Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Venho compartilhar minha felicidade (muito) nerd convosco

      Autor Mensagem
      Bog
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Luis Guitar

      Heheh, só cuidado para não confundir o Japão de verdade com a imagem que muita gente tem do Japão. É bem comum animemaníacos chegarem aqui e se decepcionarem, porque o país não é aquele que eles imaginam.

      Se você se tornar um bom músico, talvez não consiga se mudar para cá, mas pode vir fazer shows aqui. MPB e Bossa Nova volta são requisitados, e o Angra deve ser mais conhecido aqui do que no Brasil.

      Bom, chega, 4h tenho que dormir para trabalhar amanhã. É, vou trabalhar no FDS. Nem tudo é lindo e maravilhoso, hahaha.

      Luis Guitar
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Bog
      Vlw mesmo cara!!
      Quando der a gente conversa mais!!
      E eu não sou um animemaníaco!! ahahahah!!
      Vamos ver né, infelizmente ninguem sabe o dia de amanhã!! Infelizmento, ou felizmente!! =D

      Bom fim de semana de trabalho cara!!

      Abraçoss

      Zuzza
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Bog
      Acho que vir para estudar é até mais fácil do que virar dekasegi para quem não é descendente. Existem várias bolsas que aceitam estrangeiros. Eu vim como bolsista também.

      Fazer graduação NÃO VALE A PENA, por várias razões. Mas mestrado ou doutorado é uma boa, e muita gente consegue dar uma esticadinha trabalhando por aqui, como eu estou para fazer. Mas aí você precisa ter sido boa aluna na faculdade, mostrar que gosta de estudar e tal.

      Entendi. É que eu tinha um convite pra ficar no Japão, pela universidade, durante 1 mês.. E não consegui justamente pelo maldito consulado que dificultou ao máximo, então acabei desistindo. Mas, quando me formar, talvez seja uma possibilidade se rolar um mestrado. =)

      CheshireCat
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Bog
      Só que hoje em dia também não dá para ganhar tanto dinheiro como antigamente. Antes o cara vinha, passava 2 anos aqui, e voltava para o Brasil com o pé de meia feito.
      é, fazer isso era costume na minha família... meus pais já foram, irmãos, primos(um dos meus primos andou aprontando e foi até deportado =P)... mas hoje em dia tá mais difícil mesmo
      (e sinceramente, não sei o que meu irmão pretende da vida, ele tá ae faz uns 8 anos já)

      Foi estranho, eu fiquei ao mesmo tempo aliviado (ufa, parou), orgulhoso (nossa, quanta cerimônia), puto da cara (é, mas se eu fosse exatamente igual, mas dekasegi, ele não teria parado) e triste (putz, então é isso que os brasileiros encaram por aqui).
      é, é isso mesmo =\

      Aí quando eu mostrei a minha carteirinha da Universidade de Tokyo
      ei, pera, ahhhh! TOUDAAAAAI?!???!?!???!?? =OO

      Bog
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Zuzza

      Issoae! Apareeeça. =)

      CheshireCat
      não sei o que meu irmão pretende da vida, ele tá ae faz uns 8 anos já

      Putz, aí fica naquela coisa... quanto mais tempo ele fica trabalhando em fábrica, mais difícil fica para ele seguir outra carreira. E aí continuar aqui acaba sendo mais tentador, né! Tenho primos na mesma situação. Bom, se ele é feliz assim...

      ei, pera, ahhhh! TOUDAAAAAI?!???!?!???!?? =OO

      Hahahaha, ah nem é tudo isso, tá! O "vestibular" é super-concorrido para a graduação, mas para mim foi muito mais fácil entrar. Não porque eu sou fodão. Mas porque eu conhecia alguém que conhecia alguém fodão (hahaha). Ter bons contatos é metade do "truque". ;)

      CheshireCat
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Bog
      Bom, se ele é feliz assim...
      é né, quem sou eu pra dizer que ele seria mais feliz aqui... embora eu bem que preferisse isso =\

      Hahahaha, ah nem é tudo isso, tá! O "vestibular" é super-concorrido para a graduação, mas para mim foi muito mais fácil entrar. Não porque eu sou fodão. Mas porque eu conhecia alguém que conhecia alguém fodão (hahaha). Ter bons contatos é metade do "truque". ;)
      mas po, estamos falando dA TOUDAI =OO
      um brasileiro na toudai!!!! que é A faculdade, né não?! =O
      agora você tem a minha veneração suprema =O
      (já ouviu falar de love hina? hauhauahauhauauauahahaah)

      adnz
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      Ter bons contatos é metade do "truque".

      E eu já tava achando que era fácil.

      Bog
      Veterano
      # abr/08
      · votar


      CheshireCat
      um brasileiro na toudai!!!!

      Hahhaha, tem vários! Conheci um bocado por aqui.

      que é A faculdade, né não

      Bom, isso é fama. Claro que é vantagem para mim, que posso queimar um monte de etapas com uma carteirada (haheheh). Mas quem está lá dentro sabe que a aura mística é maior do que a realidade.

      já ouviu falar de love hina?

      Hhahaha, já assisti, de tanto que um amigo meu falava. Mas assim... para entrar na graduação é realmente difícil. Os caras se preparam a vida inteira para isso. Mas eu caí de pára-quedas, ehheheeh.

      adnz
      E eu já tava achando que era fácil.

      Eu costumo pensar que para "se dar bem" você precisa de pelo menos 2 entre 3 coisas:

      1. Contatos (QI)
      2. Cara-de-pau
      3. Competência

      Eu sei que se fosse um completo asno, jamais teria vindo para cá. Mas só precisei de um mínimo de competência, o resto foi ter os contatos certos. Se você não tiver (1) mas tiver (2) e (3), consegue vir para cá tranquilamente.

      Tá, acho que se você tiver MUITO de uma dessas coisas, até pode conseguir se dar bem só com isso. Se você for MUITO competente, MUITO cara-de-pau, ou for filho do presidente, as coisas ficam bem mais fáceis. Mas para nós, meros mortais, é bom ter pelo menos 2 dessas coisas, hehhe

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Venho compartilhar minha felicidade (muito) nerd convosco

      306.112 tópicos 7.902.771 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital