Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Tópico pra quem usa amplifcador no chão. Sem condição! :(

      Autor Mensagem
      nichendrix
      Veterano
      # out/11
      · votar


      JC_Junior

      Sim, o lance do som é que teu timbre, não é o do amp no chão, é do amp apontando pro teu ouvido. Na maioria das vezes o som que tu ouve, é diferente do resto da banda, justamente porque eles vão perceber os graves ainda mais que tu por estarem mais longe.

      Quando tu está tocando em banda isso é parte do motivo porque as vezes os outros não te ouvem ou que tu não ouve os outros, quando isso acontece, a tendência é quem não está se ouvindo direito aumentar o som e cobrir todo mundo, o inverso acontece, o cara se ouve demais e pensa que está muito alto, e abaixa, praticamente sumindo pro resto da banda.

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/11 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Espero que o tópico ajude mais que confunda... Hehheh

      Btardelli
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MauricioBahia

      não tem como confundir, é só cada um testa o amp das duas maneiras e tirar suas conclusões, facil!

      abç

      Leomju
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Galera, hoje farei uma experiência vou ligar o amp em cima do guarda-roupas... hehe

      Valeu!

      JC_Junior
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Leomju

      O.o

      Se, pelo tópico, o amp deve ficar mais ou menos a altura dos ouvidos.

      Então....

      Você é alto hein?!

      Rsrs

      ;)

      Lucas Hatfield
      Veterano
      # out/11 · Editado por: Lucas Hatfield
      · votar


      Uma coisa legal tambem para o som preencher mais o local é abrir a tampa traseira do amp. De vez em quando eu retiro a parte de trás do meu amp, dá a impressão de estar preenchendo mais. Acho que é porque grande parte dos graves saem da parte de tras do falante e nao tanto pela frente (notem que em som automotivo sempre tem aerodutos para sair parte dos graves, pelo menos era para ter).
      As frequencias baixas (graves) tem grande abrangencia (se espalham bem pelo ambiente, mandam em todas as direções quase).
      As frequencias altas (agudos) tem menos abrangencia do espaço onde esta (as ondas sonoras sao mais bem direcionadas).

      Devo ter falado um monte de asneiras, podem corrigir qualquer bobagem ai.
      EDIT: apaguei as bobagens que tinha falado que o amigo ai de baixo mostrou.

      It's A Long Way To The Top If You Wanna Rock N Roll


      JC_Junior
      Veterano
      # out/11 · Editado por: JC_Junior
      · votar


      Lucas Hatfield

      As frequencias baixas (graves)... pouco comprimento de onda (nao sao muito bem audiveis a longa distancia).
      As frequencias altas (agudos)... possui uma onda mais comprida (se ouve mais longe).


      É ao contrário.

      Frequências baixas possuem comprimento de onda grande e as altas possuem comprimento de onda pequeno.

      ;)

      Lucas Hatfield
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Agora que eu tava lembrando frequencias baixas tem mais longo alcance do que frequencias altas. Pq frequencias altas precisam de mais energia para se manter do que baixas, assim alcançando menores distancias. As baixas alcanção mais mas sao mais dificies de captar (alguns exercitos usavam radios de baixa frequencia para transmitir mensagens de mais longo alcance).


      It's A Long Way To The Top If You Wanna Rock N Roll


      Miguelito.
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MauricioBahia
      com certeza tá ajudando meu caro, to acompanhando e aprendi bastante sobre graves/médios/agudos =)

      GRRS
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Meu amp de estudo timbra bem melhor quando o deixo um pouco inclinado e encima de alguma coisa... seilá, parece que o som ambre mais, a eq tem uma maior atuação, o volume melhora um pouco, etc...

      Será que tem alguma relação com o que está sendo discutido no tópico ou é apenas placebo?


      Abs

      MMI
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Lucas Hatfield

      Não sou especialista, mas já li alguma coisa e talvez possa ajudar a esclarecer algumas coisas (mestre Carlos Adolphs não precisa responder todas). Se você tiver a paciência de ler sobre caixas e falantes, vai ver que muito da função da caixa é cuidar dos graves e evitar cancelamento. Assim, acaba tendo muita diferença de caixas abertas e fechadas, especialmente se aumentar muito o volume.


      MauricioBahia

      Isso de usar a caixa mais alta, direcionando o som, é bem legal mesmo. Os caras da Bose sempre estudaram esse lance de dispersão e psicoacústica.

      Os primeiros amplificadores que vi que tinham esse lance de dispersão mais estudado e menor interferência em relação ao posicionamento foram os AER para violão. Acho esses amps demais... Depois apareceu o sistem L1 da Bose, que não é exatamente um amplificador, mas até pode vir a servir como um. É muito legal! Aqui eles explicam um pouco o sistema e mostram inclusive um gráfico da dispersão em relação às frequências. Aliás, os estudos e sistemas da Bose mudaram muita coisa em relação a caixas e PAs.

      nichendrix
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MMI

      Cara, Bose é foda... uma vez vi um sistema deles pra home theater, custava uma fortuna, que os falantes vinham com um um sistema infravermelho pra verificar a posição dos espectadores e micro motores pra ajustar a posição dos falantes nas caixas pra direcionar pra melhor posição pros espectadores. É muito foda, mas na época era coisa feita só por encomenda, na época custava fácil uns 50mil presidentes mortos.

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/11 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      MMI: Isso de usar a caixa mais alta, direcionando o som, é bem legal mesmo.

      Tópico bombando!!! :)

      Mas, ressaltando, é pra quem usa amplificador (falante) no chão! É simples. "NUNCA" USE AMPLI NO CHÃO!!! Sempre tente angular o falante, pelo menos 45 graus do chão! Isso altera o timbre de forma dramática!!! Muuuuuuuuuuuito mais que cabos, bypass e outras coisas que o pessoal reclama aqui no FCC.

      Espero ter ajudado! ;)

      Abs

      clebergf
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MauricioBahia

      Amanhã irei ler todo o tópico e angular meu ampli.
      Depois posto a minha experiência. XD

      Valeu!!

      Guilherme Nau
      Veterano
      # out/11 · Editado por: Guilherme Nau
      · votar


      MauricioBahia

      Já experimentou inclinar cerca de 45ºGraus o amplifcador?Claro,se ele for pequeno.Mas se ela é tipo o meu GRX200 inclinar pode ser uma boa solução para quem não quer um retorno direto na fuça.

      EDIT1:Sim Guilherme Nau,ele já experimentou.

      MMI
      Veterano
      # out/11
      · votar


      nichendrix

      Não precisa ir tão longe. Eu sempre curti muito som, sempre gastei uma grana no som quando trocava de carro. Além de tudo, para mim é uma fuga curtir um bom som no estresse e trânsito caótico de SP, porque se demora, ótimo, curto mais sons. O dia que peguei um carro com sistema de som Bose, a diferença foi tão absurda que deu vontade de jogar tudo que já tive no lixo.
      A marca apesar de cara (não compro no Brasil!!!), vale muito a pena e sou fã de carteirinha. Tenho desde fones de ouvido simples, com noise cancelling, dock para iPod e o que eu acho muito legal, sistema Acoustimass para home theater.


      MauricioBahia

      Veja bem... Não é bem uma questão de amplificador, é uma questão de alto-falantes. O posicionamento influi bastante, seja do gabinete, deja do combo, seja do seu aparelho de som, seja de suas caixinhas do computador.
      Eu só não digo nunca use o ampli no chão porque se o cabra tiver um AER, deixa no chão e seja feliz. hehehehe
      Mas é verdade que isso influi muito mais que cabos e bypass...

      MMI
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MauricioBahia

      Você que já foi em vários palcos... Lembra das torres de falantes enormes? Pois, com esse estudo de dispersão, hoje se faz mais por menos...

      Unfeelingness
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Maurício Bahia
      Espero que o tópico ajude mais que confunda... Hehheh


      Cara, esse tópico está sendo como uma luz no fim do túnel para mim, que estou começando agora a participar das Jams. Para conseguir um ótimo timbre, só na equalização do ampli está praticamente impossível.

      Sempre achei que tocar com o ampli em cima de uma cadeira faz ele ficar com o som ardido e abelhudo. Ademais, o problema que estou tendo aqui é exatamente com os agudos.

      Para que o som saia no notebook, estou puxando um cabo da saída "Send" (acho que isso quer dizer "enviar" certo?) e plugando no notebook.

      Com isso, o som do ampli fica "cortado", vc ouve ele baixinho, e aí é preciso carcar o volume. E também, acontece que, depois de gravado o problema são os excessos de agudo. Não sei mesmo o que está acontecendo. Estou usando o Audacity e todos falam que é ruim esse programa.

      Mas, enfim, o meu problema está sendo com os agudos. Eu não to precisando de agudos, eu to precisando de médios - graves nem tanto.

      A regulagem com o amplificador no chão (para gravações) está assim:

      - Agudo: 3
      - Médio: 10
      - Grave: 5

      Se colocar o ampli numa cadeira ele não ficará mais agudo ainda??

      Mas lembro também de o Maurício Bahia ter dito que o som fica mais limpo e tals - li todo o tópico.

      Mas vou tentar, e se alguém puder responder as minhas questões, fico agradecido.

      Outra vantagem de tirar o amplificador do chão é que o cachorro para de mijar nele uhuhauahuahuaa

      Muito bom e útil o tópico. Valeu!

      rafamoraes
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Unfeelingness
      Se colocar o ampli numa cadeira ele não ficará mais agudo ainda??

      Acho que ficará mais agudo para a sua percepção tocando junto a ele, mas quanto à gravação creio que não altera tanta coisa.

      Unfeelingness
      Veterano
      # out/11
      · votar


      rafamoraes

      É mesmo! Não tinha pensando nisso. Exceto no caso de se colocar um microfone na frente do falante e plugar aquele no notebook.

      Aliás, será que isso melhora na gravação?

      Abçs,

      rafamoraes
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Unfeelingness

      Pelo que li no tópico, quando vc regula o ampli no chão, vc tende a aumentar os agudos (para que assim vc possa ouvi-los melhor). Daí, ao por o ampli em uma cadeira, tem que diminuir os agudos que anteriormente vc tinha aumentado, pois não precisará mais acentuar tanto os agudos na nova posição.

      Agora, quando se trata de gravar microfonando, acho que estando no chão ou em uma cadeira o microfone vai captar bem próximo ao falante do ampli, então não faz tanta diferença o ampli estar no chão ou mais alto, pois o mic vai captar as frequencias praticamente da mesma maneira nas 2 situações.

      Apesar disso, pelo que sei, costuma-se gravar, microfonando, com o ampli sempre no chão... Acho que deve ser a melhor posição para gravação microfonada, algo relacionado à reflexão/absorção das frequências por parte do material de fabricação do piso.

      Técnicos do fórum, se pronunciem melhor!!!

      Abraço

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/11 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      Guilherme Nau: Já experimentou inclinar cerca de 45ºGraus o amplifcador?

      Já e até já postei algo assim aqui. :) Eu uso o amp num suporte inclusive, acho melhor.

      MMI: Não é bem uma questão de amplificador, é uma questão de alto-falantes.

      Sim, óbvio! Eu entendo e mencionei "falante" durante o post inicial. De qualquer forma, escrevi um "ps" lá no post pra deixar beeeeem claro isso.

      Mas é verdade que isso influi muito mais que cabos e bypass...

      Esse é o ponto! :)

      Pois, com esse estudo de dispersão, hoje se faz mais por menos

      O menos é mais! hehe

      Abs

      clebergf
      Veterano
      # out/11 · Editado por: clebergf
      · votar


      Unfeelingness

      Cara, microfona o seu ampli para gravar, você verá que irá ficar muito melhor, espero. XD
      Não curto o som do Sendout.

      MauricioBahia

      Li todo o tópico e foi absurdamente esclarecedor, ganhei uma noção de como as frequências trabalham.


      carlos adolphs

      Muito grato pelas explicações.

      sandroguiraldo
      Veterano
      # out/11
      · votar


      nichendrix
      JC_Junior
      carlos adolphs

      Não estava usando microfonado... Quanto aos graves, o que o Carlos Adolphs falou é verdade. Eu prefiro amp no chão e vocês?
      Meu amp é um Behringer GTX60, mas com meu marshal valvestate era a mesma coisa...

      nichendrix
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Unfeelingness
      A regulagem com o amplificador no chão (para gravações) está assim:

      - Agudo: 3
      - Médio: 10
      - Grave: 5


      Não conheço teu amp, mas tenta por em cima duma cadeira e botar médios no 3 graves e agudos acima do 5. Som abelhudo 99% das vezes é excesso de médios e não de agudos.

      MauricioBahia
      Moderador
      # out/11 · Editado por: MauricioBahia
      · votar


      carlos adolphs: Aí, gurizada. Sem enfeitar muito o assunto, o que falou o MauricioBahia tá certo, dá diferença. Quanto a ficar mais agudo quando tira do chão é pelo fato que como antes vc não ouvia os agudos, devido a direcionalidade, colocava muito ganho de agudos no tone stack, no momento que subiu na cadeira, ficou demais. Lógico, se tirar do chão terá, necessáriamente que retocar o tone stack: óbvio. Vcs sabiam que todo o sistema THX, de Home Theater, baseia-se nas direcionalidades das caixas satélite, enquanto o sub-woofer, vc instala em qualquer canto. Graves não tem direção devido ao grande comprimento de onda, sabe-se isso desde 1932, quando teorizou-se o estéreo, só levado a efeito na década de 50, devido à 2ªGuerra, enquanto os médios tem mais direcionalidade, os agudos mais ainda. Imaginem como sendo assim: Os graves são uma lampada normal, pendurada no meio da sala, os médios são o spot que ilumina um quadro da parede e os agudos são a lanterna de mão, com foco bem definido na direção que vc aponta, mais ou menos isso. Não esqueçam, quando tirarem o ampli do chão, reforcem os graves, e atenuem os agudos, um retoque de leve nos médios. Pronto! Feita a mágica do velho ampli renascido! Abcs.

      Seus posts são brilhantes, mas esse matou a pau! Citei aqui na íntegra pois merece replay! :)

      Esse aspecto do grave não ter direção eu nem imaginava.

      Valeu!!

      clebergf: ganhei uma noção de como as frequências trabalham.

      Também!!

      Abs

      nichendrix
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MMI
      Não precisa ir tão longe. Eu sempre curti muito som, sempre gastei uma grana no som quando trocava de carro. Além de tudo, para mim é uma fuga curtir um bom som no estresse e trânsito caótico de SP, porque se demora, ótimo, curto mais sons. O dia que peguei um carro com sistema de som Bose, a diferença foi tão absurda que deu vontade de jogar tudo que já tive no lixo.

      Cara, eu desencanei de Bose, era a marca que a gente mais importava de Home Theater, só que uma hora tu quer ter tudo e entra na GAS pra ter todas as novidades e tralalala, ai é melhor parar. Foi o que fiz, hoje até acho legal o fone e o ipod dock que tenho, mas prefiro me segurar pra não sair comprando demais... hehehhehehe

      Sobre som de carro, vale a pena olhar carros que já saem de fábrica com som Bose, como os tops da Chrisler, as Mercedes, BMW e Audi. O som das Mercedes Série E é uma loucura de foda, se botar um disco com a Marcha das Valquirias do Wagner, você jura que está sentado e que a orquestra está num circulo em volta de ti, totalmente 3D o som. Foda que o precinho é de cair o cu da bunda e arrancar os olhos da cara... hehehhehe

      rafamoraes
      Pelo que li no tópico, quando vc regula o ampli no chão, vc tende a aumentar os agudos (para que assim vc possa ouvi-los melhor). Daí, ao por o ampli em uma cadeira, tem que diminuir os agudos que anteriormente vc tinha aumentado, pois não precisará mais acentuar tanto os agudos na nova posição.

      Não só os agudos, os médios também tendem a ser exagerados dessa forma.

      Apesar disso, pelo que sei, costuma-se gravar, microfonando, com o ampli sempre no chão... Acho que deve ser a melhor posição para gravação microfonada, algo relacionado à reflexão/absorção das frequências por parte do material de fabricação do piso.

      Nem tanto, depende do amplificador e do tipo de reverberação que tu quer. Se tu quer uma ambiência boa da sala, em geral tu bota em cima de algo, se tu não quer, se vai gravar só o microfone no cone do falante, tanto faz onde ele vai ficar, desde que timbre pro som do microfone.

      sandroguiraldo
      Não estava usando microfonado... Quanto aos graves, o que o Carlos Adolphs falou é verdade. Eu prefiro amp no chão e vocês?

      Cara, eu só toco com os amps em cima dos seus respectivos cases, fica muito abafadão com ele no chão.

      nichendrix
      Veterano
      # out/11
      · votar


      MauricioBahia
      Esse aspecto do grave não ter direção eu nem imaginava.

      Isso é massa de perceber é com efeito doppler, algum dia presta atenção em avião, quando ele vem de frente pra ti, tu ouve o agudo e o grave da turbina, quando passa por ti, só ouve o grave.

      Leomju
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Pessoal
      Nova experiência plugarei o amp em cima do telhado!!!

      Hehe

      carlos adolphs
      Veterano
      # out/11
      · votar


      Leomju
      Chegou tarde, o Beatles já fizeram...KKKKKKK!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Tópico pra quem usa amplifcador no chão. Sem condição! :(

      306.095 tópicos 7.902.343 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital