iLok quebrado - ZDT, envio, suporte

    Autor Mensagem
    MMI
    Veterano
    # mar/15


    A conversa surgiu em outro tópico e vou compartilhar a história.

    O iLok é um dongle, uma espécie de pendrive que guarda a licença de uma série de programas e plugins, como do Pro Tools, plugins da softube, Slate, Plugin Alliance, PSP... Vamos aos fatos.

    Meu iLok tem 16 licenças e ando mexendo bastante, depois de um tempo parado. De repente começou a dar problema de licença intermitente até que parou de vez, mesmo com a luz acesa ao deixar plugado. O programa dele, iLok License Manager não reconhecia mais. Na dúvida, testei em outras portas USB e em outros computadores, Windows, Mac, nada de reconhecer.

    Entrei no site do iLok, é necessário o login, tem os links para quem está com problemas com o iLok. Lembrei que não tinha feito o ZDT - é o Zero Downtime, uma espécie de seguro para perda, roubo ou quebras - me deu um frio na barriga e o ponteiro do VDM (vai dar merda) bateu no vermelho... No momento estou com os projetos presos nesses programas. Seguindo os passos do site, ele concluiu que o ILok estava danificado e eu devia entrar com o processo de "recovery". Não tem ninguém para conversar, nenhum "chat", mas é bastante objetivo.

    A transferência das licenças custa U$49,95 para quem não tem o ZDT, mas pode fazer na hora, que custa U$30,00 e automaticamente fica gratuita a transferência. Mas vem com uma taxa de U$100,00 de "Expediency Fee", que não tem para onde correr. É avisado que podem enviar um iLok e este é gratuito, mas o frete por Fedex não é - U$56,22 para enviar para São Paulo (mais caro que um iLok novo nos sites de compras nos EUA). Inclusive, avisam que em alguns países não vale a pena por conta de tributação - eu pedi para enviarem só de raiva. Tem uma opção mais barata onde você espera que eles recebam, analisem e liberem as licenças e outra mais cara que imediatamente fica liberado, mas precisam também analisar o iLok.

    Quase que imediato, as se pagar por isso eles enviam uma série de emails. Tem a confirmação do pagamento, tem o aviso que as licenças foram removidas daquele iLok e colocadas em sua conta - nem tudo funciona sem um iLok plugado, mas eu tinha um reserva e imediatamente pude transferir as licenças e continuar usando os programas. Outro email explica como enviar. Eles pedem para não enviar em envelope comum, mandam o endereço e como identificar, avisam que se envie por transportadora confiável e com seguro de U$49,95, que é o preço que cobrarão se não receberem seu iLok em 14 dias, mas ainda processarão a ocorrência por 2 a 3 semanas e podem cobrar tarifas. Não tem muito jeito, a Fedex não quis enviar porque a burocracia é enorme e inviabiliza, tem que ser pelos Correios e rezar que dê certo, naquele envelope plástico do Sedex.

    Conclusão: custou U$186,22 mais as tarifas do Correio (desculpem, perdi a nota, não lembro quanto saiu, mas já avisaram que receberam e estou liberado de novas taxas). Era isso ou um prejuízo muito maior da perda de todos os programas e plugins dependentes do iLok. Antes que me esqueça, o iLok de reposição chegou em menos de 1 semana na porta de casa com um boleto de R$47,82 de impostos.

    Legal, né? :P

    Adler3x3
    Veterano
    # mar/15 · Editado por: Adler3x3
    · votar


    Que inferno hein?

    Ainda não tive nenhum ilok instalado.
    E só trabalho com softwares legalizados.
    E fico imaginando, que a cada DAW, plugin ou instrumento virtual que use este método de licença, se não vai faltar porta usb para conectar.
    Você comentou que no teu ilok tem várias licenças, mas se a pessoa vai adquirindo por partes como fica, vai importar a licença no ilok?
    E como fica a compatibilidade?
    Teriam que arrumar uma método mais eficiente, não acham?, isto vai afastar muitos potenciais compradores, e no final das contas será que não saem perdendo?

    MMI
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    Adler3x3

    E só trabalho com softwares legalizados.

    Eu também. Não tenho nada pirata, não quero.

    Você comentou que no teu ilok tem várias licenças, mas se a pessoa vai adquirindo por partes como fica, vai importar a licença no ilok?

    Veja, um iLok resolve tudo. Você vai adicionando as licenças nele, eu mesmo não comprei tudo de uma vez. As empresas que trabalham com este sistema fornecem o software compatível com esse tipo de licença.

    Tem uma ressalva... A empresa do iLok trabalha com o dongle e com licença instalada. Isso quer dizer que você precisa ter uma conta no iLok, mas algumas não necessitam do aparelho (dongle), é só ter uma conta no site (isso é gratuito).

    Para a gente que só tem programas legalizados não deixa de ser um transtorno. Mas as empresas de software se protegem com isto. O próprio Pro Tools não dá certo se piratear por conta do iLok, a versão pirata acaba travando, então é preciso que seja uma cópia legal. O que torna a ideia interessante, já que eu posso instalar o programa em quantas máquinas quiser sob a plataforma Windows ou Mac, mas só uma por vez vai funcionar quando meu iLok estiver plugado. Tem suas vantagens...

    Jabijirous
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    MMI

    Putz, que parada!

    Ou seja, não adianta comprar outro dongle e passar as licenças pra lá, tem que enviar, pagar um monte de custo e etc! Que burocracia!

    MMI
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    Jabijirous

    Na verdade eu já tinha (e agora que enviaram o substituto do quebrado, continuo tendo) dois dongles, sendo um de reserva. A vantagem é que em meia hora no máximo dá para continuar trabalhando se estragar o que está em uso, mas não resolve os custos e perdas de tempo. Quem transfere as licenças são eles, não é um arquivo que é só copiar e colar.

    Abç

    makumbator
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    MMI

    É, no meu problema tive sorte, pois como a falha foi crescendo aos poucos eu pude comprar a chave aqui mesmo e fazer a transferência entre as chaves por minha própria iniciativa antes da morte completa. No fim o custo pra mim foi de apenas uma chave nova (e como comentei eles passaram o seguro que eu já havia pago na chave antiga e quebrada para a nova).


    Uma coisa que a gente precisa ter em mente é que os clientes da Ilok na verdade não são os usuários, mas sim as empresas que os contratam para proteger os softwares. Esse é um dos motivos que muita gente alega para haver um atendimento muitas vezes ruim para o usuário final (apesar que no meu caso fui muito bem atendido, e bem rápido).

    Essa é uma das razões pela qual a Steinberg/Yamaha comprou faz muito tempo a Syncrosoft (que era a empresa criadora da proteção elicenser). Assim fica mais barato pra eles, e mais seguro (pois não precisam mandar o software desprotegido para uma empresa de fora colocar bloqueios). Mas esse não é o caso da Ilok (que no passado em que Avid tinha dinheiro até chegou a cogitar comprar a empresa).

    Jabijirous
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    Ok. Eu não possuo o iLok, possuo o eLicenser. Digamos que ele começa a apresentar problemas, qual é o primeiro passo? Comprar uma chave nova?

    makumbator
    Veterano
    # mar/15 · Editado por: makumbator
    · votar


    Jabijirous
    1. Comprar uma nova imediatamente e se possível parar de usar a antiga até ter a segunda chave na mão. O ideal é já ter uma chave reserva contigo.

    2. Aí você conecta a chave nova primeiramente e a registra na sua conta. Se tiver uma chave reserva vazia de antemão o ideal é ela já estar registrada na sua conta.

    3 conecte a chave antiga e a nova ao mesmo tempo no mesmo computador e abra o software elicenser

    4. Transfira as licenças da antiga para a nova chave( selecionando, arrastando e soltando no ícone da chave nova).

    5. Desconecte a chave antiga. Rode a manutenção no elicenser na chave nova. Pronto.


    Se a chave antiga não conseguir ser reconhecida e portanto você não puder fazer a transferência é possível pedir demo do Cubase para a chave nova (isso vai te dar 30 dias de uso normal até receber uma chave nova direto da steinberg). Obviamente que nesse caso só entrando em contato com o suporte.

    Jabijirous
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    Era isso que eu queria saber! Se com uma segunda chave eu pudesse passar a licença para ela sem depender da Steinberg ou do Vienna. Assim tem menos dor de cabeça!

    makumbator
    Veterano
    # mar/15 · Editado por: makumbator
    · votar


    Jabijirous
    Era isso que eu queria saber! Se com uma segunda chave eu pudesse passar a licença para ela sem depender da Steinberg ou do Vienna. Assim tem menos dor de cabeça!

    Se o computador ainda conseguir acessar a chave problemática aí sim. Nesse caso você faz tudo em casa por conta própria e sem nem precisar informar o suporte.

    Por isso é importante parar de usar a chave suspeita para não piorar o problema até ter a outra em mãos pra tentar mover as licenças. Caso não consiga em um computador, tente em outros (diferentes sistemas operacionais, diferentes hardwares e controladores USB, e se possível teste em portas 2.0 e 3.0).

    Foi justamente o que aconteceu comigo com uma ilok 2 que começou a apresentar problemas e consegui transferir tudo antes (hoje ela nem acende mais ao ser conectada em qualquer PC ou Mac). Se esperasse mais ou continuasse usando ela morreria com as licenças e eu teria que enviar aos EUA como no caso do MMI.

    Segundo já li, é mais comum a chave (seja Ilok ou Steinberg key) apresentar problemas e comportamentos estranhos antes da falha completa (mas ainda assim existem casos dela parar de funcionar totalmente do nada sem nenhum sintoma anterior).

    MMI
    Veterano
    # mar/15
    · votar


    Jabijirous

    Não tem vida fácil com esses negócios não...

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a iLok quebrado - ZDT, envio, suporte