Dúvida Modos Gregos !

Autor Mensagem
Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04


É o seguinte, vou pegar uma progressão simples:

G - Am7 - D7

Para G posso usar = G Jônio (G A B C D E F# )
Para Am7 posso usar = A Dório (A B C D E F# G)
Para D7 posso usar = G Jônio (D E F# G A B C)

É isso ??????

hugoms
Veterano
# jun/04
· votar


kra nao sei se vc percebeu mas essas 3 escalas ae sao ekivalentes...
essa progressao sugere G Jônio

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Se você observar melhor, o D7 não é Jônio, é Mixolídio.

Mas está certo o seu raciocínio. É por aí mesmo.

hugoms

Só Jônio? Não é por aí.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Eu quis dizer isso (errei):
Para G posso usar = G Jônio (G A B C D E F# )
Para Am7 posso usar = A Dório (A B C D E F# G)
Para D7 posso usar = D Mixolídio (D E F# G A B C)

A questão é que é tudo a mesma escala !!! Por isso que eu não saquei !!!

Tipo eu tô ligado que em G o acorde é I,3,5 na escala JONIO
tô ligado que em A o acorde é I,3,5 na escala DORIO
tô ligado que em D o acorde é I,3,5 na escala MIXOL.

Por que eu não entendo, achei q os modos fossem mais complexos.
Se for só assim é fácil ... Dá pra montar os campos harmonicos mas achei q é uma viajem, ou eu que estou viajando !!!

Obrigado pelas dicas ...

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Meu raciocínio é parecido com o hugoms , daria pra usar tudo Jônio em G, claro que em D7 iria usar: (D, F#, A) e suas tensões, tipo (E, B).

Estou confuso agora !

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Olha oq eu achava dos MODOS GREGOS:

Que na Progressão G-Am-D7 daria pra usar (por exemplo):
G JONIO pra dar tal idéia (tipo melodia alegre)
G DORIO pra dar uma intenção triste (tipo melodia triste)
C Mixolidio pra dar outro efeito ...

Sei q os exemplos são errados mas era o que eu achava ...

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Esta é uma famosa progressão do tipo II, V, I

Especialistas no assunto dizem que se você improvisa sobre II, V, I, você improvisa qualquer outra coisa. Tomara que eles estejam certos.

Por que II, V, I ???

Por que gira em torno de G, que é o Iº, o Am7 (IIº) e o D7 ().

Você pode misturar também os modos e ver no que é que dá.

Ou seja:

Pro Am7 você pode usar:

Am -> Dórico (este é do tom de Sol mesmo)
Am -> Eólio (este pertence ao tom de Dó)
Am -> Frígio (este pertence ao tom de Fá)


Pro D você pode usar:

D -> Mixolídio (este é do tom de Sol mesmo)
D -> Lídio (este pertence ao tom de Lá)
D -> Jonio (este nem precisa dizer o tom)


Pro G você pode usar:

G -> Jônio (este é do tom de Sol mesmo)
G -> Mixolídio (este é do tom de Dó)
G -> Lídio (este é do tom de Ré)


Substituindo os graus você pode ter uma outra abertura melódica, com notas que poderiam soar meio out-side. Mas nestes casos é bom tomar cuidado com as notas de resolução.

Experimente, e não fique só no Jônio!

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Você tá pegando o jeito da coisa.

Mesmo sendo a mesma escala, o comportamento de cada uma das escalas nos seus respectivos acordes é que caracterizam. Se você analisar um modo dórico por exemplo, verá que ele não passa de uma escala menor com sexta maior. Ôpa, mas nos acordes menores as sextas são menores!!! Então é isso que vai caracterizar o modo. É isso que vai fazer com que o seu Am7 tenha um sabor dórico.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Valeu cara ... ajudou muuuuuuito ... sô teu fã !!!!

Cara ... tomara q estejam certos pois II V e I é barbadíssima, o foda é tétrades tipo A6 E13 Dm7M, essas viajes ... sei fazer tmb montando devagar conforme axo q fica legal !!!

G Jônio = G A B C D E F#
G Mixolidio = G A B C D E F
G Lidio = G A B C# D E F#

Correto ???

Beto Guedes
Veterano
# jun/04
· votar


leiam a minha explicacao sobre modos gregos e treinem se desejam um dia almejar a chegar no meu nivel.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Na realidade então tipo em G:

G --- uso Jonio pra ter carater G maior
Am7 - uso Dorio (porque seria "a escala de Am7")
D7 -- uso Mixolidio (porque seria "a escala do D7")

Pois é nessas escalas que se formam esses acordes no campo H de G !!!

Mais ou menos por aí ???

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Perfeitamente.

Desencana com estas outras tensões por enquanto. Se quiser, dê uma olhada no "Glossário de Acordes" e vai saber quando pode entras estas outras tensões e quais acordes possuem estas tensões.

Só um exemplo, se você tem um acorde A6, então este pode ser Jônio ou Lídio. Se o acorde for A(13), então este acorde é de função dominante (Vº grau), logo, mixolídio.

Dê uma olhada no glossário e veja as tensões que pode adicionar diretamente ou ocasionalmente pra cada acorde. Isso enriquece a harmonia e desenvolve melhor o senso de improvisação.

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Beto Guedes... o pai da escala de semitons inteiros... isso mudou a minha vida!

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Sempre compus usando p/ G-Am-D7:

"SOL MAIOR" ... variando entre 7m e 7M, usando sombras como tu falou (leandro) ... arpegios nos acordes ... duetos en terças e sextas, explorando as 7as ... por aí ... mas axei q os GREGOS eram complicados e iriam me ajudar a compor e improvisar em acordes dissonantes !!!

hugoms
Veterano
# jun/04
· votar


bom, vcs estao considerando os acores separadamente...
na minha opiniao, a progressao como um todo sugere G jonio...
no caso, o D mixolidio e o A dorico seriam equivalentes ao G jonio...
logico, alem das pentas e arpejos.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


A6, então este pode ser Jônio ou Lídio. Se o acorde for A(13), então este acorde é de função dominante (Vº grau), logo, mixolídio.

Mas tanto o A6 como o A(13) pra mim eram mesma coisa (A6, A com F#)

Qual a diferença ???

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


hugoms

Eu tmb pensava assim, e tô querendo "atualizar meus conceitos".
Eu (grosseiramente) usaria G JONIO em tudo, mais alguns arpegios, etc ...
Mas eu quero variar, dar outras INTENÇÕES, outras Harmonias !!

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

... mas axei q os GREGOS eram complicados e iriam me ajudar a compor e improvisar em acordes dissonantes !!!

Mas ajuda mesmo. Os modos gregos revelam quais tensões cada acorde pode ter. Então dá pra pensar melhor quais notas você pode adicionar ao acorde ou simplesmente usar como resolução em um solo.

Se você tivesse seguindo o Campo Harmônico de G, e fosse observar o IVº grau, no caso o acorde C, você notaria que o C não tem quarta justa, e sim uma quarta aumentada. A quarta justa de Dó é a nota F, e no C.H. de Sol usa-se o F#, certo?! É essa diferença que caracteriza o modo lídio.

Só um exemplo, em que o compositor usou um:

Em9 - modo eólio
C9(#4) - modo lídio
B7 - modo mixolídio alterado (B, C, D#, E, F#, G, A)

Repare que peguei emprestado o B7 do campo harmônico de Mi menor harmônico
.

e----- Em9 ----- C9(#4) ----- -B7 ------- Em ----------
B--------------------3------------0--------------------
G-------0----------0---0--------2---2-----0------------
D-----4---4------4-------4----1-------1---2------------
A---2-------2--3------------2-------------2------------
E-0---------------------------------------0------------


Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


LeandroPanucci


Cara ... tomara q estejam certos pois II V e I é barbadíssima, o foda é tétrades tipo A6 E13 Dm7M, essas viajes ... sei fazer tmb montando devagar conforme axo q fica legal !!!

G Jônio = G A B C D E F#
G Mixolidio = G A B C D E F
G Lidio = G A B C# D E F#

Correto ???


RECEBEU O SOM DO DOMINGUINHOS ???

LeandroPanucci

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Mas tanto o A6 como o A(13) pra mim eram mesma coisa (A6, A com F#)

Qual a diferença ???


Veja no tópico "Glossário de Acordes - Um tópico de Esclarecimento" que explica direito quando é um e quando é outro.

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Está certo sim (você perguntou 2 vezes he he he)

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

Recebi sim. Obrigado!!! É um belo som, muito criativo o Dominguinhos.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


é IRON +/-

LeandroPanucci

Se você tivesse seguindo o Campo Harmônico de G, e fosse observar o IVº grau, no caso o acorde C, você notaria que o C não tem quarta justa, e sim uma quarta aumentada. A quarta justa de Dó é a nota F, e no C.H. de Sol usa-se o F#, certo?! É essa diferença que caracteriza o modo lídio.

Mas o C LIDIO não deixa de estar dentro da escala do G JONIO.
Seu raciocinio é correto, do ponto de vista em que estamos em G e poderíamos usar para C (ou C7M como no CH): C lidio em vez de C jonio (C MAIOR "normal").

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Mas o Som não é dele ... he he !!! Ele regravou !!!

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


Mas o Som não é dele ... he he !!! Ele regravou !!!

Tu tem ICQ ou MSN !!!

Tô compondo no FRUITY LOOPS a batera e baixo, o resto eu gravo em REALTIME ... mixo no NTRACK ... valeu pelas dicas semana passada, qdo tiver pronto te mando !!!

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


você perguntou 2 vezes

é pra ficar bem explícito pra mim !!! HE HE

Um tópico de Esclarecimento" que explica direito quando é um e quando é outro

VALEU ...

EU ENTENDIA ISSO:

 

e------0----------------------------------2------------
B------2----------------------------------2------------
G------2----------------------------------2-----------
D------4----------------------------------2-----------
A------0--A6------------------------------0---A(13)---
E------------------------------------------------------


bocao
Veterano
# jun/04
· votar


Como diria o sábio Beto Guedes, Modos Gregos são um tanto complicados pra mentes acéfalas como o minha.

Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


LeandroPanucci

É que pra mim tem o seguinte detalhe:
As vezes eu tirava um som em G (por exemplo: G Am D7 pra usar o mesmo exemplo), mas percebia q o autor não usava escala G JONIO ou DERIVADAS, usava algo legal mas "fora do comum" por exemplo (exemplo idiota só pra exemplo mesmo):


e----SOL-------------LAm------------------------------
B-----|---------------|-------------------------------
G-----|--2-4-6-4------5-------------------------------
D-----5---------7-5-7---------------------------------
A------------------------------------------------------
E------------------------------------------------------


Giovani Dal Mas
Veterano
# jun/04
· votar


O "G DORIO" na realidade é o "Gm7" pertencente ao CH de "F" ???

LeandroP
Moderador
# jun/04
· votar


Giovani Dal Mas

O "G DORIO" na realidade é o "Gm7" pertencente ao CH de "F" ???

Exatamente! Até aí ficou claro.

O que eu quero dizer é que mesmo sendo todos os modos uma mesma escala, com as mesmas notas, é importante você pensar em cada modo de maneira isolada. Porque quando você está numa tonalidade fixa, sem acordes de outros tons, tudo bem. Agora quando entra acordes na sua progressão que exercem uma função além dos acordes do campo harmônico, você terá que tratá-lo de um modo diferente, e até aí o seu senso modal já vai estar mais aflorado.

Eu entendo as suas angústias em relação a esta questão, também levei um certo tempo pra entender.

Quando eu falo que o segredo está nos acordes e não nas escalas é por esta razão. Pense, usando a sua progressão, Lá Dórico e as outras notas como tensão. Compare estas tensões com um Lá no tom de Dó, um Lá no tom de Fá, no tom de Ré, e veja que cada um tem a sua peculiaridade.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Dúvida Modos Gregos !