Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      O último grande marco da história do rock!

      Autor Mensagem
      Lelo Mig
      Membro
      # 21/out/17 14:07 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      HotLicks

      "A música é consumida e descartada muito mais rapidamente"

      Haja visto bandas que foram "palco mundo" no Rock'n'Rio 2015 e hj ninguém lembra nem do nome.

      The Script, Royal Blood, Hollywood Vampires, Sheppard e etc...

      SteveRayMorse
      Veterano
      # 22/out/17 06:36
      · votar


      Mamonas Assassinas

      Beto Guitar Player
      Veterano
      # 22/out/17 07:51
      · votar


      entamoeba

      Qual foi a última grande banda da história do rock?

      Muita gente está respondendo com alguns nomes aí que surgiram, fizeram uma meia dúzia de músicas que emplacou algum sucesso e só... Acho que não entenderam a magnitude da sua pergunta...
      Eu acho que anos 90 foi o grande período do grunge e bandas fodasticas surgiram nessa época, como Pearl Jam, Alice in Chains, Soundgarden... (Nirvana.. Bléé...) mas será que mesmo nesse período de muita coisa acontecendo, muita banda com som alternativo, alguma realmente rompeu abruptamente com o status quo? Tenho dúvidas...


      Qual geração fracassou?

      Cara, a partir dos anos 2000 eu não consigo pensar em bandas fodásticas que surgiram e se tornaram ícones... Não estou dizendo que nada aconteceu nessa década, o música está em constante movimento e mudança, mas sei lá, se tivesse que escolher um período ruim, pra mim seria esse.
      A segunda década de 2000 está acabando e não consigo pensar em nada novo que entrará para os livros de história do Rock do futuro como um marco na história, uma banda divisora de águas... Vamos aguardar e torcer, é só o que nos resta.

      diogosabh
      Membro Novato
      # 22/out/17 09:45
      · votar


      Olha, nao sei se link in park conseguiu isso depois... acredito que nao, mas a ultima banda pesada que conseguiu o primeiro lugar da bilboard e foi sucesso de vendas foi o Pantera. e considero a ultima grande banda.

      Fracasso acho forte. eu nao acompanho o que a meninada ouve hoje. parece nao ter nada de rock. acho que a ultima decada foi a mais fraca

      TendTudo
      Membro Novato
      # 22/out/17 10:14
      · votar


      Acredito que os artistas de hoje levam muito a sério a questão Israel e Palestina e não tomam proveito disto no sentido político mas apenas no religioso.
      O último grande baluarte foi U2 e a Madonna.
      Pra mim este é o ponto.
      Roger Waters foi idealizador de um abaixo assinado para que o Radiohead não tocasse em Tel-Aviv...atitude Rock n Roll
      Ariel Sharon classificou a raça negra como peste.
      O que pra mim vindo de um judeu é elogio.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 22/out/17 11:05
      · votar


      Beto Guitar Player
      Concordo com você.
      Há duas questões aí:
      1) A dinâmica do mercado musical muda à partir dos anos 90.
      2) Fracasso de geração é uma expressão um tanto exagerada, pois tem muita gente boa tocando e compondo por aí. O que não tem mais é um mercado musical em que grandes bandas, criativas e de qualidade estética, artística e etc possam estabelecer-se como nas décadas de 60/70/80 e 90. Não há mais um "movimento" amplo socialmente falando.
      Abç

      Julia Hardy
      Veterano
      # 22/out/17 13:12
      · votar


      O que não tem mais é um mercado musical em que grandes bandas, criativas e de qualidade estética, artística e etc possam estabelecer-se como nas décadas de 60/70/80 e 90. Não há mais um "movimento" amplo socialmente falando.

      Case closed.

      Lelo Mig
      Membro
      # 22/out/17 14:15
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola

      "Não há um movimento"

      Não há movimento, nem disposição em criar. Não há lideres carismaticos e aglutinadores.

      O jovem atual não se deu conta que esta "suposta liberdade" lhe foi dada em troca dele se desprender do coletivo, viver da forma mais individual possivel.

      Quanto menor a dependência, maior a individualidade e quanto mais individual menos envolvimentos e laços emocionais.

      Sem laços emocionais, maior a frieza. Foda-se o outro.

      A falácia do "faça vc mesmo", "não tem pq não quer", "quem não tem competência não se estabelece", o discurso dos vencedores e perdedores foi criado há uns 100 anos atras e seu objetivo justamente este que esta sendo atingido... Destroçar a coletividade.

      O Estado percebeu que tem maior poder sobre individuos do que sobre grupos.

      Seres individuais, ainda que de auto estima grande e aparentemente fortes, são frágeis, facil de serem exterminados sem deixar rastros.

      A musica reflete o seu tempo... Por isso, no geral, a atual é bastante hedonista.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 22/out/17 15:20
      · votar


      Lelo Mig
      Exatamente...
      E ainda tem gente que defende o individualismo como postura social...
      Abç

      JJJ
      Veterano
      # 22/out/17 17:29
      · votar


      Lelo Mig

      Eu concordo com tudo. Menos com o fato de que isso tenha sido "orquestrado", à lá teoria da conspiração.

      Acho que simplesmente aconteceu, foi o caminho que as coisas tomaram e, aí sim, as forças que podiam se aproveitar disso, se aproveitaram, como de costume.

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 22/out/17 19:55 · Editado por: Felipe Stathopoulos
      · votar


      1) Nirvana. A última que quebrou paradigmas.

      2) Com certeza a que veio depois de 2010 (+/-). No mainstream, só lixo.

      Edit: porém mesmo hoje tem muita coisa boa no underground.

      Black Fire
      Gato OT 2011
      # 22/out/17 20:03
      · votar


      Strokes. Quem discorda é soo os tiozao true trevoso tudo de preto de motoca e crianças de 14 anos saudosos dos anos 1970.

      Felipe Stathopoulos
      Membro Novato
      # 22/out/17 20:03
      · votar


      Ah q jóia, o coletivismo funcionou bem bagaray, porque permitiu que grandes gravadoras financiassem bandas ao redor do mundo...

      O fato de ter custado uns 200 milhões de mortos ao longo dos últimos 100 anos é só um detalhe...

      E a culpa é do individualismo...

      Gênios! :)

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 22/out/17 20:39
      · votar


      Felipe Stathopoulos
      Cara, não confunda as coisas nem conte inverdades com base numa ideologia qualquer...
      Estamos falando aqui de um movimento cultural e esses são movimentos coletivos. Há individualismos e individualismos. Os com base no egoísmo, no egocentrismo e na lei do "farinha pouca meu pirão primeiro" são nefastos e nunca deu em coisa boa. Ademais você se contradiz, pois não há nada mais individualista no mal sentido do termo que ditadores. O que essa sua ideologia aí quer é multiplicar à enésima potência os ditadorezinhos de quarto de adolescente...

      Lelo Mig
      Membro
      # 22/out/17 21:58 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      Felipe Stathopoulos

      Visão bastante simplista e equivocada em relação ao assunto, um tema deveras complexo.

      Mas, apenas para que você entenda, de forma bem simplificada e usando apenas o simbolismo de seu proprio exemplo:

      A primeira coisa que a gravadora tentava fazer, desde os primórdios, é convencer o sujeito a sair em carreira solo, isso aconteceu em 99% das grandes bandas.

      O que manteve a maioria unidas, pelo menos por bom tempo, foi uma historia de amizades e parcerias.

      JJJ

      Sim, concordo. A coisa inicialmente aconteceu... Depois foram percebendo as vantagens.

      entamoeba
      Membro Novato
      # 23/out/17 15:05 · Editado por: entamoeba
      · votar


      Mauricio Luiz Bertola
      O que não tem mais é um mercado musical em que grandes bandas, criativas e de qualidade estética, artística e etc possam estabelecer-se como nas décadas de 60/70/80 e 90. Não há mais um "movimento" amplo socialmente falando.

      Lelo Mig
      O jovem atual não se deu conta que esta "suposta liberdade" lhe foi dada em troca dele se desprender do coletivo, viver da forma mais individual possivel.

      Concordo! Quando falo em fracasso, pressuponho que haja uma relação causal, e não sistêmica - o que é um erro. Há apenas um sentimento de fracasso, sem que haja fracassados propriamente ditos.

      Black Fire
      Strokes

      (Nunca sei se os decaídos do OT estão falando sério) Ao meu ver, Strokes atingiu o ápice muito rápido e sumiu muito rápido. Não conseguiu se manter relevante.

      Aliás, acho o mesmo de Foo Fighters e, em menor grau, de Red Hot Chilli Peppers.

      Essas últimas encontraram uma fórmula e se acomodaram nela por um bom tempo. Ainda que o Foo Fighters tenha retornado com um trabalho original, como alegaram (não conheço), foi depois de passar bons anos escorados em comodismo criativo, perdendo relevância ano a ano.

      Lelo Mig
      Membro
      # 23/out/17 15:33
      · votar


      entamoeba

      Concordo, Strokes durou 15 minutos, foi menos relevante pra história da musica que o Calypso.

      Buja
      Veterano
      # 23/out/17 16:00
      · votar


      entamoeba
      em menor grau, de Red Hot Chilli Peppers.
      Apesar de ser fã, condordo. Faz tempo vem perdendo a relevancia.
      Tambem já devem estar meio cansados da estrada. RHCP deixou um bom legado, mas vem morrendo, é inegável.

      Mauricio Luiz Bertola
      Veterano
      # 23/out/17 16:04
      · votar


      Lelo Mig
      Concordo, Strokes durou 15 minutos, foi menos relevante pra história da musica que o Calypso.
      Sou forçado à concordar...
      Abç

      bluesquare
      Veterano
      # 23/out/17 16:28
      · votar


      1) Qual foi a última grande banda da história do rock? Me refiro àquela que rompeu abruptamente com o status quo e que seria headliner de qualquer festival.

      R: Analisando a pergunta, parece ser mais "seria" e não "é". Assim, se fossemos falar sobre uma banda que já nao existe mais, ou nao está mais na ativa, sem dúvidas seria Led Zeppelin. Não só pelo grande sucesso da banda, mas também pela variedade de estilos que suas músicas englobam.. sendo assim, agradaria mais pessoas do que bandas que se prendem a um só estilo! Porisso seria a melhor resposta para sua pergunta.. agradando mais gente, e, consequentemente vendendo mais, seria headliner em qualquer (ou na maioria) dos festivais.

      2) Qual geração fracassou? Qual não entregou bandas grandes o suficiente para continuar movendo a roda do rock com a mesma força? Foi a década de 1990, 2000, 2010? Quais bandas deveriam, mas não conseguiram ser/se manter grandes o bastante? Rammstein? Alice in Chains? Queens of the Stone Age? The Strokes? Linkin Park? Artic Monkeys? System of a Down? White Stripes? Slipknot?

      R: Minha resposta vai ser desagradável, mas acho que a de 90. É cedo pra julgas as gerações de 00 e 10 ainda, e tem muitas bandas que fizeram muito sucesso (apesar de sempre dentro de seu próprio estilo e publico, sem aquela febre de todo mundo que ouve sabe qual é, por ex: slipknot, Linkin park, soad, a7x e varias outras..)

      Beto Guitar Player
      Veterano
      # 23/out/17 16:38
      · votar


      Quem é Strokes?

      Kkkkkkkkkkk, e eu não sou tiozão...

      Na verdade esse tipo de argumento é usado por fãs de Avenge Sevenfold, System mó fodão, Muse e todas essas novas bandas que tiveram grande repercussão nos últimos tempos...
      Mas sinceramente eu não considero nenhuma delas como "A última grande banda".

      MatheusMX
      Veterano
      # 23/out/17 17:14
      · votar


      Bom, de 90 pra cá, as bandas que se "perpetuaram" num cenário mais geral foram Nirvana, RHCP, Oasis, Linkin Park...
      A galera do indie rock (Strokes, Killers, etc...) ainda é lembrada, mas por um público mais específico, que os ouvia na época.

      Mas falar de grandiosidade ou fracasso é muito subjetivo.

      SteveRayMorse
      Veterano
      # 23/out/17 18:45 · Editado por: SteveRayMorse
      · votar


      Strokes? Acho que até Rage Against the Machine foi mais relevante. Aliás, até mais relevante que várias citadas aqui.

      E no Brasil foi Mamonas Assassinas, sem brincadeira.

      Casper
      Veterano
      # 23/out/17 18:58
      · votar


      Concordo com o colega Lelo Mig:

      Radiohead (OK Computer) foi um momento
      de ruptura status quo bla bla bla.

      E a partir de 2010 a coisa ficou mais complicada.


      Caro SteveRayMorse:

      Mamonas Assassinas tem a mesma
      relevância que o Tiririca, sem brincadeira.

      entamoeba
      Membro Novato
      # 23/out/17 19:18 · Editado por: entamoeba
      · votar


      Casper
      Mamonas Assassinas tem a mesma
      relevância que o Tiririca, sem brincadeira.


      Com mortes dignas de celebridades! É a versão brasileira do dia em que a música morreu.

      MatheusMX
      Pois exerçamos a intersubjetividade!

      Lelo Mig
      Membro
      # 23/out/17 19:19
      · votar


      SteveRayMorse

      Cara, na boa.... O Mamonas, com todo o respeito foi uma bandinha que fazia palhaçada.

      Não fosse o final trágico, a piada, no segundo album não teria mais graça e hj poucos lembrariam deles.

      brunoeZ
      Membro Novato
      # 23/out/17 20:31 · Editado por: brunoeZ
      · votar


      Acho Mamonas foda, apesar da palhaçada, o que não é uma coisa ruim, afinal rir faz bem né,......o japinha tocava muito, dou muito valor os riffs e solos, e os caras tocavam rock, metal, misturam até pagode haha.

      Acho que vcs são exigentes e sérios demais.

      Só pra por lenha na fogueira, prefiro ouvir 30 minutos de mamonas do que 30 minutos de dream theater e sua virtuose sem fim (:

      Lelo Mig
      Membro
      # 23/out/17 21:41 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      brunoeZ

      Cara, não é questão de preferir ou ser exigente. Não é gosto pessoal, complexidade e demais subjetividades que esta sendo discutido aqui, mas a importância historica de uma banda sua relevância no cenário.

      O Mamonas não tem relevância alguma. Teve sucesso, fama... É diferente.

      Lingua de Trapo e Premeditando o Breque, por exemplo, foram bandas "comicas" muito mais inteligentes e competentes que o Mamonas....só que não fizeram sucesso.

      Sucesso, gostar....é outra coisa. Eu ate gostava de Mamonas....mas, sejamos honestos, foi uma bandinha de bosta.

      metal_ofender
      Membro Novato
      # 23/out/17 22:47
      · votar


      Mas não é só o Rock não, é a Arte em geral, Pintores por exemplo, vc nunca mais ouviu falar em bons Pintores sendo descoberto.

      Não se tem mais livros tão bem escritos, independente do gênero.

      Não se tem uma descoberta tão impactante na física.

      Daqui uns tempos discutiremos qual foi o ultimo grande marco da Humanidade.

      O bom disso tudo ? Que você vê que o problema não está no Rock, e sim na humanidade.

      brunoeZ
      Membro Novato
      # 23/out/17 23:09
      · votar


      Lelo Mig

      O Mamonas não tem relevância alguma. Teve sucesso, fama... É diferente.
      Nisso eu concordo, mas em nenhum momento eu falei de sucesso ou relevancia no meu comentário.(Era sobre isso o tópico né, wops)

      foi uma bandinha de bosta.
      Hehehe, agora vc deixou bem claro o que quis dizer por "banda que fazia palhaçada."

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a O último grande marco da história do rock!

      303.745 tópicos 7.860.236 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital