Violão com rastilho em madeira

    Autor Mensagem
    ntsouza
    Membro Novato
    # 07/jan/19 15:52


    Seguinte galero, eu estava querendo diminuir o rastilho do meu violão para baixar um pouco as cordas, porem eu antes quis testar com outro rastilho para não diminuir o original atoa, então eu fiz um de madeira
    Fotos

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 07/jan/19 20:09
    · votar


    ntsouza
    E...?

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 07/jan/19 20:09 · Editado por: Mauricio Luiz Bertola
    · votar


    ntsouza
    Cara, madeira "absorve" frequencias. Não sei que madeira vc usou, mas para violão de nylon nunca ví sendo usado (em guitarra e de aço, já). A madeira tem que ser muito densa para esse mister, tais como roxinho, ipê, pau-ferro, pau-brasil e jacarandá verdadeiro.
    Abç

    ntsouza
    Membro Novato
    # 07/jan/19 22:09
    · votar


    E...?
    notei muita diferença não só que desafina mais rápido, porem eu não tenho um bom ouvido então ne

    Mauricio Luiz Bertola
    Veterano
    # 07/jan/19 23:37
    · votar


    ntsouza
    porem eu não tenho um bom ouvido então ne
    Isso eu não sei...
    Abç

    Lelo Mig
    Membro
    # 07/jan/19 23:55
    · votar


    ntsouza

    Como o Mauricio Luiz Bertola salientou, explicando de forma bem "desenhadina" o que ocorre é o seguinte:

    Pense bem, violões tem mais de 10 séculos, você não acha que algum Luthier não teria tido a ideia de usar madeira, que é o material mais ao alcance dele, do que ossos e dentes de animais, carapaças de tartarugas e afins para fazer rastilhos e pestanas?

    O rastilho (e a pestana), é ideal que seja de material rígido, que faça o menor atrito possível, já que ele é o ponto de apoio e a força ali é inevitável.

    Quanto mais "mole" o material de apoio, menos a corda irá vibrar. O atrito é maior e impede que a corda vibre tanto e tão rápido quanto deveria. Isso irá resultar, entre várias coisas, em duas bastante notáveis. Perda de agudos e perda de sustentação.

    Por isso, marfim, osso, hoje em dia fibra de carbono, metal (em alguns tipos de violão) e até alguns plásticos (soluções mais barata) são utilizados.

    Você até terá um resultado satisfatório se usar madeiras bem rígidas de fibras compactas como Mauricio Luiz Bertola falou, mas não aguenta muito, a madeira vai desgastar rápido.

    O teu rastilho ficou bom, para determinar altura foi uma solução inteligente e legal, mas agora que fez um molde, compre um rastilho de boa qualidade (que é barato) e deixe do tamanho do seu modelo.

    Abraço!

    ntsouza
    Membro Novato
    # 08/jan/19 13:03
    · votar


    Sim eu sei, como eu disse antes, eu só fiz ele pra não precisar lixar o rastilho original, afim de testar se um tamanho correto para que as cordas não ficassem tão separasComo o Mauricio Luiz Bertola salientou, explicando de forma bem "desenhadina" o que ocorre é o seguinte:

    mas isso é bem interessante

    Ningen
    Veterano
    # 08/jan/19 14:36 · Editado por: Ningen
    · votar


    ntsouza

    mas isso é bem interessante

    Também acho! rsrs

    Acho que faz um ano que meu Taylor (cordas de aço) está com o rastilho de rosewood/jacarandá (depois mando fotos se quiserem) que eu mesmo fiz usando lixa de unha rsrs. (Brincadeira, usei também lima e folhas de lixa).
    Na época cheguei a fazer e gravar testes com um condensador de diafragma pequeno e notei alguma "melhora" no som (um pouco mais "cremoso" rsrs) mas tão sutil que pode ser psicológica. Contudo o que eu acho que pode-se dizer que caracterizou essa mudança (não lembro se foi de tusq pra madeira ou osso pra madeira, provavelmente osso), é a nítida perda do "crec" da palhetada ou mesmo das unhas.
    Não uso palheta. Prefiro usar as unhas em tamanho médio, de um jeito de de baixo pra cima pegue um pouco ali da pela da ponta do dedo, e em todos os tipos de som que tirei (dedilhados, bases, riffs e etc) com o rastilho de madeira me soou mais interessante. O som me pareceu comprimido, mas não um comprimido destrutivo, e sim, o som que entrava na DAW me parecia mais pronto.

    P.s: Na época eu tinha pesquisado sobre e não era novidade. Inclusive há muitos ukuleles com saddle/rastilho de madeira. E se eu não me engano, tinha lido sobre esse um luthier que usava rastilhos de madeira pelo efeito que ele tinha sobre os captadores piezo. Tirava a agressividade do som.

    Edit: Só a estética que piorou um pouco ao meu ver pois gostava dos pinos serem em ébano e o rastilho em tom bege. Agora fica tudo meio escuro e estranho rsrs.

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Violão com rastilho em madeira