Meus graves sumiram, como resolver?

Autor Mensagem
Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 00:25


Olá gente, sou nova aqui, me chamo Raiane, tudo bem com vocês? Comigo não...
Eu perdi meus graves! Não sei como, tenho a tessitura de um mezzo-soprano meu alcance suportado confortavelmente e
Lá3 á Ré5 (Notação Americana)
Eu ia até ao A2 LÁ 2 (Notação Americana)
E subia até ao C6 DÓ 6,( Notação Americana ),
Hoje tenho 22 anos, na época dos estudos eu tinha 19,
Não sou formada, estudei o básico do básico na net.
Não sei se eu perdi a técnica, sei lá, mas como eu canto só pra passar o tempo, não é toda hora, tudo bem. Mas já está começando a me incomodar.
Quando eu acordo de manhã eu consigo até, mas ou menos, um B2 SÍ2,(ah, vocês já sabem '-')
Tô muito triste, e, também quando eu tento as notas graves, eu sinto a minha garganta presa, e também, a nota sai rouca...Não sei o que fazer. ???

Só uma obs...
Tenho Asma de leve a moderada, já estou em tratamento.
Tenho adenoide nas narinas.
Já fumei, (mas eu acho que não conta essa parte, pois era nas brincadeiras das crianças quando eu tinha 7 anos).
Eu cantava estilos com Pig Squeal, Scream e Fly.

Leandro Rigon
Veterano
# 12/fev/19 01:54
· votar


Teve um tópico parecido esses tempos e as recomendações foram as seguintes:
1) Consulte um otorrino para verificar se está tudo ok com o aparelho fonador. Uma videolaringologia vai mostrar se existe algum problema ou não.
2) Se você aprendeu tudo o que sabe pela internet provavelmente aprendeu, ou acha que aprendeu, muita besteira. Seja voz ou instrumento se você não sabe o que tá fazendo você não sabe se está fazendo certo ou errado, ou seja, não vê seus erros, não sabe o que corrigir e cria vícios. E tirar vícios é pior que aprender do zero.
3) Portanto, estando tudo ok com a "guela", faça aulas com algum professor de Canto. Pianista não é professor de canto, violonista não é professor de canto. Se possível, profissional com formação nessa área (em Curitiba há o Curso de Bacharelado em Canto Lírico, por exemplo). Procure um profissional com essa formação.

PS.: O tópico a que me referi é esse:
Minha voz de cabeça "sumiu"

Circulum___Inflamae
Membro Novato
# 12/fev/19 10:14
· votar


Rhaiane
Eu cantava estilos com Pig Squeal, Scream

Acho que isso aí pode ter te prejudicado. Mas é impossível dizer.

Como disseram, procure um otorrinolaringologista.

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 11:22 · Editado por: Rhaiane
· votar


Obrigada pessoal! Cantar para mim, e um remédio natural, para meu transtorno mental limítrofe, eu fazia música terapia em botafogo, mas, eu acho que o projeto acabou, minha mãe quer me colocar no conservatorio de música, mas eu acho que não é para tanto...Eu canto por esporte, mas é isso aí muito obrigada à todos.

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 11:34
· votar


Ah, só mas uma pergunta, o fato de eu ter adenoide, pode está prejudicando a minha voz?

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 13:19
· votar


não sabe o que corrigir e cria vícios. E tirar vícios é pior que aprender do zero.
Verdade, é bem isso, tenho certeza criei vícios, essas vídeo aulas de YouTube passam muito por cima, não é um conhecimento completo, e o professor está do outro lado, seja na tela do computador ou smartphone, não é a mesma coisa que o presencial.

entamoeba
Membro Novato
# 12/fev/19 13:20
· votar


Cachaça, charuto e muito pigarro! Vai ganhar uma oitava!

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 13:25
· votar


3) Portanto, estando tudo ok com a "guela", faça aulas com algum professor de Canto. Pianista não é professor de canto, violonista não é professor de canto. Se possível, profissional com formação nessa área (em Curitiba há o Curso de Bacharelado em Canto Lírico, por exemplo). Procure um profissional com essa formação.

Eu moro no Rio de Janeiro, aqui perto eu já vi alguns lugares que faz aula de canto, minha mãe queria me colocar no conservatorio de música de Rio, mas o conservatorio e uma coisa bem seria, e pra quem quer trabalhar com música de verdade, eu não sei se quero isso, canto por esporte sabe.

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 13:35
· votar


Acho que isso aí pode ter te prejudicado. Mas é impossível dizer.

Como disseram, procure um otorrinolaringologista.


Sim as pessoas sempre me diziam isso, eu já parei com isso, era do tempo que eu era uma pirralha, escutando Arch enemi, Cannibal Corpise, Eths (acho que escrevi errado o nome das bandas kk) essa fase ja passou.

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 13:38
· votar


Cachaça, charuto e muito pigarro! Vai ganhar uma oitava!

Não kkk, melhor eu ficar longe dessas coisas, prefiro está com a voz assim, do que estragar completamente hehe.

Rhaiane
Membro Novato
# 12/fev/19 21:34
· votar


Então é isso, otorrino, otorrinolaringologista, videolaringologia,
Cirurgia da carne esponjosa, aula de canto com o professor ao vivo e a cores kkk, e muita Cachaça, charuto e muito pigarro! Kkkkkkk tô brincando, mas agora é sério, muitos vocalizes, treina muito a guela, claro, sem força a barra, e ser feliz. Cantar em coral, barzinho ou chuveiro mesmo, mas cantar, que os males espanta!

Mas algumas dicas?
Posso fechar o tópico?

ed.tins
Veterano
# 13/fev/19 05:28
· votar


Cachaça, charuto e muito pigarro! Vai ganhar uma oitava!


kkkkkkkkkkk
esse cara é muito engraçado

ed.tins
Veterano
# 13/fev/19 05:34 · Editado por: ed.tins
· votar


Rhaiane
Membro Novato
Eu cantava estilos com Pig Squeal, Scream e Fly.


Isso ai não tem nada a ver, com a perda definitiva dos seus graves, independente da forma ou técnica que você usar para emitir sons, sua tessitura será sempre a que sua genética te proporcionou, basta descansar a voz que seus graves voltam, ou seja o que realmente reduz sua tessitura são as condições externas, clima, poluição, fumaça de cigarro, remédios como antibióticos fortes, stress vocal, falta de sono REM etc.

ferraz bass
Veterano
# 13/fev/19 08:27
· votar


Eu acredito que a questão ai é genética, nenhum medico ou professor de canto vai poder te ajudar, não porque você esta com problemas, mas porque sua voz é assim mesmo, então você deve se adaptar. Não se preocupe tanto, já que você mesmo disse que não pretende trabalhar com isso.

Tipo 8
Membro Novato
# 13/fev/19 10:01 · Editado por: Tipo 8
· votar


Rhaiane

Vc falou que tem a tessitura de uma mezzo, mas colocou alcance totalmente fora na sua descrição. Usando a notação brasileira (já que estamos aqui), afinal de contas qual o seu alcance normal de voz? Porque se for levar em conta o que vc escreveu, não é a toa que nao tem graves, porque na verdade vc não é mezzo.

Lembrando que a grosso modo:

Soprano - dó 3 a dó 5
Mezzo-Soprano - lá 2 a lá 4
Contralto - fá 2 a fá 4

Rhaiane
Membro Novato
# 13/fev/19 15:11
· votar


Vc falou que tem a tessitura de uma mezzo, mas colocou alcance totalmente fora na sua descrição. Usando a notação brasileira (já que estamos aqui), afinal de contas qual o seu alcance normal de voz? Porque se for levar em conta o que vc escreveu, não é a toa que nao tem graves, porque na verdade vc não é mezzo.

Lembrando que a grosso modo:

Soprano - dó 3 a dó 5
Mezzo-Soprano - lá 2 a lá 4
Contralto - fá 2 a fá 4


Então, eu acho, não tenho certeza, que sou mezzo,
Quando eu tento cantar como soprano no piano, minha voz vai subindo até que lá 4 já não passa mas daí, quando eu canto Contralto o eu consigo ir e ultrapassar e ir até ao ré 2, mas não sai com muita clareza, sai como se eu tivesse arrotando e fraca, aliás essa nota eu conseguia com clareza, não tenho mas, o fá4 sai com ótima emissão forte claro, mas eu acho que não é minha voz, agora mezzo foi aonde eu realmente me encontrei, pois minha voz não é grossa e nem fininha, eu coloquei a tessitura lá3 ré5 (mas ou menos esse ré5 ), mas que é o mesmo lá2 Ré4 tá notação brasileira, mas uma coisa tá me embaralhando minha cabeça esse Ré4 sai com um pouco de esforço...

Rhaiane
Membro Novato
# 13/fev/19 15:14
· votar


Isso ai não tem nada a ver, com a perda definitiva dos seus graves, independente da forma ou técnica que você usar para emitir sons, sua tessitura será sempre a que sua genética te proporcionou, basta descansar a voz que seus graves voltam, ou seja o que realmente reduz sua tessitura são as condições externas, clima, poluição, fumaça de cigarro, remédios como antibióticos fortes, stress vocal, falta de sono REM etc.

Pois é, o Sí1 era de forte emissão (esse sí é da notação brasileira )

Rhaiane
Membro Novato
# 13/fev/19 15:22
· votar


Eu acredito que a questão ai é genética, nenhum medico ou professor de canto vai poder te ajudar, não porque você esta com problemas, mas porque sua voz é assim mesmo, então você deve se adaptar. Não se preocupe tanto, já que você mesmo disse que não pretende trabalhar com isso.

Pois é, por que eu já desisti de cantar profissionalmente, já me desencorajaram...

Rhaiane
Membro Novato
# 13/fev/19 18:54 · Editado por: Rhaiane
· votar


afinal de contas qual o seu alcance normal de voz? Porque se for levar em conta o que vc escreveu, não é a toa que nao tem graves, porque na verdade vc não é mezzo.

Pois é, mas eu fiz uma gravação da minha extensão completa que começa do grave pro agudo, e vai descendo até ao grave de novo, fiz até onde me foi confortável não tentei ir muito grave, e nem muito agudo, desculpe, se minha voz é ruim, eu canto muito mal,eu reconheço...só canto por esporte. Fui do Lá2 a Dó5.

Rhaiane
Membro Novato
# 13/fev/19 22:34
· votar


Criei uma conta no Soundcloud , que vergonha, minha voz é horrível, mas é por uma boa causa *-*

Tipo 8
Membro Novato
# 13/fev/19 23:52 · Editado por: Tipo 8
· votar


Rhaiane

Voz leve, sem graves. Qdo vc vai para o agudo faz falsete, portanto vc não vai até aqueles agudos em voz plena. Mas convenhamos, pelo que vc falou, que só canta por "esporte" porque importaria perder notas graves?

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 00:00
· votar


Voz leve, sem graves. Qdo vc vai para o agudo faz falsete, portanto vc não vai até aqueles agudos em voz plena. Mas convenhamos, pelo que vc falou, que só canta por "esporte" porque importaria perder notas graves?

Então, no caso eu seria, supondo, uma Soprano, se puder me responder claro?

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 00:18
· votar


Cara eu tenho uma meta, é tipo um tic nervoso kkk, eu sempre tive envolvenda com música, fazia há muito tempo atrás músicas com sintetizadores e daws como, usava auberton, logic pro e fluit loops, tenho cantores na minha família, mas eu era a única que o povo falava que não era pra mim esse ramo, desde pequena meus pais me colocaram pra ouvir rock, mas eu gostava mesmo era da música clássica, meu irmão tem uma banda, toca por aí, minha prima gravou cds, eu sou a única sem talento, mas é isso, desabafo meu galera, não me levem há mau, eu fico triste, mas passa logo... cotinuando só quero atingir minha meta, não me levem há mau okay, muito obrigada '-'

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 11:10 · Editado por: Rhaiane
· votar


Gente, acho que é soprano mesmo, é porque eu vou até ao lá2, mas como o moço do tópico disse aí em cima Tipo 8 Voz leve, sem graves., minha voz é leve, tem mezzos com timbre leve? Claro que sim, mas entoa diferente, tipo, elas têm metal na voz, mas na questão da minha voz é soprano, e sobre genética, minha família tem muitos tenores e sopranos, não sei se isso tem haver.

Ah, um exemplo: E se uma mulher foi classificada como soprano, mas consegue atingir notas de Contralto, o que essa pessoa é? Uma soprano!. Mas que atinge notas de contralto, mas vale ressaltar, essa pessoa que atinge notas de contralto sendo soprano (tirando a mezzo de lado, tô falando da voz de uma soprano legítima, e que não tem graves como as mezzo, mas tem essas notas, entende), não é a mesma coisa que um Contralto legítimo... ou uma mezzo....


Bom não sei se vocês entenderam, foi isso que eu entendi, na minha humilde opinião... okay?

Tipo 8
Membro Novato
# 14/fev/19 14:55
· votar


cotinuando só quero atingir minha meta

Entendi, mas daí já vai contra o que vc disse sobre cantar por "esporte". Vc tem algum objetivo então. Vc tem grandes problemas de afinação para começar. Dá para resolver? Sim, mas não sem aula de canto. Sozinha não vai acontecer. é um complicador para atingir a meta, mas é possível com muita dedicação. Aqui mesmo no fórum vc vê casos de gente que era desafinado e hoje canta muito bem.

Eu vejo que vc tem umas ideias romanticas sobre o que é cantar. Deveria pensar mais tecnicamente.

Sua voz é leve. Não chega nem perto do que é uma mezzo de verdade.

Falando seriamente (como eu sempre encaro o ato de cantar), a verdade é que a sua preocupação não é relevante, simplesmente porque vc tem inúmeros problemas para resolver na voz ANTES de pensar em que notas alcança ou deixa de alcançar. De que adianta ter 3 oitavas de voz e ser desafinado? É inútil. Tem o básico para aprender antes de pensar em dós, sis e rés. Falta tudo. Não há outro meio senão fazer aula para resolver todas essas questões (afinação / colocação / apoio). Todo o resto está no campo do sonho. A realidade é diferente.

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 15:23 · Editado por: Rhaiane
· votar


Tipo 8, e isso aí mesmo, eu reconheço, eu só estudei pela net,o básico do básico, não sei cantar, isso é verídico, e que na verdade eu tava preocupada com o tipo da minha voz, mesmo não sabendo cantar, mas tudo bem, já está me abrindo os olhos, no momento não tenho como fazer aula de canto, e também vou mudar de casa.

E sim, eu tô longe do mezzo.
Sou soprano mesmo, pelo menos eu acho, mas claro, eu falo isso porque era uma curiosidade minha, eu só queria ter certeza.

Quanto as notas graves, não faz nem mas importância agora, porque isso não é pra mim e nem para a minha voz, já passou.

Espero ter um professor de canto em breve. Um abraço. -'

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 15:53 · Editado por: Rhaiane
· votar


Ah tenho uma pergunta, que não foi respondida, eu tenho adenoide, isso também pode está afetando, atrapalhando a minha voz?

Tipo 8
Membro Novato
# 14/fev/19 18:13
· votar


minha mãe quer me colocar no conservatorio de música

no momento não tenho como fazer aula de canto

Ué?

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 19:30 · Editado por: Rhaiane
· votar


Ué?
Kkk desculpe-me, fui meio bipolar agora haha, isso já faz tempo, minha mãe "queria", ai eu tinha falado isso já faz tempo pra ela, que o conservatorio e uma coisa bem seria, e pra quem quer trabalhar com música de verdade. erro de gramática
, coloquei a frase no presente, quando na verdade é no passado, Mas. ..
E isso já faz tempo... Quando eu fazia música terapia em botafogo rio de janeiro. Naquela época eu tinha condições.
Hoje em dia só tendo bolsa de estudos.
Não sabia corrigir com a ferramenta do fórum "editar' muito bem e acabou que eu não editei corretamente e ficou assim o texto, sabe coisas de novato, esse é meu primeiro tópico.
Aí ela queria naquela época tendi?

Rhaiane
Membro Novato
# 14/fev/19 19:44
· votar


Canto por esporte mesmo, mas no fundo sou interessada a aprender, hoje até falei com minha mãe sobre isso. Só que minha mãe falou que agora não pode me colocar no conservatorio só depois dele encontrar uma casa pra alugar, como disse anteriormente, vou mudar de casa.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Meus graves sumiram, como resolver?