Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Roland BK-3 - boa opção para quem está começando.

      Autor Mensagem
      Mauro Candido
      Veterano
      # nov/12


      http://www.roland.com/products/en/BK-3/
      pelas especificações, parece que é um bom teclado para quem está começando e quer um teclado de qualidade, com vários recursos de top. Que pena que a Roland não está na briga com os top dos arranjadores.

      Mauro Candido
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      vídeo de lançamento:


      Tears Of Fire
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      interessante esse.... será uqe vem para competir contra os PSR E?

      kokada
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Que meleca! Ao invés de lançar modelos mais avançados ao BK-5, estão regredindo! Será que o BK-5 vai ser o top da Roland em arranjadores?

      Berg Varela
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Pô,o BK-5 não é um teclado ruim não,pelo contrario,é um ótimo arranjador,o problema é esse designer contratado pela essa empresa que só faz M......,Cara a Roland sempre foi a marca que fez teclados mais belos na minha opinião,Quando eu vejo um Fantom-G até hoje fico babado com ele,pois ele é lindo,o E-80,G-70,VA-76,GW-8 são lindos.

      Ai o cara tem até um projeto bom,mas faz um teclado feio e simplório e capado,ai lança esse BK-3 que consegue ser mais feio que o outro,ta de brincadeira.

      Roland me contrata como designer que tenho certeza que faço melhor.

      Coloque o JUNO-Gi com opção de 76 teclas,pra ver como muita gente teria uma opnião diferente dele.

      que fizesse esse mesmo BK-5 com a opção de 76 teclas parecido com o E-60.

      Sei que essa empresa quer conquistar o publico amador,mas e nos que somos profissionais,teremos que ir pra KORG PA 3X Pro.

      Um THE GRAND-G 76 usando as baterias da placa Supernatural ARX-01 DRUMS ,os Acordeons do V-Acordion,Eps da placa ARX-02,os Metais da Placa ARX-3,e o Visor do Fantom-G sendo Touchscrenn e resto dos timbres doJ UPITER-80,vc tinha um arranjador melhor que o KORG PA 3X pro.

      Não to inventando nada,tudo isso ai existe é só chamar a mesma equipe que fez o G-70,E-80,VA-76,G-1000,G-800 e construir essa maravilha.

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Esse teclado de fato não estava programado para sair! Mas como todo mundo sabe que a série BK com BK5 e BK7m está sendo TÃO bem aceita pelos músicos, apesar do BK5 ter um design horrível, que a Roland ainda teve a ousadia de !criar! um versão E-66 para ele.

      Me referi ao E-66, por ser um teclado antigo, da linha E dos anos 1994 que a Roland lançou com sons e característica do Top E-86. SIMMMMMM Isso mesmo, antes do E80, houve sim um E86. Porém o E66 era de tudo resumido, pegava diskete, mas não programava ritmos. Possuía timbres multi-samples mas não tinha o dual, e o display era numérico de LED, que nem os antigos Yamahas PSR e Pss...

      Da mesma forma esse famigerado BK-3 que bem que tenta aparecer no rastro do módulo e do teclado BK-5. Ainda mais feio, com menos recursos, e que nem dá para misturar duas voices, na mão direita, mesmo com 128 vozes de POLIFONIA.

      A única coisa Boa em novidade é que tem alguns bons Ritmos novos, que darão para serem aproveitados pra quem tem BK-5 e BK-7m.

      No mais, é melhor mesmo "brincar de DJ" e tocar as músicas no PSR - E433 da Yamaha

      Berg Varela
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      NEMESYS

      Amigo Nemesys,quando eu aprendia meus primeiros acordes em 1994,a ROLAND lançou o E-86,não existia NET e aquilo parecia que só existia em outro planeta,o teclado mais evoluído que existia por aqui era o PSR-400 e depois o PSR-510,esse virou sinônimo de qualidade,quem tinha era como se fosse um KRONOS hoje.

      lembro-me de ter um encarte do E-86,que era uma aspirina e um carro Mercedes,dizendo que o teclado era comparado ao carro porque era na época o que se tinha de melhor na industria automobilística e a aspirina era pra vc tomar se vc tivesse comprando qualquer teclado da concorrência,passei meses namorando com esse encarte.

      Tempos bons esses,a minha primeira banda já tinha um JV-80 e um PSR-400 e babava quando chegava uma banda famosa com o JV-1000 com 2 display,aquilo era uma espaçonave.

      Nem sabia programar,pedia favor para um tecladista programa um shape de metal pra mim,parecia que ele tava lendo chines de tão complicado que era.anotei todas configurações num caderno pra não perder e deu mais de 5 paginas,um dia o teclado precisou ir para manutenção e voltou resetado e tive que copiar minhas anotações no teclado e foi meu primeiro contato com síntese,ai vi que o bicho não tinha tantas cabeças assim.

      e sobre o E-66,tenho um amigo que tem ele em perfeito estado e funciona até o disquete.

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Eh mesmo, lembro bem desse encarte lindíssimo que a Roland fez, aliás é uma pena que o marketing deles hoje se perdeu completamente, mas antes era do tipo CINEMATOGRÁFICO.... Exaltava e muito os produtos e consequentemente os músicos ao usarem os produtos da Roland...

      Ainda possuo esse encarte guardado não me lembro onde. Assim que eu o achar, vou escanear e postar para uma breve "Nostalgia"

      O E-86 foi introduzido em Agosto de 1993, o meu , consegui 2 meses depois, em Outubro, Uma Ferramenta!!!!! Na época.
      O sucesso dele foi astronômico, tanto que no ano seguinte a Roland produziu um derivado que foi o E66 e logo depois o E68com soft Band-in-a-Box, que inclusive achei bem melhor do que o resumido E66.

      bravo57
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      ôpa, maneiro hein, seria uma alternativa aos PSRs da linha E?

      Maestron
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Concordo com o Berg Varela

      Na minha opinião, a Roland sempre fez os teclados mais bonitos, sempre esteve a frente em designer, mas esse BK-3 é feio pra burro... Grandão, gordão, dá a impressão de ser pesadão... Tudo bem que arranjador é pra ficar em casa, mas poderiam fazer algo mais slim...

      Quando vi o GW8 a primeira vez, o design leve dele me conquistou, antes mesmo de ouvir o som dele... Sempre elogiam a beleza dele quando toco por aí... Que pena que a Roland abandonou o bom gosto com o visual...

      Tears Of Fire
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      pois é cara... infelizmente.. gostava do GW8...

      kokada
      Veterano
      # nov/12 · Editado por: kokada
      · votar


      (Opinião de designer haha tem que respeitar): Não sei pq vcs não gostaram do design dos BK! Eu gostei - pra mim são mais modernos que os GW ou Prelude, que são "quadradões". O estilo dos botões principalmente, que na parte superior é mais fino e na inferior é mais "gordo", tudo arredondado. Continua no estilo da Roland de quanto menos melhor(com relação a botões, tipo Apple). Mas isso pra mim não funciona em arranjadores.

      O que peca nele, assim como nos modelos citados, é a falta de botões de atalho como existem nos PSR e maior facilidade na procura de timbres. Já postei algum lugar aqui - ter que selecionar o timbre no botão DIAL e depois apertar o botão enter é o fim da picada pra quem toca ao vivo. Mas de resto tem timbres bacanas, a começar pelo bonito piano acústico Super Natural, que bate todos os outros concorrentes na categoria de arranjador.

      A qualidade das caixas acústicas internas também estão muito boas - pra quem usa só pra tocar em casa são ótimas.

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      e qual é o preço deste teclado? já tem ele no mercado brasileiro?

      bravo57
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      NEMESYS
      e que nem dá para misturar duas voices, na mão direita

      Como assim? Ele não pode fazer um simples dual?

      André Luiz Keys
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      bravo57
      Como assim? Ele não pode fazer um simples dual?

      Nem pensar. Veja no vídeo que ele tem botão DUAL e SPLIT.

      Logo ele pode sim misturar timbres.

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      ---------------------------------------------------------------------- -----------------------------
      Sound generator

      Max. Polyphony
      128 voices (GM2/GS/XG Lite compatible)
      Sounds
      851 tones; 53 Drum Sets
      Multitimbral parts
      2 keyboard parts (UPP, LWR) + 16 song parts
      Master Tuning
      415.3 to 466.2 Hz
      Key Control (Transpose)
      –6 to +5 in semitones (for audio/MIDI data)
      Tempo change
      20 to 250 BPM for SMF and rhythms
      75 to 125 % for mp3 and WAV files
      ---------------------------------------------------------------------- -------------------------------

      Pessoal li no site da Roland que ele só tem 2 PARTES Multitimbrais
      UPPER e LOWER

      Precisamos saber se a parte UPPERse divide em UP1 e UP2. Assim poderemos misturar dois sons diferentes.

      Senão, o botão DUAL pode funcionar como um duplicador de voices na mão direita, mas talvez não nos permita escolher entre quais timbres selecionar

      bravo57
      Veterano
      # nov/12 · Editado por: bravo57
      · votar


      André Luiz Keys
      Ah, blz... Imagina só, um teclado que deve ficar no mínimo por uns 1500 reais não ter a simples função de dual/layer... Seria melhor a Roland parar de vender teclado.

      NEMESYS
      "Senão, o botão DUAL pode funcionar como um duplicador de voices na mão direita, mas talvez não nos permita escolher entre quais timbres selecionar"

      Olha, um teclado nos dias de hj, que possui nada menos que 128 notas de polifonia e não nos permita escolher a voz do dual não pode nem ser chamado de tiro no pé... isso é o mais básico dos recursos que um teclado simples de hj em dia possa ter. Não sei nem o que pensar se a Roland fizesse uma coisa dessas, mas tudo é possível.

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Realmente é de se estranhar!
      Tem o botão DUAL...MAS...
      As especificações não dizem se além das duas partes UPPER e LOWER as mesmas se subdividem. Acredito que a Lower aqui é única, pra um teclado desse porte. Mas a parte UPPER, não sei se subdivide em UP1 e UP2.

      E como falei: São 128 vozes de polifonia! Uma característica expressiva e não ser possível misturar duas voices diferentes na mão direita.

      No Yamaha PSR E433 com apenas 32 voices pode-se fazer isso tranquilo.

      No Korg PA500, um teclado mais encorpado de recursos, o sistema possui 80 vozes de polifonia, a parte UPPER se subdivide em até 3: UP1 UP2 UP3

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      mas e o preço?....

      Berg Varela
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Eu acho que o DUAL dele é igual ao do GW-8 se vc colocar em SPLIT,vc pode tocar com um timbre na mão direita(LOWER) e outro na mão esquerda(UPPER)fazendo uma cama tipo um slow string.
      Se vc apertar DUAL o timbre de Slow Strings(LOWER) vai se juntar com o UPPER tocando os dois timbres juntos.

      É uma pena que a Roland insista nesta ideia tão pequena.
      O G-800 a uns dez anos atras tinha a opção de vc tocar UPPER1,UPPER2,LOWER,M.BASS e M.DRUMS

      Roland demita todo esses engenheiros e designer urgente,se não vc vão a falência e parem de imitar os PSRs,porque eles não são exemplos a serem seguidos.

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      mas e o preço?...

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12 · Editado por: NEMESYS
      · votar


      E quem sabe?

      E se demorar a chegar nas lojas, quando chegar, a concorrência já estará com outro. A Yamaha tá lançando teclado a cada 3 meses, parece até a HP, com as impressoras...a cada 3 meses lança um modelo novo!!!

      Imagino que ele ficará com a faixa de preço do teclado E-09, que já está cansado e já não oferece tanto como alguns similares no mercado.


      O teclado Roland BK3 será uma alternativa para concorrer com os modelos:

      1)KORG micro-ARRANGER
      2)Yamaha PSR - E333/E433
      3)Casio CTK-7000 / WK-7500

      Tears Of Fire
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      aee, é a Roland tentando ganhar seu espaço com os noobs!!!! kkkk

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      será q já tem desses no Brasil?

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      será q já tem desses no Brasil?

      Berg Varela
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Bagrito
      A Roland não demora muito,para trazer seus lançamentos para o Brasil,é um mercado que ela respeita muito,mas primeiro ela abastece o Japão,a Europa e os EUA.
      Veja o exemplo do JUPITER-50,só veio chegar aqui depois que esses mercados foram abastecidos,mas não custou muito,levou uns 3 meses.

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      Pelo primeiro video de demonstração do equipamento, aparece uma galera fazendo uma festa com ele!!!

      Acho que foram criados alguns ritmos novos, + - 10. Com pendrive poderemos salvar pra usar no BK-5 e no BK-7m também!


      Roland BK - 3 "O Teclado da moçada!"

      Tears Of Fire
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      NEMESYS
      Acho que foram criados alguns ritmos novos, + - 10. Com pendrive poderemos salvar pra usar no BK-5 e no BK-7m também!
      kkkk fdp

      NEMESYS
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      também!

      Bagrito
      Veterano
      # nov/12
      · votar


      mas num tem mais nenhum video desse bichin na net sô!!
      eles tinha q capricha neh...

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Roland BK-3 - boa opção para quem está começando.

      306.441 tópicos 7.907.751 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital