caixa ativa, mas se eu quiser por exemplo, colocar 2 falantes Celestion numa caixa, pra mim ligar ela no PC teria que fazer tipo um amp multiuso?

makumbator
Veterano
# ago/14 · Editado por: makumbator
· votar


krixzy
Então não tem como ligar o PC direto numa caixa passiva,

Não sai som.

mas e se fosse uma caixa ativa?

Aí funciona.

Pra falar a verdade nem sei como é uma caixa ativa

uma caixa ativa nada mais é do que uma combinação de uma potência (amplificador) e falante(s), tudo junto no mesmo gabinete.

colocar 2 falantes Celestion numa caixa, pra mim ligar ela no PC teria que fazer tipo um amp multiuso?

Uma caixa multisuo é exatamente um tipo de caixa ativa (pois tem amplificação combinada com falantes). Pra montar um set com 2 celestions você precisa ter antes deles uma potência (ou seja, uma seção de amplificador). Só os falantes montados em um gabinete e ligados na saída de linha de uma interface não funciona, pois falta justamente a amplificação do sinal.

Guitar_L
Veterano
# ago/14 · Editado por: Guitar_L
· votar


Gostei do VST, mas achei que tem ganho demais. Pra vocês terem uma boa idéia, com o ganho no mínimo eu consegui um bom timbre pra tocar Dream Theater, por exemplo. Logo mais posto umas gravações, quando eu conseguir domar ele direito. Mas realmente, tudo tende pro ganho extremo e agudos exagerados, mesmo com um Impulse Off-Axis, é meio complicado achar um timbre mais "orgânico". Vou ter que usar um equalizador depois, não consegui o corte de agudos que eu queria.
Tô usando uma G2nu em bypass como interface USB e um par de Edifier R1000t como monitores.
Abraços

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


Guitar_L
tudo tende pro ganho extremo e agudos exagerados

Agudos exagerados? Aqui falta agudos, normalmente fica um som bem fechado, deve ser alguma coisa ai no teu equipamento.

makumbator
Então nesse caso, eu posso remover o amplificador multiuso que tenho aqui e colocar ele numa caixa junto com os falantes, dai iria funcionar como esse que uso aqui né? O amp que tenho aqui tem saída auxiliar, se eu ligar dessa saída pra uma caixa passiva também funcionaria né?

Seria: Guitarra > PC > Amp Multiuso > Caixa Passiva

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


Só revelando aqui o teste cego que montei com as demos.

Demo 01 - VST
https://www.youtube.com/watch?v=aNUTNNc4n2M

Demo 02 - VST
https://www.youtube.com/watch?v=pShjXvzAFdM

Demo 03 - Amp
https://www.youtube.com/watch?v=G8RqHYSATFk

makumbator
Veterano
# ago/14
· votar


krixzy
Então nesse caso, eu posso remover o amplificador multiuso que tenho aqui e colocar ele numa caixa junto com os falantes

Deve ficar ruim, pois esses amplificadores de multiuso são em geral fracos. Tem que ver também os lances de impedância entre os falantes e o amplificador do multiuso.

O amp que tenho aqui tem saída auxiliar, se eu ligar dessa saída pra uma caixa passiva também funcionaria né?

Não, pois deve ser saída de linha, logo não é amplificada.

krixzy
Veterano
# ago/14
· votar


makumbator
Então é mais complicado que pensei, terei que ver isso com alguém que entende de eletrônica....

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a New Ignite Amps Emissary (VST) - Ainda é Possível Diferenciar o Real do Digital?