Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Quando você descobre um lugar onde andam "falsificando" guitarras

      Autor Mensagem
      JJJ
      Veterano
      # 23/set/17 08:58 · Editado por: JJJ
      · votar


      Bom... O tópico virou muro das lamentações das mazelas do ser humano. rs

      O fato é que nós ocidentais costumamos esquecer do fato inexorável de que vamos todos embora deste mundo como viemos: sem porra nenhuma... Do mais rico ao mais fudido...

      Mas deixa isso pra lá e vamos tocar guitarra...

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 10:43 · Editado por: JJJ
      · votar


      MMI
      Por outro lado... Vivemos num mundo que é assim. Falsificação? Tem roupa, vestuário em geral, pilha, microfone, capa de celular... [...] Me pergunto o que deixa o pessoal tão indignado assim um logo da Fender... Um papo de filosofia de boteco, mas me deixa curioso.

      Então, vamos ao boteco... e vou falar pra cacete...

      Minha opinião:

      Primeiro: se alguém compra qualquer coisa falsa SABENDO, ou dá uma falseada em algo PRÓPRIO, o problema é dele. O dinheiro é dele, o prejuízo é dele, a auto-enganação é dele, etc. Se o cara quer colar uma maçã na bunda do android dele, o que eu tenho com isso? Foda-se...

      Segundo: se alguém VENDE qualquer coisa falsa na intenção de ENGANAR os outros, dizendo ser verdadeira, pra mim é CANA DURA e fim de papo, excetuados os casos onde o vendedor não sabia que era falso (e sobre isso eu vou discorrer mais lá pra frente).

      O caso meio "nebuloso" é quando alguém vende uma coisa fake, deixando claro que é "réplica" (caso clássico das Chibsons).

      É ilegal. Não dá pra ver de outra forma... CLARO que a penalidade (a meu ver) deve ser muito menor que o caso anterior, onde o vendedor quer enganar os outros. Mas o grande problema da falsificação é que esse caso mais "inocente" pode levar ao caso mais grave, onde o consumidor final é lesado severamente.

      Vestuário, pilha, celular, fita cassete (quem lembra? rs), etc... são coisas que duram pouco e, em geral, são baratas. Se você pega uma coisa dessas falsas, sem saber, vai ficar puto, mas não haverá grandes consequências.

      Mas se alguém pega uma Chibson, mesmo sabendo, quem garante que essa guitarra não passará a outra pessoa, que pode não entender nada de guitarra e tente vender num ML da vida?

      Quem garante que aquela Strato tunadinha que o cara colou um decalque "Fender" não acabe na mão de alguém (eventualmente até da família, caso o dono vá dessa pra melhor, repentinamente) e esse alguém acabe repassando como original?

      O sujeito pode acabar cometendo um crime até sem saber.

      Portanto, não dá pra comparar itens banais não duráveis com guitarras. Você mesmo, MMI, volta e meia fala sobre guitarras de meio século atrás. Essas guitarras sobreviveram aos seus compradores originais... Já pensou se alguém descobre que são falsas?!? (aliás, isso já deve ter acontecido várias vezes)

      Então, por isso eu sou totalmente contra logo falso. Aliás, estou fazendo a minha singela parte, removendo um logo falso de uma guitarra. Vai ser menos uma no mundo.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 25/set/17 10:57
      · votar


      JJJ
      Primeiro: se alguém COMPRA qualquer coisa falsa SABENDO, ou dá uma falseada em algo próprio, o problema é dele.
      Não é não... É crime...
      http://www.juridicohightech.com.br/2011/08/comprar-produto-pirata-e-cr ime.html
      Então, por isso eu sou totalmente contra logo falso. Aliás, estou fazendo a minha singela parte, removendo um logo falso de uma guitarra. Vai ser menos uma no mundo.
      Idem.
      Abç

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 11:42 · Editado por: JJJ
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola

      Bom... nem sempre a lei bate com a nossa opinião... rs

      Além do mais, se for crime, continua sendo problema dele, não afeta outros...

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 25/set/17 12:24
      · votar


      JJJ
      nem sempre a lei bate com a nossa opinião
      Cara, Lei é lei... "Dura lex sed lex"
      se for crime, continua sendo problema dele
      E é... E, segundo a Lei, não é apenas mera questão pessoal não...
      Abç

      Paul.Gilbert
      Veterano
      # 25/set/17 13:06
      · votar


      Depois de ler a maioria das mensagens aqui, só posso lamentar...

      Por quem faz esse tipo de safadeza, e vende como original,

      Por quem deliberadamente compra essas "réplicas" só para ter
      o nome da marca,

      E finalmente por não termos estrutura em segurança o suficiente nem para o nosso amigo autor do tópico sentir-se a vontade e seguro o suficiente para poder fazer a denúncia...

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 25/set/17 13:52
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola
      JJJ


      Pessoal, só um adendo jurídico rápido mas importante aí: o intuito da lei é punir aquele que falsifica para comerciar, o que vende a falsificação, e até o que compra a falsificação dolosamente, sabendo que é falso (o que é um absurdo jurídico completo, pois o sujeito do tipo penal é a própria vítima imediata - porém isso são outros quinhentos...), ainda que sem intenção comercial.

      No entanto o intuito legal não é punir aquele que falsifica para uso próprio, sem intenção alguma de mercancia.

      Claro que tudo isso acaba descambando pra jurisprudência decidir, mas me parece bem difícil alguém ser considerado criminoso por pegar sua Shelter, fazer um "puxadinho" no headstock e meter um logotipo da Fender (exemplo), apenas para tocar, para uso próprio.

      O caquético Direito Penal brasileiro tem dessas incongruências, que fazem a festa e a alegria de políticos e asseclas ("empresários") corruptos e seus advogados...

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 14:07 · Editado por: JJJ
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola
      Cara, Lei é lei... "Dura lex sed lex"

      Pô, Bertola, eu sei e tento respeitá-las, mas isso não implica na concordância cega. As leis podem mudar, evoluir... se forem tão "duras" que não se possa nem discutir uma eventual alteração, saímos do Estado de Direito Democrático e entramos na Ditadura.

      acabaramosnicks
      Membro Novato
      # 25/set/17 14:10
      · votar


      Pirataria é crime. Escondam seus mp3 baixados do piratebay, corram para as colinas!
      Deixando a piada de lado rsrsrs

      Pirataria é ilegal e imoral. Pegar um bem relativamente caro e provavelmente muito durável como uma guitarra e piratear é uma ação deplorável, funesta! Não interessa se é pra tocar no quarto, se mandou trazer da china, se comprou já sabendo que era pirata, não interessa. Se vc sabe que é pirata, não compre, isso pode ter sido produzido com mão de obra escrava, ou sabe lá deus qual a história do artigo, não compre! Se comprou e descobriu que é pirata, paciência... não vai jogar no lixo, mas é sua obrigação moral tirar o logotipo e não passar pra frente nunca.

      Por ser no Brasil, acho que na maior parte dos casos não compensa denunciar, depende o caso.

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 14:12
      · votar


      Se de fato é lei, ou passível de punição, sim, pode até ser.

      Mas vamo la...eu pego uma shelter, tiro o bico de papagaio, compro no mercado livre uma logo fender, com serial qualquer, inclusive vem escrito 'replacement decal', e boto na shelterzinha pra tocar em casa.

      Triste né....com consciencia pesada tiro o logo fender, saio de casa, e compro uma bandeja de morango do vendedor ambulante da esquina. Nao estou fazendo a mesma coisa?!

      Nesse quesito deveriamos ser 8-80 entao.
      Deveriamos ser presos todas as lojas do brasil vendendo camisa da hollister de 25 reais.
      Todos os comerciantes, inclusive lojões, lojas de rodoviaria, avenidas 1º de março, etc, deveriam ser apreendidos, vendendo oculos 'rayban', vendendo celular chines, vendendo saNsung.

      Cara, deveria prender todos os ambulantes na praia vendendo agua de coco, cerveja, petisco, etc. Quem deles tem alvará de funcionamento, tem cnpj tem mei, tem certificado da vigilancia sanitaria, tem selo do inmetro?

      Vamos prender entao quem vende dvd de anime, quem os traduz sem permissao, quem vende emuladores, quem vende videogame destravado, quem compra peça de carro desmontado, quem emite holerite com renda a mais pra comprar apto, quem declara valor na caixa menor do que o pedido, quem tira construcard pra sacar o dinheiro no deposito do chegado da familia....

      O mundo inteiro é uma falsificacao dos inferno, e 99% deles fazem isso com objetivo comercial.
      Sei que é deploravel, mas quem nao lembra do polistation?!
      Era vendido até no ponto frio.

      ISSO É ABSOLUTAMENTE CONDENAVEL.

      Mas seria necessário que pelo menos 50% da população mundial seja policial, pra dar conta de pegar e prender todo mundo.

      Por isso, nao condeno o cara que bota logo fender e toca felizao da vida achando que tem uma fender.
      Se ele quiser, ele compra na banquinha de jornal um logo apple e poe atras do notebook dele.
      Compra uma plaquinha bmw e poe na palin.
      É obvio que aquilo nao é tentativa de fraude, extorsao, ganho desonesto. Nao vejo como falsificacao.
      Palavra pesada para categorizar crimes.

      Falsificacao é o que eu vi fazendo na lojinha la.
      Raspar logo shelter pra vender na loja como fender.

      Nossa da um odio de lembrar disso....povo sem mãe. Da vontade de entrar la com uma tocha acesa na mão e 1l de alcool e meter fogo em tudo.

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 14:25 · Editado por: JJJ
      · votar


      Buja
      inclusive vem escrito 'replacement decal',

      Eu posso estar errado (se estiver, o Bertola que me corrija), mas ACHO que a ideia desse termo 'replacement decal' não é para dizer que o braço (ou a guitarra inteira) não seriam da Fender.

      A ideia é usar um logo em substituição a outro (original) que, por qualquer motivo, tenha sido danificado ou removido. Assim, restaura-se a identidade da guitarra, que já seria Fender de verdade, antes do logo...

      JulianoF.
      Membro Novato
      # 25/set/17 14:26
      · votar


      cara, nem a guitar garage, que faz réplicas de altissimo nível, tá colocando logo Fender.

      Nem as Nash, nem as Danocaster, estão vindo com o logo Fender.

      Acho que a questão é, o logo não muda a guitarra, e não muda o guitarrista. Tem gente que quer se enganar. Mas na real, acaba é passando por trouxa. Ou babaca.

      E algo foi falado aqui, existe um preconceito, e muito equivocado*, que que tem equipamento simples toca mal, e quem tem equipamento top toca bem.
      Isso acontece, e conheço algumas pessoas que colocaram logo Fender em Squier, simplesmente para que não fossem julgados antes mesmo de ligar a guitarra. 1 deles inclusive toca para caralho, mas está desiludido com o mercado da música, e está tocando só em casa, o cara é um dos melhores shredders que eu conheço.


      * - acredito que seja uma relação:
      tocar bem = dedicou anos ao aprendizado do instrumento, manja de gear, teve tempo de juntar dinheiro e pela soma desses fatores, toca bem e tem gear top.

      tocar mal = começou agora, não tem conhecimento, não teve tempo de juntar/investir em gear, toca mal e tem gear simples.

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 14:27
      · votar


      JJJ
      o.O
      Achei que identificaria uma replica, ja que mesmo se eu tiver uma fender como logo todo ralado, eu nao tiraria nunca. Ficaria ralada mesmo, tanto, pra provar que era uma fender legitima.

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 14:31
      · votar


      JJJ
      Agora vc me deu mais o que pensar.
      Se eu ver uma fender 'replacement decal' na minha frente, vou trucar ainda mais. A chance de ser mais uma falsificacao bem feita, onde o comprador pode se valer do argumento que é vintage, 'relic', mas que o logo danificou na turnê sei la de quem de algum famoso.

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 25/set/17 14:41
      · votar


      Buja

      Mestre, vc chegou bem perto, mas não atingiu o alvo.

      Vou te dar o norte: NÃO EXISTEM direitos autorais/intelectuais. Isso é apenas uma ficção jurídica, uma reserva de mercado ilegal e injusta; é apenas o Papai-Estado dizendo que outros não podem se dignar a tentar copiar seu produto, pena de cadeia e perda de bens.

      Se eu tiver a capacidade de montar uma Gibson, uma Fender, ou de produzir um IPhone, melhor e/ou mais barato que ambos, porque diabos eu não posso fazê-lo? Desde que eu seja honesto com meu eventual comprador, e deixe claro que se trata de uma réplica, porque não posso fazê-lo? Quem autorizou o Estado a me proibir de gerir a minha propriedade, desde que eu não cause prejuízo a ninguém com a minha conduta e com a gestão da minha propriedade (minha Chibson e meu IChing)?

      Como os chinas se ligaram disso há muito tempo, e bem sacanas que são, falsificam tudo. Desde desodorante de US$5 a turbina de avião de US$ 10 milhões. Os caras falsificam até avião de guerra!

      Agora, sim, como disse o Maurício, dura lex sed lex. Nossa tradição jurídica conservadora nos ensina que mesmo a lei injusta deve ser obedecida.

      Porém outros não pensam como a gente.

      E segue o enterro...

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 14:43
      · votar


      Felipe Stathopoulos


      Ehhh...tipo isso que eu queria dizer.....sem saber que era isso

      o_o

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 15:04
      · votar


      Felipe Stathopoulos
      Como os chinas se ligaram disso há muito tempo, e bem sacanas que são, falsificam tudo.

      A desculpa deles é que inventaram o papel, a tinta, a pólvora, o macarrão e mais um monte de coisas copiadas no ocidente e nunca receberam nada por isso... hehehe

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 15:07
      · votar


      JJJ
      Eu nao acho ruim eles fazerem isso.

      Da mais opcoes pra muita gente. Nao vejo problema algum em fazer um Cubox S8, quase igual ao Samsung S8. Colocando Cubox atras, é o que importa.

      Nao concordo é botar Samsung S8 atras sem ser o original. Sacanage!
      Assim como nao vejo problema algum em comprar uma Benson com headstock igualzinho o fender. Se tiver escrito benson, ta joia.
      Até se tivesse escrito 'bender', ta bom tambem. Nao é fender mesmo.

      Agora vender a benson escrito fender, merecedor de palmadinhas de chapa de ferro quente.

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 15:17
      · votar


      Buja

      Isso aí.

      MatheusMX
      Veterano
      # 25/set/17 15:25 · Editado por: MatheusMX
      · votar


      Buja
      Até se tivesse escrito 'bender', ta bom tambem. Nao é fender mesmo.

      E que tal esse "Fucker"? haha

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 15:30
      · votar


      MatheusMX
      kkkk

      Estava procurando uma logo pra botar na minha strato (que nao tem logo nenhum), algo do tipo "funker", que é o estilo que mais gosto de tocar na strato.

      JJJ
      Veterano
      # 25/set/17 15:42
      · votar


      Buja
      MatheusMX

      Já fiz alguns desses. Funker, Franken, Frankie...

      Lelo Mig
      Membro
      # 25/set/17 15:57
      · votar


      Na verdade tudo é muito relativo...

      Se uma sósia da Angelina Jolie der mole pra vocês, duvido que vão recusar e reclamar que é cópia.

      Pelo contrário, vão tirar onda, postar no Face, passear de mão dadas no shopping...

      Buja
      Veterano
      # 25/set/17 15:58
      · votar


      Lelo Mig
      Mas se for outro cara que ver essa foto no face, vai criticar aos montes, dizendo que é fake, que nao é original.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 25/set/17 17:27
      · votar


      JJJ
      Um detalhe JJJ. Leis na ditadura são leis de exceção, pois o próprio governo o é. Quanto a evolução da jurisprudência é até rápida, mais que as Leis em sí e a doutrina mantem-se por mais tempo; mas, você está correto, elas mudam mesmo, mais lentamente do que seria ideal (as Leis).
      Quanto ao decalque, isso foi "atropelado" pela Realidade. De fato, ao se reformar uma guitarra antigamente (no tempo em que eu era um "teenager", Kkkk...), você podia pedir à fábrica um dequalque de reposição, coisa que só eles tinham acesso naquele tempo; hoje...
      Abç

      makumbator
      Veterano
      # 25/set/17 17:31
      · votar


      Lelo Mig
      Pelo contrário, vão tirar onda, postar no Face, passear de mão dadas no shopping...


      Ah não, a Jolie está mais magra que um palito (de lado então ela fica invisível nas fotos). Melhora esse exemplo aqui que pode ser.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 25/set/17 17:54 · Editado por: Mauricio Luiz Bertola
      · votar


      Felipe Stathopoulos
      Vou te dar o norte: NÃO EXISTEM direitos autorais/intelectuais. Isso é apenas uma ficção jurídica, uma reserva de mercado ilegal e injusta
      Para os Estados, nem sempre. É por isso que são assinadas convenções da OMC acerca dessas e outras questões. O problema é que, um Estado poderoso como a China pode ou não seguir a regra. Na verdade ele até o faz de forma meramente formal, e, lá também ocorrem ações contra a pirataria. Isso não quer dizer que esta prática vá ser eliminada pelo Estado, até porque ele é fruto de interesses de grupos. Grupos esses que "gerem" o Estado (ou participam/beneficiam-se dele). Se fosse assim, a escravidão teria sido eliminada no Brasil em 1830, e não o foi. O tráfico de drogas teria sido combatido nos últimos 50 anos, e não o foi...
      Se eu tiver a capacidade de montar uma Gibson, uma Fender, ou de produzir um IPhone, melhor e/ou mais barato que ambos, porque diabos eu não posso fazê-lo? Desde que eu seja honesto com meu eventual comprador, e deixe claro que se trata de uma réplica, porque não posso fazê-lo?
      Poder, claro que pode. O que é considerado ilegal em todos os países é usar a marca do que você está replicando. Como foi dito acima, até na China o uso de marcas falsificadas é considerado crime. Se o Estado se esforça para eliminar tal ilegalidade... É outra coisa...
      Quem autorizou o Estado a me proibir de gerir a minha propriedade, desde que eu não cause prejuízo a ninguém com a minha conduta e com a gestão da minha propriedade
      Há uma confusão aqui: Propriedade particular é uma coisa (Propriedade de Meios de Produção e Capital, outra), Mercadoria no circuito do Mercado, bem como comercialização de marca falsificada é crime. Aliás, aqui no Brasil a Lei determina que, quem compra produtos falsificados de forma consciente está sujeito a processo. Essa é a Lei aqui.
      Em qualquer lugar e em qualquer época é exatamente o Estado quem determina o que é legal ou não, qual o teor e o limite (ou "ilimite") da Propriedade, bem como sua definição. É, e será assim por MUITO tempo ainda...
      Abç

      Lelo Mig
      Membro
      # 25/set/17 17:57 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      makumbator

      "Melhora esse exemplo aqui que pode ser."

      Vê se assim tá bom prá você:

      Limited Edit Series Special For Makumbator

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 25/set/17 17:59
      · votar


      makumbator
      Ah não, a Jolie está mais magra que um palito (de lado então ela fica invisível nas fotos). Melhora esse exemplo aqui que pode ser.
      Pódiscrê!
      Kkkkkkkk....

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 26/set/17 09:11
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola

      Mauricião, conheço todos estes argumentos e toda essa balela estatista. A minha posição quanto ao direito de propriedade intelectual é ética. Como o Estado é uma ficção jurídica essencialmente antiética, esta posição não pressupõe a regulação estatal.

      Sou inclusive favorável à utilização livre da marca, seja ela Fender, Gibson, etc. O que eu não posso é vender gato por lebre, enganando um possível comprador, pois isso feriria o Princípio da Não-Agressão.

      Mas sim, vc está correto nas suas considerações, dentro da caixinha estatista.

      Sou eu que estava a pensar for da caixa. Porém isto é assunto para outras plagas...

      Abç

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Quando você descobre um lugar onde andam "falsificando" guitarras

      306.109 tópicos 7.902.719 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital