Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      O sertanejo de raiz/ mais antigo é superior ao sertanejo universitário nas suas letras?

      Autor Mensagem
      Peter_MusicoIniciante
      Membro Novato
      # jan/16


      Poeticamente vocês acham que o sertanejo mais antigo é mais poético que o atual?

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/16 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      Peter_MusicoIniciante

      Amigo, sem considerar o "gosto x não gosto" ou "no tempo de fulano era melhor"...sendo apenas honesto e até óbvio, poéticamente falando não há comparação, não só no sertanejo como em qualquer gênero musical.

      Não quero entrar no detalhe se era desnecessário ou não, se hoje se é mais objetivo ou direto, mas, repito, as letras antigas são muito melhores escritas.

      Procure por Cartola, Noel, Lupicínio e etc... entenderá melhor.

      LeandroP
      Moderador
      # jan/16
      · votar


      Beber, cair, mãozinha pro alto, tira o pé do chão, clichês, etc...

      O que eu posso pensar disso?

      Cup Noodles
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      o tema nao mudou muito, na minha opinião.

      Ex:
      Antigo
      Inezita Barroso
      Marvada Pinga

      Com a marvada pinga
      É que eu me atrapaio
      Eu entro na venda e já dou meu taio
      Pego no copo e dali nun saio
      Ali memo eu bebo
      Ali memo eu caio
      Só pra carregar é que eu dô trabaio...

      Atual
      Humberto e Ronaldo
      Cerveja

      Manda cerveja garçom, manda cerveja
      Desce uma loira, e põe aqui na minha mesa
      Manda cerveja garçom, manda cerveja
      Manda cerveja que hoje eu não quero tristeza


      o que eu percebo é que apesar do tema girar sempre em torno das mesmas coisas... antigamente era mais comum as letras narrarem alguma coisa... como, Chico mineiro, Menino da porteira.. etc... hoje em dia as letras são mais curtas e são feitas com sílabas repetidas milhares de vezes.. pra grudar na cabeça das pessoas....

      Ex:
      Tche tcherere tche tche..

      Eu quero tchu... eu quero Tcha...

      Vou te pegar e tãe tãe tãe tãe...

      Agora eu fiquei doce doce doce do do do do doce....

      Se eu te pego ãh, Se eu te beijo ãh ...Se eu te pego ãh ãh ãh ãh ãh


      Agora... tire suas conclusões.

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/16 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      Cup Noodles

      Tematicamente, tirando as de "cachaceiro", as antigas eram mais bucólicas, falavam mais de coisas rurais e a vida na roça. As atuais, tem muito pouco a ver com os temas do campo. Se resumem a encher a lata e pegação.

      Com relação a língua portuguesa, que é onde eu foco no meu texto acima, aí esta a grande diferença. As antigas, mesmo as de "cachaceiro" eram bem melhores escritas, com maior e melhor uso da linguagem e das rimas.

      As atuais, parecem escritas por semianalfabetos.

      Só que isso não é exclusividade de sertanejo... é em todos os estilos.


      Obs* (Em tempo): Marvada Pinga é uma música cômica, uma brincadeira, que descreve de forma bem humorada a vida de um pinguço, escrita com "português errado" (como fazia Adiniran Barbosa), para acentuar o homem simples... no entanto a construção da letra e suas rimas e ritmo são bem melhores que a maioria das letras atuais.

      inExperienced
      Veterano
      # jan/16 · Editado por: inExperienced
      · votar


      Essa música de Inezita Barroso era um atrevimento pra época dela.
      Agora as músicas insertanejas de hoje só falam de chifres, cachaça, carro. Junte estes três assuntos ou use os separados em um refrão que o sucesso é garantido. A massa de acéfalos adora.

      alan.bassplayer
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Poéticamente, não só o sertanejo como muitos outros estilos. Nas raízes se cantava situações cotidianas, contava-se histórias etc.

      No atual:
      Tche tcherere tche tche..

      Eu quero tchu... eu quero Tcha...

      Vou te pegar e tãe tãe tãe tãe...

      Agora eu fiquei doce doce doce do do do do doce....

      Se eu te pego ãh, Se eu te beijo ãh ...Se eu te pego ãh ãh ãh ãh ãh


      megiddo
      Membro
      # jan/16
      · votar


      Poeticamente vocês acham que o sertanejo mais antigo é mais poético que o atual?

      Qualquer coisa é.

      BrotherCrow
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Lelo Mig
      Tematicamente, tirando as de "cachaceiro", as antigas eram mais bucólicas, falavam mais de coisas rurais e a vida na roça. As atuais, tem muito pouco a ver com os temas do campo. Se resumem a encher a lata e pegação.
      Será que não é porque a vida no campo mudou também? Das últimas vezes que estive no interior do Paraná só vi agroboy bancando o pegador naquelas caminhonetes gigantes.

      alan.bassplayer
      Membro Novato
      # jan/16 · Editado por: alan.bassplayer
      · votar


      BrotherCrow
      Será que não é porque a vida no campo mudou também? Das últimas vezes que estive no interior do Paraná só vi agroboy bancando o pegador naquelas caminhonetes gigantes.


      Vejo que de certa forma, além disso que você falou, a "exigência musical" de 90% da população também caiu muito. A realidade é que hoje quem vai a um show de música sertaneja não está nem aí para a música que tocará, mas sim pensando em beber e conseguir um corpo para se esfregar.

      Adler3x3
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Na minha opinião o que falta ao sertanejo "dito moderno ou universitário" é autenticidade.
      Não é sertanejo.
      É qualquer outra coisa mas de sertanejo não tem nada.
      E convenhamos o estilo começa pela ambiguidade "Sertanejo Universitário".
      Não sei que inventou o termo, mas é falso.
      É incompatível com a realidade do sertanejo e do universitário.
      Desde quando existe um sertanejo que seja universitário?

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/16 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      BrotherCrow

      "Será que não é porque a vida no campo mudou também?...só vi agroboy bancando o pegador naquelas caminhonetes gigantes."

      Procede... têm razão. Não tinha pensado nisso.

      Adicione o fato de a imensa maioria deles serem semianalfabetos ou formado nestas "faculdades da cidade" (o que significa o mesmo que semianalfabeto), e estão explicadas as letras das canções.

      Adler3x3
      Veterano
      # jan/16 · Editado por: Adler3x3
      · votar


      "Será que não é porque a vida no campo mudou também?...só vi agroboy bancando o pegador naquelas caminhonetes gigantes."

      É que antigamente os filhos das famílias com propriedades rurais iam estudar no exterior, adquiriam uma cultura superior.
      O ensino universitário no Brasil começou muito tardiamente o que explica muito dos nosso problemas atuais.
      Hoje como temos mais Universidades vão estudar aqui no Brasil mesmo, mas muitos ainda estudam no exterior.
      Mas isto é para as famílias abastadas não para o sertanejo comum em que as dificuldades continuam quase as mesmas e em muitos pontos pioraram.
      Hoje a rotatividade dos empregados numa fazenda é muito maior.
      Claro hoje existem mais oportunidades para as pessoas mais simples melhorarem de vida.
      E a questão da reforma agrária nunca foi tratada de forma séria.
      E o que aconteceu muitos vieram do interior para as grandes cidades, na busca de oportunidades.
      A população brasileira esta concentrada nas cidades, e o interior esta vazio.
      E hoje as antigas propriedades rurais contam com a tecnologia, com muitas máquinas e automação, internet por rádio e muito mais.
      Mudou muito e assim é normal que afete a música que eles praticam.
      E o conceito de sertão se aplica mais para o nordeste, aqui no sul os sertanejos eram mais conhecidos como caipiras.
      Música Caipira era diferente da música sertaneja uma questão de regionalismo.

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/16 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      BrotherCrow
      Adler3x3

      Devemos considerar o fato, também, de que a grande maioria dos cantores sertanejos de hoje, não sabem a diferença entre um boi e um playstation.

      Wade
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Sim.

      demian e eduardo
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Hoje não se tem mais "letra" nas musicas como antigamente.
      na verdade de sertanejo não tem exatamente nada. me diga uma musica que fale de sitio, roça, cavalo, boi, plantação, fazenda, tropa, tropeiro, cavalgadas, ou seja musicas que fale do "universo sertanejo".

      o que temos hoje? como muitos acima ja disseram, musicas de carros, traição, bebidas (sempre teve) e romances. e isso vai alem muitos ainda criam RESPOSTAS para musicas de outros rsrs.

      mas como disseram ouve uma evolução muito grande onde os fazendeiros industrializaram quase tudo e aumentaram o seus bens e os pequenos sitiantes (eu nasci e fui criado no sitio até hoje meus pais moram la) tem que buscar empregos nas cidades pois nao se consegue sobreviver das pequenas propriedades. hoje vc pega sua moto e vai olhar o gado em 20, 30 minutos esta de volta antigamente vc pegava o cavalo (ja fiz muito isso) e chamava seus irmaos, netos, sobrinhos, amigos e a cavalgada pelo caminho demorava 1, 2, 3 horas, voce hj vai numa festa e nao demora mais que 1 hora em seu carro, antigamente se is a cavalo, trator, a pé. e no caminho de tudo isso acontecia historia que ERAM TRANSFORMADAS EM MUSICA (LOGICO QUE SE AUMENTAVA A HISTORIA KKKK) como assassinato (chico mineiro) migração de uma familia que teve que vender sua propriedade e ir para cidade grande (reino encantado) etc, etc.

      RESUMINDO

      hoje e tudo muito rápido em nossas vidas as vezes não prestamos atenção nas pequenas historias que acontecem ao nosso redor.

      alan.bassplayer
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      demian e eduardo
      Você fala com propriedade por ter vivido tudo isso, então assino embaixo de tudo o que falou, rs

      Ivanoff
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Na minha opinião o que falta ao sertanejo "dito moderno ou universitário" é autenticidade.
      Não é sertanejo.
      É qualquer outra coisa mas de sertanejo não tem nada.
      E convenhamos o estilo começa pela ambiguidade "Sertanejo Universitário".
      Não sei que inventou o termo, mas é falso.
      É incompatível com a realidade do sertanejo e do universitário.
      Desde quando existe um sertanejo que seja universitário?


      Perfeito, não é questão de ser melhor x pior, mais elaborado ou menos elaborado, o fato é que havia autenticidade na música e na letra, o sertanejo dizia algo e refletia a realidade ou imaginação do artista.

      Hoje, tirando uma ou outra exceção (João Carreiro que fazia dupla com o Capataz e alguma coisa do Victor e Léo), é tudo feito pra vender, tudo de fácil assimilação e consumo rápido.

      Sertanejo Universitário me lembra as bandas coloridas do Brasil, e os Fresnos, NX Zeros da vida., mais falso que nota de R$ 3,00.

      Ismah
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Lelo Mig
      As atuais, tem muito pouco a ver com os temas do campo. Se resumem a encher a lata e pegação.
      BrotherCrow
      Será que não é porque a vida no campo mudou também? Das últimas vezes que estive no interior do Paraná só vi agroboy bancando o pegador naquelas caminhonetes gigantes.

      Que campo cara? Os que se denominam sertanejos hoje, são playboys metidos a colono (como nivek). Como alguém disse, não diferencia o boi do playstatio...

      E não é d'agora, vejo que as maiores festas sertanejas acontecem na CIDADE, maiores bandas gaúchas são das capitais.

      Aí uma banda de reaggae/rock, como Papas da Língua, se apresenta na contra-temporada numa cidade praiana esquecida, do tipo interior do interior e leva a cidade toda para o lugar.

      Nós Dinamite Joe, tivemos o mesmo público no único Pub, de uma cidade de 4mil habitantes, e fizemos o mesmo público de uma casa, numa das maiores cidades do estado, onde tocamos a 5 anos.

      A única conclusão que isso me leva, é que o sertanejo/caipira/colono de verdade, tá enjoado da música sertaneja. Esses buscam coisas novas.

      E quem sou eu para falar? Não sou um colono, meus pais não tiveram nunca terras para produção em escala. Mas estou escrevendo olhando da janela do meu antigo quarto, um pequeno rebanho de vacas pastando. Comecei o ano na vindima (colheita de uva). Acho que tenho um pouco de moral rs

      demian e eduardo
      o que temos hoje? como muitos acima ja disseram, musicas de carros, traição, bebidas (sempre teve) e romances.

      Na verdade a bebida não é tema, ela é estereótipo ou de ostentação, ou de fuga/canal de escape d'alguma decepção. Acho que dizer que foi queimar uma erva, ou fazer uma linha não passa a imagem de bom moço, e assim não ilude suficientemente as mulheres rs

      Romances?! Também faz tempo que não ouço... Só vejo amar por conveniência nessas músicas.

      Ivanoff
      Sertanejo Universitário me lembra as bandas coloridas do Brasil, e os Fresnos, NX Zeros da vida., mais falso que nota de R$ 3,00.

      É a mesma melação de saco. Mesmo gostando um bom pouco de Bon Jovi, Elvis, etc eles já faziam isso, mas os caras tinham talento, não atiravam a esmo as palavras*. Isso se vê em Vitor e Leo, MC Léozinho, MC Marcinho (acho que o último funkeiro literal).

      *Elvis nunca compôs, mas o Parker tinha o dedo para escolher músicas boas, e Elvis para arranja-las.

      alan.bassplayer
      a "exigência musical" de 90% da população também caiu muito.

      Isso se chama senso crítico, e ele caiu em todos os sentidos. Para não "magoar" (!), se acaba elogiando o que não gostamos, e concordando com que não queremos. Mesmo quando algo simples acontece, mas que envolve lei, tem gente que se retrai, "pra não se envolver". Até pra nós gaúchos que somos já mais barraqueiros e de faca na bota (esquentados), estamos mais frouxos...

      Ficando na música, tu acha que a música "Holiday foi muito" (Falcão), onde ele é explícito de que passaria pela "sensura social" em que vivemos hoje? Seria homofóbico, racista, etc etc etc...

      Tem declaração do Renato Aragão sobre as piadas com o Muçum, que vale ouro, vou ver se acho.

      Cup Noodles
      inExperienced

      Estão muito recentes ainda... Vamos mais pra trás, Cascatinha e Inhana, Tonico e Tinoco, Cacique e Pajé, Irmãs Galvão etc que são mais música raíz.

      Ismah
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Adler3x3
      Na minha opinião o que falta ao sertanejo "dito moderno ou universitário" é autenticidade.

      Essa frase resume o problema da música mainstream atual. Não tem muitas novidades, mesmos "movimentos" sempre. Soar igual é uma preocupação. Aí vc pega novamente um cara POP nos anos 60 como o Elvis, Jerry Lee, e o disco é todo quebrado, com estilos de arranjo, mixagem e master diferentes...

      Nisso concordo com o café com leite que o underground é muito melhor.

      basstreble
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Sei que alguns dos colegas não vão concordar comigo!!Gosto de músicas com letras sérias, românticas ou não!!O sertanejo de raiz, aquele que é sertanejo mesmo não curto muito e esses de hoje falam muito em carro, dinheiro, bebidas etc!!Acho a música uma arte belissima, posso dizer que da pintura ou atuação ela é a mais pura e verdadeira!!Todo músico aprende na teoria musical que a música é a arte de expressar os sentimentos com os sons, ela tem que emocionar!!Cantores como Leonardo e Zezé (exemplos de cantores que gosto muito) não podem mais se enquadrar em sertenejo e sim romântico. Quero deixar bem claro que sou eclético quanto a ritmos e estilos, não estou criticando os gostos de voçês!!

      basstreble
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Graças a Deus tenho admiração pela música desde criança, não vou me atrever a dizer que sou apaixonado. Mas é uma coisa que me fascina!!Quando criança ela me conquistava por mexer com meus sentimentos, agora que estou aprendendo mais sobre ela, também me fascino por saber que além de arte ela também usa matemática!!

      kiki
      Moderador
      # jan/16
      · votar


      superior em que?

      dependendo do que você considera, sim, o sertanejo atual pode ser considerado superior

      se for considerar o sucesso dentro do que se propõe, por exemplo.
      o sertanejo atual não se pretende poesia ou música como o sertanejo de raiz. ele é entretenimento, é um mercado de diversão. e isso ele faz muito bem. pra isso ele tem letras fáceis, de conteúdo popular. e vende milhões, lota shows e exporta pra burro.

      duvido que uma inezita conseguiu a mesma abrangencia que um gusttavo lima.

      podemos dizer que o sertanejo atual é o romero britto da musica.
      (até tem os dois tt)

      Julia Hardy
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      O sertanejo de antes é tão bom ou ruim quanto o de agora.

      Vocês querem o quê? Que um(a) adolescente goste mais de tônico e tinoco do que do Taeme e Tiago? Bicha, please.

      Ismah
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Não espero que um adolescente prefira Bach invés de algum playboy metido a caipira.

      Espero que ele tenha cultura, e senso crítico de escolher entre uma música original, que de fato mostre uma manifestação de alguma ideia, e 100 músicas com a mesma melodia, mesma progressão, mesma batida, mesma ideia.

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/16
      · votar


      Acho que a galera mistura as coisas, nem lê o tópico e as respostas, e leva tudo prá poha do "gosto vs não gosto"!

      O cara perguntou se era mais poético, traduzindo, se as letras antigas eram melhores.

      E sim! Sob os critérios da Língua Portuguesa, eram melhores construídas, mais ricas, melhores rimadas e ritmadas.

      Simples assim!

      Julia Hardy
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Tá esperando demais.

      Peter_MusicoIniciante
      Membro Novato
      # jan/16
      · votar


      Aproveitando o tópico.

      Seria possível usar elementos da música sertaneja de raiz, e elaborar letras mais poéticas ? Não necessariamente falar de campo, boi, mas criar uma letra mais complexa.

      FELIZ NATAL
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Peter_MusicoIniciante



      FELIZ NATAL
      Veterano
      # jan/16
      · votar


      Peter_MusicoIniciante

      Ouça Zeca Baleiro ( principalmente os primeiros albuns ) e verás o que da pra fazer com diversos estilos e a versatilidade de nosso idioma para composição de letras.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a O sertanejo de raiz/ mais antigo é superior ao sertanejo universitário nas suas letras?

      305.742 tópicos 7.895.264 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital