Sobre impostos para trazer guitarra dos EUA em 2011

Autor Mensagem
makumbator
Veterano
# ago/11
· votar


Sertão
lipe_2104

Lembrem-se que a alíquota de imposto em viagem internacional é de 50%, e não 60%, uma vez que essa última é válida para encomendas e compras internacionais à distância, e incide também sobre o frete.

Portanto, em compras trazidas em viagem, a taxa a ser calculada é de 50% do que exceder a cota.

lukas_alvs
Veterano
Esse post foi marcado como inapropriado mostrar
O autor recebeu uma advertência por publicar conteúdo contra as regras do fórum.

ago/11

lipe_2104

Cara acabei de comprar uma Pod Hd 500 lá fora! Como o makumbator falou a cima a alíquota de imposto em viagem internacional é de 50%, e não 60%, então vc pode trazer "qualquer" coisa que fique no limite de $500, passando disso vc terá que pagar 50% do valor excedido. Caso vc não declare, e for pego na alfandega, dai vc terá que pagar muito provavelmente 100% sobre o valor excedido.

Ex: Guitarra: $900
Imposto: 50% de $400( que foi o excedido) = $200
Total: $1100

________________________________

[EDITADO PELA MODERAÇÃO]

3. É proibido!
3.6. Atitudes que infrinjam as regras do fórum e/ou as Leis Brasileiras;


Abraço

Sertão
Veterano
# ago/11
· votar


lukas_alvs
Velhao, o problema eh aquele que te falei, o fiscal tem um computador no balcao onde ele checa se o preço é real ou nao..

o fiscal da receita é um POLICIAL FEDERAL, ele nao é burro, eles fazem isso todo dia, imagina voce trabalhando la e vem um maluco com uma Gibson Les Paul Custom custando 1500 dolares e vc fala "tava em promoçao na loja".. vai quebrar a cara, pois eles tem como verificar o preço real.

Ao meu ver, é passar passando mesmo... se taxar taxou! se nao taxar , ganhou.

axleWs
Veterano
# ago/11 · Editado por: axleWs
· votar


Quero importar técnica das gringas. Paga imposto? É sério gente. Se vai importar, faz as contas com o imposto já. Se for taxado, paga, se não for, ótimo.

lukas_alvs
Veterano
Esse post foi marcado como inapropriado mostrar
O autor recebeu uma advertência por publicar conteúdo contra as regras do fórum.

ago/11

________________________________

[EDITADO PELA MODERAÇÃO]

3. É proibido!
3.6. Atitudes que infrinjam as regras do fórum e/ou as Leis Brasileiras;


Will Bejar
Veterano
# ago/11
· votar


lukas_alvs
No final das contas, a melhor arma é se garantir com grana pra fazer do jeito certo. Se pegar, pegou, se não pegar, vc compra um amp!!!

lukas_alvs
Veterano
# ago/11
· votar


Will Bejar

Concerteza! Nesses casos temos que pensar sempre na pior das hipóteses pra saber se é viável ou não!

Binohendrix
Veterano
# ago/11
· votar


Sertão

o fiscal da receita é um POLICIAL FEDERA

Só corrigindo...Ele NÃO é policial. Não pode andar armado nem dar voz de prisão.

Eu vou trazer no fim do ano um amp e uma guita. Moleza. Os caras nem ligam pra isso. Eles querem os eletrônicos ou produtos muito caros, tipo uma bike de carbono, que custa acima dos 6000 dólares. É sussegado. Falo isso porque tenho milhares de parentes de lá e eles trazem coisas direto.Qualquer coisa, eu vou dividir entre eu e minha mulher, assim, se for pego, a multa é bem menor. Mas não pega instrumento não. Muito difícil. E mesmo assim, não é ao pé da letra: "cota de 500, trouxe 650, paga multa sobre 150". Os caras deixam passar muita coisa.É so descer em Sampa ou Rio. Fica de bobeira no free shop e na hora que descer um vôo daqueles lotados, muvucados, cheio de gente com caixas e tals, vai no vácuo. DE BOA. Se for POA, BH, CTBA, ou lugares onde tem pouco vôo internacional, a coisa muda de figura pois eles ficam lá o dia inteiro só esperando os vôos internacionais.
Um história: uma amigo meu trouxe uma bike de carbono de 7000 dólares. Aqui no Brasil custa mais de 20.000. Ele desceu em BH, tava vazio, era o único vôo, e os cars cresceram o olho na caixona. Por azar dele, o fiscal sacava tudo de Bike e viu que a bike era cara, apesar do meu amigo ter mostrado a nota no valor de 1200. O fiscal deixou ele mexer no cpu e falou: "se vc me mostrar essa bike a esse preço em qualquer site, eu te deixo passar(mesmo com o limite sendo 500). Não precisa ser idêntica, com os mesmíssimos componentes, apenas parecida".Meu amigo, fuçou, fuçou, e claro não achou nada. Teve que pagar multa. SÓ QUE....ele não pagou multa sobre os 6500 excedentes, que seria 13.000. Pagou apenas 2000. Os caras são mais flexíveis quando vê que é para uso pessoal . Preto no branco é só com muambeiro. Se ele tivesse trazido uns quatro Xbox, ou Iphone, placa de cpu, etc,no valor total de 7000 tinha dançado porque o cara iria interpretar como produta para revenda. Apesar da lei não fazer essa distinção, existe essa discricionariedade por parte dos fiscais. Se é muambeiro, é multa. Se é uso pessoal é só não exagerar.

L.K.R
Veterano
# ago/11
· votar


Dando uma experiencia minha...

Essas ferias de julho fui pra orlando e comprei na guitar center uma ltd mh-350 nt por 620 dolares, um pedal jekyll & hyde, um bag, uns cabos, encordoamentos e tal. Fechou uns 900 dolares isso.
Perguntei pra o atendente se dava problema passar com isso na alfandega, ele disse que tavam até liberando um instrumento por pessoa.. o que me tranquilizou.
Acabada a viagem, fui fazer o check in no aeroporto.
A guitarra com bag, os encordoamentos e meu perfume (escondido porque era mais de 100 mls) fechou 5kg certinho, entao levei como bagagem de mao.
Chegando em são paulo, passei reto no nada a declarar com a guitarra nas costas, coisa nada discreta. Entreguei o papelzinho pra o cara e passei reto sem nenhum problema. Fiz o check in para o voo de sao paulo pra porto alegre e novamente levei a guitarra na bagagem de mao; o unico aviso foi pra soltar as cordas um pouco pra nao dar problema com elas estourarem via das duvidas.
Cheguei em porto alegre bem feliz e com a guitarra 100% inteira

MMJr
Veterano
# ago/11
· votar


L.K.R

Exatamente...

Simples assim...

Valeu...

lukas_alvs
Veterano
# ago/11
· votar


É simples mas não é regra... é bom estar previnido pra caso aconteça o pior!

Abraço

L.K.R
Veterano
# ago/11
· votar


lukas_alvs
justamente.
um bolso esfolado no dinheiro, uma carteira de músico falsa e uma boa lábia nao atrapalham ninguem haha



[/ésóbrincadeiranãomebane

danielfz
Veterano
# ago/11
· votar


Compras pela internet!! O pessoal que tem comprado... tem falado que estão taxando agora de 90% é certeza que é taxado, se for coisa grande, tipo um instrumento! É certeza que vai taxar!!!
Um colega foi taxado em 100% do valor!!!

E o pior.. o instrumento veio com braço quebrado!!! Os caras não tem cuidado algum com a caixa não.. vai vir tudo jogado dentro de um contêiner...

Se tiver alguém vai pra lá e que traz de lá, é mais garantido mesmo que cobre 2.5* o valor de lá.. ainda vale no caso de instrumentos caros!
(Não acho injusto pelo toda a mão de obra , tempo, trabalho e gasto do cara em ir pra lá comprar e trazer em condições perfeitas)
Tem instrumento que você for na loja aqui te cobram 3.5 * o valor de lá!

danielfz
Veterano
# ago/11
· votar


Tem alguém aqui que foi pego pelo fiscal na hora de passar e teve que pagar imposto e multa???
A minha pergunta é... eles te dão um comprovante de pagamento algo do tipo???

L.K.R
Veterano
# ago/11 · Editado por: L.K.R
· votar


danielfz
tem um amigo do pai que direto viaja pra miami, pelo que ele diz, geralmente eles dao um comprovante, se não derem, é teu direito pedir


EDIT: ae! virei membro haha Valeu Sam

danielfz
Veterano
# ago/11
· votar


L.K.R

Valeu pela resposta... tem que ter comprovante.. pois vou ver se consigo um cara que trás... de lá.. o meu receio é ele vir cobrar mais caro por ter sido taxado...neste caso ele deveria mostrar comprovante né!

lipe_2104
Veterano
# ago/11
· votar


Valeu pela ajuda de todos :}
Melhor ainda, 50% hehe.

danielfz

vai que o cara falsifica um comprovante? Vai saber né..
abç

danielfz
Veterano
# ago/11
· votar


lipe_2104
pois é.. aí é f**** como vai saber... será que é um papel timbrado:??? será que ele tem que passar o cartão pra pagar???
Difícil!!

rhoadsvsvai
Veterano
# ago/11 · Editado por: rhoadsvsvai
· votar


cansado ,mas n consigo durmir
.

vou aproveitar pra dar um toque aqui.

esse ano eu fiz duas viagems internacionais , em uma delas trouxe guitarra , as duas coicidentementes eu cheguei no brasil pelo aeroporto de guarulhos , e ambas as vezes eles não taxaram ou pararam ninguem que entrou na fila do "nada a declarar"
na verdade eu entrava no brasil até se tivesse coca na mala.

fica a dica(sobre instrumentos não sobre drogas)

Paulo Heineken
Veterano
# set/11
· votar


meu caso é o seguinte, comprei uma pedaleira e uma amiga minha outra pedaleira, e um monte de mutretazinha tipo encordamento, pack de palhetas, algumas cordas, cabos etc

quem vai trazer é um amigo nosso da Alemanha que é Alemão mesmo, nascido lá e tudo..vai vir ele mais 7 pessoas.

será que dá treta, tendo em vista que minha pedaleira é até grandinha?

Binohendrix
Veterano
# set/11
· votar


Paulo Heineken
quem vai trazer é um amigo nosso da Alemanha que é Alemão mesmo, nascido lá e tudo..vai vir ele mais 7 pessoas.

será que dá treta, tendo em vista que minha pedaleira é até grandinha?


Nada....é só cada um trazer uma. Qual é a pedaleira? Vai vir na caixa?

Paulo Heineken
Veterano
# set/11
· votar


Binohendrix
então, a loja me forneceu um bag proprio da pedaleira..mas ainda nem falei com o cara sobre como ele ira trazer..porque a mochilinha é pequena

é um pod hd500..acho que tem uns 7 kilos não é?
então será bagagem mesmo..o que não manjo muito é sobre o que um estrageiro pode trazer na bagagem.

Sempre vejo falando de um brasileiro que vai e volta..mas e um estrangeiro, pode trazer de boas?

será que por conta de ser gringo que virá com a familia toda, é mais fácil de passar na fisco?

Binohendrix
Veterano
# set/11
· votar


Paulo Heineken
Sempre vejo falando de um brasileiro que vai e volta..mas e um estrangeiro, pode trazer de boas?

Cara, eu comprei um pedal recentemente na mão de um americano residente no Brasil. O cara tem coisa demais pra vender. Com certeza ele está trazendo de fora. Acho que pode sim...

Del-Rei
Veterano
# set/11
· votar


Paulo Heineken
quem vai trazer é um amigo nosso da Alemanha que é Alemão mesmo, nascido lá e tudo..vai vir ele mais 7 pessoas.

Mas ele mora lá?
Se ele tiver residência lá não terá problemas.

Um aceno de longe!!!

Paulo Heineken
Veterano
# set/11
· votar


Del-Rei
sim, ele mora lá, e virá passar uns 2 ou meses por aqui..pra mim é bom ter conhecido essa galera, "diretasso" eles vem pra cá, hahha..vo sempre pegar umas besteirinhas

Del-Rei
Veterano
# set/11
· votar


Paulo Heineken
Se ele tem residência por lá, não tem mistério. É como se ele estivesse vindo a passeio e fosse retornar.


pra mim é bom ter conhecido essa galera

Todo mundo devia conhecer gente assim, hehehe.

Um aceno de longe!!!

Renan Teles
Veterano
# set/11
· votar


Então galera pra complementar os comentários, lá vai minha história:

Vou para os EUA no final de ano e vou ficar 4 meses lá. Decidi comprar simplesmente uma Gibson Les Paul Standard 2008, uma Jackson Dinky dk2 e nada mais que um Marshall JCM 2000 Tsl Head.

É claro que fiquei na mesma dúvida que todos, mas até como todos já viram, tinha até pouco tempo atrás no site da receita que o músico deveria comprovar que é músico.

Então pesquisei mais um pouco e vi mais centenas de histórias que os fiscais da alfândega não param, ou que se param não pedem identificação. Porém, ouvi uma história de que o cara pediu identificação de músico e o rapaz tinha carteira da OMB. Logo o fiscal deixou ele passar sem pagar taxa.

Resolvi no final das contas tirar a carteira de músico. Fiz tudo certinho e retirei. Ao retirar, eles me deram um MANUAL DO MÙSICO. Tirando o monte de coisas sem perspectiva que tinha nesse manual, na página 7 especificamente tem um trecho GRIFADO que diz o seguinte:

"Vale destacar, ainda, que em viagem internacional, mediante apresentação da carteira, o músico profissional goza das regalias daqueles que têm profissão definida, sendo o referido documento elogiado pelos órgãos aduaneiros de Portugal, Espanha e outros países da Europa, tendo o músico, inclusive a permissão de trazer, para o território nacional, instrumento musical de sua especialidade, em VALOR SUPERIOR a cota permitida, SEM NECESSIDADE DE PAGAMENTO DE IMPOSTOS, DESDE QUE NÃO SEJA DESTINADO AO COMÉRCIO E QUE NÃO ULTRAPASSE O LIMITE QUANTITATIVO, BEM COMO A FORMA ESTABELECIDA EM LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA."


Logo, cheguei a conclusão que além da GRANDE probabilidade de não pararem, ainda mesmo que parem, tem esse artifício que podemos usar ao nosso favor.

Então acho bem difícil eles quererem cobrar taxa ainda.

Fica minha história ai galera pra ajudar vocês.

Abraço.

Paulo Heineken
Veterano
# set/11
· votar


Del-Rei
só se liga, primeira vez que faço compra fora, tá tudo correto neste site?

http://nolp.dhl.de/nextt-online-public/set_identcodes.do?lang=en&idc=0 0340434123404046198&rfn=&extendedSearch=true

Del-Rei
Veterano
# set/11
· votar


Renan Teles
Opa! Valeu pela contribuição!!

Paulo Heineken
Cara, pelo que entendi, vc postou o rastreamento de uma encomenda pelo DHL. Até então, tudo normal... Não percebi nada de estranho não.
Foi postado ontem, né?
É melhor relaxar quanto à entrega, pois pode demorar um pouco.

Um aceno de longe!!!

Paulo Heineken
Veterano
# set/11
· votar


Del-Rei
a sim, bem de todo jeito o cara só vem no dia 6 mesmo

é que meu ingles é bem básico e fiquei confuso, mas já consegui entender o que tá rolando.

acho que o bixo vai ter que retirar lá quando receber o cartão de notificação...

Você não pode enviar mensagens, pois este tópico está fechado.
 

Tópicos relacionados a Sobre impostos para trazer guitarra dos EUA em 2011