Ajuda para mixar uma musica gravada em casa?

Autor Mensagem
Neuras
Veterano
# out/08


Galera , preciso da ajuda de vcs ...tenho uma banda e gravamos uma musica nossa em casa, ficamos satisfeitos com o instrumental ... mas , o problema ta sendo o vocal ... se aumentamos o volume parece que a voz esta longe dos instrumentos , se abaixamos o vocal fica apagado... e tive percebendo que musicais pofissionais tem um destaque enorme no vocal , , queria saber quais os plugins ou tecnicas usadas para mixagem do vocal ?

http://rapidshare.com/files/149757317/Neuras_-_Mundo_C_o.mp3
gostaria q alguem baixasse o som e ouvisse pra dar sugestoes

obrigado

Neuras
Veterano
# out/08
· votar


ps: gravamos usando uma placa usb uca202 behringer , as guitarras e contra-baixo foram gravados sem distorçao inserimos distorções e efeitos com o Guitar Rig 2 . e a batera é sample .. feita no percussionstudio.

Edu_Afram
Veterano
# out/08
· votar


depois eu vou ouvir, aqui onde eu to n da pra baixar, como vc gravou a voz?
pra mixar tenta aplicar na voz uns reverbs delay, compressor e depois usa um compressor e um normalize na música inteira

guitarg3
Veterano
# out/08
· votar


vou ouvir com calma dps.. ms geralmente utiliza-se reverb na voz pra fazer ela "encaixar" melhor na musica e soar como parte da musica e nao aquele negocio destacado ou sumido

Gui_sc
Veterano
# out/08 · Editado por: Gui_sc
· votar


Os efeitos que vocês ta usando vc esta usando em send ou direto no canal da voz?? se estiver usando direto no canal, mude e use em send, direto no canal você perde muita qualidade!

Algumas vezes parece que a voz embola na guitarra da para perceber bastante isso ali em 1:22, chega a aparecer um efeito na voz de tanto que embola, ou é um solo que "fala" junto com a voz?

Caso isso não adiante, diminua o volume dos instrumentos para que a voz aparece mais.

guitarg3
ms geralmente utiliza-se reverb na voz pra fazer ela "encaixar" melhor na musica e soar como parte da musica e nao aquele negocio destacado ou sumido

na verdade ele é usado para dar ambiencia na voz, guitarra, etc...digamos que o som "abre" acho que era mais ou menos isso que você estava querendo dizer com "encaixar" é dificil explicar esse tipo de coisa, ainda mais por texto!

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


compressor e depois usa um compressor e um normalize na música inteira

Compressor é complicado, pois se você não sabe analizar as ondas sonoras e saber como aplicar ele, com certeza ira fazer merlin na mixagem, ainda mais aplicando ele em todos os instrumentos!

Neuras
Veterano
# out/08 · Editado por: Neuras
· votar


primeiramente queria agradecer as sugetoes , muito bom esse forum.

Gui_sc
entao, a voz foi gravada com um microfone shure sm58 ligado direto em um canal da mesa, equalização da mesa tudo flat... gravado sem efeito nenhum , depois colocado compressor nele ,, e depois o efeito de delay com reverb junto ( o efeito ta direto no canal ) ... aquela parte da musica em 1:22 é um efeito de megafone na voz... e tem tbm em outras partes da musica como no começo ... (uma frase sim uma nao tem o efeito de megafone) ... o efeito de megafone eu to usando em send , é a mesma voz só que em uma pista separada .. e coloquei meio fora do tempo pra parecer outra voz.

o duro eh que ouça musicas de bandas ja com gravadora .. e sinto o vocal bem centralizado (parece ateh que o vocal nao esta saindo dos falantes e sim que esta flutuando no ar entre uma caixa e outra, ou ouvindo no fone parece que a voz esta dentro da cabeça)

Gui_sc
Veterano
# out/08 · Editado por: Gui_sc
· votar


Neuras
o duro eh que ouça musicas de bandas ja com gravadora .. e sinto o vocal bem centralizado (parece ateh que o vocal nao esta saindo dos falantes e sim que esta flutuando no ar entre uma caixa e outra, ou ouvindo no fone parece que a voz esta dentro da cabeça)

Certo,

Voce trabalhou o PAN dos outros instrumentos certo? principalmente bateria....

Coloca o delay e o reverb em send pra não matar a qualidade e depois tente mixar novamente.

o Melhor jeito de mixar é zerar todos os volumes e ir mixando, comece pela bateria, baixo, guitarra, voz, depois aplique os efeitos, mixe em um volume baixo baixe o volume do master e vai mixando se quiser levante de vez em quando para conferir, depois de tudo mixado ai sim zere o master, e deixe um headroom de pelo menos uns -5bd para depois na master efetivamente "aumentar" o volume.

Pra min funciona muito bem dessa maneira.

Neuras
Veterano
# out/08 · Editado por: Neuras
· votar


Gui_sc
sou meio leigo na linguagem.. poderia me explicar oque seria headroom ?

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Gui_sc

Porque o reverb direto no canal prejudica a qualidade?

makumbator
Veterano
# out/08
· votar


Neuras


http://en.wikipedia.org/wiki/Headroom

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Neuras

Headroom é faixa de volume que "sobra" entre o pico da música e o 0 dB.

e deixe um headroom de pelo menos uns -5bd para depois na master efetivamente "aumentar" o volume.

Eu particularmente não faria isso. Acho melhor fazer o mixdown para o arquivo LR com o volume já alto. Pra aproveitar totalmente a faixa dinâmica e os bits.

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms
Porque o reverb direto no canal prejudica a qualidade?

Quando você aplica um efeito direto no canal, ele modifica a fonte sonora, se você aplica ele em send a fonte sonora continua normal e ele adiciona o efeito aplicado no fonte sonoro.

Efeito direto no Canal = Fone Sonora Modificada com efeito

Efeito em Send = Fonte Sonora + Efeito

Digamos que voce aplique um reverb bem longo, aqueles que se você aplica direto no canal você praticamente esconde a fonte sonora, se você aplicar em send ele tera a fonte sonora na "cara" + o efeito, é obvio que existem casos que a intenção é essa modificar a fonte sonora também, mas não é o caso do Neuras.

Se você reparar na maioria dos amps existe 2 canais de return e send, é para você aplicar isso, usar o efeito em Send.

Teste ai para você ver, fica muito melhor.

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Gui_sc

Sim, isso se você deixar a regulagem do efeito em 100% wet.

makumbator
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms

Normalmente é melhor colocar o reverb e delay no fim da cadeia, e se possível em SEND(principalmente se for do tipo stereo aplicado em pista originalmente mono, pois assim eles soam mais amplos). Caso aplique em insert, coloque-os como os últimos efeitos(depois de compressão e limiter, EQ, etc... que também estiverem em insert). Assim esses efeitos soam mais limpos e amplos(principalmente se for pista mono em send stereo)
Claro que dependendo da sonoridade que se busca, pode-se alterar a ordem.

makumbator
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms

Mas em SEND o efeito deve ficar mesmo em 100%. Então é feito o controle da quantidade em cada pista em separado.

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


makumbator


Sim, isso também. É aquela história de comprimir o som reverberado ou reverberar o som comprimido e etc... dependendo da intenção

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


makumbator

Sim, como numa mesa de som física, no uso dos auxiliares

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms
Sim, isso se você deixar a regulagem do efeito em 100% wet.

Ai vai de cada um, eu gosto de deixar o dry/wet sempre no máximo e regulo o volume no insert.

Eu particularmente não faria isso. Acho melhor fazer o mixdown para o arquivo LR com o volume já alto. Pra aproveitar totalmente a faixa dinâmica e os bits.

Ai como no outro exemplo vai de cada um também, é que eu costumo trabalhar primeiro a mixagem e finalização, para depois fazer a master que é ali onde eu acerto os ultimos detalhes e aumento o volume, tem gente que costuma fazer tudo junto que parece o seu caso.

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Gui_sc

Eu uso os efeitos no send também. Mas quando eu vou botar um reverb específico que não vai ser compartilhado com nenhuma outra pista eu boto direto no insert e regulo no dry/wet. Pra mim é mais prático

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Gui_sc

Ai como no outro exemplo vai de cada um também, é que eu costumo trabalhar primeiro a mixagem e finalização, para depois fazer a master que é ali onde eu acerto os ultimos detalhes e aumento o volume, tem gente que costuma fazer tudo junto que parece o seu caso.

É! pra mim a masterização é um processo quase nulo, talvez uma comprimidinha e uma correção de equalização. Fade in, fade out. E a conversão.

makumbator
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms

Sim, como numa mesa de som física, no uso dos auxiliares

Exato.

Gui_sc


Ai como no outro exemplo vai de cada um também, é que eu costumo trabalhar primeiro a mixagem e finalização, para depois fazer a master que é ali onde eu acerto os ultimos detalhes e aumento o volume, tem gente que costuma fazer tudo junto que parece o seu caso.

Eu fico em um meio termo. Não gosto de aplicar nenhum tipo de compressão ou limiter na saída master da mix, mantenho natural(ao contrário do que se faz hoje em dia, vide último CD do Metallica). Mas também não reduzo muito o volume para atingir um valor X de sobra, deixo a sobra natural da mix(que pode ficar em 2, 3 ou 4db). Claro que se houver algo com muitos picos rápidos muito acima do nível médio do restante das pistas, eu prefiro aplicar um limiter(ou compressor, dependendo do caso) nessa pista em questão, e não em toda mix.

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms
Eu uso os efeitos no send também. Mas quando eu vou botar um reverb específico que não vai ser compartilhado com nenhuma outra pista eu boto direto no insert e regulo no dry/wet. Pra mim é mais prático

Entendi, mas assim como lhe disse la em cima, fazendo isso você acaba prejudicando o timbre, pelo fato de você estar modificando a fonte sonora ao invês de somente adicionar um efeito a fonte sonora, e quando você usa em send ao invês de regular no dry/wet, deixe ele em 100% e regule no volume do send, ficara bem melhor.

EdsonKT
Veterano
# out/08
· votar


Experimente cortar abaixo de 200Hz (ou veja uma frequência de corte entre 80 e 200Hz) no vocal e reajustar o volume.

Abraços.

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


makumbator
Eu fico em um meio termo. Não gosto de aplicar nenhum tipo de compressão ou limiter na saída master da mix, mantenho natural(ao contrário do que se faz hoje em dia, vide último CD do Metallica). Mas também não reduzo muito o volume para atingir um valor X de sobra, deixo a sobra natural da mix(que pode ficar em 2, 3 ou 4db). Claro que se houver algo com muitos picos rápidos muito acima do nível médio do restante das pistas, eu prefiro aplicar um limiter(ou compressor, dependendo do caso) nessa pista em questão, e não em toda mix.

Eu uso sempre limiter na master, mas com um bom senso, para não estragar o som, eu também não trabalho tipo cuidando o master para ver quanto de headroom tem, com o tempo acaba sendo automatico, vai pegando pratica e acaba meio que sempre fechando a mix mais ou menos por ai comigo -5db.

Mas falando em compressor, compressor é um bixo traicoeiro, tem muita gente que acaba ferrando a mix inteira por causa do mal uso do compressor.

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


EdsonKT
Experimente cortar abaixo de 200Hz (ou veja uma frequência de corte entre 80 e 200Hz) no vocal e reajustar o volume.

Não entendi, qual o intuito disso?

Lucas_fms
Veterano
# out/08
· votar


Entendi, mas assim como lhe disse la em cima, fazendo isso você acaba prejudicando o timbre, pelo fato de você estar modificando a fonte sonora ao invês de somente adicionar um efeito a fonte sonora,

Quando você regula o dry/wet você regula quanto do som vai passar pelo efeito e quanto o efeito vai bypassar. Ou seja o resultado é o mesmo do uso no SEND, a não ser pelo fato de o SEND ser estéreo. O uso no SEND é mais aconselhado claro, porque você consegue mais "mobilidade" com o efeito. Mas quando é uma coisa pontual, não há problema algum usa-lo no insert, o timbre não muda.

EdsonKT
Veterano
# out/08
· votar


Gui_sc
Posso estar enganado, porque estou ouvindo em caixinhas multimídia, mas acho que a voz precisa de mais definição; aparentemente, está conflitando nos graves. Não acho que seja só um problema de volume.

EdsonKT
Veterano
# out/08
· votar


Mas falando em compressor, compressor é um bixo traicoeiro, tem muita gente que acaba ferrando a mix inteira por causa do mal uso do compressor.

Não só do compressor, mas de qualquer efeito.

Gui_sc
Veterano
# out/08
· votar


Lucas_fms
Quando você regula o dry/wet você regula quanto do som vai passar pelo efeito e quanto o efeito vai bypassar. Ou seja o resultado é o mesmo do uso no SEND, a não ser pelo fato de o SEND ser estéreo. O uso no SEND é mais aconselhado claro, porque você consegue mais "mobilidade" com o efeito. Mas quando é uma coisa pontual, não há problema algum usa-lo no insert, o timbre não muda.

Sinto lhe dizer, mas esta profundamente enganado, não é que o uso no send é o mais aconselhado, se você não tem a intenção de modificar a fonte sonora, você DEVE usar em send, o dry/wet serve para você aplicar a quantia do efeito que sera aplicado no canal e não quanto do som ira passar por ele.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Ajuda para mixar uma musica gravada em casa?