E por falar em saudades

Autor Mensagem
Lelo Mig
Membro
# 18/jan/20 19:37


Mudando um pouco de assunto (política já tá enchendo o saco), me diga algo, algum lugar, alguém que você têm saudades. E porque?

Desembucha aí... abre esse coraçãozinho marrento.

makumbator
Veterano
# 18/jan/20 20:42
· votar


Lelo Mig

Sei lá, tem tantas pequenas coisas...difícil até começar

brunohardrocker
Veterano
# 18/jan/20 20:58
· votar


Anos 90.

Jonas Kahnwald
Membro Novato
# 18/jan/20 21:43
· votar


"E por falar em saudade... onde anda você?"

Lelo Mig
Membro
# 18/jan/20 23:35 · Editado por: Lelo Mig
· votar


makumbator
Jonas Kahnwald
brunohardrocker

"tem tantas pequenas coisas..."

Saudades é um substantivo foda, né?
A gente aprende o significado, entende, mas não sabe realmente o que é até sentir.

Eu só fui saber o que era saudades de fato, com mais de 30 anos, quando perdi meu pai. Têm horas que me dá um nó no peito, que não têm explicação. Mas não é um sentimento ruim não, é bom.

Tenho muita saudades do meu pai.

Black Fire
Gato OT 2011
# 19/jan/20 00:14
· votar




JJJ
Veterano
# 19/jan/20 12:48
· votar


Tenho saudade de uma cacetada de coisas. Sou saudosista pra caramba.

Vamos começar pelos sanduíches do Gordon: Angélico, Goleiro, Diabólico... O crepe de frangolé... Ah caralho! O crepe de frangolé era bom demais...

Se der saco, eu encho esse tópico de saudades.

Lelo Mig
Membro
# 19/jan/20 13:14 · Editado por: Lelo Mig
· votar


JJJ

Peraí! Angélico, Goleiro, Diabólico... eram nomes dos sanduíches? ou Angélico foi algum goleiro do Fluminense que eu não lembro?

Sou paulista, caraio! Nunca fui na lanchonete do Gordon. Que lugar do Rio era? Que época? (To supondo que é RJ)

JJJ
Veterano
# 19/jan/20 15:03
· votar


Lelo Mig

Nomes de sanduíches. Tinha em vários lugares, era uma rede tipo mc Donalds, Bobs... A que eu mais ia era uma em Ipanema, praça general Osório.

Lelo Mig
Membro
# 19/jan/20 16:20 · Editado por: Lelo Mig
· votar


JJJ

"Nomes de sanduíches. Tinha em vários lugares, era uma rede tipo mc Donalds, Bobs..."

E não é que foi famoso? Dei uma googleada e tem várias referências, páginas de saudades nos faces da galera, sites, poemas na Cia das Letras e o escambal. Teve até evento gastronômico em que vários gourmets modernos recriaram os sandubas originais....hehehe.

Imagino ser o equivalente Carioca do Chico Hamburguer e o Burdog em São Paulo. Tempos áureos de quando se tomava Milk Shake no lugar de gelo com um pouco de coca-cola e os Hamburgueres eram feitos de carne.

Wild Bill Hickok
Membro Novato
# 19/jan/20 21:02
· votar


Anos 00
Os maias estavam certos, o mundo acabou em 2012

Wild Bill Hickok
Membro Novato
# 19/jan/20 21:02
· votar


Sinto saudade do mumu tb

Jonas Kahnwald
Membro Novato
# 19/jan/20 21:35
· votar


história comovente
vinda do íntimo:

meu espírito
padece lentamente

eu venho morrendo de tristeza
aos poucos

sem pressa, veja
os copos de cerveja

todos vazios
ao contrário do meu coração

transbordando amor e paixão
sem ter quem receba

as cicatrizes expostas

veja o formato curvo
das minhas costas

repare em meu olhar opaco
note meu aspecto turvo

perceba como estou fraco

este é o verdadeiro retrato
da esperança nula

situação irremediável
com todas as contraindicações

citadas na bula

condição precária
angústia abundante

não há sequer alguma
medida relaxante

a dor não vai embora

e a ansiedade
também não perdoa

uma inquietude que sufoca
deseja tudo pra agora

mas agora não é a hora

e talvez nunca seja
pois veja

não há nenhuma glória
nem algum prêmio

uma honraria como
ser considerado gênio

não há viagem ou aventura
nem uma única emoção

que chegue à altura

mesmo escalando o Everest
ou descendo às profundezas do oceano

mesmo viajando o mundo inteiro
ao perseguir o sonho americano

não há beleza, não há dinheiro

não há riqueza suficiente
nenhum tipo de presente

nem perspectiva de futuro
ou memória do passado

que compense por uma vida
inteira ao seu lado

Beto Guitar Player
Veterano
# 20/jan/20 08:17
· votar


Tenho saudades de quando eu era criança, brincava na rua e não tinha nenhuma preocupação no mundo. Sei que esse tipo de coisa é bem piegas e bem manjado, mas quanto mais ficamos velhos, mais pensamos em como o tempo passa rápido.
Quando se é criança, o tempo é um aliado e parece que não vai passar nunca, mas daí você se vê numa vida adulta medíocre sem nenhuma daquelas conquistas que você queria ter alcançado quando era moleque.

6Strings
Membro Novato
# 20/jan/20 09:32
· votar


brunohardrocker

Anos 90 (2)

6Strings
Membro Novato
# 20/jan/20 09:38
· votar


Por volta dos 14 anos tinha uma sociedade com um amigo, em meados dos anos 90. Tínhamos alguns equipamentos de som e iluminação e fazíamos festas nas garagens do pessoal ("bailinhos").
Dançar música lenta com as menininhas era demais!

Pedro_Borges
Veterano
# 20/jan/20 09:43
· votar


Tenho saudades do Fluminense com Rivelino, Carlos Alberto, Doval, Pintinho, Gil, Edinho, Paulo César Cajú.

Buja
Veterano
# 20/jan/20 09:44
· votar


Angélico, Goleiro, Diabólico...
Nunca vi nem comi, mas ja ouvi falar.

Saudades?
Desse forum antes de 2010.

sandroguiraldo
Veterano
# 20/jan/20 11:03
· votar


Lelo Mig
Tenho muita saudades do meu pai.

Se importa de falar um pouco? Contar algum caso marcante, algum acontecimento que você considera como um divisor de águas, tipo, aquele momento / fato / acontecimento / frase que te mudou como pessoa?

Eu sou o filho mais novo de 3 irmãos, todos com quase 10 anos de diferença um pro outro... quando era criança, meu irmão mais velho já era homem, trabalhava... ele foi diretor de uma rádio no interior de SP e me levava lá às vezes... eu ficava vendo os equipamentos, as pessoas que faziam programa no rádio... aí de tardinha ele mandava a secretária comprar uma salgadinho e coca pra mim... era muito legal.

Ele foi mais meu pai do que meu pai, que embora seja um homem muito decente, pela diferença de idade, já viu né... fui me tornar amigo do meu pai depois de casado.

Já com minha mãe... eu chegava da escola, almoçávamos e deitávamos no sofá; eu, ela e o Teco, nosso fox paulistinha e dávamos aquela cochilada de tarde. Era muito bom.

Eu tento me preparar, porque sei pela lógica da vida que provavelmente eles irão antes de mim. Sei que um dia o telefone vai tocar e...

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 12:04 · Editado por: Lelo Mig
· votar


Beto Guitar Player

"Tenho saudades de quando eu era criança"

A infância é um período absolutamente mágico (para quem têm uma infância boa). Eu confesso que meio que tenho síndrome de Peter Pan, acho o melhor período da existência. Tive uma infância fantástica também.

Pedro_Borges

"Tenho saudades do Fluminense"

Têm gente que tem saudades de cada porcaria... kkkk

sandroguiraldo

"Se importa de falar um pouco? Contar algum caso marcante, algum acontecimento que você considera como um divisor de águas, tipo, aquele momento / fato / acontecimento / frase que te mudou como pessoa?"

Não, não me importo em falar não. Mas um caso marcante seria pouco.
Meu pai era um homem diferente da maioria dos outros pais... não foi uma pessoa comum, parecia um personagem de filmes.

Meu pai era a imagem do "cientista louco" que você vê nos filmes. Nasci e cresci numa casa com laboratório e oficina, cheia de tranqueiras, ferramentas, peças, bugigangas, aparelhos e toda sorte de traquitanas de deixar qualquer moleque louco. Quando estava em casa ele estava lá, fazendo circuítos para as luzes da casa acenderem sózinhas ou alguma outra coisa.

As vezes deitávamos na grama do quintal à noite, e ele ficava mostrando quais eram as constelações, quais eram os planetas e estrelas, o quanto eram grandes, distantes e porque não caiam em nossas cabeças.

Era um homem muito culto, muito acima da média. Lia absurdamente de tudo filosofia à física.

Mas, era esquisito, meus amigos o viam com certo temor e desconfiança, não era uma pessoal muito social com estranhos, o único lugar onde ele se sentia realmente à vontade era em casa com minha mãe e nós (eu e 2 irmãs).

Ele era genioso, achava todo mundo burro e com pouca vontade em aprender. Não gostava de futilidades. Só assuntos de temática séria e profunda tinham lugar em casa. Política, filosofia, artes, ciências e etc, eram discutidos diariamente em nossa mesa. Mas, isso teve lado bom e lado ruim.

O lado ruim é que eu e minhas irmãs somos muito críticos, de certa forma muito densos, não temos paciência para o trivial, não "sabemos nos divertir"... prá você ter uma ideia, eu não consigo achar UM só filme engraçado, geralmente invés de achar engraçado, acho idiota.

Mas o prazer de alugar um filme na locadora e, depois de assistir, ficar debatendo e filosofando sobre, as vezes madrugada a dentro, ou ficar ouvindo suas histórias, de sua infância, ou ele explicando astronomia, física, biologia... com uma paixão contagiante.

Para encerrar uma pequena história:

Na rua em que eu morava havia uma vizinha fofoqueira. Meu pai não gostava dela e nunca fez a miníma questão em disfarçar.

Ele era um homem bonitão, mas era apaixonado por minha mãe.

Saímos, ele e eu. Não lembro onde íamos, mas ele estava arrumado, de terno e fomos descendo a rua, eu de mão dadas com ele. Eu deveria ter uns 8, 9 anos.

A vizinha estava varrendo a calçada e quando nos viu, disse:

- Nossa sr. Reynaldo, tão bonito! Onde o sr. vai?
Ele respondeu:

- Vou a merda! a sra quer ir junto?


Esse era meu pai...rs.

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 13:27
· votar


brunohardrocker

"Anos 90"

Prá um conservador tu tá bem saidinho, hein?





Fidel Castro
Veterano
# 20/jan/20 13:53
· votar


Eu não tenho saudade de nada mesmo

Tenho carinho com memórias, lugares e pessoas

Mas não gostaria de voltar e viver de novo, que acho que é o limiar da saudade. Fica no passado de boa

Saudade eu tenho é do que ainda não vivi (MAR, Ney)

entamoeba
Membro Novato
# 20/jan/20 14:10
· votar


Tenho saudade de Supligen.

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 14:48
· votar


Fidel Castro

"Mas não gostaria de voltar e viver de novo..."

Concordo... Também não tenho este tipo de saudosismo "ahhh, no tempo tal era melhor".. e meio querer "retornar".

Tenho carinho, lembranças, bons sentimentos de coisas que vivi, algumas acho que foram melhores, mais intensas, mas mais pelo que eu era no momento em que ocorreu. O mundo muda, nós mudamos, muitas coisas que achávamos ducaraio numa época, se formos reviver vamos achar mó sem graça.

JJJ
Veterano
# 20/jan/20 14:59 · Editado por: JJJ
· votar


Viver o mesmo de novo, não. Mas assistir a alguns shows meus da plateia seria muito legal... Sempre pensei nisso.

E da "máquina" Fluzão também tenho saudade... Timaço.

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 15:01
· votar


JJJ

"Mas assistir a alguns shows meus da plateia seria muito legal... Sempre pensei nisso."

Dormir com algumas garotas iguais algumas que dormi quando era jovem, não seria nada mal também.

JJJ
Veterano
# 20/jan/20 15:04
· votar


Lelo Mig

Tem que ver como estão agora... kkkkkkk

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 15:07
· votar


JJJ

"Tem que ver como estão agora... kkkkkkk"

Repare que eu disse: "garotas iguais algumas...quando eu era jovem"

e não as mesmas de quando eu era jovem.

sandroguiraldo
Veterano
# 20/jan/20 17:28
· votar


Nasci e cresci numa casa com laboratório e oficina, cheia de tranqueiras, ferramentas, peças, bugigangas, aparelhos e toda sorte de traquitanas

Em casa foi assim também. Tanto que quando casei, eu queria ter minha "oficininha" em casa também, mas tive que me contentar com um "escritóriozinho"...

- Vou a merda! a sra quer ir junto?
kkkkkkkkkkk

Eu ainda não tive a experiência de perder alguém tão próximo.
Meus avós já faleceram, mas eu era muito criança e/ou não tinha convívio.
A pessoa mais significativa que perdi foi um tio, que trabalhei um tempo junto, mas depois não tive muito convívio.

Agora, fico imaginando aquele buraco no peito que a perca de um pai, mãe, cônjuge ou até mesmo filho, alguém próximo, do convívio diário, deve fazer...

Lelo Mig
Membro
# 20/jan/20 17:33
· votar


sandroguiraldo

"ou até mesmo filho"

Isso é inimaginável né? Reverte a ordem natural das coisas.....aí o sentimento nem vai ser saudades, que é um sentimento bom, vai ser frustração, melancolia, talvez até culpa.

Nossa, nem pensar!

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a E por falar em saudades