Um ou dois tensores nos contrabaixos de 6 cordas?

    Autor Mensagem
    Fanoel Bass
    Membro Novato
    # 24/jun/20 01:06


    Olá, pessoal. Eu quero saber qual o critério de se usar um ou dois tensores nos contrabaixos de 6c?
    Depende da madeira para se usar 2 tensores no baixo de 6c?

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 24/jun/20 08:31
    · votar


    Fanoel Bass
    O único 6 cordas que construí tinha 1 tensor apenas.
    Braço reforçado com longarinas e escala de pau-ferro.
    Não sei como está pois já o vendí à muito tempo.
    Abç

    Buja
    Veterano
    # 24/jun/20 08:34
    · votar


    Se fosse pra escolher, eu preferiria um baixo como o Bertola fez.
    Sei que existem muitos instrumentos com 2 tensores, mas ao
    meu leigo entendimento, eles deveriam trabalhar em sincronia.
    Como descobrir se um tensor ta apertado e outro está frouxo?
    Dificil. Pra mim deveria ser um tensor so e o braço reforçado.

    Fanoel Bass
    Membro Novato
    # 24/jun/20 23:44
    · votar


    Fanoel Bass
    O único 6 cordas que construí tinha 1 tensor apenas.
    Braço reforçado com longarinas e escala de pau-ferro.
    Não sei como está pois já o vendí à muito tempo.
    Abç

    Grato pela informação, Maurício Luiz Bertola.

    Ismah
    Veterano
    # 01/jul/20 14:49
    · votar


    Buja
    Como descobrir se um tensor ta apertado e outro está frouxo?

    Como descobrir que uma roda das 4 do carro, está 1,5º fora do lugar?
    Existem meios manuais e automatizados para corrigir isso, com maior ou menor precisão, e grau de perícia para.

    Se um está muito frouxo (eles não tensionam de forma igual), a tendência é o braço torcer. Logo, se está torcido, também tende a estar levemente mais curvo, em um lado que outro.

    Pessoalmente, só peguei um instrumento do tipo. Usei a lógica de que se a escala não está torcida, as forças estão em equilíbrio. Portanto, deve estar com o mesmo grau em relação a vertical, ao suspender o instrumento pela correia. Admito que isso seria o "zero", ambos os pontos da escala devem medir "zero".
    Por estudo e desencargo de consciência, usei de outra concepção para medir, usando um nível laser. Bateu com a primeira, mas dependia de terceiros para ter essa ferramenta.

    Lelo Mig
    Membro
    # 01/jul/20 16:37 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    Buja

    "Como descobrir se um tensor ta apertado e outro está frouxo?"

    Em teoria, quando o braço foi construído, foi dado o mesmo aperto nos dois tensores, então não teria como um tensor soltar e outro não, já que são paralelos e muito próximos, então se aplica ou "desaplica" o mesmo torque em ambos de forma alternada (ex: meia volta num, meia volta no outro, mais meia volta em um, meia volta no outro... e assim por diante).

    Ou pode se soltar totalmente as duas "balas" dos tensores, chegar no ponto de encosto e começar a apertar alternadamente.

    Se o luthier tiver um torquímetro, melhor ainda, ficará mais preciso.

    Lembre-se que a opção por dois tensores não é um "capricho". Num baixo de seis cordas a tensão longitudinal no braço pode passar dos 100 Kg, então existe muita chance de a madeira e apenas um tensor não darem conta dessa força.

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 01/jul/20 17:24
    · votar


    Lelo Mig
    então existe muita chance de a madeira e apenas um tensor não darem conta dessa força.
    Bom, no caso do qual eu construí, me parece estar estável até hoje.
    Ele pertence à meu amigo (ex-guitarrista da Banda Vitória Régia) Rogério Lopes.
    Abç

    Lelo Mig
    Membro
    # 01/jul/20 23:15
    · votar


    Mauricio Luiz Bertola

    Você é Luthier. Conhece as madeiras, a qualidade de um tensor, e sabe como definir um conjunto "madeira ideal x tensor ideal", para dar conta do recado.

    Só quis ressaltar, que para um leigo, ou para alguém que não esta comprando de um luthier amigo, num baixo de 6 cordas a opção por 2 tensores não deve ser descartada.

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 03/jul/20 22:26
    · votar


    Lelo Mig
    Claro.
    Abç

    GabrielFerreiraBlues
    Membro Novato
    # 04/jul/20 00:05
    · votar


    mas dependia de terceiros para ter essa ferramenta.

    Se mesmo voce teve dificuldade imagine quem nao tem um conhecido com nivel a laser, alem disso, como as cordas tem tensões diferentes então os tensores nao devem ter o mesmo aperto, as mais graves e mais agudas por terem tensoes diferentes vão exigir tensores fazendo esforços diferentes.

    Se o luthier tiver um torquímetro, melhor ainda, ficará mais preciso.

    Dificilmente, um luthier com um torquimetro pode aferir a quantidade de força no parafuso porem o calculo da força feita pela torção do tensor e como a madeira vai reagir são outros 500.

    Braço reforçado com longarinas e escala de pau-ferro.

    Pelo pouco que eu sei de luthieria ( entendo um pouco de mecanica mas luthieria é algo muito diferente). Esse parece ser o modo mais certo, a madeira masi densa colabora para "deixar o braço reto" dando um contraste com a madeira mais macia e deixando o tensor trabalhar melhor.

    E em todos os casos (guitarras baixos etc) a maioria das torções (empenos) se dão por mau uso ( muito mau uso diga-se de passagem) ou por descuido com variaçoes climaticas e condicionamento do que o projeto em si

    Lelo Mig
    Membro
    # 04/jul/20 04:11
    · votar


    GabrielFerreiraBlues

    "Dificilmente, um luthier com um torquimetro pode aferir a quantidade de força no parafuso"

    Na verdade ele não vai "aferir"... Luthiers têm prática em regular o tensor para fazer o ajuste do braço de forma correta e empírica, o torquímetro no caso, é só para garantir que o torque fique precisamente igual nos dois tensores.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Um ou dois tensores nos contrabaixos de 6 cordas?