Amps Lifesound com Power Scaling - quem já testou?

    Autor Mensagem
    diego gr
    Veterano
    # jan/08


    Alguém já tocou num desses novos amps da lifesound, que vem com o recurso de power scaling?
    Estou curioso a respeito do funcionamento prático desse recurso, se realmente funciona como falam.

    PS: Power Scaling é uma tecnologia, que até onde eu sei só o luciano da lifesound pode usar aqui no brasil, que permite que o amp tenha o timbre distorcido true saturation high gain banging head in heavy-fucking-metal style mas em volumes baixos, sem precisar usar do recurso de colocar o volume no talo pra saturar as válvulas.

    ogner
    Veterano
    # nov/08 · Editado por: ogner
    · votar


    Ressucitando:

    Atenuador de potencia é a mesma coisa que Power Scalling, visto q o nome P.S é patentiado!??!

    Algume sabe? Se tiver diferença oq é o atenuador?

    Abço.

    emaniox
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    não é igual.
    atenuador pega o sinal que sai do amp pros falantes e diminui ele através de resistores.
    power scaling é alterar a tensão interna que as valvulas usam (B+), diminuindo para obter saturação com niveis menores de volume. Isto pode ser usado no preamp, no amplificador de potencia ou em ambos.

    Flw.

    ogner
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    emaniox

    Valeu, velho!

    Fernando
    Veterano
    # nov/08 · Editado por: Fernando
    · votar




    http://www.youtube.com/watch?v=iChxmI3NzQQ

    http://www.youtube.com/watch?v=fxciM2I0Hk0

    ogner
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    Bom, entao em linguagem "chula", hehehe.

    O Power S. consegue diminuir o volume nos falantes porem continuam fervendo as valvulas...

    O atenuador somente diminui o volume que sai do head e vai pros falantes...Atraves de resistores. E acho q o atenuador, pelo menos os que eu vi nao tem regulagem..É tipo "liga-desliga"

    ogner
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    http://forum.cifraclub.com.br/forum/10/173006/

    diego gr
    Veterano
    # nov/08 · Editado por: diego gr
    · votar


    ogner
    é o contrário do que voce disse

    O atenuador continua com as válvulas fervendo, porém converte parte da potência (sendo essa regulavel) em calor e manda o restante pros falantes. Porém, com isso, há alteração do timbre, por mínima que seja.
    Quanto ao método usado pelo "power scaling" pra diminuir o volume eu nao sei dizer.

    nascir3
    Veterano
    # nov/08 · Editado por: nascir3
    · votar


    No power scaling não há alteração de timbre,somente a pressão sonora,ou sensação que vc tem quando o amp esta em volume baixo......

    ....."Power Scale é uma tecnologia revolucionária criada no Canadá por Kevin O'Connor que permite variar a potência de um amplificador valvulado. Com o Power Scale, você pode limitar a máxima potência do seu amplificador em 50W, 5W, 0,5W, 50mW ou menos. Tudo isso gradualmente, com um potenciômetro. Você pode tocar com seu amplificador "no talo" dentro do seu quarto, sem incomodar ninguém. O Power Scale é tão versátil que, em condições especiais, você pode até ligar fones de ouvido na saída do amplificador, no lugar das caixas acústicas.E as vantagens não param por aí. Diferente dos atenuadores resistivos e indutivos convencionais, o Power Scale não gera super aquecimento do amplificador e não dimunui a vida útil das válvulas, capacitores, transformadores, ... Você diminui a potência ao mesmo tempo que aumenta a vida útil das válvulas de potência, fazendo-as durarem tanto quanto válvulas pré amplificadoras. Além disso ao atenuar, ele diminui o consumo do amplificador, economizando além de tudo energia. Só o que ele não economiza é timbre, pois o som do power saturando agora pode ser obtido a qualquer volume......"

    diego gr
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    nascir3
    isso ae tá parecendo aqueles anuncio de loja
    "com o micro Positivo você desfrutará de toda a tecnologia...a educação de seus filhos melhorará através da internet...poderá jogar os jogos mais alucinante no seu PC" bla bla bla
    haueauehaeaheaueaeuahea

    mas nessa área de instrumentos musicais tá faltando inovações...tem tanta coisa q todo mundo reclama mas ninguem nunca inventa uma maneira de sanar o problema de vez
    a mesma coisa com a falta de qualidade dos amps transistor em geral...tem modelos q só tem duas EQs, ou EQs compartilhadas pros dois canais etc...o tipo de coisa q pode ser evitada
    porque projetar amps transistor de maneira porca?

    nascir3
    Veterano
    # nov/08
    · votar


    diego gr

    cara acredito no seguinte,inovação é o que mais esta presente hoje,na area de instrumentos musicais,acredito que nao existam problemas,pois cada problema se torna uma possibilidade diferente(um timbre diferente),cara tem muito amp marshals e tals que tem gain,tone e master e nem por isso sao cosntruidos de forma porca,acredito que tudo eh necessario,se fosse tudo perfeito,todos nós seriamos iguais,são as imperfeicoes que nos tornam diferentes uns dos outros,acredito que na musica é da mesma forma.....

    abraço !!!!

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Amps Lifesound com Power Scaling - quem já testou?