Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Como montar um Home Estúdio - Tutorial - Oficial

      Autor Mensagem
      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11


      Bom pessoal, vejo que com o passar dos anos, o avanço da tecnologia e tudo mais, fez com que o músico ficasse mais perto do que um dia foi tão sonhado ou difícil. Hoje lhe é permitido facilmente gravar o próprio CD em casa, com poucos recursos, se for bem trabalhado é claro. E com todo esse andamento, tem a galera também que chega totalmente zero quanto à informação, e nem sabe por onde começar. Então resovi criar esse tópico auxiliando, procurando explicar detalhadamente o processo de home estúdio, gravação etc. Quem quiser contribuir, ou fazer alguma correção, seja bem vindo. Por favor, não faça perguntas nesse tópico, vamos apenas contribuir o máximo com informação que a gente conseguir, pra não deixar dúvidas.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11 · Editado por: geracaoanos2000
      · votar


      O que é precisamente um Home Estúdio?

      Home estúdio, é um estúdio, só que de capacidade menor, com equipamentos necessários para uma gravação de boa ou média qualidade, localizado na própria casa do proprietário, no quarto, sala e etc.



      Quais equipamentos são necessários?


      *Mixer ou Placa

      Antes de comprar os equipamentos, você deve se perguntar: "Pra quê eu vou usar?", "Quantos instrumentos vou gravar?", "Que tipo de instrumento vai ser usado?". Fazendo isso, você consegue esclarecer um poucos as idéias, e adquirindo apenas o essencial. Ai então partimos para os equipamentos:

      MIXER(Mesa de Som): Ideal para gravação de mais de um instrumento. É recomendado mesas que possuem Phanton Power, que nada mais é uma energia "fantasma" de 48V que ativa o microfone condensador. Pra começar, podemos partir de uma mesa simples de 4 canais.

      PLACA DE SOM: COm a placa de som, iremos realizar gravações Line, ou seja, em linha, no diretão mesmo. Alguns guitarristas conseguem fazer gravações incríveis com placas de som simples, é só saber configurar a máquina para isso. Uma das placas legais e talvez mais em conta para isso, e home estúdio em geral, é a Delta 1010Lt, pesquise.


      * Microfones


      Existem dois tipos de microfones. Os Condensadores e os dinâmicos. Em um Estúdio, é recomendado o uso dos mic's tipo condensadores, pois captam mais detalhes do som, nos oferecendo um som mais limpo e fiel. Os microfones dinâmicos, são mais indicados para o uso ao vivo, pois não capta todos os detalhes, pegando só a parte frontal e cortando a área de captação do público. Mas isso não quer dizer que iremos dispensar o uso de microfones dinâmicos em nosso Home estúdio.



      * Pré Amplificadores

      O Nome já diz quase tudo. (Pré)amplificador, ou seja, ele é um periférico responsável por pré amplificar o sinal, fazendo com que o microfone ou instrumento tenha um ganho de volume maior. Os DAW's atualmente, (Digital Audio Workstation), possuem amplificador interno, que poderá ser aplicado na edição. Mas atenção, é recomendado que a gravação seja feita com o máximo de volume possível, tomando o cuidado com possíveis distorções, para que quando amplificar dentro do programa, não ser amplificado também os ruídos presentes na gravação.





      * Monitoração

      A monitoração é, os ouvidos do técnico ou produtor no estúdio. É com ela que iremos saber, ou melhor, definir, como o som irá se comportar, ou como a pessoa, irá ouvir esse som no seu aparelho doméstico. Deve estar atento à esta parte, que geralmente, está envolvida na seção de mixagem. Pode-se utilizar um Headphone, ou caixas acústicas de alta qualidade e fidelidade sonora. É recomendado ter no estúdio, dois tipos de sistema de som e suas qualidades, sendo uma de ótima qualidade, e outra de baixa qualidade, porque quem vai ouvir, que são as pessoas no dia a dia, não terão um sistema de alta qualidade no estúdio, então fica a dica para mixar e depois conferir como rola o som mixado em um sistema de baixa qualidade, que pode ser: Celular, caixinhas de pc, e caixas antigas.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      Tratamento Acústico e Isolamento Acústico

      Tratamento Acústico:
      Trata-se, de tratar a acústica da sala, de como o som irá se comportar e tudo mais; Dentro desse conceito, trabalhamos a reflexão, absorção e outros. De acessórios, fazem uso de Espumas acústicas, para absorver parte da energia das ondas sonoras, difusor sonoro para "espalhar" um pouco o som pela sala e outros.


      Isolamento Acústico:
      O isolamento acústico é o responsável por deixar nossas gravações limpas, sem ruídos indesajáveis do ambiente, como carro, avião passando, criança chorando, enfim. Essa parece ser simples, mas pode ser complexa, e se a planta não for bem planejada, poderemos adquirir futuras dor de cabeças com nossas gravações. Então vamos dar uma rápida passagem de como funciona: para fazer as paredes, podemos usar blocos de concretos, com areia molhada dentro, e uma camada de la de vidro na parede na parte interior da sala, se possível, acrescenta uma camada de tijolos maciços, deixando então uma pequena camada de lã de vidro no meio, fazendo o recheio entre o vão. PAra montar o aquário que separa a sala de gravação da sala técnica, iremos usar vidros Blindex, vidros grossos e blindados, a qual vamos usar dois. O importante, é não colocar os vidros muito de frente um para . outro para não causar a onda estacionária, então vamos atenuar uma ponta de um dos vidros para um lado, mais ou menos essa figura representativa --> | /

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      Programas de Edição de Áudio

      Sugestão de DAW's para trabalho, com uma pequena descrição prévia.

      Audacity: Programa leve, porém muito eficiente. Com ele, trabalhamos com multipistas, aplicamos efeitos simples, e ainda contamos com um compressor muito eficiente. Sua interface é muito limpa, e é indicado para iniciantes no ramo da gravação.


      Sonar: Software profissional de edição de áudio, com ele, trabalhamos em multi pistas, e contamos com um enorme acervo de efeitos, sabendo que este é um pouco pesado, que hoje em dia, é quase nada para as novas máquinas fábricadas atualmente no mercado. Alem de gravação de áudio, esse programa trabalha com edição de midi, ou os dois em simultaneo na mesma edição. Usando ele, terás a vantagem de instalar e usar seus VST's preferidos.

      Sound Forge: Edição de áudio com apenas uma pista, é indicado para edição de gravações de vozes, aplicação de efeitos na mesma. Muitos locutores que gravam chamadas, spots, utilizam esse DAW', pela facilidade e rapizes que pode ser montado os efeitos sobre o trabalho. Facilmente e rapidamente, um material pode ser gravado, editado, salvado e editado para o cliente, quando falamos sobre locução. Fica a Dica : )


      OBS: SObre programas de edição de audio, vou deixar só estes mesmos, que são os que eu conheço melhor, quem quiser contruibuir com outro, o fórum agradece.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11 · Editado por: geracaoanos2000
      · votar


      EDIT POST FAIL, SEGUE ABAIXO:

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      O que é Pop Filter e para que serve?

      Você já deve ter visto aquele clipe....em que o cantor(a), tem em sua frente uma telinha preta de tecido bem fino, não é mesmo? AQUILO é um pop filter, que nada mais é um filtro, que irá eliminar as estouradas na gravação, que são os ventos fortes que saem após a pronuncia de algumas palavras ou letras, além de reduzir o som indesajado de algumas letras com o "S", "X" e etc.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11 · Editado por: geracaoanos2000
      · votar


      Alguns conceitos importantes em saber para montar um Home estúdio ou Estúdio.

      O Som: Para se obter o som, é preciso da matéria, as moléculas de ar, porque o som não se propaga no vácuo. Quanto mais denso, o som se propaga, porque temos a presença das moléculas.

      Senóide: É uma onda sonora, atualmente é representada por gráficos em Softwares de edição, mas não ão perfeita ao real. Uma onda que se repete, que é o registro do som, é chamado de comprimeinto de onda senoidal.

      Reflexão do Som: Assim como a luz no ambiente, a luz é reefletido "por móveis", ou parede, o áudio também é refletido, ou seja propagado. O Áudio é refletido de várias formas diferentes, de acordo com o material e suas caracteristicas. REFLEXÃO DIFUSA: Por Exemplo, temos uma pedra, nao lapidada, ou seja, cheia de irregularidades em sua construção, e o som quando bater nela, será refletido para vários lados, fazendo então que o som se espalhe. Para fazer isso acontecer e estúdio, temos difusores sonoros, que além de fazer esse fenômeno, deixa a sala mais bonita.

      Ressonância: É um fenômeno que occore entre dois objetos que têm o mesmo som fundamental, de forma que se um deles entrar em vibração, o outro também entra em vibração emitindo o mesmo som.

      Abosorção do Som: Fenômeno em que o som é absorvido por um material, fazendo o perder a energia, devolvendo parte dela. Por exemplo, temos as e´soumas acústicas, carpetes, e etc.

      Refração:
      Mudança da direção das frentes de onda, em virtude do meio. Por exemplo, temos um vidro, de um lado, temos uma caixa de som em funcionamento, as ondas irão penetrar o vidro, mas continuaram seguindo seu trajeto em outra direção, ao invés de seguir totalmente reto, em virtude do meio.

      Efeito Doppler: Alteração da frequência por um observador de um som, cuja fonte está se aproximando ou se afastando. Para haver o efeito, deve havaer um efeito relativo de deslocamento entre o observador e a fonte(afastando ou se aproximando). Por exemplo, você esta parado na rua, conversando com os colegas, e lá vem aquele seu amigo metido de carro zero e som bem alto, de longe, parece que o som esta grave, e logo quando ele passa por você, com o som ligado e ganha distancia, parece que o som fica agudo, certo?

      O Som Analógico e o Digital:
      Analogico: Audio "análogo" que posseui todas as características do som, ou seja, pontos reais do som gravado.

      Audio Digital: Amostra(SAMPLE) do som analógico.

      shoyoninja
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      geracaoanos2000
      Nossa velho, me desculpe, mas tem um MONTE de erros tanto na redação quanto nos conceitos que você está tentando passar.

      Muito legal que você tenha boa vontade para ajudar, mas você deveria se limitar a falar sobre aquilo que você REALMENTE conhece, e perder um pouco de tempo para deixar o texto claro e correto.

      Cenóide é pra matar de desgosto...

      T-Rodman
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      Meu resumidão atual é assim:

      1. ter e saber manusear uma DAW (Digital Audio Workstation). É um software. Os principais do mercado são: Pro Tools, Cubase, Logic, Ableton Live, Reason/Record, Studio One, Sonar - e o mais em conta deles seria o Reaper - que é o que o pessoal aqui do FCC mais utiliza (eu tenho o Logic e o Ableton Live - e me mato pra aprender a mexer neles melhor que é a coisa mais difícil dentre todas as outras coisas)

      2. ter uma interface que caiba no seu orçamento e que dê condições para você produzir um trabalho decente. Em se tratando de home-studio, muita gente usa interface de 2 canais e grava até 2 faixas por vez, utilizando-se de uma VST para gravação/programação da bateria eletrônica. Tem gente que tem interface de 8 canais de entrada e consegue microfonar uma bateria inteira com os 8 canais, e grava a bateria primeiro, e depois os outros instrumentos. Já estúdios utilizam geralmente interfaces de 16 ou mais canais - cuja solução 'em conta' seria uma brigde digital ADAT como a M-Audio Lightpipe que tem até 32 canais, que são adicionáveis por pré-amps de 8 canais ADAT cada -formando assim um set de até 32 canais.

      3. dependendo do orçamento e/ou configuração do home-studio, é necessário a aquisição de pré-amps. Alguns utilizam os prés valvulados que dão uma esquentadinha no som, outros utilizam somente os prés incluidos em boas interfaces. Vai de gosto e bolso

      4. Microfones dinâmicos e condensadores: também, vai do gosto e bolso de cada um.

      5. Monitores: aqui também temos o gosto e o bolso aliados. Há quem prefira X, há quem prefira Y, mas pelo que conheço de monitores de 'entrada', os Yamaha HS50M ou HS80M são os mais flat nesse quesito, e os ideais na faixa de preço que estão. Outros tem adição de grave gostoso, podem ter custo menor, mas no 'overall' para produção de música, são os ideais, considerando a faixa de preço, já que temos um universo de marcas e preços acima deles.

      6. Control surfaces: há quem utilize ainda hoje mesas de som para esse fim, mas como a gravação hoje em dia pode ser totalmente digital, há quem utilize apenas os controles dispostos na tela da workstation. Há quem utilize controladores externos USB/MIDI, e há quem utilize até controladores externos que funcionam por software, como o iPad propicia hoje essa possibilidade para os utilizadores do Logic. Dos analógicos mais utilizados: teclado MIDI USB, acionador de pads USB (quem toca bateria com o dedo), e os mixers de volume por USB.

      7. VSTs: aqui também o universo é grande. É aqui que temos os softwares que trabalham dentro e/ou em conjunto das DAW's para propiciar uma enorme gama de efeitos e plugins que complementam o trabalho de um home studio, desde a utilização de VST's para guitarra como amplitube e guitar rig que simulam ambientes de gravação, gabinetes, efeitos de guitarra, etc. Temos VSTs de baterias que simulam desde baterias eletrônicas, até as baterias mais vintage possíveis - incluíndo as bases de bateria utilizadas nos estúdios da Abbey Road. Aliás, da Abbey Road também temos outros softwares para masterização e ambiência. Tem VST para emular qualquer tipo de piano/teclado/orgão, etc, etc, etc - - - que podem ser gratuítos, inclusos em pacotes dentro de uma DAW como o que vem incluso no Logic Pro, Live, Reason/Record - ou de terceiros como as VSTs comercializadas pela Abbey Road, Planet Waves, etc.

      Um home-studio assim dizendo, varia nesses quesitos aí. Daí pra frente, vai da técnica, bolso e know-how de cada um.

      Li na Sound on Sound desse mês, que tem o kit inicial para homestudio 1Box da Presonus, com preço sugerido de R$ 750,00 aqui no mercado nacional. O kit é igual a esse link, e serviria muito bem qualquer pessoa. Menos do que isso é muito difícil de se gastar inicialmente:
      http://www.presonus.com/products/Detail.aspx?ProductId=60

      amplexos

      T.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      shoyoninja

      Entendo sua opinião e respeito. Me desculpe pelo erro quanto a palavra, a qual ja foi corrigido. Vale a pena lembrar, que não estou aqui para ensinar, passar todos os segredos da gravação e estudio, e profissionalizar um futuro produtor musical. Estou apenas querendo "pincelar", um pouco sobre cada termo, resumido ao extremo e informal, para facilitar. Que quiser se profissionalizar, não perca tempo aqui neste fórum, procure um curso que é mais vantajoso, abraço.

      T-Rodman
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      geracaoanos2000
      ainda sim são conceitos 'antigos'.

      Soundforge e Audacity nem se cogita sua utilização em home-studios. É mais pra quem quer gravar em casa em placa de som onboard.

      Mesa de som, qual a utilidade dela hoje em dia? - quem usa DAW geralmente usa control surface em um segundo monitor.

      - indicou a Delta 1010LT, e não indicou pre-amps juntos? - como se grava na Delta 1010LT sem preamp?


      E o que não comentamos por aqui: a workstation.
      Sem uma boa workstation e uma boa interface, não se faz trabalho algum.
      Decerto muita gente usa o micro pessoal para pendurar a interface e fazer suas brincadeiras, mas a partir da hora em que o indivíduo vai querer fazer algo mais sério, é bom designar um PC/Mac como workstation, turbinar ele de RAM, usar discos rápidos (SSD, SATA2 c/ nandflash), etc - sem misturar ele com jogos e internet.
      Configurações legais na workstation está muito mais relacionada à configuração de software. Então é legal você não 'embostear' o micro a ponto de ter de formatá-lo, pois com a maior prática possível, sempre são gastos dias e mais dias em uma nova instalação e configuração de todos os softwares.

      horacio.jo
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      PAra montar o aquário que separa a sala de gravação da sala técnica, iremos usar vidros Blindex, vidros grossos e blindados, a qual vamos usar dois. O importante, é não colocar os vidros muito de frente um para . outro para não causar a onda estacionária, então vamos atenuar uma ponta de um dos vidros para um lado, mais ou menos essa figura representativa --> | /


      não li tudo, mas isso aí já está errado, se usa um dos vidros inclinados devido a reflexão da luz ( eu que o diga, fiz com os dois paralelos entre si e ficaram como dois espelhos) para um home studio onde o visor é pequeno não tem influencia sonora alguma deixar um dos vidros inclinados, e não seria devido a ondas estacionárias que é outra coisa totalmente diferente.

      shoyoninja
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      geracaoanos2000
      Entendo sua opinião e respeito. Me desculpe pelo erro quanto a palavra, a qual ja foi corrigido. Vale a pena lembrar, que não estou aqui para ensinar, passar todos os segredos da gravação e estudio, e profissionalizar um futuro produtor musical. Estou apenas querendo "pincelar", um pouco sobre cada termo, resumido ao extremo e informal, para facilitar. Que quiser se profissionalizar, não perca tempo aqui neste fórum, procure um curso que é mais vantajoso, abraço.

      Não é uma questão de opinião, os conceitos sobre o qual você tentou tratar são bastante objetivos e simples. Você simplesmente escreveu quase tudo incorretamente, e informação incorreta não facilita nada, apenas atrapalha.

      O fórum é um espaço para troca de informação, há profissionais que participam aqui, assim como há iniciantes que buscam informação CORRETA.

      Aquilo que você escreveu sobre softwares DAW terem pré-amplificadores "internos" que podem ser usados na edição é um absurdo completo. Tem um monte de informação aqui no fórum sobre as funções de um pré, recomendo que leia.

      "pincelar" sobre um assunto não é sair escrevendo qualquer asneira que passa pela sua cabeça.

      Abraços.

      Iversonfr
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      geracaoanos2000

      Muito boa sua idéia, assim como criaram um tópico especial para quem quer se aventurar nos "amplificadores handmades"

      Porem realmente tem muito erro nos textos... seria legal um moderador alterar depois pq voce não vai mais conseguir, por exemplo:

      MIXER(Mesa de Som): Ideal para gravação de mais de um instrumento

      Em que planeta? gravar com um mixer vai misturar todos os sinais de todos os instrumentos no mesmo canal e voce nao vai conseguir fazer NADA de mixagem e edição depois, fica MUITO amador e precário. Gravação em home studio obrigatoriamente precisa de uma interface, usar mixer é um belo dum "quebra-galho" pra quem ta muito sem dinheiro e fica bem ruim pois os preamps não tem qualidade.

      Em um Estúdio, é recomendado o uso dos mic's tipo condensadores, pois captam mais detalhes do som

      Outro erro grosseiro. Não tem nada a ver isso e passa longe de ser regra. Os microfones tem funções diferentes, usa-se muito microfone dinâmico em estúdio sim. Um serve pra uma coisa e outro serve pra outra. Voce não vai me botar um Neumann na cara de um marshall no talo né? pra microfonar amplificadores, bateria, percussão dentre outros, utiliza-se microfones dinâmicos como o famoso SM57, ou um Sennheiser E609.


      Os DAW's atualmente, (Digital Audio Workstation), possuem amplificador interno, que poderá ser aplicado na edição


      kkkkkkk esse prefiro nem comentar...

      Dentre vários outros equívocos que ja comentaram. Sinceramente, um leigo que entrar nesse tópico e se basear nessas informações pra montar um home ta ferrado. Concordo com 2 frases do shoyoninja:

      O fórum é um espaço para troca de informação, há profissionais que participam aqui, assim como há iniciantes que buscam informação CORRETA.


      "pincelar" sobre um assunto não é sair escrevendo qualquer asneira que passa pela sua cabeça.

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      Ae Galera, me desculpem então pelo ocorrido, não era a minha intenção, principalmente ensinar errado aos iniciantes, sei que gravação, estudio, não funciona assim, talvez fui mal interoretado por algumas partes, mas a minha intensão realmente era passar algumas manhas por alto, se aprofundar muito. Peço que algum moderador, feche esse tópico por gentileza, agradeço a todos que fizeram críticas e etc.



      Iversonfr
      Os DAW's atualmente, (Digital Audio Workstation), possuem amplificador interno, que poderá ser aplicado na edição

      kkkkkkk esse prefiro nem comentar...


      Colega, nesse texto, me referi a possibilidade de nós amplificarmos um trecho de áudio que ficou baixo, com plugins, ou seja, um plugin amplificador, como você entende muito bem de áudio, para estar me criticando, você sabe do que estou falando.


      Abraço e obrigado a todos.

      MauricioBahia
      Moderador
      # jan/11 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Muita info neste tópico fixo:

      http://forum.cifraclub.com.br/forum/16/193452/

      Edson Caetano
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      ]geracaoanos2000
      Peço que algum moderador, feche esse tópico por gentileza[/i

      Todo usuário do fórum tem o DIREITO de FECHAR seus tópicos quando der na telha, sem auxilio de moderador, você mesmo pode trancar isso e deixar este tópico ir pra baixo

      ps
      [i]Colega, nesse texto, me referi a possibilidade de nós amplificarmos um trecho de áudio que ficou baixo, com plugins, ou seja, um plugin amplificador, como você entende muito bem de áudio, para estar me criticando, você sabe do que estou falando.

      Cara melhor nem ficar se justificando, se a sua intenção era escrever para leigos, não quer esperar que os mais experientes tentem decifrar e/ou entender o que você queria dizer

      Aonde dá para ver que sua referencia era para Plugins Simuladores de Pré-amplificadores, só mesmo sendo mágico

      É isso aí, como dito antes, não desanime, escreva seu texto sobre assuntos de domínio, corrija o português e bola pra frente

      Boa sorte

      geracaoanos2000
      Veterano
      # jan/11
      · votar


      Edson Caetano

      Valeu cara, obrigado pela sua compreensão.

      Você não pode enviar mensagens, pois este tópico está fechado.
       

      Tópicos relacionados a Como montar um Home Estúdio - Tutorial - Oficial

      306.098 tópicos 7.902.527 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital