Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Fender SuperSonic 22 - Mini Review

      Autor Mensagem
      jonas.hetfield
      Veterano
      # mar/14


      Fala Galera!
      "Pulei" o Carnaval de uma maneira muito bacana, e acabei pegando um amplificador Fender SuperSonic 22 em uma troca com um Vox AC15 C1 (que saudadeee!).

      Estou em uma bela lua de mel com o Fender, gravei um videozinho e já tenho algumas impressões ( minhas referências na hora de timbrar tem sido : Joe Bonamassa, Eric Johson e John Mayer ) :

      - É um ampli MUITO versátil. Tem belo clean e drive melhor ainda. Casa bem com pedais, tem loop de efeitos, soa bem em volumes mais baixos.. Enfim, os caras da Fender souberam unir muito bem o vintage com o moderno.
      - Fala alto e tem bastante headroom. o AC15 também falava muito alto, porém não tinha tanto headroom, especialmente com humbuckers.
      - Nos últimos anos, percebi que me dou melhor com amplificadores de menor potência.. Três ótimos motivos : 1. Amplificador menor = mais leve = mais fácil de carregar . 2. Muito mais fácil de timbrar o drive.. Tive um Bogner Shiva que o drive só me agradava quando estava com volumes ensurdecedores. Fora que os sons "vintage" que curto geralmente estão nesses combozinhos. 3. O terceiro motivos está ligado aos dois anteriores : sinto que extraio melhor o potencial dos amplis com menor wattagem.. Tanto o AC15 quanto o Fender seguram a onda em locais pequenos e médios , e quando vamos tocar em lugares maiores e mais estruturados geralmente há possibilidade de microfonar o amplificador, então sempre achei que subtilizava amplis de 100w, 60 e até de 40w.

      Enfim, recomendo muito pra qualquer guitarrista que toca blues, rock e até hard rock.

      Canal Burn em ação : ( gravado com celular, muita ambiencia. Usei uma Gibson Custom 07 )


      Como já disse, dê uma chance aos valvulados de menor potência, pois eles podem surpreender!

      Em breve vou postar mais vídeos e impressões do amp..

      Abs!

      Luiz_RibeiroSP
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      jonas.hetfield
      Eu vidrei nesse amp, teste ele com uma fender jeff beck. mas o amp ta fora do meu orçamento e necessidade. eu tenho um de 5w que montei, ax84 e achei melhor amp de baixa potencia. tive um tremendão com uma caixa 4x12, no volume 5 o amp fazia as janelas tremerem e pra ficar perto tinha que ter protetor auricular, pesado pra caramba e grande demais.

      Esse AC15 e o fender seguram ensaio de boa?
      pra galera mais metaleira esse SuperSonic tira uma onda?

      jonas.hetfield
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      Fala Luiz!
      Pra tocar em quarto gostava muito do Vox AC4, e atualmente tenho usado um Eleven Rack plugado em monitores de 10w.. rs
      Até Meteoro Nitrous Drive faz as janelas do quarto tremerem.. rs E ainda vejo cara comprando valvulado de 50w pra tocar em casa..

      Sim, aguentam ensaio com batera cavalo. O AC15 com volume master 4 e ganho no 2 já segura. Já toquei para umas 100 pessoas com o AC15 com master no 6 e volume no 3, usando o ampli "clean" e com pedais na frente..
      Hoje toquei para umas 40 pessoas com o Fender no volume 3!

      O SuperSonic sem usar nenhum pedal, chega em timbres mais Hard Rock , e Metal clássico.. Talvez usando pedal equalizador ou distorções mais malvadas, dê pra tirar um timbre legal pra esses metais mais modernos..
      Esse vídeo comprova minha "tese". O bichinho não peida nos graves, mais ainda assim tem muitos médios pra galera from hell..

      http://www.youtube.com/watch?v=hqPhPBXJLWU

      Bloody_Rage
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      jonas.hetfield

      tava na igreja é rapaz? hehehe cara q som mais encorpado e gordo,me lembrou um marshall até,tbm gosto de amps de baixa potencia,to curtindo mto um meteoro nitrous drive,ñ chega perto de ser O amp mas eu gosto hehe,enfim,bacana o mini review e muito bacana esse amp.

      Luiz_RibeiroSP
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      jonas.hetfield

      Até Meteoro Nitrous Drive faz as janelas do quarto tremerem.. rs
      não velho uehueh, não tem comparação, o amp tem 100w. parecia que
      a tropa da SS tava invadindo minha casa. Isso faz tempo, uns 10 anos e eu não conhecia muito te equipo, fora a G.A.S. mas hoje vejo que é exagero mesmo ter muita potencia. Gosto desse amp por causa das 6V6. O keith Richards usa uns desses. me corrijam se eu estiver errado.

      ogner
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      marcando!!
      Esse amp sempre esteve na minha mira..hehehe!!

      henriquelhrf2
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      Marcando pra acompanhar. Clean Fender + drive Marshall = amp ideal.

      Natanael_DM
      Veterano
      # mar/14 · Editado por: Natanael_DM
      · votar


      Putz, esse amp pode ser uma boa opção pra mim. Adoro meu AC15 mas acho ele muito pesado. Baita mão de obra ficar carregando aquele trambolho pra lá e pra cá! Hehehehehe! Pelas specs no site da Fender, ele é uns 5 kg mais leve. Vou ficar de olho!!!

      Bela dica, jonas.hetfield!
      o/

      jonas.hetfield
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      Galera, em breve posto vídeos que demonstrem melhor o quão versátil o ampli é..
      Realmente o Supersonic tem a união de clean Fender + Drive "Marshall like" que é difícil de achar no mercado..

      Ele acabou de aposentar meu pedal Bogner Ecstasy Blue! rs

      Luiz_RibeiroSP
      Mano, 100w é pra derrubar a casa! kkk
      Sim o Keith usa. O Greg Koch também (quem não conhece o trampo do cara, vale a pena! ) O Incrível é que até a versão de 60 w soa bem em volumes "amenos".

      Natanael_DM
      Realmente , o AC15 é bem pesado.. Pra mim o peso dele sempre compensou por falar muito alto, mas o Supersonic é mais leve, menor, e fala mais alto.. É um pouco dificil de achar, mas se tiver a oportunidade, pegue um!

      Bloody_Rage
      Só toco com Church Reverb cara! rs
      Toquei com um nitrous drive 15w por muito tempo! Bate até uma saudade dessa época em que não ficava grilado com timbre e equipamento

      jonas.hetfield
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      Up :)

      Lelo Mig
      Membro
      # mar/14
      · votar


      jonas.hetfield

      Tô sem som nesse PC........escuto depois.

      Mas, sejamos honestos, é bem difícil um guitarrista não se dar bem com o timbre brilhante de um Fender....

      Não tô defendendo "logomarca" não!........mas que os Fenders são foda, não há como negar!

      Lelo Mig
      Membro
      # mar/14 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      duplicou

      jonas.hetfield
      Veterano
      # mar/14
      · votar


      Verdade! O brilho que sempre procurei no clena (principalmente com LP) encontrei nesse Fender! O Clean é tão bom, que até deu nova vida aos meus pedais de drive!
      Além de que o drive do amplificador é excelente também!

      Acredito que esse seja o melhor amplificador da Fender na faixa de preço, e um dos mais versáteis em todas faixas de preço.

      Drifter
      Veterano
      # jun/14
      · votar


      jonas.hetfield

      Fala cara, blz?

      Vejo muita gente fornecendo alguns contras do SUPERSONIC 22 nos fóruns gringos (achei pouca coisa aqui no Brasil, pra ser sincero, só este tópico, qual você criou), mas na internet, muita gente é "doutor" do áudio, então, dá até medo de contar com algumas opiniões. São daqueles tipos que só Fender pré CBS é que presta, etc...

      Eu tenho interesse em um amplificador igual ao seu e fiquei muito feliz em encontrar essa sua análise positiva sobre ele!

      Parabéns pelo equipamento!

      lontrablues
      Veterano
      # 08/jan/18 23:20
      · votar


      É um ótimo amplificador este Fender SS-22, derivado do famoso Deluxe Reverb de 1965. A Fender manteve a mesma plataforma e power, retirou o retificador valvulado, retirou o canal trêmolo e colocou um canal Burn, que nada mais é que um canal Drive. Em resumo, um DLX Reverb modernizado. Tem muito volume de som, eu dificilmente passo do 3. Acho a aplicação melhor dele em clean, que pode ser normal ou mais gordo (chave fat). Apesar de ter um drive bem legal eu prefiro o OD dos meus pedais ligados no clean dele, fica mais orgânico. Eu uso um T Miranda Aquadrive para drives leves, na linha Stoones e um Uchoa Plexilzer (clone do pedal Carl Martim Plexitone) para drives na linha AC/DC. São ótimos pedais. Minhas restrições são:
      1 - O circuito do reverb, ele é muito intenso, exagerado e um pouco difícil de achar o ponto, pois acime de 3 o reverb fica muito forte e produz feedback. Mas a qualidade do som dele é bem legal, eu coloco o reverb no 2 e esqueço lá.
      2 - Um amp deste tipo deveria ter a chave pentodo - triodo, para permitir tocar com metade da potência (10w). Mas a Fender não quis colocar isto.
      O Miranda tem dois amps nesta praia, o Deluxe Reverb 20W (sem drive, só clean e reverb) e o Overdrive Special 18W, quem tocou neles normalmente reporta que são alternativas muito boas.

      henriquelhrf2
      Veterano
      # 09/jan/18 09:03
      · votar


      Ótimo review, lontrablues!

      Fiquei surpreso por preferir pedais ao drive do amp! Isso vale pra qq situação ou só pra baixos volumes? Como é o drive em baixos volumes? Já teve oportunidade de experimentar a linha Bassbreaker? Tive o 007 combo e sinto saudade! Experimentei o de 45w e foi o melhor clean que testei na vida.

      Drifter
      Veterano
      # 11/fev/18 14:45
      · votar


      henriquelhrf2

      Fiquei surpreso por preferir pedais ao drive do amp! Isso vale pra qq situação ou só pra baixos volumes? Como é o drive em baixos volumes? Já teve oportunidade de experimentar a linha Bassbreaker? Tive o 007 combo e sinto saudade! Experimentei o de 45w e foi o melhor clean que testei na vida.

      Eu tenho um SS também, sou de opinião semelhante ao lontrablues, quanto ao uso do canal 2 (BURN). Pra mim, as distorções dele são magras, independente do volume que se toca. Não que isso seja ruim, é pessoal, pois dependendo do som que você busca, pode ser suficiente.

      Anos atrás tive um ensaio e usei o amp praticamente no canal BURN por todo tempo. Para sons dos anos 80 e 90, foi um ótimo resultado.

      lontrablues
      Tem muito volume de som, eu dificilmente passo do 3

      Levei para um técnico faz um ou dois anos atrás, ele fez algumas modificações para mim. Hoje eu consigo usá-lo no volume 5 (em casa). Não tenho conhecimento técnico, mas pelo que entendi, a Fender faz algumas regulagens para que os amps saiam de fábrica falando muito alto. Em resumo, hoje eu consigo usar mais do volume dele, não fica insuportável.

      1 - O circuito do reverb, ele é muito intenso, exagerado e um pouco difícil de achar o ponto, pois acime de 3 o reverb fica muito forte e produz feedback. Mas a qualidade do som dele é bem legal, eu coloco o reverb no 2 e esqueço lá.

      Veja melhor isso, pois não deveria dar feedback.
      Uso o meu no vol. 7 e a única coisa que incomoda, é o ruído do próprio reverb.

      Outra coisa que me incomodou MUITO quando comprei o amp em 2014, foi usá-lo em rede que não possui aterramento. Eu não conseguia usar o reverb do amplificador, em razão do ruído.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Fender SuperSonic 22 - Mini Review

      305.540 tópicos 7.892.027 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital