Mortes "colaterais" - Imagens vazadas do Iraque

Autor Mensagem
Kensei
Veterano
# abr/10 · Editado por: Kensei
· votar


Stargazer
E nenhum dos caras armados tinha um postura agressiva.


Eu simplesmente nao consegui ver no video o que o cara do apache declara ter visto, 6 caras com AK 47, tampouco os RPG´s, que na verdade era a camera do cinegrafista.

Edit: agora consegui ver os AK47

LeondelFefon
Um apache praticando um de-humanizer. O piloto pede autorização pra abater uns caras, alegando que estavam armados, dentre os caras, um cinegrafista da reuters. Vários são mortos, os soldados do apache fazem comentários ridiculos, como se tivessem abatendo vespas.

O cinegrafista, agonizando, começa a rastejar, chega uma VAN pra ajudar, com crianças dentro. O apache pede pra solicitação pra atirar, é concedida. Só da pra ver a poeira subindo.

Depois os jipes chegam, passam em cima dos corpos, os caras do apache dão risadas. Chegam na van e constatam que tinham duas crianças lá dentro. Com vida ainda. Ficam em duvida sobre onde levá-las, ao hospital militar estadunidense, ou hospital iraquiano, a ordem é pra que levem elas pra o iraquiano.

Um cara do apache comenta "a culpa não é nossa se eles levam crianças pra batalha"

O foda é que a batalha ocorre no Iraque inteiro né...

r2s2
Veterano
# abr/10
· votar


Isso é uma vergonha!

Claro, na hora, tudo é difícil de analisar, a guerra é cheia de erros, não dá para condenar só por isso.

Agora, o desrespeito nos comentários e a leviandade dos caras é de enojar.

Jani Kristian Liimatainen
Veterano
# abr/10
· votar


Que massa meu, nunca tinha visto um vídeo desse estilo assim...
Os caras são doentes!

Ian Anderson
Veterano
# abr/10 · Editado por: Ian Anderson
· votar


Fotos feitas no Iraque
http://www.cogumelolouco.com/7-anos-de-guerra-no-iraque-70-fotos/#more -11119



carregando o video. . .
[I don't need your civil war...]

toty
Veterano
# abr/10
· votar


Triste...lamentavel, confesso que chorei vendo os FDPs carregando as duas crianças...enfim não sei mais o que dizer :((

Ian Anderson
Veterano
# abr/10
· votar


Isso demonstra um pouco o acabei de ver
http://letras.mus.br/metallica/25924/traducao.html
http://letras.mus.br/metallica/1644778/traducao.html

Kensei
Veterano
# abr/10 · Editado por: Kensei
· votar


07/04/2010 - 18h46
Após vídeo, militares podem reabrir investigação no Iraque

Por Adam Entous

WASHINGTON (Reuters) - Os militares dos EUA estão analisando um vídeo, divulgado nesta semana na Internet, que mostra um ataque de helicópteros Apache que deixou 12 mortos em 2007 em Bagdá, entre eles dois funcionários da Reuters, e podem reabrir uma investigação sobre o incidente, disse uma fonte militar sob anonimato na quarta-feira.

A análise preliminar do vídeo secreto está sendo feita por advogados do Comando Central dos EUA, responsável pela guerra do Iraque, segundo essa fonte, acrescentando que há suspeitas de violação às regras de envolvimento em combate.

"Estamos tentando descobrir se (uma nova investigação) se justifica", disse essa fonte, segundo a qual o resultado da análise será passado a comandantes militares. A nova investigação poderia ficar a cargo do Comando Central ou do próprio Exército.

O vídeo, reproduzindo a mira da metralhadora de um helicóptero em ação no dia 12 de julho de 2007, foi amplamente visto no mundo todo desde que foi colocado na Internet, na segunda-feira, pelo grupo WikiLeaks, especializado em divulgar casos de corrupção governamental e empresarial.

O áudio que acompanha o vídeo reproduz a conversa entre os tripulantes do helicóptero. Julian Assange, porta-voz do WikiLeaks, disse que os militares falavam "como se estivessem jogando um jogo de computador e seu desejo fosse obter placares altos" com a morte de oponentes.

A gravação mostra uma vista aérea de um grupo de homens andando em uma praça de Bagdá. Os tripulantes comentam que alguns deles estão armados.

De acordo com o WikiLeaks, esses "homens armados" na verdade eram o fotógrafo da Reuters Namir Noor-Eldeen, de 22 anos, e seu assistente e motorista, Saeed Chmagh, de 40. As armas na realidade eram câmeras. Os dois morreram.

David Schlesinger, editor-chefe da Reuters, defendeu na quarta-feira que a investigação seja reaberta. "A Reuters desde o começo pediu transparência e um inquérito objetivo para que todos possam aprender lições com esta tragédia", afirmou.

De acordo com os militares, a investigação feita logo após o incidente mostrou que as forças dos EUA não estavam cientes da presença dos funcionários da agência de notícias. Achavam estar atacando insurgentes, e confundiram uma câmera com um lançador de granadas.

O WikiLeaks disse que obteve o vídeo criptografado de um delator militar, e então conseguiu violar a codificação e investigar o caso. O vídeo foi divulgado no site http://www.collateralmurder.com.

O major John Redfield, porta-voz do Comando Central, disse na quarta-feira que nem o Comando Central, com sede na Flórida, nem as forças dos EUA no Iraque "têm uma cópia desse vídeo". Mas acrescentou: "Não estamos contestando sua autenticidade."

A Anistia Internacional defendeu na quarta-feira uma investigação independente, profunda e imparcial do caso.

"Este vídeo altamente perturbador parece mostrar que após o ataque inicial as tropas dos EUA abriram fogo contra pessoas que buscavam assistir um ferido, machucando duas crianças e matando várias outras pessoas", afirmou em nota Malcolm Smart, diretor do programa de Oriente Médio e Norte da África da entidade.

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/reuters/2010/04/07/apos-vi deo-militares-podem-reabrir-investigacao-no-iraque.jhtm

Konrad
Veterano
# abr/10
· votar


Esse vídeo mostra bem a atitude corriqueira do americano médio com quem não é branco (saxão) e cristão.

GProtti
Veterano
# abr/10
· votar


Muito bom o vídeo. Obrigado por indicar!

Guguminator
Veterano
# abr/10
· votar


Meio difícil julgar uma guerra por conta de um vídeo de 17 minutos.

Simonetti
Veterano
# abr/10
· votar


Kensei
Eu simplesmente nao consegui ver no video o que o cara do apache declara ter visto, 6 caras com AK 47, tampouco os RPG´s, que na verdade era a camera do cinegrafista.

Edit: agora consegui ver os AK47


Assistindo o vídeo em 480p, tela cheia, em vi claramente o que era uma câmera fotográfica.

Ou outro objeto longo que poderia até ser conundido com um fuzil, me parecia mais um tripe pras câmeras do que um fuzil.

De qqr forma, eu fiquei indignado com o vídeo, com a forma como os pilotos se divertem ao executar o pessoal.

Quem se tornou o terrorista agora?

Kensei
Veterano
# abr/10
· votar


Simonetti
Pois é, na terceira vez que vi o vídeo, de um lado de um amigo aqui, pensamos ter visto os fuzis, mas não, hoje já mudei de idéia novamente, se for fuzil mesmo, eles carregam como se fosse metade de um cabo de vassoura....


De qqr forma, eu fiquei indignado com o vídeo, com a forma como os pilotos se divertem ao executar o pessoal.

Quem se tornou o terrorista agora?


Sabe o que me lembrou, aquela cena do filme Rambo 3, em que um helicóptero soviético extermina um campo no afeganistão...

james_the_bronson
Veterano
# abr/10
· votar


Ian Anderson
http://letras.mus.br/metallica/1644778/traducao.html

Eita, qual versão é essa???

Landmine Minas Terrestres
Has taken my sight Tomou a minha visão
Taken my speech Foto meu discurso
Taken my hearing Foto minha audição
Taken my arms Foto meus braços
Taken my legs Foto minhas pernas
Taken my soul Foto minha alma
Left me with life in Hell Me deixou com vida no inferno


huahsuahsUHSAuhasuhaushauHSUhsuhuhsahuh

makumbator
Veterano
# abr/10
· votar


james_the_bronson

Hhashas! São muitos flashs das fotos! Hashsha!

Kaíque
Veterano
# abr/10
· votar


è foda.

Enviar sua resposta para este assunto
        Tablatura   
Responder tópico na versão original
 

Tópicos relacionados a Mortes "colaterais" - Imagens vazadas do Iraque