Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      【FIXO】Tópico Oficial: Dicas para saber diferenciar uma guitarra original de uma falsificada

      Autor Mensagem
      renatocaster
      Moderador
      # nov/13 · Editado por: renatocaster


      Esse assunto tem sido bastante recorrente aqui no fórum ultimamente. Criei este tópico com a intenção de centralizarmos em um só lugar todas as informações que possam ser pertinentes a este tema.

      Quem quiser e puder colaborar, fique à vontade. Vamos postar dicas, cuidados, vídeos, fotos, etc. Abaixo, algumas dicas que eu achei bem válidas. Essas dicas são mais voltadas para as guitarras Gibson, mas podemos falar de qualquer guitarra de qualquer marca aqui. Vamos ficar alertas!

      DETALHES DO HEADSTOCK

      Original
      Logotipo centralizado e levemente inclinado. A madrepérola utilizada na incrustração do logo tem coloração amarelada.
      Capa protetora do tensor possui 2 mm de espessura fixada com dois parafusos e formato de “sino”.
      A angulação do headstock é acentuada, de 14 a 17 graus

      Falsa
      Logotipo “fora de centro” com deslocamento acentuado. O material utilizado no inlay do logotipo é de madrepérola artificial, com coloração clara e opaca.
      Capa protetora do tensor possui 0.7 mm de espessura fixada com três parafusos e o formato é diferente do original da Gibson.
      A angulação do headstock é sutil, abaixo dos 7 graus.

      DETALHES DO BRAÇO

      Original
      Contornos traseiros sem muita definição de formato. Voluta sem relevo.
      Nut ou capotraste confeccionado de Corian, material sintético que combinam minerais naturais e polímero acrílico puro.
      O acabamento lateral dos trastes e frisos é pouco arredondado.

      Falsa
      Contornos traseiros com definição de formato. Voluta com relevo.
      Nut ou capotraste de plástico com acabamento grosseiro.
      O acabamento lateral dos trastes e frisos é arredondado em demasia.

      DETALHES DO CORPO

      Original
      Cavidades dos captadores são limpas e permitem a visualização do tampo frontal de maple.
      Cavidade de parte elétrica escavada com simetria e interior limpo. Os componentes elétricos montados sob uma capa metálica.

      Falsa
      Cavidades de captadores são sujas e cobertas com tinta preta. Na maioria das vezes, não é possível visualizar a espessura do tampo frontal. As cópias mais grotescas utilizam películas plásticas que imitam os veios da madeira do tampo superior.
      Cavidade da parte elétrica apresenta formato diferente da original e os componentes elétricos estão fixados diretamente na madeira.

      HARDWARE

      Original
      Captadores originais da Gibson. Basta verificar a base inferior do pickup, que contém o logotipo Gibson.
      Pontes, tarraxas e ferragens de procedência identificável. Componentes elétricos de qualidade fornecidos por empresas conceituadas. Os condutores externos dos captadores são de malha trançada ou são cobertas por capa de plástico de material térmico e durável.

      Falsa
      Captadores de visual similar aos originais da Gibson. Mas a semelhança é apenas visual. A base inferior do pickup é rústica e não contém o logotipo Gibson. Ponte, tarraxas e ferragens de procedência desconhecida. Os condutores externos são cobertos por capa de plástico maleável.

      ACABAMENTO

      Original
      Verniz nitrocelulose com camadas finas sobrepostas e brilho moderado.

      Falsa
      Verniz bi componente denso extremamente brilhante.

      MATERIAIS

      Original
      Tipos e madeiras mais usuais: Mahogany, Maple, Indian Rosewood, Brasilian Rosewood e Ebony.

      Falsa
      Utilizam as seguintes madeiras: Nato, Asian Maple, Sen, Basswood, Grenadilha e Kiri.

      NÚMERO DE SÉRIE
      As reproduções falsas possuem números de séries inseridas com silkscreen. As originais apresentam as numerações gravadas na madeira em relevo. Mas, atenção, alguns modelos originais utilizam o processo de silkscreen (a custom shop e a Les Paul Classic). A numeração das guitarras falsas não fornece o ano, nem o lote de fabricação.

      renatocaster
      Moderador
      # nov/13 · Editado por: renatocaster
      · votar


      Estelionatários condenados

      Os falsificadores chineses sofreram um duro golpe em recente investida das autoridades legais da China. O chinês Yu Hui, a “pseudo” empresária Li Dan e alguns de seus familiares foram condenados a três anos de reclusão pelos crimes que envolvem a comercialização direta e indevida de instrumentos musicais falsificados.

      A própria China iniciou uma campanha de repressão ao varejo ilegal, investindo na construção de uma imagem mais positiva em relação ao mundo. O momento é oportuno para um enorme “recall”, para que possamos questionar o gatilho propulsor do consumo dentro de um contexto sócio, econômico e cultural.

      FUJA DESTE
      Yu Hui, condenado por comercializar instrumentos musicais falsificados, tem um site na internet sobre guitarras e venda desses equipamentos: www.paylessguitar.com/index.asp

      Fonte: www.musicaemercado.com.br/

      Drinho
      Veterano
      # nov/13
      · votar


      Boa mestre

      renatocaster
      Moderador
      # nov/13 · Editado por: renatocaster
      · votar


      Matéria interessante da Pride Music sobre os modelos registrados da Fender no Brasil:

      Há muitos anos a Fender já tinha os registros legais de seus headstocks no Brasil, e através de seus advogados que representam-nos aqui, conseguiu que os fabricantes e importadores brasileiros deixassem de copiar o seu design e criassem identidade e formatos próprios.

      Desde 2007 a Fender obteve o registro legal no Brasil, assim como em muitos outros países da Europa, dos formatos de corpo das guitarras Fender Stratocaster, Fender Telecaster e do baixo Fender Precision Bass e esperou até agora que os fabricantes e importadores reconhecem seu direito legítimo de propriedade e após as ações e apreensões na China, que é o país de origem da maioria dos produtos falsificados, concentrará sua atenção aos demais países de todo mundo.

      O registro no Brasil têm validade de 10 anos. Ou seja, ninguém pode, legalmente, fazer uma guitarra ou baixo que tenha esses formatos de corpos e de seus headstocks ou dos nomes e marcas, que também são registrados no país.

      Certificado de registro - Precision Bass
      Certificado de registro - Stratocaster
      Certificado de registro - Telecaster
      Registros gerais do Grupo Fender no Brasil

      Luisfelp FR1
      Membro
      # nov/13 · Editado por: Luisfelp FR1
      · votar


      renatocaster

      Bela iniciativa! Com certeza vai ajudar muitos que duvidam da procedência do instrumento. Parabéns! :)

      PS: coloca este tópico como Fixo, pois tem muita gente que aparece com essas dúvidas por aqui.

      Lelo Mig
      Membro
      # nov/13
      · votar


      renatocaster

      Vendo Tonante Finder Chinesa!....1 Real!

      Luisfelp FR1
      Membro
      # nov/13 · Editado por: Luisfelp FR1
      · votar


      Bom vou deixar minha contribuição aqui:

      Site para descobrir se o número de série da guitarra é verdadeiro e/ou correto:

      Fender (Versão Beta):
      http://www.guitardaterproject.org/fender.aspx

      Epiphone:
      http://www.guitardaterproject.org/epiphone.aspx

      Gibson:
      http://www.guitardaterproject.org/gibson.aspx

      Ibanez (Versão Beta):
      http://www.guitardaterproject.org/ibanez.aspx

      Yamaha (Versão Beta com falhas):
      http://www.guitardaterproject.org/Yamaha.aspx

      Observações:
      - A nova linha da Fender, a Modern Player, que é originalmente da China, assim como as linhas Custom Shop, Relic e Reissue versions não estão no banco de dados deles, portanto o sistema pode não reconhecer o serial number de uma guitarra desta linha.
      - O sistema não possui banco de dados para a Gibson Custom Shop
      - O Sistema não possui banco de dados para as guitarra Epiphone Japonesas fabricadas nos períodos de 1970 até 1989.
      - O Sistema de banco da dados da Yamaha possui falhas então não é muito confiável.

      MetalJames
      Membro
      # nov/13
      · votar


      Era bom fixar o tópico!

      renatocaster
      Moderador
      # nov/13 · Editado por: renatocaster
      · votar


      Luisfelp FR1

      O serial eles falsificam também, complicado isso =/

      Por isso seria legal as pessoas omitirem o serial number quando postarem fotos da sua guitarra na internet. Porque aí fica fácil o cara pegar qualquer uma dessas fotos e copiar o serial de uma guitarra original.

      edalko
      Veterano
      # nov/13 · Editado por: edalko
      · votar


      renatocaster
      Legal o tópico!

      Contudo, acho que o grande "X" da questão na hora de comprar uma guitarra é a procedência.
      Ultimamente só tenho comprado guitarras de um conhecido que tem loja. Ali, além de estar amparado pela legislação consumerista, o cara negocia guitarras há mais de uma década, sendo muito conhecido no meio musical, de modo que não vai estragar sua reputação por mixaria.

      Tem gente que NUNCA teve uma Fender/Gibson e ve um anúncio de valor muito atrativo e acha que é um baita negócio.
      Primeiro: nem conhece o vendedor.
      Segundo: não tem parâmetro algum para saber se a guitarra é original
      Terceiro: o preço destoa nitidamente de um produto original

      Não tem como uma Gibson Slash (como foi citado num tópico aqui), que custa acima de 10k ser vendida por 3k. Algo está errado. Lógico, que podem ter casos de vendedores equivocados com o produto, ou mesmo em situações de emergência que autorizem uma baixa significativa no preço... mas são casos isolados e, geralmente, envolvendo pessoas conhecidas.

      Os compradores devem ficar atentos ainda com a aquisição de produtos envolvendo atos criminosos (furtos/roubos), de modo que a aquisição por valor muito abaixo do mercado caracteriza receptação. É xilindró na certa!

      renatocaster
      Moderador
      # nov/13
      · votar


      edalko

      Exatamente. O preço cobrado já indica que alguma coisa pode estar estranha. Aí o cara ou dá uma de inocente ou de malandro. Acaba se estrepando em ambas situações.

      Gabriel96
      Membro Novato
      # jan/14
      · votar


      Aproveitando esse topico, tenho uma duvida: Recentemente comprei uma guitarra Epiphone SG G-400 CUSTOM. Como vemos, até desta marca estão sendo feitas replicas, para serem vendidas se passando por Epiphones autenticas.. Para descargo de consciencia, gostaria de saber se o exemplar q comprei é original. Bom, foi comprado no dia 02 de janeiro de 2014, na loja "Music Store' - Santos, SP. Paguei 1759,00 reais no instrumento. Estao nesse link as fotos dele. Desde já, muito obrigado a todos. https://imageshack.com/user/Gabriel_96

      renatocaster
      Moderador
      # jan/14
      · votar


      Gabriel96

      Gabriel, tudo leva a crer que sua guitarra realmente seja original. Olhando pelas fotos, parece ser original sim. Mas o que te deixou em dúvida, algum detalhe?

      Aliás, parabéns pela guitarra. Esse modelo é muito bacana, sempre achei.

      Gabriel96
      Membro Novato
      # jan/14
      · votar


      [b][/b]renatocaster

      Olha, muito obrigado pela atençao Renato, de verdade. É q sou mtoo entrigado c as coisas, as vezes é só neura minha.. Fiquei meio assim pelo borradinho na escrita "Les Paul" acima do cap do braço, pelo nao primor nos detalhes do acabamento, por exemplo, um potenciometro de volume "meio torto" (mas pelo q percebi, isso acontece em muitas epiphones), e pela diferença no logo ("diamante") no headstock em algumas imagens do mesmo modelo dessa guitarra na internet, em comparaçao c o da minha, mas julgo q isso se deve a diferença vinda do local d fabricaçao dentre os instrumentos; acho eu. Muito obrigado, tambem adorei o modelo, o corpo bem confortavel (nao é pesado demais), braço bacana (um pouco mais largo do q os das Les Pauls, mas nada de tao absurdo), capitadores trabalhando direitinho; resumindo, é uma guitarra bem bacana, na minha opiniao. Abraçaao cara!!!

      renatocaster
      Moderador
      # jan/14
      · votar


      Gabriel96

      É cara, essas guitarras são produzidas em série. Muito difícil um exemplar ser 100% idêntico a outro. Sobre acabamento, nem a Gibson que é uma marca tão conceituada tem caprichado ultimamente. Se vc um dia comprar uma Gibson de um modelo com preço mais acessível, perceberá que o capricho no acabamento não é lá essas coisas.

      E tem outra questão também: Os preços caem um pouco, as formas de pagamento agora são mais facilitadas, com isso o poder de compra das pessoas aumenta, a produção consequentemente também aumenta, e a qualidade vai ficando meio comprometida.

      Mas desencana, sua guitarra é original sim. E vc comprou numa loja que creio eu, tem procedência. Com nota fiscal, garantia, e tudo mais.

      Abç

      Gabriel96
      Membro Novato
      # jan/14
      · votar


      renatocaster

      Siim sim, ai caem naquelas questoes de obsolescencia planejada, produçao em alta escala para atender a demanda da populaçao, q como vc disse, teve seu poder aquisitivo aumentado pelas facilidades na hora da compre. Muito obrigado de novo pelo auxilio e atençao, alias, muito bom seu topico, de verdade. Mtoo sucesso pra ti brother, Abraço!

      clguitar
      Membro
      # jan/14
      · votar


      Gabriel96
      Parabéns pela guitarra, muito bacana. Aposto o mindinho que ela é original.

      clguitar
      Membro
      # jan/14
      · votar


      Em vários lugares do mundo que eu conheço, é muito comum ver Gibsons e Fenders falsificadas, mas os vendedores muito raramente tentam fazê-las passar por originais ou ludibriar o cliente com ambiguidades ("Gibson USA made in China").

      No Brasil, infelizmente, por causa da pagação de pau pelas marcas e da ignorância de boa parte dos compradores - muitos dos quais nunca viram uma guitarra Fender ou Gibson - tem muita gente praticando golpe. Triste demais, porque a esmagadora maioria das pessoas, inclusive dos vendedores do Mercado Livre, são gente honrada e que mexe com instrumento por gosto.

      O pouco que dá pra fazer é denunciar esses anúncios fraudulentos para o próprio Mercado Livre bloquear.

      Gabriel96
      Membro Novato
      # jan/14
      · votar


      clguitar

      Muito obrigado cara, de verdade.. Postei a duvida só pra ficar c a consciência tranquila, nunca cheguei a realmente questionar, pelo contrario, nao teria comprado a guitarra. Isso q complica ne, pessoas querendo levar vantagem na boa fé das outras , principalmente qnd estao na vontade frenetica d adquirir uma guitarra dessas marcas, e assim, acama nao se atentando 'a alguns detalhes importantes.
      Abraçaoo caraa!

      buieque
      Membro
      # jan/14
      · votar


      Ola a todos, gostaria q aqueles q tivessem mais experiencia com guitarras Fender me ajudassem nesse caso.
      Um cara me ofereceu essa fender strato, percebo q ele ñ sabe mt bem qual o modelo, ate por ñ ser o primeiro dono.
      Ele disse q ela é td original, só trocou as tarraxas por gotoh, mas to meio desconfiado como a guitarra como um todo. Ñ achei nd relativo a esse serial. Vcs saberia me dizer pelos detalhes se deve ser original ou não?

      (fotos do instrumento)

      https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn2/v/t34/282897_57 4794542603846_1486651975_n.jpg?oh=9c77c606bfff2d182b62f0067c9f95db&oe= 52E41A57&__gda__=1390688377_fbbcc410f29ce1e45d0f70e38371db5e
      https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn2/v/t34/1623780_4 67978416657280_1105779630_n.jpg?oh=c4b18aca45d3ee6a725310ae7ad46f2a&oe =52E44296&__gda__=1390676441_31c220aca5424bae027ffc30138fc7c6
      https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn2/v/t34/1604976_4 67978396657282_1109315442_n.jpg?oh=aab1462c7b5fbc1b94a20006144988fe&oe =52E3AE39&__gda__=1390688054_df7be5632aca157203ce80ac8fd9f7c0
      https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn2/v/t34/1512275_4 67978379990617_176397683_n.jpg?oh=0b634494ac0393229c6ca852b4c6027f&oe= 52E405FA&__gda__=1390682196_9d0cc56473bdc7e6f87e914a01f7f2a9
      https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn1/v/t34/1536599_4 67979753323813_71538025_n.jpg?oh=5f73510dba68da6fd7409939799076af&oe=5 2E4005A&__gda__=1390693725_392f66f0889dfc78d8a1527042fb440d

      renatocaster
      Moderador
      # jan/14
      · votar


      buieque

      Os links para visualizar as fotos estão quebrados, tem como arrumar isso aí?

      Lelo Mig
      Membro
      # jan/14 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      buieque

      Cara, vi as fotos no outro tópico que você havia feito (aqui o link esta quebrado).

      Te adianto de antemão, que a não ser que esteja apagado, NÃO EXISTE Fender serial S+4 Digitos.

      S foi usado somente nas Japonesas MIJ (não CIJ), fabricadas de 94 à 95. Só que são S+6 digitos.

      9999dudu
      Membro Novato
      # jan/14
      · votar


      Também e com levar alguém para diferenciar se a guitarra e verdadeira ou falsa porque são muitos detalhes que você pode não prestar atenção e levando alguém que entenda que seja de confiança será melhor.

      paranoid77
      Veterano
      # ago/14
      · votar


      Boa tarde pessoal,

      Estou com um probleminha e gostaria que me ajudassem.

      Há um ano eu comprei uma Fender Strato American Standard 2012 com os caps fat 50's, case original e todos aqueles tags que vem com a guitarra. O serial number daquele tag vermelho de papelão, que contem outros dados além desse número, bate exatamente com o que tá no braço da guitarra.

      Acontece que ontem eu estava vendendo a guita e o comprador foi conferir o serial no "guitardaterproject" e o número não foi reconhecido. Agora ele está desconfiado que minha guita não é original.

      Eu também acharia o mesmo. Porém, tenho uma strato mexicana 2011 que comprei na made in brazil e o serial dela também ñao é reconhecido naquele site.

      Alguém já passou por isso?

      Obrigado!

      renatocaster
      Moderador
      # ago/14 · Editado por: renatocaster
      · votar


      paranoid77

      Pensou em enviar um e-mail para o suporte da Fender? Esses sites não são 100% confiáveis, embora apontem muitas vezes para um resultado positivo na busca pela informação.

      Mas tenta mandar um e-mail pra Fender, tire fotos, e manda uma cópia de todas as tags que veio junto com a guitarra para eles, bem como o serial.

      SkyHawk
      Membro
      # ago/14 · Editado por: SkyHawk
      · votar


      paranoid77
      Certeza de originalidade só tem um jeito: nota fiscal de compra em Fender authorized dealer, comprada por vc ou por alguém de confiança. Fora isso é confiar em lojas de usadas de primeira linha que pela experiência e tradição tem conhecimento e reputação a zelar.

      Eu mesmo tenho um depoimento pessoal, peguei uma Squier Deluxe Daphne Blue e fiz um projeto pessoal de upgrades - captadores fender custom shop, bloco grande, tarrachas fender custom shop com trava, nut de osso, saddles, neck plate custom shop, relic, correia fender vintage Custom Shop original, cabo P10 Fender Cinza Custom Shop e adesivos do headstock frontal e posterior custom shop....etc, etc, etc.

      É uma Fender Custom Shop ??? Claro que não !!!! Engana muita gente ??? TODO MUNDO QUE VIU E TOCOU JURA QUE É e olha que meus amigos entendem e possuem só coisa fina !!!! Um dos melhores músicos e professor da minha cidade tocou e acreditou piamente que era. E pior é que eu tenho Custom Shop original, na verdade duas e se eu pegar o case original de uma delas e os Tags e for mau caráter vendo como Custom Shop e se bobear até como Master Build !!!! O que jamais faria pois sou sério e falo para todos que se trata de uma Squier.

      Moral da história.... Dá para confiar ? A resposta é NÃO.

      JJJ
      Veterano
      # ago/14
      · votar


      paranoid77

      Não sei se são todas, mas algumas Fender que eu vi tem a marcação da data de construção em alguns lugares específicos. Um deles é no braço, frontal (tem que tirar o braço pra ver). Claro que isso também dá pra falsificar, mas é algo que não fica visível, então... acho que vale dar uma olhada...

      renatocaster
      Moderador
      # ago/14
      · votar


      JJJ

      Verdade. Eu tive uma Fender MIJ que tinha um "carimbo" na cavidade do corpo onde o braço é parafusado. Normalmente ali tem alguma coisa, vale à pena dar uma olhada mesmo.

      LLeitte
      Veterano
      # ago/14
      · votar


      SkyHawk

      Eu fiz o mesmo com uma Squier Japan E series 1986. Deixei um visual meio relic, mas muito original, coloquei logo, tarraxas ela ja veio Fender Gotoh igual Fender Made in Japan, captação Original Fender Japan, ponte Original Fender. Todos acharam que era uma Japan original. So que sempre anunciei como Squier e ate tirei o serial Japan, para caso venda para alguma pessoa infiel, nao de problemas ao próximo!

      Paranoid77
      Agora, esse site que você pesquisou nao é nenhum pouco confiável quanto a isso. Eu sempre mando email para Fender.com, eles me respondem em 2 semanas no máximo!

      Acordemusic
      Membro Novato
      # ago/14
      · votar


      www.musicass.com.br

      Tem várias dicas.

      Novo portal sobre music, instrumentos e etc

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a 【FIXO】Tópico Oficial: Dicas para saber diferenciar uma guitarra original de uma falsificada

      303.500 tópicos 7.853.862 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2017 Studio Sol Comunicação Digital