Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      G1: "Solução do rock está no sertanejo? Bruno Caliman, dono de hits que você já ouviu, quer res

      Autor Mensagem
      xmarhunterx
      Membro Novato
      # 20/mai/18 16:28


      Achei esse treco no G1
      https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/solucao-do-rock-esta-no-s ertanejo-bruno-caliman-dono-de-hits-que-voce-ja-ouviu-quer-resgatar-ro ck-sem-medo-de-ser-louco.ghtml?utm_source=facebook&utm_medium=share-ba r-smart&utm_campaign=share-bar


      Dissertem

      Black Fire
      Gato OT 2011
      # 20/mai/18 17:20
      · votar


      Rock é um embuste do século XX que deve ser deixado pra morrer em paz.

      entamoeba
      Membro Novato
      # 20/mai/18 17:25
      · votar


      xmarhunterx

      Não vai dar certo, aí ele volta para o sertanejo.

      Black Fire

      Justifique "embuste".

      renatocaster
      Moderador
      # 20/mai/18 17:33
      · votar


      Parem de querer resgatar o rock. Apenas parem.

      Black Fire
      Gato OT 2011
      # 20/mai/18 18:16
      · votar


      entamoeba
      Não me importo suficientemente com o assunto.

      Lelo Mig
      Membro
      # 20/mai/18 19:34
      · votar


      Pra que "resgatar" o rock?

      Só nos anos 70 (pra não citar os demais) tem tanto album sensacional que a maioria nunca ouviu.

      Felizmente o que foi feito de bom foi em quantidade suficiente para ouvir coisas "desconhecidas" até morrer.

      Nego quer reiventar a roda...

      xmarhunterx
      Membro Novato
      # 20/mai/18 20:01
      · votar


      Só nos anos 70 (pra não citar os demais) tem tanto album sensacional que a maioria nunca ouviu.

      Felizmente o que foi feito de bom foi em quantidade suficiente para ouvir coisas "desconhecidas" até morrer.

      Até que enfim alguém para concordar comigo

      Lelo Mig
      Membro
      # 20/mai/18 21:22 · Editado por: Lelo Mig
      · votar


      xmarhunterx

      Os mais jovens talvez não entendam, mas caras da minha geração, como Bertola, JJJ e mais alguns, conhecem bem: O álbum inacessível!

      Aquele álbum incrível que você ouviu um dia, na casa do "vizinho do amigo do ficante da sua prima"...uma banda alemã, obscura, que nunca fez sucesso e você passou a vida inteira com a certeza de que nunca mais ouviria novamente.

      Hoje, com a internet, você acha esse álbum... Só de albuns garimpados desta maneira, pela memória, levantei um acervo imenso...

      Alguns, eu achei bom naquela ocasião, mas ao ouvir agora, achei uma merda. Outros eram realmente bons e alguns, absolutamente incríveis.

      Tenho centenas de coisas pra ouvir ainda... E muita coisa vai me emocionar.

      Luiz_RibeiroSP
      Veterano
      # 20/mai/18 21:25
      · votar


      Lelo Mig
      Lembrei dessa historia, acho que sintetiza bem o que disse.

      http://edificiotristeza.com/2016/04/02/a-2a-vez-de-um-nerd-33-anos-dep ois/

      renatocaster
      Moderador
      # 20/mai/18 21:36 · Editado por: renatocaster
      · votar


      Lelo Mig

      Aquele álbum incrível que você ouviu um dia, na casa do "vizinho do amigo do ficante da sua prima"...uma banda alemã, obscura, que nunca fez sucesso e você passou a vida inteira com a certeza de que nunca mais ouviria.

      Isso me fez lembrar de uma parada que rolou comigo nos meados dos anos 1990. Um amigo de uma amiga (não era um amigo em comum, era amigo só dela mesmo) emprestou para ela uns cd's do Pearl Jam que eram tipo uns "side-B" e bootlegs de shows ao vivo que a banda não tinha lançado oficialmente pela gravadora.

      Um deles era um ao vivo tipo "bootleg" (Aussie Dynamos) e o outro era tipo um EP (não oficial) de estúdio "The Five Musketeers", que continha algumas músicas que depois viriam a ser lançadas no disco "Ten" e alguns covers do The Doors. Era tipo um "studio sessions".

      Foi uma experiência bacana, pq era o tipo de material que vc nem sonhava em ter acesso na época, que não tinha como ouvir em rádios e muito menos na internet (que já existia, mas ainda era uma coisa muito escassa, que só os mais "abastados" tinham).

      sandroguiraldo
      Veterano
      # 21/mai/18 08:24
      · votar


      Eu lembro de uma experiência parecida, um amigo arrumou sabe se lá onde, um cd de uma banda chamada The Corbans... nunca achamos nada deles na (precária) internet da época.

      Ouvimos esse cd até quase furar... era uma época de pureza, a dificuldade do acesso as coisas tornava tudo mais intenso e belo, de certa forma romântica.

      Julia Hardy
      Veterano
      # 21/mai/18 15:14
      · votar


      "Solução do rock está no sertanejo?

      Não. A solução para o sertanejo está no rock. Basta ver as emulações feitas pelos sertanojos.



      Quanto aos críticos: rock nunca foi música de coxinha mesmo.

      ferraz bass
      Veterano
      # 23/mai/18 16:04
      · votar


      Rock com certeza não é um estilo que os amantes mortadelas do luladrão e outros "santos" comunistas gostam. Mas enfim, o Rock já era, acabou, infelizmente, tá tudo dominado pelos funkeiros e sertanejos universitários. Mas acredito que o Rock possa renascer das cinzas, para isso é necessário o fim do marxismo cultural, e as crianças e jovens pararem de ouvirem funk carioca e sertanejo universitário, e começarem a ouvir Rock, jazz, blues, funk (o verdadeiro) e soul music.

      sandroguiraldo
      Veterano
      # 23/mai/18 17:41
      · votar


      Me dá uma vergonha quando eu vejo pessoas dizendo que o rock morreu, que o rock acabou bla bla bla...

      ferraz bass
      Veterano
      # 23/mai/18 18:00
      · votar


      eu gosto muito de rock, falo isso com muito pesar, mas acredito que um dia o Rock voltará aos seus dias de gloria

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a G1: "Solução do rock está no sertanejo? Bruno Caliman, dono de hits que você já ouviu, quer res

      306.085 tópicos 7.902.115 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital