E o brasileiro foi executado na Indonésia por tráfico de drogas

Autor Mensagem
One More Red Nightmare
Veterano
# jan/15
· votar


"chapadão de contineeee"

de fato, pedro.

Headstock invertido
Veterano
# jan/15
· votar


Só eu consigo enxergar uma diferença entre uma lei baseada em cultura e uma lei anti-drogas extremamente severa? Só eu consigo entender (e, em termos, "aceitar") essa execução sem ter que ser um relativistinha de merda que também acha aceitável que se apedrejem mulheres que mostraram a canela porque "faz parte da cultura do país"?

sallqantay
Veterano
# jan/15
· votar


Headstock invertido

Sim, pois vc é superior a todos

brunohardrocker
Veterano
# jan/15
· votar


:v

Xeper
Veterano
# jan/15
· votar


Criar um exercito de traficantes para resgatar outro traficante na Indonésia... acho justo!
lol

Headstock invertido
Veterano
# jan/15
· votar


sallqantay
Muito obrigado.

brunohardrocker
Veterano
# jan/15 · Editado por: brunohardrocker
· votar


Xeper

Fim de carreira.
Só falta ser chamado na RedeTV.

cafe_com_leite
Veterano
# jan/15
· votar


Mas eu acho a pena de morte contraditória demais. Tipo, tá lá na lei, não pode matar, mas o estado pode? Se um FDP mata minha família, dai eu vou lá e mato esse vagabundo de vingança… eu também serei preso. E por que diabos o estado tem esse direito e eu não, de matar a energumeno que matou minha família? (Levando em consideração que matar um monte de gente dá pena de morte)



Com certeza eu to falando bobagem e não me atentei a algum detalhe, mas foi uma ideia que me ocorreu aqui agora.

qew
Veterano
# jan/15
· votar


Pedro_Borges
Se no Brasil todo traficante fosse executado, reduziria a quase zero essa prática e de quebra cairia 90% da violência, poia é esse o percentual da violência em geral que está ligada às drogas.

Caramba, tu teve uma diarréia digital nesse post, hein?

Headstock invertido
Veterano
# jan/15
· votar


Cerca de 98,3% das porcentagens de internet não chega a ter 20% de comprovação.

One More Red Nightmare
Veterano
# jan/15
· votar


cafe_com_leite
Você não perdeu nada, o Estado é per se violento.

sallqantay
Veterano
# jan/15
· votar


cafe_com_leite
E por que diabos o estado tem esse direito e eu não

o monopólio da força se dá pelo processo legal, que dá todas as chances de defesa. Se não estamos no estado de natureza, onde a justiça é feita na lata pela turba ignara sedenta de sangue. Aí vale o mais forte

eu só acho errado a pena de morte pois é impossível julgar com 100% de certeza, e a sentença é irreversível. Matar um inocente é um risco alto demais

Headstock invertido
Veterano
# jan/15
· votar


sallqantay
Mas nem em casos de flagrante e/ou confessos?

Xeper
Veterano
# jan/15
· votar


eu só acho errado a pena de morte pois é impossível julgar com 100% de certeza, e a sentença é irreversível. Matar um inocente é um risco alto demais

É isso que o RR tentou passar em 8 minutos de mimimi... voto pelo vlog do sallpicão

brunohardrocker
Veterano
# jan/15
· votar


http://g1.globo.com/mundo/noticia/2015/01/americana-e-julgada-na-indon esia-por-matar-mae-e-colocar-corpo-em-mala.html

brunohardrocker
Veterano
# jan/15
· votar


Pena de morte pra mim é politica do medo. Além do risco de matar um inocente, também pode ser desproporcional ao ato e é pouco pratica/eficiente.

makumbator
Veterano
# jan/15 · Editado por: makumbator
· votar


Headstock invertido
Mas nem em casos de flagrante e/ou confessos?

Confissões podem ser fraudadas (através de coerção/tortura, busca de fama de quem confessa, fraude processual das autoridades, ou mesmo oferta de benefícios vindo do verdadeiro autor, que paga para um bode expiatório assumir a culpa).

Nem todo "caso flagrante" é tão flagrante assim. No mais eu concordo com o sallgantay na questão do risco de se matar um inocente (que em um sistema ridículo de frágil como o nosso aconteceria aos montes).

Acho preferível a pena perpétua para crimes graves, pois ao mesmo tempo em que é dura pode ser parcialmente revertida (obviamente que os anos perdidos de um inocente na cadeia nunca serão trazidos de volta, mas ao menos ele não foi morto pelo estado).

brunohardrocker
Veterano
# jan/15
· votar


makumbator
(obviamente que os anos perdidos de um inocente na cadeia nunca serão trazidos de volta, mas ao menos ele não foi morto pelo estado).

Aí entra outra questão. O sistema carcerário que não ressocializa ninguem e até torna o bandido mais experiente lá dentro.
Não é melhor botar essa galera pra construir asfalto/ catar lixo/ fiscalizar fodas?

Viciado em Guarana
Veterano
# jan/15
· votar


Headstock invertido
Mas nem em casos de flagrante e/ou confessos?

E flagrantes não podem ser armados?
Confissões não podem ser arrancadas à força?

Creio que haveria casos em que não apenas se julgaria a culpa do réu, mas também a idoneidade de quem julga o processo todo.

sallqantay
Veterano
# jan/15
· votar


Headstock invertido

Nao existe nada isento de falhas. Só deus é infalível.

Del-Rei
Veterano
# jan/15
· votar


Na boa... Acho que os presos em flagrantes deveriam ir pro saco, sem pena. Traficante, estuprador, pedófilo, assassino... Passa o cerol em todos.

brunohardrocker
Pena de morte pra mim é politica do medo.

Bom, já que a educação não foi suficiente, que o cara entre na linha pelo medo da punição mesmo.

O medo já é uma forma de determinar conduta social há séculos. Muita gente só é "boa" porque tem medo de punição, nem que seja a divina...

UIm aceno de longe!!!

Xeper
Veterano
# jan/15
· votar


Acho que os presos em flagrantes deveriam ir pro saco, sem pena. Traficante, estuprador, pedófilo, assassino... Passa o cerol em todos.

Multi do Pedro Borges

makumbator
Veterano
# jan/15
· votar


Del-Rei
Na boa... Acho que os presos em flagrantes deveriam ir pro saco, sem pena. Traficante, estuprador, pedófilo, assassino... Passa o cerol em todos.

E quem define o que são casos realmente flagrantes de culpa? Eu, você? O nosso eficiente sistema judiciário?

Bom, já que a educação não foi suficiente, que o cara entre na linha pelo medo da punição mesmo.

Bandido profissional não tem medo de punição amigo. Cadeia é algo que eles encaram como inevitável em determinados momentos de suas vidas. Faz parte do jogo, digamos assim. Ele vai lá, cumpre e depois sai. Normal.

One More Red Nightmare
Veterano
# jan/15
· votar


Pena de morte é válido no âmbito individual, não de forma institucionalizada. Pense em um mundo em que todos saibam se defender e tenham condições de mandar para o inferno o seu agressor, na hora da agressão, sem margem para manobras legais (em que o agressor se beneficia das brechas da lei). Rápido e sem burocracia.

Ademais, a discussão é sem ponto: A polícia (braço armado do Estado) informalmente já institucionalizou essa prática, é sabido. Melhor do que nada, na minha opinião.

makumbator
Veterano
# jan/15 · Editado por: makumbator
· votar


One More Red Nightmare
A polícia (braço armado do Estado) informalmente já institucionalizou essa prática, é sabido.

Eles são tão ineficientes que nem isso fazem bem. Matam uns pé de chinelo aí (inocentes no meio, claro) enquanto certos criminosos parecem que ganham habeas corpus dos grupos de extermínio.

One More Red Nightmare
Veterano
# jan/15
· votar


makumbator
Melhor do que nada, na minha opinião.


makumbator
Veterano
# jan/15
· votar


One More Red Nightmare

Tá mais pra nada mesmo.

Headstock invertido
Veterano
# jan/15
· votar


makumbator
Nem todo "caso flagrante" é tão flagrante assim.

Mas alguns são. Pode ocorrer deu m flagrante ser inegável e "incorrompível". Mesmos nesses casos não caberia? Uma lei que não fosse aplicada a "casos de flagrante" automaticamente, mas que fosse considerada caso a caso.

makumbator
Veterano
# jan/15 · Editado por: makumbator
· votar


Headstock invertido
Pode ocorrer deu m flagrante ser inegável e "incorrompível"

incorrompível? Isso não existe.

Outro ponto é achar que as execuções seriam sumárias e o estado não gastaria com a prisão dos acusados (que é um fator lembrado como vantagem da pena de morte). Em estados com um mínimo de direito de defesa uma execução leva anos (algumas vezes décadas) para ser cumprida, então nem a celeridade é uma vantagem da pena de morte.

A não ser é claro se forem julgamentos sem defesa, do tipo prende o suspeito e em uma semana o camarada está condenado e já morto. Mas aí a chance de inocentes serem mortos vai a 1000!

One More Red Nightmare
Veterano
# jan/15
· votar


O problema do brasil não é falta de legislação, muito pelo contrário. De que adianta criar uma A Lei do Flagrante se não tem um policial na hora pra dar o flagrante?

As diretrizes existem, falta é eficiência.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a E o brasileiro foi executado na Indonésia por tráfico de drogas