A volta! Comprei um Zoom H6, um Ukulele e um Cajon

    Autor Mensagem
    MauricioBahia
    Moderador
    # 08/jan/19 00:41 · Editado por: MauricioBahia


    Pois é galera!

    Esse título não é para mostrar o equipamento, ou anunciar uma compra, mas para dividir a felicidade de estar novamente entusiasmado!

    Tantas pessoas tem me pedido para voltar a tocar... Sabe "o chamado"? KKK Sabe quando você encontra aquele camarada que tocava com você e no dia seguinte você encontra com outro? São tantas coincidências que impossível não pensar que a música está fazendo falta na minha vida e eu estou jogando fora tantos sinais, trocando estes sinais por banalidades.

    Eu não sei se vocês acreditam nisso mas eu acredito nos sinais que a vida coloca para a gente "pegar". É como se ela estivesse dizendo: "parou pq?". Kkkkkkk

    Então eu tô fazendo esse tópico para, quem sabe, animar meus grandes camaradas aqui do FCC e me animar também!!!!

    É uma questão de motivação e de ação.

    Pretendo começar a postar aqui algumas músicas que tenho feito.

    Também pretendo dar uma movimentada com algumas jams até porque preciso praticar. Eu quebrei feio o dedo "fura bolo" da mão direita em 2015. Praticamente ele não me obedecia. Um dedo "bobo". Rompi os ligamentos também. Minha mão ficou presa na porta do elevador e quase foi decepada pois ao invés da porta abrir, elevador começou a descer com a minha mão presa. Felizmente ela não estava a ponto de resvalar no concreto entre os andares.

    Até hoje eu não consigo tocar como antes, com a mesma agilidade, talvez porque não tenha praticado tanto a fim de recuperar os movimentos. Foi uma lição e tanto. Lembrei de alguns amigos daqui que tiveram problemas semelhantes.

    Mas faz parte da vida. Faz parte do chamado. Faz parte do crescimento.

    ABS a todos e feliz ano novo!

    PS. Também vasculhei aqueles meus DVDs de 2010 com inúmeros plugins e tudo mais. Nem me lembrava de muitos. É coisa pra cacete. Instalei tudinho de volta no meu computador.

    makumbator
    Veterano
    # 08/jan/19 00:52 · Editado por: makumbator
    · votar


    MauricioBahia

    Muito legal Bahia! Bom ver você novamente postando mais no fórum, e principalmente feliz por te ver voltar a fazer música. Sempre gostei das suas produções aqui no fórum (inclusive as que fizemos juntos anos atrás). E sua versão de "porrada" ainda é um dos covers mais legais que ouvi aqui no fórum (inclusive já te falei que tenho ela no meu antigo ipod classic pra escutar de vez em quando).

    Enfim, bem vindo de volta à brincadeira de fazer música!!

    MauricioBahia
    Moderador
    # 08/jan/19 01:05
    · votar


    makumbator

    Tamo junto irmão! Obrigado.

    Bom te "ouvir"

    o/

    Del-Rei
    Veterano
    # 08/jan/19 03:46
    · votar


    MauricioBahia
    Caramba! Fiquei feliz pela sua volta. Acho que às vezes esse tempo faz bem. Se afastar um pouco pra sentir saudade e voltar com entusiasmo.

    Aliás, já te vi algumas vezes correndo por São Francisco.

    Mas fiquei chocado com a história do elevador! Acho que a guitarra pode servir como uma espécie de fisioterapia pra melhorar os movimentos. Quem sabe...?

    Ukulele e Cajon dão uma vibe de som legal, heim.
    Vai postando aí conforme for gravando.

    Um aceno de longe!!!

    TendTudo
    Membro Novato
    # 08/jan/19 04:26
    · votar


    Tudo Vale a pena se a alma não é pequena
    Fernando Pessoa fez este verso em homenagem aos navegantes
    Se isto não servir de inspiração, o que mais Fernando Pessoa poderia dizer aos navegantes?
    Pow cara muito feliz pela fisio na guita.
    Muito bom

    JJJ
    Veterano
    # 08/jan/19 08:08
    · votar


    Grande Bahia!

    Bem-vindo de volta!

    renatocaster
    Moderador
    # 08/jan/19 08:24
    · votar


    MauricioBahia

    Eu quebrei feio o dedo "fura bolo" da mão direita em 2015. Praticamente ele não me obedecia. Um dedo "bobo". Rompi os ligamentos também. Minha mão ficou presa na porta do elevador e quase foi decepada pois ao invés da porta abrir, elevador começou a descer com a minha mão presa.

    Caraca, bicho! Que doideira essa parada! Ainda bem que o pior não aconteceu...

    No mais, é muito bom revê-lo por aqui! Espero que com mais frequência agora que vc decidiu voltar a tocar, gravar...tamo junto! :)

    Casper
    Veterano
    # 08/jan/19 08:54
    · votar


    Caro MauricioBahia:

    Bom retorno!

    Delson
    Veterano
    # 08/jan/19 09:16
    · votar


    MauricioBahia
    Você é a esperança desse fórum, meu companheiro.

    Bom retorno!

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 08/jan/19 09:53
    · votar


    MauricioBahia
    Meu caro, uma das pessoas que mais queria que você voltasse à tocar sou eu. Você sabe o quanto me alegraria tê-lo no Sr. Vilão e da saudade da sua pessoa, das suas "tiradas". Aqui em casa todos lembram de ti com carinho.
    É muito bom saber que você está voltando à tocar, e, no que vc precisar... Estou aqui.
    https://www.youtube.com/watch?v=OvfyXcePieA
    Grande abraço!

    MauricioBahia
    Moderador
    # 08/jan/19 11:02
    · votar


    Grande abraço a todos!

    \o/

    MauricioBahia
    Moderador
    # 08/jan/19 11:07 · Editado por: MauricioBahia
    · votar


    renatocaster e amigos.

    Quando o elevador desceu, mesmo com a porta entreaberta por causa da minha mão, que eu fiquei tentando tirar de qualquer modo e não conseguia, rolou um frio na espinha. Achei que não fosse descer e a porta abrir por causa da minha mão atrapalhando.

    É que os elevadores (da década de 80) aqui no meu prédio foram reformados. Fizeram uma reforma que alteraram o padrão. Alguém resolveu colocar acabamento de alumínio nas quinas. Foi esse acabamento que não deixou minha mão deslizar para dentro de novo. Vira um dente de alumínio.

    Essa coisa de alterar o projeto inicial cara, tem que ser algo muito bem feito. Existia também um botão de emergência para abrir a porta que foi removido. Eu até procurei ele na hora enquanto minha mão estava presa.

    Mas é isso.

    Valeu!!

    strinbergshredder
    Veterano
    # 08/jan/19 12:47
    · votar


    MauricioBahia
    Que boa notícia cara! Seja bem vindo de volta!

    Também tô nessa mesma vibe... acabei de comprar dois cabos novos da tecniforte, pra ligar a guita e o pedalboard, e to me animando em voltar a treinar!

    Não podemos deixar a musica dentro da gente morrer!

    Sucesso pra vc e boa recuperação com esse dedo acidentado!

    Abcs!!

    MMI
    Veterano
    # 08/jan/19 17:58
    · votar


    MauricioBahia


    Boa notícia! Eu já parei por um tempo, hoje não me vejo sem tocar, mesmo que seja com altos e baixos. Parei com banda há muitos anos, gravar também parei, não gravo há uns 2-3 anos. Mas parar de tocar não, nem parar de estudar e tentar aprender um pouco mais. Ás vezes acho que toco cada vez pior, cada vez com mais deficiências, só que hoje eu toco para mim, minha diversão, meu prazer. Hoje eu acho até estranho quando alguém eventualmente me ouve e curte o que sai, pede outra, algo assim, kkkkkk. Mas a vida segue, parar eu não paro, faço questão de ter uns calinhos nas pontas dos dedos.

    Este ano estou com umas ideias... O equipamento vai ser utilizado, mas ainda são ideias.

    É muito bom que você volte a tocar. Este espaço precisa de você. Se ficar difícil, faz como o Van Halen: usa o dedo médio. Serve para tocar e ás vezes serve para outras coisas também. kkkkkkk

    Bem vindo de volta. Bacana saber que vai superar seus problemas e voltar a tocar.

    MauricioBahia
    Moderador
    # 09/jan/19 00:16
    · votar


    strinbergshredder: Sucesso pra vc e boa recuperação com esse dedo acidentado!

    Agora tá forte já! Só falta aquela velha coordenação. Mas é treino. Valeu!

    MMI: Ás vezes acho que toco cada vez pior

    Eu tô mais enferrujado que uma lata velha! Kkkkk

    Mas não tô morto!!!

    Hahah

    lamas92
    Membro Novato
    # 09/jan/19 10:25
    · votar


    MauricioBahia
    Bem vindo de volta! Música é vida!

    Lelo Mig
    Membro
    # 09/jan/19 11:01 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    MauricioBahia

    Legal você voltar. Fico feliz, de verdade, e desejo o melhor pra você.

    Fiquei imaginando a mão presa, o elevador se movimentando e não sabendo o que pode encontrar/enroscar... Deve dar um desespero.

    MMI

    "Ás vezes acho que toco cada vez pior, cada vez com mais deficiências..."

    Sinto exatamente o mesmo.

    renatocaster
    Moderador
    # 09/jan/19 11:10
    · votar


    MMI

    só que hoje eu toco para mim, minha diversão, meu prazer. (2)

    E cara...como isso é libertador. Vc tocar só por vc e para vc, sem pressão, sem hora, sem compromisso...por hobby, simplesmente. Tem sido muito mais prazeroso, pelo menos pra mim.

    Lelo Mig
    Membro
    # 09/jan/19 11:22 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    MMI
    renatocaster

    "só que hoje eu toco para mim, minha diversão, meu prazer."

    Infelizmente essa parte eu não posso compartilhar com vocês. Após ter voltado, depois de tanto tempo, como anunciei e mostrei tantas vezes aqui, meu violão esta encostado, minha guitarra vendi...

    Não sinto mais prazer em tocar, acho que não lidei bem com o fato de não tocar mais como já toquei um dia... vida que segue.

    Rochaff
    Membro Novato
    # 09/jan/19 14:22
    · votar


    MauricioBahia
    Muito bom! bom retorno!
    Bora organizar uma jam pra animar o povo?

    MMI
    Veterano
    # 09/jan/19 19:04
    · votar


    Lelo Mig

    A verdade é que mudei, envelheci, é outro enfoque para mim. Tocar tem uma parte física, atlética no sentido muscular, agilidade, força, respostas motoras. Você sabe muito bem, isso muda. Mas pegando o exemplo de atletas, da mesma forma que o Romário e o Ronaldo fenômeno, no fim da carreira jogavam mais com a experiência e a "cabeça" que propriamente na força e agilidade, mesmo assim emplacavam algumas. Quero dizer com isso que blublublu para mim é mito hoje em dia. Outro dia lembrei que certo momento da vida fazia aquele lance de tapping... Ainda bem que não tinha ninguém por perto para rolar no chão de tanto rir da minha cara quando fui fazer. OK, isso não faço mais, não preciso, aliás tinha alguns anos que nem lembrava de fazer. A distorção também diminuiu, hi-gain para mim é raro, apesar que depois de velho estou usando fuzz.

    Desanimado não estava, mas agora no final do ano algo me animou... Encontrei um cara que toca milhões de vezes mais que eu, até mais velho que eu, mas está numa onda rock`n roll agora (imagine, anda tocando AC/DC...). Passei uns dias tocando (mais vendo ele tocar) e acabei pegando umas lições, ele me deu uma aula "na brodagem". Provavelmente não vai fazer sentido aqui, mas a "aula" foi de acordes abertos, arranjos e harmonia em músicas do Flavio Venturini. Pqp, pirei o cabeção...

    Digo isso apenas para expor que eventualmente uma nova abordagem, novas ideias, mesmo deixando de lado e abandonando outras coisas que eram possíveis, podem ser animadoras. Enfim, assumidamente não toco mais como toquei um dia, mas hoje sei caminhos que nem imaginava existir. Com o luxo de poder errar, ficar feio e rir pra caramba porque ninguém vai ver, ninguém vai cobrar. É isso...

    Lelo Mig
    Membro
    # 09/jan/19 19:34 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    MMI

    Entendi sim... acho bem legal e fico contente por você.

    Comigo, não sei explicar, mas foi um pouco diferente. Eu sempre tive um prazer imenso em tocar. Houve um tempo, em que tudo que eu queria fazer era tocar o dia inteiro.

    Por isso, acho, apesar de nunca ter me dedicado muito a estudos, e mesmo sendo bastante indisciplinado, tocava bastante bem. Tinha muita facilidade, gostava muito e, consequentemente, ficava tocando o dia todo.

    Quando voltei, depois deste tempo todo longe do instrumento, foi como se eu fosse uma nova pessoa. Acho difícil o que fazia com facilidade, não tenho paciência, quero largar logo e esta posição em formado de "pinça" em que a mão fica no braço, hoje me dói a ponto de, depois de algum tempo, se tornar insuportável.

    No início, considerei como dificuldades naturais de quem estava parado há tanto tempo. Insisti, mas não evolui... não tenho mais muita vontade e não me dá muito prazer, como era antes.

    O violão tá aqui no pé da minha cama, pego uns 15 minutos por dia, arranho uma ou duas canções. Mas, não estou chateado nem deprê não... não sei explicar...

    Continuo ouvindo música e me emocionando. Tendo prazer em falar e escrever sobre música... Mas tocar? Não sinto falta, não me apetece mais.

    Abraço!

    MMI
    Veterano
    # 09/jan/19 20:44
    · votar


    Lelo Mig

    Pois é... Entendo perfeitamente. Mas se serve de consolo...

    Tenho um amigo, estudioso de música, professor universitário. Talvez de tanto estudar violão e música em geral, até onde sei praticamente nem encosta a mão no violão mais. A música soa na cabeça dele, então ele se deu conta que uma folha pautada ou melhor ainda, um computador com programa de partitura, resolve para ele. Ele sai escrevendo a partitura das ideias, a coisa soa dentro da cabeça, não é o caso de tocar propriamente. Gozado isso...

    Lelo Mig
    Membro
    # 09/jan/19 22:00 · Editado por: Lelo Mig
    · votar


    MMI

    Pode ser um "escape"... sempre gostei mais de compor e arranjar do que tocar. Nunca me imaginei um "virtuose". Gostava do palco, com minha banda, trabalho autoral e o sonho de "emplacar".

    Como não rolou... passou.

    Tenho re-arranjado muitas canções antigas e composto algumas pequenas peças no PC. Daws, instrumentos virtuais e etc... me divertem bem.

    Só não tenho mais paciência de ficar ligando Instrumentos reais, microfones, interfaces....kkk... Vai tudo no virtual.

    MauricioBahia
    Moderador
    # 10/jan/19 22:16 · Editado por: MauricioBahia
    · votar


    Lelo Mig: Fiquei imaginando a mão presa, o elevador se movimentando e não sabendo o que pode encontrar/enroscar... Deve dar um desespero.

    Rapaz, quando o elevador andou (pro meu espanto) a minha mente entrou num estado que eu não sei te explicar. Só sei que tive a presença de espírito de apertar o botão do 16° andar (eu tava parado com a mão presa no 18°). A porta abriu no décimo sexto andar pro meu alívio. Nem dor eu sentia mais nesse momento. Se minha mão tivesse mais 3 cm para fora do elevador, talvez eu estivesse sem alguns dedos, hoje.

    Foi uma sensação muito estranha. É uma sensação de que não há futuro nem presente. Talvez só comparável quando a gente tem uma notícia da perda de um ente querido ou de uma notícia de uma doença grave. A mente para por alguns segundos. Talvez ela entra no modo de sobrevivência, algo bem animal. A gente não sabe o que fazer direito. Fica inerte.

    Valeu! TMJ

    tito lemos
    Veterano
    # 11/jan/19 13:56
    · votar


    MauricioBahia

    Feliz pela tua volta brother! Eu passei por um período de desânimo musical também, mas estou experimentando entusiasmo novamente. Minha questão agora é que estou tendo de dar espaço pra outro amor: minha filha, que tá pertinho de nascer! O ótimo disso é que vou poder influenciá-la a amar música, assim como eu amo!

    Ei, e teu H4, vendeu?

    MauricioBahia
    Moderador
    # 12/jan/19 23:58 · Editado por: MauricioBahia
    · votar


    tito lemos: Ei, e teu H4, vendeu?

    Não cara! Ele está nas últimas... Tem sobrevivido através de soldas! Kkkkk

    Ele apresentou problema no conector USB* depois de quase 5 anos de uso, na pauleira. Era minha interface de áudio, microfone e gravador que levava aos ensaios. Foi realmente um grande investimento e parceiro entre muitas conversas de estúdio!

    Um dia desses vou até pegar os áudios de ensaios para ouvir. Eu sempre deixava gravando os ensaios inteiros. Muitas relíquias.

    TMJ

    * A placa de circuito está danificada mas ainda funciona às vezes.

    LeandroP
    Moderador
    # 13/jan/19 02:07
    · votar


    Bom tê-lo de volta, MauricioBahia
    :)

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a A volta! Comprei um Zoom H6, um Ukulele e um Cajon