Estudos para piano primeiro ano

    Autor Mensagem
    OvelhoPianista
    Veterano
    # mai/12


    Boa noite!

    Vamos lá, eu estou no piano a um ano e encerrei os livros Mãozinhas no teclado - Mario Mascarenhas e Leila Fletcher vol.1 com chave de ouro, decor e saltiado, passados pela minha professora. Como sou uma pessoa de entusiasmo inesgotável e determinado ao extremo (3 hrs minimas. de estudos diários) tirei por conta própria Estudos Fáceis de velocidade Op.83 - Gurlitt, Primeira hora de estudo - Georges Bull (sem deslocação da mão em Dó, Ré e Sol) e Escola Preparatória de piano Op.101 de Ferdinand Beyer (ainda em estudo). Estou entrando no estudo das escalas agora.

    Pergunta:
    Quais outros livros e compositores posso buscar para continuar meus estudos?

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Amigo, eu tenho vários estudos legais para você no meu blog, escalas, improvisos, blues, hanon, czerny, e outras coisitas. Mais o mais importante claro é seguir o que sua professora está lhe passando. Estes estudos são um complemento, mas não substituem a linha que ela está seguindo ok:

    http://aprendatocarpiano.blogspot.com.br/

    E que inveja hein, 3 horas por dia é muito bão, eu tenho no máximo 1 horinha, rsrs mas o importante é a continuidade, parabéns e bons estudos.

    Tiago Correia
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    OvelhoPianista

    Puxa cara parabéns mesmo! Além de estudar com professor dá correria atrás de material extra.

    Para uma linha erudita segue o link do ISL

    Programação Para Piano Erudito

    São programações anuais com bibliografias para estudo técnico, de obras e repertório. Para piano popular tem uma programação bacana também se interessar. Ai você mesmo fuça lá.

    Artref
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Controle-se, meu amigo, pois pegar coisas por conta e com exagero de estudo (3 horas eu acho demais pra um iniciante) pode te trazer problemas técnicos e psicológicos.

    Faça o arrozinho com feijão no começo, e vá aumentando gradativamente. ;)

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Artref
    Me tira uma dúvida mestre, as vezes eu percebo que depois que eu faço um estudo no piano, no dia seguinte quando eu vou executar este mesmo estudo ele sai com mais facilidade, o que é normal claro, mas parece que não pelo tempo que eu me dediquei no dia anterior apenas. Mas por um amaduecimento daquele conhecimento no período em que eu não toquei.

    Isto procede mesmo, ou só é impressão? Existe este tempo de amadurecimento (neurológico no caso) quando se está longe do treino??

    Mr Madruga
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    J.Dionatan
    Achei bem interessante os vídeos de seu blog, poderia detalhar mais por escrito o vídeo do "10 maneiras de terminar uma música" e os 10 padrões para mão esquerda?

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Mr Madruga
    OK, vou trabalhar os textos !

    TG Aoshi
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    OvelhoPianista
    Pode tentar pegar algumas peças mais simples do "notebook for Anna Magdalena Bach" do J. S. Bach.
    Evite pegar estudos estritamente técnicos por conta própria.

    Artref
    problemas [...] psicológicos.

    ?

    (Não é implicância não, é só curiosidade mesmo)

    J.Dionatan
    Acontece sim. Dá uma lida aqui, ele tem algumas dicas e hipóteses no mínimo interessantes sobre o assunto.

    pianista1minuto
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    problemas [...] psicológicos.?

    Se vc estudar demais.. Fica maluco.

    Se vc trabalhar demais.. Fica gasto.

    Se vc se isolar demais.. Fica anti-social.

    Se vc tocar demais.. Fica com todos os sintomas ai de cima.

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Mr Madruga
    poderia detalhar mais por escrito o vídeo do "10 maneiras de terminar uma música"

    Amigão, eu fiz o que pediu, veja se ficou mais claro. Também transcrevi em partituras dois exemplos (os mais fáceis do vídeo).

    http://aprendatocarpiano.blogspot.com.br/2012/02/como-terminar-uma-mus ica-vejam-este.html

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    TG Aoshi
    Amigão, adorei o link. Já fiz uma tradução/adaptção para o meu blog!! Assunto merece um tópico a parte:

    http://aprendatocarpiano.blogspot.com.br/2012/05/ppi-post-practice-imp rovement.html

    TG Aoshi
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    J.Dionatan
    Dei uma lida, ficou bem legal o post

    heuehue! Mas eita, nem esperava por isso, valeu pelos agradecimentos!
    Fiquei até sem graça! ^^"

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    TG Aoshi
    Você mereceu, rsrs, e já consegui com ajuda de um amigo que mora nos estates uma tradução para o PPI. Ficou como "Desenvolvimento Pós Prática". Estou pensando até em criar um tópico só para discutirmos isto. Aqui neste esse assunto está deslocado né.

    Mr Madruga
    Veterano
    # mai/12 · Editado por: Mr Madruga
    · votar


    J.Dionatan
    Valeu, deu pra dar uma explanada, mas infelizmente não dá pra saber tudo que ele tocou logo de cara.
    Tem um lá que é o clássico I, IV, IVm6, I

    Aqui vai outro vídeo de finalizações:
    http://www.youtube.com/watch?v=j-22zopPOX4

    OvelhoPianista
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Artref

    Quando eu postei estava na beira do desespero mesmo...como se eu tivesse que sentar lá no baquinho e sair tocando Chopin...rs Depois graças as sessões de terapia cheguei a conclusão: Pq estou me cobrando tanto? Calma! Dei uma bela aliviada, mas continuo estudando sabe, sem aquela preocupação na cabeça de 'perfeição', acabo ficando sentado três horas tocando por gostar.

    O que devo fazer agora? Vc me implantou a dúvida. Paro e sigo só o que ela esta me passando mesmo ou posso continuar com os estudos que comecei?

    Artref
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    J.Dionatan, não é só impressão, também sinto isso, e alguns colegas já relataram o mesmo. Pelo que pesquisei, quando dormimos é que de fato fixamos o conhecimento. O mesmo é dito da memória muscular (usada por nós pra tocar ou por atletas, enfim) e também outros fatores secundários do estudo. O sono é muito importante para o progresso, assim como o descanso. Tem mais coisas que pesquisei sobre isso, algumas inclusive vão até para o campo da psicologia (subconsciente) e até para a parte da Fé, rs.

    TG Aoshi, eu acho esse tempo demais pra um iniciante. Porque geralmente quem começa "com tudo" assim acaba desanimando logo; o corpo não está preparado pra essa rotina e acaba se estressando, mesmo quando o cara não percebe. Aí o sujeito desanima, estressa o corpo, diminui o ritmo e fica triste por não conseguir mais as 3 horas, fica chateado e etc, aí pode até parar de tocar, se acha um incompetente, etc (rs). Ou então começa a se cobrar a fazer as 3 horas e tudo isso é melhor evitar. Bom mesmo é ir aumentando gradativamente, ir acostumando com a rotina e encaixando aquilo de vez na vida, enfim.

    Acho que não consegui explicar direito, mas é mais ou menos isso e o que o
    pianista1minuto falou.

    Sem falar que um estudo mal feito pode podar o desenvolvimento do próprio aluno, o que gera nele uma baixa auto-estima e falta de confiança no seu próprio talento.

    Ou vai ver eu tô viajando demais, hahaha.

    Artref
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    OvelhoPianista, peça pra ela te orientar, tenho certeza de que ela fará com prazer. Diga que quer tentar outras coisas, sei lá, é tudo questão de conversar. Fala com ela e depois posta aí o resultado, kkk

    OvelhoPianista
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Artref
    Já havia conversado sabe, ela mesmo ficou chocada deu estar estudando por fora...pq ela disse q hj é raro o aprendiz q se interessa e busca por fora, procura aperfeiçoar c os estudos técnicos. De fora ela não fez nenhuma restrição, só pediu pra agora eu focar bem no estudo das escalas. O conservatório onde estudo tem muitos alunos, direi que de 10 apenas 8 se dedicam ao que fazem, estudam em casa e eu tô no meio desses 2. Meu problema agora é o 4º e o 5º dedo, sabe, busco exercícios p destravá-los.

    fernandodi
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Ovelho, eu sei que o primeiro exercicio de hanon treina isso... o unico que eu fiz, na verdade faço. mas da uma olhada, tem no blog do J.Dionatan

    Artref
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    só pediu pra agora eu focar bem no estudo das escalas.

    Poxa, agora sim eu fiquei preocupado...rs. Focar em escala? Cara, no máximo faça isso todo dia antes de estudar, no máximo uns 10 ou 15 minutos...e depois manda ver nas músicas mesmo.

    OvelhoPianista
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    Artref

    A sim, eu faço assim, alongamento muscular e articular nos 15 min iniciais, depois sigo com escala, Bull de técnica, Gurlitt e Hanon com 1 hr de estudos...Depois toco as que já vi e as que estou treinando...Czerny vol.1, Burgmüller e 25 pequenos estudos tb! Não saio disso por enquanto.
    Muito obrigado!

    J.Dionatan
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    OvelhoPianista
    Escala é um estudo a mais, não pode ser o único como o Artref bem citou. Coloque escalas 10 min no teu cardápio de estudos e boa.
    E já que citou Czerny, acho que não precisa se preocupar com os dedos 4 e 5 não. Eles vão se acostumar com os exercícios e responder a altura com o tempo. Estou achando você ansioso demais, e isto não é necessário não amigão. Lembre-se que estudo de piano é para a vida toda, então vai sem pressa que cada dia estará melhor que o anterior.

    Valeu pelo comentário sobre a questão da melhora durante os intervalos. Isto veio confirmar o que eu escrevi no meu blog (link nos posts acima), traduzindo de um texto que o TG Aoshi recomendou. Assunto interessantíssimo.

    macaco veio
    Veterano
    # mai/12
    · votar


    para os bons samaritanos:
    http://musicasaude.blogspot.com/p/partituras.html
    tem um livrinho tecnico da Edna Mae, bem legal. (tem outras coisa tambem mas não contem pra ninguem).

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Estudos para piano primeiro ano