Mais uma audição de meu garoto BATERISTA!

    Autor Mensagem
    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13


    Aí Galera....

    Mais uma audição da escola de meu filho.

    Prá quem já viu ele mandando no Rock, agora o professor achou que ele já estava pronto prá encarar um Jazz Fusion... e ele encarou..heheh. Para os que não sabem, ele têm só 11 anos.

    A música é Rio Funk, de Lee Ritenour, na versão do baixista Marcus Miller......Música com sketches de Jazz, Funk e Salsa...

    A pegada não tá tão segura quanto no Rock, gênero que ele estava mais "em casa", mas creio que ele se saiu bem e essas novas praias e leituras, serão muito bem vindas ao seu futuro na música.

    O som da minha câmera é muito ruim....mas dá prá ter uma ideia.

    Espero que curtam.........Comentem........valeu!! abraço!



    sebber
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Gostei Lelo, percebe-se a evolução no instrumento e de percepção musical.

    Essa variação de estilo no aprendizado, para não ficar focado somente no rock, vai, na minha opinião, modificar demais para melhor a forma como seu filho vai se relacionar com as pessoas e com a música. Temos tópicos sobre isso aqui hehe.

    Infelizmente aqui o áudio não ficou muito bom, mas foi legal poruqe a guitarra soou como um trumpete, aí curti demais.

    Parabéns Caio, Lelo e aos músicos da apresentação.

    MMI
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig

    Dá para ver que ele não está exatamente na zona de conforto, mas isso faz parte e é muito bom. Para 11 anos está excelente, tocar isso aí bem não é fácil, Marcus Miller com um baixista desse porte é briga de cachorro grande...

    Parabéns!

    Mulambojr.
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Não manjo nada de batera, mas concordo com o MMI.
    Alem de que ali ele está com mais gente perto né, é pior ainda para mostrar bastante segurança em algo que não está "na casa" dele.
    Mas o garoto tem futuro, isso é óbvio, com 11 anos eu não sabia nem o que era Jazz, muito menos essa praia mais Fusion, haha.
    Muito legal isso que você está fazendo de apoiar seu filho na música, queria ter um pai igual você, haha.

    Abraço para ti e seu filho.

    renatocaster
    Moderador
    # mar/13 · Editado por: renatocaster
    · votar


    Lelo Mig

    Vou te dizer uma coisa....só o fato dele ter aceitado o desafio de ter tocado esta música já demonstra que o moleque não está de bobeira. Eu imagino que até ele mesmo já sabia que não iria dar conta de tocar tudo perfeito, 100% igual. Mas deu a cara a tapa, foi lá e tocou. Difícil encontrar essa virtude nos garotos da idade dele hoje em dia.

    E digo mais, ele já sai na frente dos colegas da idade dele porque resolveu se dedicar ao instrumento. Eu diria que isso é bem atípico para um garoto de 11 anos. As crianças dessa idade normalmente não muito agitadas, impacientes e com problemas de concentração, salvo algumas exceções. Ou são muito tímidos, introspectivos ( o que era meu caso, com 11 anos eu era assim, hehehe).

    O lance da molecada é jogar Playstation, Xbox, joguinhos de celular, redes sociais, etc. Não que isso seja um problema, desde que seja dosado. Afinal de contas um garoto de 11 anos é uma criança, então tem mais é que brincar mesmo. Só que para muitos deles, o único contato com algum "instrumento" vão ser aquelas guitarras do Guitar Hero.

    Com a vontade dele e seu apoio ele tem tudo para se desenvolver no instrumento, independente se ele vai querer ser músico ou não. E eu acho que ele já se ligou nisso, que só depende dele. O moleque tem coragem, vai fundo.

    Parabéns pelo guri!

    makumbator
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig

    O áudio da câmera é mesmo terrível! Hhsahsa! Mas deu para perceber o que rolou.

    Essa música é muito legal, inclusive acho que a gravação original do Lee Ritenour (álbum "Rio") já conta com o Marcus Miller no baixo (acho que não tem uma versão dele em estúdio). Tem um solinho de baixo super divertido no meio dela.

    http://www.youtube.com/watch?v=8KC-PLSkQn0


    Sempre que ouço lembro de uns programas do Telecurso II grau da Globo, que passava (ou passa sei lá) no começo da manhã. Essa era a música dos créditos.

    Acho que ele se saiu bem, inclusive por ter muita gente a meio metro da bateria e secando o garoto com o olhar (a banda só olha pra ele...heheh). Não é qualquer um que aguenta isso!!!

    A bateria é relativamente simples mas ao mesmo tempo tem que ser ultra precisa (in the pocket, como os americanos dizem) e com algum balanço para não ficar robótica (principalmente nas parte de "samba jazz").

    Ficou bem legal!

    Luiz_RibeiroSP
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig
    ficou bem legal, o muleke ta evoluindo a cada vídeo.

    Del-Rei
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Muito bacana, cara. Você e ele estão de parabéns. Você, por incentivar, hehe.

    Realmente o som da câmera tá sofrido. Já tentou filmar com celular? Alguns celulares hoje em dia filmam com o áudio muito melhor que câmeras.

    Gostei bastante.

    Um aceno de longe!!!

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13
    · votar


    sebber
    MMI
    Mulambojr.
    renatocaster
    makumbator
    Luiz_RibeiroSP
    Del-Rei

    Pois é...minha câmera é até legalzinha, mas o audio é sofrível....O gravador de audio do celular grava melhor e eu ia gravar o audio no cel e fazer a edição, mas fiz uma besteira na hora e acabei não gravando o audio no cel.

    Na próxima vou cuidar para isso.

    Obrigado à todos pelas palavras de apoio, ele vai ficar feliz quando ler!

    Valeu!!

    fernando tecladista
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    parabéns pra ele, tocar uma música dessa não é facil pra aluno, comparando com qualquer putz putz pop de hoje, jazz e derivados tem ritmos mais complexos, mais dificil pra saber o que é tempo forte e tempo fraco

    o som tá sofrido, mas deu pra curtir a música

    e manda um oi pro joãozinho do baixo

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    fernando tecladista

    Opa!! pode deixar...vc conhece ele? Ele te conhece por que nome? Fernando Tecladista mesmo?

    Bom baixista ele, né?

    Abç!

    "editado"....só agora vi que você é aqui de Vinhedo...kkk...eita mundão pequeno!!

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13
    · votar


    up

    Ken Himura
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig
    Meus parabéns ao garoto! Tá mandando bem! =D

    Rednef2
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Gostei, o muleke tem futuro.

    LeandroP
    Moderador
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig
    Para os que não sabem, ele têm só 11 anos

    Ele pode até usar uma frase que usei em algum tempo aqui no fórum.
    "Tenho 11 anos e toco pra caráleo"

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13
    · votar


    Ken Himura
    Rednef2
    LeandroP

    Valeu galera...obrigado pelo feedback....ele vai ficar "vaidoso" quando ler!

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    makumbator

    Uma coisa interessante que o novo professor dele tá fazendo.......ele agora, além da partitura tradicional de batera, tá aprendendo a ler partitura de baixo.

    O professor alega que o pessoal em geral escreve muito mal prá bateria e de formas muito variadas, e que se ele ler partitura de baixo, quando ele encarar uma "roubada" (num studio, por exemplo) se ele ler partitura de contrabaixo ele escreve a de batera rapidinho, sai tocando e ainda tira uma onda.

    Não sei se ele esta totalmente certo, mas creio que prejuízos não trará.

    Você, baixista dos bons e letrado, o que acha disso?

    makumbator
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig

    Bem, leitura é leitura, e para ele será ótimo praticar, mesmo sendo de baixo ou qualquer outra coisa. Dependendo do estilo também pode ajudar a ele entender o que o baixo faz, e pensar no que construir na bateria.

    Ironicamente eu gosto de fazer o oposto, ler partes de bateria e percussão (inclusive tenho algum material do instrumento justamente para isso). Também para entender melhor o que a batera faz.

    O professor alega que o pessoal em geral escreve muito mal prá bateria e de formas muito variadas

    É, tem mesmo muito material porco para bateria, ou simplificações exageradas (que desconsideram variações interessantes de se ler e praticar). Mas tem material de primeira também.

    Deixo aqui duas sugestões de métodos que tenho e contam com os dois instrumentos no mesmo volume, e que podem ajudar seu filho nessa tarefa:


    1. O primeiro é dedicado a salsa e afins (muito, muito bom!):

    http://www.amazon.com/Funkifying-Clave-Afro-Cuban-Manhattan-Publicatio ns/dp/0769220207


    2. Esse é dedicado a ritmos brasileiros (também bem completo):

    http://freenote.com.br/produto.asp?shw_ukey=37748184123YTRLXRF

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13
    · votar


    makumbator

    Opa!!

    Obrigado pela atenção e pelas sugestões de métodos...vou dar uma olhada com carinho.

    Obrigado!

    rhoadsvsvai
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    nossa ,ele ta indo super bem , cada vez melhor , n entendo muito de bateria mas me parece q ele evoluiu pra caramba ja . parabéns!

    Alan_Domingues
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Pode não parecer (por eu ser rockeiro) mas adoro Lee Ritenour. Sou fã mesmo de carteirinha.

    E este tema ficou fenomenal.

    Deixa eu pegar um pano para limpar a papa do papai ai.

    kkkkkkk

    Cara, deve ser sensacional a sensação. Estou torcendo que o meu (com 4 anos) tenha interesse pela música (instrumento musical).

    makumbator
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Alan_Domingues
    Estou torcendo que o meu (com 4 anos) tenha interesse pela música (instrumento musical).

    Nessa idade já dá para começar a musicalização, que também é ótima para a socialização da criança com outras da mesma idade.

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/13
    · votar


    Alan_Domingues

    Pois é Alan...eu sentia mesmo que você quando meu garoto tinha a idade do seu, mas resolvi não incentivar (no sentido de coloca-lo à estudar).

    Eu só falava, ouvia musicas com ele, mostrava vídeos e etc, mas nunca falei para ele estudar um instrumento (ainda que tivesse vontade eu me contive).

    Um dia ele me pediu para ensinar guitarra para ele, dei duas aulas e percebi que não era a dele.... mas não falei nada. (Ele sempre curtiu bateria, teve aquelas bateria de brinquedo, desde os 4 anos de idade, sempre pedia uma no Natal).

    Aí ele falou meio envergonhado: Pai, acho que eu não quero tocar guitarra...eu queria mesmo era tocar bateria!

    Abri um sorriso (ele se espantou, pq achou que eu iria ficar decepcionado com ele) e disse: Agora sim moleque, esse é o seu instrumento....

    Procurei o melhor baterista da região onde moro e ele começou com aulas particulares... o resto, vocês já sabem...

    A sensação é muito boa, é gratificante! Mas, ele não fala em ser músico, diz que quer ter outra profissão.... eu deixo a cargo dele.

    De lixeiro a Diplomata ele seja o que quiser.......desde que seja feliz!

    mvrasseli
    Veterano
    # mar/13
    · votar


    Lelo Mig
    Sessão corujão no forum hehehe! Parabéns pelo guri.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Mais uma audição de meu garoto BATERISTA!