duvida em gibson. falsificada ou não?

Autor Mensagem
Rei Arthur Pendragon
Veterano
# nov/13
· votar


Eu acho que a saída pra quem quiser um modelo custom shop ou signature é comprar somente em lojas autorizadas. O cara já vai pagar caro, então que gaste em algo com NF e tudo certinho em uma loja boa. Se a esmola for grande, o pobre tem que desconfiar.

MMI
Veterano
# nov/13
· votar


JJJ

Cara, você saberia me dizer qual é a vantagem para a Gibson (ou para outras marcas famosas) terem um "distribuidor exclusivo" que só faz gerar verdadeiros monopólios aqui para cobrarem o que bem entendem? Uma livre concorrência de importadores (LEGAIS) não seria melhor pra todo mundo??? (ok... exceto pro dono da royal e outras "exclusivas", claro...)


É uma prática comum de grandes empresas, a Coca-Cola faz, assim como a Starbucks, Mc Donald`s, Walmart etc., mesmo a Gibson não sendo tão grande assim. A empresa precisa ter uma referência e alguém que se responsabilize pela importação legal de seus produtos, distribuição, garantia, assistência técnica e zelo pelo produto. Não é simplesmente quanto mais vender melhor, mesmo se for pilantragem, mesmo se for amador. Eles fazem um contrato com um parceiro comercial, firmam uma parceria com alguém que conheça o mercado e seja capaz de representar a empresa. Não há interesse de concorrência, algo como se a Royal levou a Two Tone na fábrica e fez uma série especial, então a concorrente poderia levar uma loja deles, fazer uma série especial deles, e essa discussão iria para modelos trazidos, preços etc.

Isso ocorre em de forma geral em todos os países, mas se agrava aqui no nosso país. É só lembrar de uns poucos exemplos, como a Mesa Boogie ter ficado 10 anos sem representante e sem vender 1 amplificador diretamente aqui porque o importador deu calote e estranhamente as leis do país protegem o caloteiro e não dá nada. Ou a empresa que trazia PRS e Taylor optar por contrabandear ter um container apreendido pela polícia, envolvendo o nome da empresa.

É impressão comum achar que as lojas e importadoras são as culpadas por cobrarem alto e quererem ganhar demais. Só que não é bem isso, ou pelo menos tem muito mais coisas envolvidas que só ganância. Hoje, conhecendo o lado de lá, não tenho dúvidas em afirmar que o problema é bem diferente do que essa visão simplista de importadora e loja querendo ganhar demais. Mas isso daria motivo para longas discussões, discutir políticas, ouvir que músicos são "coitadinhos" e deviam ter leis específicas (não, tudo devia ser diferente, sem exclusividade para músicos, na minha opinião) e um papo que cairia bem no off-topic. Ainda seria provável que alguém aparecesse para me acusar de proteger o esquema atual e levar o meu. Então é um papo que não estou afim de levar e explicar. Basicamente é isso...

Abs

Del-Rei
Veterano
# nov/13 · Editado por: Del-Rei
· votar


MMI
Rs... Precisamos levar esse papo um dia sim... Rs. Gostaria, se você quisesse e pudesse, em algum momento, explicar sobre essa questão. Entendo a parte da representação de referência da marca nós países, e tal... Mas não entendo como basicamente todos os produtos que são vendidos aqui conseguem ser os mais caros do mundo (vide produtos da Apple, PS4, etc, etc, etc). Não é apenas carga tributária (apesar de bem alta) que faz o valor final do produto ser astronômico.

Na verdade, não acho que a culpa seja das marcas/importadores/revendedores. Acho que sempre é de quem se dispõe a pagar e aceitar esses valores e alimentar esse ciclo.

Enfim... Quando você quiser e puder, estamos aí... Rs.

Um aceno de longe!!!

MMI
Veterano
# nov/13 · Editado por: MMI
· votar


Del-Rei

Vai bem além. Vamos lá, não vou negar para você. Vamos supor que uma importadora compre na fábrica uma guitarra a 1000 dólares., com impostos lá.

1000 dólares + (chutando, uns 100 dólares de frete e seguro para o Brasil) = 1100 dólares

Tributação no porto: 30% de impostos, ICMS = 1430 dólares no total - tem que converter e aplicar no mínimo 0,38% de IOF para chegar em real, a 2,28 hoje = 3272,79 reais

Frete para sair do porto e chegar no depósito da importadora, com seguro (tem muito roubo de mercadorias), chutando baixo mais 50 reais = 3322,79

A importadora precisa colocar no mínimo 20% (está baixo isso aqui!) em cima para pagar funcionários, luz, água, telefonemas internacionais, viagens eventuais até a Gibson (Memphis, Nashville e Bozeman, Montana) e um mínimo de lucro = 3987,35 reais. Acrescente uns 12% de impostos na nota fiscal = 4465,83

O lojista precisa pagar 50 reais de frete e seguro (também tem o problema de roubo de cargas) = 4515,83 reais

O lojista precisa colocar uma margem maior, paga mais luz, água, funcionários que recebem comissão, propaganda, segurança e se expõe mais a roubos, inadimplência, golpes variados, digamos uns 25% para chutar bem baixo = 5644,79

Ninguém paga isso hoje em dia a vista em dinheiro, quase todos parcelam e pagam no cartão. O cartão no Brasil tem as taxas mais altas do mundo, mas é hábito do consumidor parcelar, então o cartão leva uns 10%, mas a loja tem que pagar a vista = 6209,27 reais

A loja tem que embutir os impostos que vai ter que pagar, uns 12% = 6954,38

Isso é um preço chutado, sem nada excessivo, lucro bem baixo. Sem nenhuma baixaria, sem nenhuma demanda extra. Mas tem problemas nisso, vamos levantar alguns...

- Já citei, o roubo de cargas está muito frequente, o risco no transporte está enorme. Nem sempre se consegue seguro neste transporte não se pode correr o risco de falir se a carga for roubada.

- Já no porto pode ter necessidade de correr uma "caixinha" para liberação do container, sob pena de ficar encostado num canto por meses, pagando aluguel, até a liberação.

- Há risco de inadimplência alto, aqui nesta terra não há certeza de recebimento.

- Dependendo do que se refere, este produto pode demorar meses para ser vendido, não é rápido em média. E em decorrência de um período longo, exposto para moleque tocar, pode haver danos, além de que dinheiro parado tem custo.

- Nesta época do ano, fiscais atacam... Este ano na principal rua de comércio de instrumentos daqui de SP, já começou. O pessoal da delegacia do consumidor vem adentrando nas lojas pedindo manual em português de todos os produtos a venda. Você já comprou palheta, corda ou cabo com manual em português? Pois é, na falta de 1 manual os caras levam gerente e dono da loja para prisão em flagrante por crime contra o consumidor. Só que lá, na verdade, você supõe que os caras querem prender e fechar uma loja ou querem pagar um réveillon num resort no Caribe? Pois é, por conta disso há necessidade de pagar um escritório de advocacia bom e atuante. Não só isso, como é possível ter que dar ajuda a campanha do vereador do bairro ou prefeito para ter tranquilidade, vai saber... Recentemente foram presos o que se chamou de "máfia dos fiscais". A lista de sacanagem é longa e pode imaginar muita coisa, há de se colocar no preço dos produtos o custo disso.

Colocando tudo isso, se percebe que mesmo o importador e lojista sem colocar um lucro (daquele de levar para casa) alto o preço explode.

Obs.: por isso que eu digo para o pessoal... Ao comprar num ML da vida, nunca pense que o produto é original se o preço é próximo ou até inferior ao que o site da Guitar Center oferece. Preço baixo, sem nota, desconfie, é fria!

vintagentleman
Veterano
# nov/13 · Editado por: vintagentleman
· votar


montero

Não interessa se você comprou a guitarra em distribuidor oficial ou não. Ninguém pode vender falsificação de qualquer coisa no BR. Pergunta-se: você pegou nota fiscal da loja ou recibo do particular? Se não tiver documentado o negócio ficará difícil o ressarcimento material e eventual dano moral, sua incomodação, frustração que seja "traduzida" em dinheiro. Já prevejo outro problema: se vc comprou como verdadeira, foi vitima de um crime e a guitarra tem que ser apreendida e periciada. Só que essas minúcias não são da especialidade do perito e pelo menos por aqui é costume o delegado indicar algum especialista na área para auxiliar os peritos nos exames. Um cara tipo o MMI rsrs. O ideal seria esperar o laudo da Criminalística antes de entrar com a ação cível. Se der que a guitarra é falsa é praticamente certo vc ganhar a ação...

JJJ
Veterano
# nov/13 · Editado por: JJJ
· votar


MMI
Parabéns pela paciência de Jó pra escrever isso tudo!

Seria muito mais fácil dizer que moramos num país de m#%€£! kkkkkk

minholi
Membro
# nov/13 · Editado por: minholi
· votar


É chinesa:

Dá pra ver em uma das suas fotos que a ponte tem parafusos nas laterais, na original é diferente.

A sua é igual essa:

http://www.aliexpress.com/item/2012-NEW-G-Slash-Appetite-New-arrival-b lack-yellow-color-silver-hardware-Slash-model-Electric-Guitar/66021967 7.html

http://www.aliexpress.com/store/product/Free-Shipping-Slash-Signature- Sunburst-Electric-Guitar-Natural-Wood/321987_786086247.html

Nefelibata
Veterano
# nov/13
· votar


montero

Eu advoguei até o ano passado, mas parei por conta de um concurso.

Cara as tarraxas vintage tem escrito gibson deluxe atrás.

Tem como matar a dúvida se vc tirar as cordas, desaparafusar as molduras dos captadores. Atrás dos caps vai estar escrito a marca deles. Acredito q o modelo do slash sejam seymours.

Dá uma olhada.

Del-Rei
Veterano
# nov/13
· votar


MMI
Opa!! Valeu pelos esclarecimentos!! Sério! Tu é o cara! Rs.

Acredito que tenham casos em que o valor final realmente seja alto.
Mas veja o caso do PS4 e do Xbox One.

Nos EUA:
PS4: U$ 399.99
Xbox One: U$ 499.99

No Brasil
PS4: R$ 3.999,99
Xbox One: R$ 2.299,99

Será que essa diferença se justifica com risco de roubos, fiscais malandros, ou algo do tipo...? É muito difícil conceber um valor de 4 mil reais num produto de 400 dólares.......

(Desvirtuei geral. Foi mal, moderadores!! Podem apagar meus posts, se acharem necessário!!!)

Um aceno de longe!!!

Drinho
Veterano
# nov/13
· votar


Nesta época do ano, fiscais atacam... Este ano na principal rua de comércio de instrumentos daqui de SP, já começou. O pessoal da delegacia do consumidor vem adentrando nas lojas pedindo manual em português de todos os produtos a venda. Você já comprou palheta, corda ou cabo com manual em português? Pois é, na falta de 1 manual os caras levam gerente e dono da loja para prisão em flagrante por crime contra o consumidor. Só que lá, na verdade, você supõe que os caras querem prender e fechar uma loja ou querem pagar um réveillon num resort no Caribe?

Como é que é aí?

Sério que tá acontecendo isso?

vintagentleman
Veterano
# nov/13
· votar


Drinho

Olha cara, não conheço a realidade da Delegacia do Consumidor em Sampa. Então quem falou deve saber...
Aqui na minha cidade, não é assim, não. Falo com conhecimento de causa. Aqui falta de manual em português só seria crime se representasse grave risco à saúde do consumidor.

MMI
Veterano
# nov/13
· votar


Del-Rei

caso do PS4 e do Xbox One.

Não sei como explicar isso, mesmo porque acaba não me atingindo porque não sou consumidor disso.

Mas de toda forma, são produtos muito mais fáceis de revender e que há um mercado paralelo e de usados, diferente de guitarras que é muito restrito, são raras as lojas que fazem esse tipo de venda. Mas esses consoles já são tão populares que provavelmente se tornam cargas de alto risco de roubo, acho que tem que colocar segurança armado protegendo um caminhão cheio deles (vai que os próprios seguranças acabam levando...).

Cara, há 1 mês roubaram minha mala no aeroporto de Guarulhos, não inteira, mas só parte do conteúdo. Isso porque sumir uma mala dá rolo, a cia. Aérea se responsabiliza e cria problema, se abrem e tiram coisas lá de dentro nem tem como provar, eu mesmo nem fiz BO porque já sei que não dá em nada, é só perda de tempo. Esse é o aeroporto onde chega muita carga, nos portos a coisa não é diferente.

Voltando aos consoles, não sei mais o que entra nessa questão de preço. Mas com certeza tem a questão do valor que o consumidor dá ao produto. Meio como nossos carros, onde eles valem a metade se muito, mas o consumidor avalia e paga o que pagamos. Lógico que vão cobrar o mais alto possível, quem não quer ganhar mais?

Putz, que desvirtuada braba! kkkkkkk

Drinho

Sim, é sério, não é brincadeira nem invenção. No rigor, até aquelas camisetas que umas lojas vendem lá teriam que ter manual e a falta de um deles é passível de cadeia para o gerente e o dono da loja. O bom senso não entra na lei... Então as lojas tem de estar cobertas com bons escritórios e profissionais de direito, capazes de chegar rapidamente se aparecer um fiscal desses - o que em São Paulo é muito difícil por causa do trânsito caótico - e contar com profissionais experientes, influentes e capazes de lidar com a situação, lógico que são mais caros que a média ou talvez nem deveriam ter esse tipo de cliente. Um deles é guitarrista e gente boa, tomei uma cervejinha com ele esses dias, falando do cara do Korzus experimentando um amp (gente boa e toca pra caraleo!).

Isso é só parte dos bastidores daquilo. A gente pensa que os donos de lá estão numa boa e rindo à toa, mas o buraco é mais embaixo. Como dizem, "vocês só veem as pingas que eu tomo, os tombos que eu levo ninguém vê". ;-)

MMI
Veterano
# nov/13
· votar


vintagentleman

Os maus profissionais ainda não descobriram esse filão... Melhor apagar o post e não dar a ideia. kkkkkk

Natanael_DM
Veterano
# nov/13
· votar


Respeito a dor do amigo criador do tópico, afinal nunca é agradável tomar conhecimento da naturaza fazke da sua Gibson, especialmente quando se pagou uma boa grana por ela.

Maaaaaaaaaaas, pergunto-lhes, honestamente e sem sacanagem: em que planeta alguém compraria uma Gibson signature do Slash por R$ 3.200,00? Nem nos EUA dá pra fazer negócio bom assim.

Pô, cara, com o mínimo de pesquisa, pela internet mesmo, dá pra descobrir que esse é o preço de Les Paul Studio no mercado de instrumentos. É meio óbvio que uma guitarra superior teria um preço muito maior.

Outra coisa xarope é a coragem de alguém em vender por três paus uma guita que não é aquilo que parece ser!!!

JJJ
Veterano
# nov/13
· votar


MMI
Lógico que vão cobrar o mais alto possível, quem não quer ganhar mais?

E viva a Lei de Gérson...

MMI
Del-Rei
Drinho
vintagentleman

Esse tópico não é lugar pra essa conversa. Estamos desvirtuando totalmente...
Por isso tinha criado este outro tópico, onde esse papo pode continuar, se quiserem (seria bom, porque o tópico esfriou, assim que resolvemos criar uma guitarra... o que não faz sentido nenhum, pois o assunto é sério e interessante).

paulgilbert
Veterano
# nov/13
· votar


Será que essa diferença se justifica com risco de roubos, fiscais malandros, ou algo do tipo...? É muito difícil conceber um valor de 4 mil reais num produto de 400 dólares.......
Del Rei diz a lenda que a verdade deles cobrarem esses absurdos se chama LUCRO BRASIL, Brasileiro prefere vender pouco a preço exorbitante do que vender muito, da uma lida nesse artigo (não tenho certeza se é de total confiança):

http://www.thetarget.com.br/sony-e-suas-mentirinhas-sobre-o-p4k/

Isso justifica um pouco preço das guitarras e vídeo game

edalko
Veterano
# nov/13
· votar


Essa discussão de preços já restou bem esclarecida, quando o assunto era os carros de fabricação nacional.
Então sabem porque os preços no Brasil são exorbitantes: PORQUE O O POVO PAGA!

Só por isso. Lógico que tem um cálculo aí que o MMI passou, mas a margem de lucro é gigante porque o povo é burro mesmo. Ficam horas na fila para comprar um produto que custa 10x a menos no exterior. Um bando de otários.

ogner
Veterano
# nov/13
· votar


edalko

Que isso, rapaza!!! É o custo Brazil zil zil zil...

ta cada vez mais bizarro..Muito bizarro...Os preço de imoveis no rio é uma coisa surreal. Bizarro demais!!

Olha o ponto que a coisa ta chegando... E não é só zona sul não. em todo lugar o bagulho ta loico mano!

renatocaster
Moderador
# nov/13
· votar


ogner

kkkkkkkkkkkkkk, vou lá ver essa parada! Dá pra eu morar (e transitar) lá tranquilo, visto que eu tenho 1,69 de altura!

makumbator
Veterano
# nov/13
· votar


renatocaster
ogner

Chorem:

http://www.estamosricos.com.br/2013/11/princesinha-do-mar-x-fort-laude rdale.html

http://www.estamosricos.com.br/2013/11/hollywood-x-copacabana-rj.html

http://www.estamosricos.com.br/2013/11/varginha-mg-x-roswell.html

ogner
Veterano
# nov/13
· votar


makumbator
Eu vi isso. Loco demais!!
Nao to nem entendendo oq esta acontecendo!!

O.o

little_wolf
Veterano
# nov/13 · Editado por: little_wolf
· votar


makumbator

http://www.estamosricos.com.br/2013/11/varginha-mg-x-roswell.html

HAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!

ALIENS

MauricioBahia
Moderador
# nov/13
· votar


ogner: ta cada vez mais bizarro..Muito bizarro..

Um chopp caldereta tá R$6,60 (como os 10%)!

Morri!

Guinervauscko
Veterano
# dez/13
· votar


Achei legal postar aqui já que tem relação com o assunto ao invés de criar outro tópico.



Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a duvida em gibson. falsificada ou não?