Tópico para quem sabe que as trompas humilham as guitarras distorcidas em matéria de peso.

    Autor Mensagem
    Die Kunst der Fuge
    Veterano
    # mar/14 · Editado por: Die Kunst der Fuge


    Pois é, quem já ouviu um número considerável de composições orquestrais, e principalmente se já ouviu ao vivo, também já deve ter percebido a superioridade das trompas e outros metais neste quesito.

    Intro da Sinfonia 4 do Tchaikovsky



    Power chords? Pff, as quintas de trompa estão aí há séculos...

    E mais, podem fazer quaisquer intervalos sem embolar, o que não é verdade para a guitarra distorcida:

    Intro do segundo movimento do Concerto para piano No.3 do Hummel



    E fora as pauladas, também são ótimas pra solar com feeling, dinâmica e expressividade:

    Solo do segundo movimento da Sinfonia 5 do Tchaikovsky



    E como é um instrumento em que é naturalmente impossível "fritar", não corre o risco das peças virtuosísticas serem cheias de blublublu sem sentido:

    Peça de concerto para 4 trompas e orquestra do Schumann



    E isso porque nem cheguei a falar em trilhas sonoras, porque senão a surra fica ainda mais feia.

    Pois é, quem aí curte as trompas? Quais são os momentos mais memoráveis para este instrumento na sua opinião, seja em momentos solo ou apenas contribuindo para o som geral da orquestra?

    E aí, cadê seu valvulado agora?

    Hehehehe

    makumbator
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Die Kunst der Fuge

    Ah, isso é um fato! Um naipe de trompas é algo extremamente poderoso. O legal do instrumento é que ele pode ter várias "caras". Pode soar lamentoso, misterioso, ou grandioso, brilhante, e também pode soar pesado e malvado! Hashash!

    É um instrumento bem difícil de ser tocado, em que a afinação é controlada não só na embocadura, mas também pelo punho no pavilhão. O ataque no instrumento também é difícil de se controlar, principalmente no piano.

    Trompistas são reconhecidamente músicos especializados em transpor a primeira vista, pois é comum que eles recebam uma parte feita para uma trompa de afinação diferente das modernas (principalmente música do período barroco e clássico). Espera-se que eles transponham qualquer coisa de prima.

    De cabeça eu curto os concertos de trompa do Mozart (já toquei acompanhando um solista), é bem legal.

    De peças mais pesadas sempre me lembro de músicas de Wagner, em que elas são bastante exploradas.

    Lelo Mig
    Membro
    # mar/14
    · votar


    Die Kunst der Fuge
    makumbator

    Wagner era metal!!

    Covardia camaradas...se "esticar" uma trompa, dá quase 4 mts (3,7 mt, pros pentelhos que exigem precisão) de "tubo sônico".

    Sou guitarrista, mas sejamos honestos......a guitarra não passa de um pedaço de pau com meia dúzia de arames esticados. Agora, apreciem uma trompa! Sua complexidade construtiva, as curvas precisas, as medidas exatas, o chaveamento impecável........as válvulas de desvios...... A porra é quase um projeto da NASA feito no século XIX.

    Apesar do papo "não existe instrumento mais fácil ou mais difícil", a trompa é unanimidade, em qualquer roda de músicos, quanto a dificuldade em tocar.

    makumbator
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Lelo Mig
    a trompa é unanimidade, em qualquer roda de músicos, quanto a dificuldade em tocar.


    E ainda tem aquela piadinha sobre a habilidade maior dos trompistas perto de outros músicos em agradar às mulheres (pois além do uso da língua lá em cima, ainda socam e movimentam a mão lá embaixo...hsahsahsa!)

    Die Kunst der Fuge
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Além do Wagner, outro compositor que fazia muito uso das trompas era o Bruckner.

    As trompas eram instrumentos importantíssimos nos Finales de suas sinfonias de 2 horas para acordar os ouvintes que não tinham indo embora e ainda por cima tentar descolar alguns aplausos no susto.

    makumbator
    O legal do instrumento é que ele pode ter várias "caras". Pode soar lamentoso, misterioso, ou grandioso, brilhante, e também pode soar pesado e malvado! Hashash!


    E tudo com excelência!

    Lelo Mig
    Wagner era metal!!

    Isso é ofensa =/

    makumbator
    E ainda tem aquela piadinha sobre a habilidade maior dos trompistas perto de outros músicos em agradar às mulheres (pois além do uso da língua lá em cima, ainda socam e movimentam a mão lá embaixo...hsahsahsa!)

    auhasuhasuuash Não conhecia =/

    fernando tecladista
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    É um instrumento bem difícil de ser tocado, em que a afinação é controlada não só na embocadura, mas também pelo punho no pavilhão

    também já ouvi falar que o trompista tem que tocar um pouco a frente dos outros pra não dar "latencia" devido o instrumento ser virado para tras

    Del-Rei
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Assunto interessante!!!
    Marcando para ver depois!!

    Um aceno de longe!!!

    Jabijirous
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    E ainda tem aquela piadinha sobre a habilidade maior dos trompistas perto de outros músicos em agradar às mulheres (pois além do uso da língua lá em cima, ainda socam e movimentam a mão lá embaixo...hsahsahsa!)

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Essa é nova, nunca ouvi. KKKK

    Wagner fazendo seu cânone com 8 trompas





    Lelo Mig
    Membro
    # mar/14
    · votar


    fernando tecladista

    "tem que tocar um pouco a frente dos outros pra não dar "latencia""

    Karaca!! É sério isso!

    Dessa não sabia........se for fato, haja destreza, porque cada ambiente irá ter uma latência diferente, e para corrigir isso, mesmo que milisegundos, o cara têm que ter uma percepção e precisão absurdas.

    Eu erro entrada em hard rock, fuleiro, 4 x 4, com batera dando tempo nas baquetas/bumbo..........imagina eu entrando "de trompa", num movimento de Wagner....kkkk O maestro me dava um tiro de escopeta no peito!!!!!

    Nefelibata
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Die Kunst der Fuge

    Eu concordo cara! Não tem nada mais arrepiante que esses concertos em que os metais atacam no começo dos movimentos.

    Marcando pra ver mais tarde.

    Fernando de almeida
    Veterano
    # mar/14 · Editado por: Fernando de almeida
    · votar


    Die Kunst der Fuge
    Pois é, quem já ouviu um número considerável de composições orquestrais, e principalmente se já ouviu ao vivo, também já deve ter percebido a superioridade das trompas e outros metais neste quesito.


    minha primeira formação é erudita (depois fui pro rock) ... trompas quando estouravam era muito loko ... eu estava do lado ...


    Os "músicos" que criticam a fritação do rock, provavelmente nunca prestaram atenção em vários gênios eruditos e como suas composições são extremamente fritadoras ...

    Embora eu descorde do seu "horror" às guitarras (heheheheh - tô zuando), concordo que os embolamentos sonoros e outras coisas sem sentido ocorrem quando alguns guitarristas tocam ... Mas preste atenção que não são todos - alguns têm ótimos timbres e feeling na guitarra.

    Adler3x3
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Eu adoro o som das Trompas.

    O Grieg tem muitas peças em que as trompas se destacam.
    Tem uma fúnebre que é muito impactante.
    A trompas se saem muito bem até no solo.
    Já como sustentação são insuperáveis.
    Escutar ao vivo então traz uma sensação inigualável, difícil descrever a emoção.
    Estou compondo uma música que vai trompas, quem sabe num futuro consigo terminar. (virtual)
    Mas ainda estou estudando o instrumento.
    E o melhor caminho é escutar e observar partituras.

    Parabéns pelo tópico.

    Die Kunst der Fuge
    Veterano
    # mar/14 · Editado por: Die Kunst der Fuge
    · votar


    também já ouvi falar que o trompista tem que tocar um pouco a frente dos outros pra não dar "latencia" devido o instrumento ser virado para tras

    Sério isso? Não entendo muita coisa de acústica, mas isso não me parece fazer o mínimo sentido. Nem nunca li nada sobre isso. Alguém aí pode confirmar?

    Adler3x3

    Qual é a música do Grieg que você se refere?

    Escutar ao vivo então traz uma sensação inigualável, difícil descrever a emoção.

    Sim, pois além do som você ainda sente tremer, o que é muito legal auhauhau
    Eu tive o privilégio de assistir ao vivo aquela baita composição do Schumann para 4 trompas, muito bom sentir o som na cara.

    Parabéns pelo tópico.

    Ahaha valeu. Eu tentei polemizar pra ver se dava uma movimentada aqui neste fórum de música erudita, mas parece que não fisgou muito não =/

    makumbator
    Veterano
    # mar/14 · Editado por: makumbator
    · votar


    Die Kunst der Fuge
    Sério isso? Não entendo muita coisa de acústica, mas isso não me parece fazer o mínimo sentido. Nem nunca li nada sobre isso. Alguém aí pode confirmar?

    O que eu sei é que alguns costumam atacar a nota milessegundos antes no piano e pianíssimo, para o som sair a tempo (pois dependendo do instrumento, músico e região da nota há uma atraso microscópico entre o ataque e o som pleno).

    Adler3x3
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    Die Kunst der Fuge

    Esta música tem uma sensibilidade incrível, puro metal, vai do pianíssimo ao fortíssimo.
    Uma aula de dinâmica.

    Marcha Funeral:



    Escute também outras versões.

    Eu tentei polemizar pra ver se dava uma movimentada aqui neste fórum de música erudita, mas parece que não fisgou muito não =/

    É assim mesmo. Para termos mais ouvintes tem que divulgar.
    Assim como a pessoa aprende a tomar vinho bom, no início bebe vinho doce.
    Depois aprende que o seco que é bom.
    Assim é na música clássica.
    Quanto mais divulgação mais ouvintes, esta é a única forma de aculturar o nosso povo.

    Die Kunst der Fuge
    Veterano
    # mar/14
    · votar


    makumbator

    Isso aí já faz sentido.

    Adler3x3
    Marcha Funeral

    Baita música! Excelente ilustração para o tópico.

    sallqantay
    Veterano
    # abr/14
    · votar


    Tem distorção e delay. Da hora

    Tmusic
    Veterano
    # mai/14
    · votar


    Não só as trompas, até os trombones simples de vara, em conjunto, superam o peso da guitarra distorcida.

      Você não pode enviar mensagens, pois este tópico está fechado.
       

      Tópicos relacionados a Tópico para quem sabe que as trompas humilham as guitarras distorcidas em matéria de peso.