Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Juno-D [Defeito] - Indo para a fase do desespero !

      Autor Mensagem
      Ppithan
      Veterano
      # jul/09


      PessoALL:

      Preciso de uma ajuda, no sentido de descobrir o e-mail da Roland Japão !
      Depois de estar com meu Juno-D com defeito a MESES, sem a assistência Roland Brasil me ajudar, preciso recorrer ao Japão !

      E o pior (não dá pra acreditar), meu Juno-D é dos primeiros, que
      venho com erro de projeto e a Roland se recusa a consertar !!!
      Mesmo depois de eu ter provado que era erro de projeto e a
      própria Roland ter lançado o Juno-D Limited Edition (corrigido),
      eles, (como todo bom brasileiro picareta) se fazem de impotentes
      e não tem solução para meu caso.

      Então, amigos, venho aqui, na esperança de conseguir o e-mail
      DIRETO da Roland Japão, para poder fazer chegar a eles meu
      problema, e poder ser tratado com CONSIDERAÇÃO...!

      Obrigado, pessoal...

      Paulo Eduardo Pithan
      designer@bol.com.br

      Lord fafe
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Procura no site oficial da roland... ou vê na lista telefÔnica...HUAShaush'...

      Jeferson Fernandes
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Qual é o problema?
      Teclas?

      Creio que talvez compense você arcar com os custos da manutenção do que ter a dor de cabeça e despesas com envio para o Japão. Isso é um risco que corremos quando compramos equipamentos importados! Normal...! De qualquer forma tudo que consegui através do "oráculo" (google):

      Site: http://www.roland.co.jp/
      Telefone: Customer Response Center 050-3101-2555

      Já é alguma coisa! Tente usar o tradutor de URLs do Google para extrair leite da pedra.

      Vinicius pc
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Cara tive um Juno D e apresentou o mesmo e velho defeito de falta de sensibilidade nas teclas.

      Enviei um e-mail para a autorizada e encaminhei o teclado pra ele e fui prontamente atendido em duas semanas estava com meu teclado de volta perfeito, com uma carta pedindo desculpas extensão da garantia e ainda uma bag de brinde da Roland.

      Se quiser arriscar dizem que é soh abrir e trocas as benditas borrachas, mais eu nao arrisquei.

      Valeu e boa sorte !!!!

      Vinicius pc
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Use a pesquisa aqui no Cifra tem um monte de topicos a respeito

      lusojunior
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Se tudo o mais falhar... existe o bom e velho juizado de pequenas causas...

      So_Leo
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      PessoALL
      Ja vi isso em algum lugar... eheh

      Mas não deixe o tempo passar, quanto antes vc resolver melhor. Quem sabe o procon lhe ajuda.

      lusojunior
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Ppithan

      Se você tiver cópias dos e-mails enviados à Roland Brasil pedindo providências, ou melhor ainda, se tem correspondências trocadas via correio convencional, você pode juntar isso a um possível processo no JEC (Juizado Especial Cível) mais próximo de você.

      Você pode comprovar um vício oculto no aparelho através das respostas da Roland ou mesmo com tópicos como este na internet, que demonstram que o defeito é comum e generalizado, o que independe de prazo de garantia, já que normalmente esses defeitos se manifestam com o decorrer do tempo, após a garantia (que no Brasil é de apenas 3 meses pelo fabricante), mas antes da expectativa de degradação natural do produto (quanto tempo se espera que um teclado funcione perfeitamente?).

      Sugiro uma nova tentativa com a Roland Brasil, se possível desta vez faça por e-mail e também por carta com aviso de recebimento (AR).

      Se não obtiver sucesso, pode ingressar no Juizado exigindo que a Roland Brasil proceda os reparos necessários, sem custos adicionais para você, incluindo transporte. Pode pedir também danos materiais (no caso de já ter desembolsado alguma quantia nas tentativas de reparo) ou mesmo danos morais (se o problema estiver lhe atrapalhando no trabalho ou mesmo nos estudos musicais).

      A alternativa pela via judicial é sempre a última. Eu tentaria mais uma vez demover a Roland a solucionar o problema, mas não tendo sucesso, não pestanejaria em acioná-la na justiça.

      Normalmente os Juizados designam uma audiência conciliatória e em caso de não haver acordo, uma nova audiência é realizada, desta vez na presença do Juiz.

      Jeferson Fernandes
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Se você tiver cópias dos e-mails enviados à Roland Brasil pedindo providências, ou melhor ainda, se tem correspondências trocadas via correio convencional, você pode juntar isso a um possível processo no JEC (Juizado Especial Cível) mais próximo de você.

      Você pode comprovar um vício oculto no aparelho através das respostas da Roland ou mesmo com tópicos como este na internet, que demonstram que o defeito é comum e generalizado, o que independe de prazo de garantia, já que normalmente esses defeitos se manifestam com o decorrer do tempo, após a garantia (que no Brasil é de apenas 3 meses pelo fabricante), mas antes da expectativa de degradação natural do produto (quanto tempo se espera que um teclado funcione perfeitamente?).

      Sugiro uma nova tentativa com a Roland Brasil, se possível desta vez faça por e-mail e também por carta com aviso de recebimento (AR).

      Se não obtiver sucesso, pode ingressar no Juizado exigindo que a Roland Brasil proceda os reparos necessários, sem custos adicionais para você, incluindo transporte. Pode pedir também danos materiais (no caso de já ter desembolsado alguma quantia nas tentativas de reparo) ou mesmo danos morais (se o problema estiver lhe atrapalhando no trabalho ou mesmo nos estudos musicais).

      A alternativa pela via judicial é sempre a última. Eu tentaria mais uma vez demover a Roland a solucionar o problema, mas não tendo sucesso, não pestanejaria em acioná-la na justiça.

      Normalmente os Juizados designam uma audiência conciliatória e em caso de não haver acordo, uma nova audiência é realizada, desta vez na presença do Juiz.


      Palavras de uma Autoridade do Ministério Público!!! :)
      Doutor Oficial de Justiça Manoel Luso Junior! Obrigado pelo respaldo!

      NillMaker
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Oia! Que bunito mano! É melhor seguir o conselho dele einh!

      Alê Sasa
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      "....Pode pedir também danos materiais (no caso de já ter desembolsado alguma quantia nas tentativas de reparo) ou mesmo danos morais (se o problema estiver lhe atrapalhando no trabalho ou mesmo nos estudos musicais).
      "


      Há ainda: danos por lucros cessantes, isto é, a empresa deverá pagar a você aquilo que você deixou de obter como renda acrescido de juros.


      Abraços

      Ppithan
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Gente...
      Obrigado pelos toques...
      Vou tentar, sim...

      Quanto ao Site da Roland Japan, não rolou...
      Praticamente impossível achar o e-mail de contato, lá...
      Eh, eh, eh, eh...
      Vocês já tentaram ler o Site deles, na língua nativa ???
      :-)

      Fazer mais contatos com a Roland Brasil ?
      Nem pensar...
      Os caras não me dão a mínima, mesmo depois de quase 15
      e-mails enviados à eles...
      Sem chance...
      .
      Mas a sugestão judicial do nobre amigo aí de cima vem bem
      à calhar, quanto à soluções...
      Gostei, mesmo...
      Acho que vou por este caminho, sim.
      .
      Claro que me sinto na obrigação de registrar, primeiro, um
      boletim de ocorrência, na Polícia Civil, para ter algum respaldo
      legal, que afirme que eu estou mesmo falando a verdade, em
      todo o decorrer do meu problema...
      .
      Vamos ver...
      Mesmo assim, se alguém souber o tal mail da Roland Japan,
      pode postar, please...!
      :-)
      Nunca é demais continuar tentando...
      .
      Ah, Roland: Você está lendo aqui ???
      Esqueci de dizer...
      Vou tentar, ainda, resolver meu caso, só por mais 10 anos !!!
      Depois disso, juro que desisto...
      Mas pode ter certeza que muita gente, já, mudou o conceito
      de vocês, quanto a Customer Service...
      Tnksss

      Abraços a todos

      new-dawn
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Ppithan
      Mas a sugestão judicial do nobre amigo aí de cima vem bem
      à calhar, quanto à soluções...
      Gostei, mesmo...
      Acho que vou por este caminho, sim.

      Faz isso msm !!!
      Não aceite fikar no prejuizo !!!

      Nunca é demais continuar tentando...
      Vou tentar, ainda, resolver meu caso, só por mais 10 anos !!!

      Ñ desista !!!

      Ppithan
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Aahh...
      PessoALL:
      Esqueci de comentar o detalhe: (principal!)
      .
      O defeito do meu Juno é que ele simplesmente parou
      de funcionar...
      Não queimou, não estorou, não saiu fumaça, as luzes acendem,
      tudo normal...
      Só o som parou de sair...
      Segundo a Autorizada PoA da Roland, "problema na placa-mãe" !!!
      O banco de memória está VAZIO !!!!
      (Palavras deles...)
      .
      Abraços

      new-dawn
      Veterano
      # jul/09
      · votar


      Ppithan
      Já deu entrada no processo?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Juno-D [Defeito] - Indo para a fase do desespero !

      305.518 tópicos 7.891.809 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital