Notificações Amigos pendentes

      Fórum Cifra Club - maior fórum de m&uacite;sica do Brasil

      Compartilhando a felicidade não-tão-nerd-assim: voltando para o kendo

      Autor Mensagem
      Bog
      Veterano
      # jul/10


      Querido diário:

      Depois de um longo hiato de mais de 4 anos, que incluiu uma mão quebrada, um doutorado e uma cirurgia no joelho (que agora está igual ao joelho de um senhor de 70 anos), voltei para o kendo. De leve.

      Para quem não sabe, kendo é algo como uma "esgrima japonesa". Decididamente, não é uma arte marcial com aplicações práticas, e em uma briga só ajudaria com o preparo físico e os reflexos afiados (ou, caso você arrumasse uma espada, ajudaria a te levar para a cadeia). Neste ponto, é tão útil quanto natação ou qualquer outro esporte - e eu encaro como uma diversão e um jeito de espantar o sedentarismo, apesar de alguns esperarem filosofices e um lado "espiritual" (seja lá o que isso for). No Brasil, lembro que aparecia muito fã de anime e gente que queria ser samurai, mas a imensa maioria desistia logo, visto que coisas como "treinamento pesado" e "movimentos coordenados" parecem muito mais fáceis assistindo Naruto, e "repetições infinitas" não são bem o que um fã de Rurouni Kenshin costuma esperar.

      Minha curiosidade: tem alguém aqui que pratica ou praticou kendo?

      power-melodico
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      com certeza não

      Bog
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      power-melodico
      com certeza não

      Por que a certeza?

      Dogs2
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      absoluta certeza que não
      ah, não tenha dúvidas

      ghostbastard
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog


      deve ser um esporte divertido.


      Você precisa usar todas essas roupas cerimoniais?

      LeandroP
      Moderador
      # jul/10 · Editado por: LeandroP
      · votar


      kendo Brasil pratica kendo?

      [trocadilho fail pacaráleo]

      Black Fire
      Gato OT 2011
      # jul/10
      · votar


      Nossa..

      Dogs2
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      parece a Morte essa fantasia

      Konrad
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog

      O que houve com a mão e com o joelho?

      Atividades físicas/de concentração são sempre muito bem-vindas. =)

      http://pt.wikipedia.org/wiki/Kendo

      Animal Mother
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      tem alguém aqui que pratica ou praticou kendo?

      power-melodico
      com certeza não

      Bog
      Por que a certeza?

      Pois é. Ele pode ter tido amnésia.

      J. S. Coltrane
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog

      deve ser tr00, mas o ciclismo e o montanhismo falam mais forte para mim. Estou só esperando o meu joelho voltar para pegar trilhas.

      TylerDurden
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Minha curiosidade: tem alguém aqui que pratica ou praticou kendo?

      Putz, kendo? Assim fica estranho, põe um acento aê, pô!, pra se adequar a nossa fonética (ouvi dizer que a língua japonesa ñ tem sílabas tônicas, verdade?): kendô, ou kenjutsu.
      Lá pelos 12, 13 anos, fã do Kenshin, me passou pela cabeça praticar isso aí. Só não encontrei onde.
      Mas vou comprar uma katana que nem esta, pra fatiar algum malfeitor que possa aparecer na minha frente.

      Bog
      Veterano
      # jul/10 · Editado por: Bog
      · votar


      Dogs2
      absoluta certeza que não
      ah, não tenha dúvidas


      Tenho sim: por que a certeza? Existem lugares para se treinar no Brasil. Não são muitos, mas existem:

      http://www.cbk.esp.br/cbk/academia.asp

      ghostbastard
      Dogs2

      Não são roupas cerimoniais, nem fantasias... A "calça larga" (hakama) é similar àquela usada no Aikido. A parte de cima da roupa é do mesmo material que um bom kimono de judô. O resto é proteção. Ou alguém aqui acha tranquilo levar uma paulada na cabeça sem usar alguma proteção?

      Konrad
      O que houve com a mão e com o joelho?

      Mão quebrada tentando tirar um bêbado de uma briga que nem era minha (!), joelho defeituoso de nascença, submetido a esforços que ele não estava pronto para aguentar...

      J. S. Coltrane
      Estou só esperando o meu joelho voltar

      Descobri da pior forma possível que às vezes esse "voltar" nunca acontece... :(

      TylerDurden
      ouvi dizer que a língua japonesa ñ tem sílabas tônicas, verdade

      Quase isso. Normalmente, o japonês falado soa bem "plano" para alguém que fala português (e qualquer brasileiro parece falar "cantando" para um japonês).

      kendô

      Bom, a grafia usada oficialmente no Brasil é "kendo" mesmo.

      Lá pelos 12, 13 anos, fã do Kenshin, me passou pela cabeça praticar isso aí

      Hehhehe, fãs do Kenshin e afins eram responsáveis pela altíssima taxa de desistência no lugar onde eu treinava no Brasil. Para muitos, era frustrante descobrir que kendo é cansativo e que fazer as coisas do jeito certo é muito difícil. De certa forma, neste aspecto se parece bastante com tocar guitarra.

      brunohardrocker
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog

      Você é descendente de japas mesmo ou só simpatiza com a cultura? :)

      The Root Of All Evil
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      e qualquer brasileiro parece falar "cantando" para um japonês

      Imagine os sulistas então.

      Bog
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      brunohardrocker

      Eu sou descendente por parte de pai, mas nunca fui "de colônia", e tive muito pouco contato com a cultura nikkei (dos descendentes de japoneses - descobri aqui que a cultura dos nikkeis é bem diferente da dos japas de verdade). Fui criado como um brasileiro qualquer, no máximo um cuja avó fazia sushi.

      Conheci o kendo em uma festa que sempre tem em Curitiba, já bem crescidinho, com 21 anos.

      ghostbastard
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog


      tornaria o jogo mais emocionante. Mais que isso, só com laminas de verdade haha.

      Mas achei muito massa a roupa. Se fosse virar um superheroi maluco que anda pelas streets, escolheria uma roupa assim.

      Quano ao esporte em si, prefiro evitá-los.

      Atum Bluesman
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      Estou precisando de algo a mais para esfriar a cabeça e praticar algum exercício físico, você recomenda o Kendo?

      TylerDurden
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Sinto atração por katanas não tanto por causa de filmes de samurais, mas por esta cena do Bruce Willies, em Pulp Fiction:



      TylerDurden
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Atum Bluesman

      Recomendo álcool e sexo.

      janick
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      "treinamento pesado" e "movimentos coordenados" parecem muito mais fáceis assistindo Naruto, e "repetições infinitas" não são bem o que um fã de Rurouni Kenshin costuma esperar.

      Ai que ta a diversão.

      Eu gosto disso no Karate. A prática que leva a perfeição né?

      Desde que eu voltei a praticar o Kenyu Ryu Kempo, eu fico feliz de sair exausto de todos os treinos. E sentir que eu estou tendo progresso e aprimorando minhas habilidades. Não faço para brigar na rua nem nada, mas se tiver que me defender, estarei preparado. E vem me ajudando em relação à auto-controle e disciplina. Realmente, praticar uma arte marcial seguindo os princíios dela, é algo que acaba acalmando a pessoa. Parece coisa de filme, mas é assim mesmo, pelo menos como eu me sinto.

      Abçs!

      Dressaaa
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog

      Que bom que voltou ao treino. Realmente vai ser difícil achar algum praticante por aqui, pela própria natureza da prática. A maioria busca algo que proporcione defesa pessoal.

      Sou praticante de Aikido, que tem alguma base do kendo. Utilizamos Boken (katana), Jo e Tanto, importante para a postura, agilidade e base.

      =D

      Bizet
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      apesar de alguns esperarem filosofices e um lado "espiritual"

      Isso é uma das únicas coisas que me impedem de praticar a única arte marcial que eu gosto. O pior é que ainda sou xingado quando reclamo disso, mesmo quando não é com um professor...

      Bog
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Atum Bluesman
      Estou precisando de algo a mais para esfriar a cabeça e praticar algum exercício físico, você recomenda o Kendo?

      Quanto a esfriar a cabeça: para mim, funciona. Berrar e dar pauladas me desestressa. Mas tem gente que fica frustrada quando descobre os limites do próprio corpo. Tipo aquele que assiste futebol, acha que manja tudo, mas na hora da pelada só faz bobeira e ainda reclama de todo mundo. Ou seja, algumas pessoas só esquentam ainda mais a cabeça...

      Quanto ao lado de exercício: é bem aeróbico, bom para perder peso e ganhar fôlego. Mas como musculação está longe de ser tão bem distribuído quanto uma natação ou simplesmente exercícios localizados. Se bem que isso é comum em vários esportes, como futebol, tênis, e a própria esgrima, né?

      janick
      Ai que ta a diversão.

      Para você! =P Ok, para mim também. Mas não para o fã de kenshin que espera aprender em 1 ano a dar cambalhotas acrobáticas e golpes secretos indefensáveis descritos em pergaminhos, hehee.

      Aliás, acho que sempre aparece um punhado desses em qualquer lugar que tenha artes marciais mais tradicionais.

      Dressaaa

      Eu cheguei a pensar em praticar aikido, mas desisti por causa dos joelhos. Escolhi propositalmente alguma coisa que tivesse muito pouco impacto nas pernas. Mas aikido é legal. Está longe de ser a coisa mais prática do mundo para sair por aí arrumando confusão, mas eu costumo dizer que se eu quisesse MESMO aprender algo para me defender DE VERDADE, fazia aula de tiro, hehehe.

      Bizet
      Isso é uma das únicas coisas que me impedem de praticar a única arte marcial que eu gosto

      Qual é?

      Acho que nesses casos, a alternativa é procurar outro lugar para treinar ou simplesmente deixar passar batido algumas coisas. Mesmo no kendo, existem dojos com abordagens bem distintas, principalmente aqui no Japão. Tem os mais "filosóficos", os mais esportivos; aqueles com treinos mega-puxados para formar vencedores e aqueles que são só um agrupamento de velhinhos e trabalhadores assalariados em busca de diversão e exercício (o meu caso, hehe)...

      Atum Bluesman
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      Eu tenho que achar algum esporte para aliviar o stress do dia a dia, futebol não consigo jogar com regularidade e musculação nunca me cativou, eu tento fazer mas nunca dura mais que 3 meses, preciso de algo que me cative.

      Dressaaa
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bizet

      Man, a 'espiritualidade' de uma arte marcial está muuuuito longe de ser algo religioso. Não se preocupe com isso, você não vai encontrar nenhum fanático no tatame que vá querer que você acredite em nada. O mínimo que será necessário é que você sinta uma coisa: gratidão. Pelo seu 'adversário', pelo espaço que você utiliza, pelos seus mestres, enfim, por tudo que envolve a sua prática. Esse sentimento fará por você uma coisa: respeito. Essa é a 'espiritualidade' em uma arte marcial, gratidão e respeito.

      Existem mesmo alguns dojos mais tradicionalistas, onde você vai encontrar grupos de pessoas religiosas, e que além de treinar vão estudar alguma religião, mas ninguém vai te discriminar por não ser e você pode encarar isso como uma aula de história. Talvez você se sinta mais a vontade em locais com pessoas mais parecidas com você. Não sei qual é a arte marcial que você mais gosta, mas é certo que você vai encontrar locais onde não se estude religião.

      Bog

      Hhauahuauahaa, pois é. Tem um amigo que diz que depois que inventaram a pólvora... Eu também não pratico por defesa pessoal nem pra arrumar confusão por aí. A própria filosofia da arte está muuuuito longe de ser isso, apesar de servir pra defesa pessoal. Me identifico muito com a filosofia da arte e me faz muito bem tanto fisicamente quanto 'espiritualmente'. Me fez entender muitas coisas da vida, por incrível que pareça.

      Para você o kendo é melhor mesmo, o aikido é uma arte muito tranquila, sem muita exigência física, além da flexibilidade. As articulações que mais sofrem são os punhos e as dos pés (e ombros por conta das armas). Mas o fato de ter que ficar caindo a levantando o tempo todo pode prejudicar os joelhos, de fato.

      Ken Himura
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      Não pratico ainda, mas praticarei com certeza. Só arrumar mais $$ e tempo hehe. Sou atleta amador, jogo futebol umas 2x por semana, treino Hung Ga e faço musculação todos os dias. Queria muito treinar decathlon, mas não faço idéia de onde, num único local, eu possa treinar todas as 10 categorias. Sempre quis (e vou!) treinar uma arte japonesa, por afinidade (nem dá pra perceber né? haha).

      Você treina tameshigiri também?

      The Root Of All Evil
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      que espera aprender em 1 ano a dar cambalhotas acrobáticas

      Ai é só fazer Judô :)

      Bog
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Atum Bluesman

      Eu também tentei fazer musculação, mas é muito chato mesmo. Gosto de artes marciais porque além da parte física, elas têm uma parte de "jogo", que exige concentração, o que faz o tempo passar de forma rápida e divertida.

      Ken Himura
      Só arrumar mais $$ e tempo hehe.

      Em muitos dojos, você não precisa de muito $$. Normalmente, o kendo não é uma coisa que se vende, os senseis passam adiante tudo por prazer, tradição, camaradagem. No lugar onde eu treinava no BR, pagávamos somente uma ajuda de custo de 5 reais para manutenção do lugar. Nem bogu (armadura) eu tinha, pegava emprestada do próprio dojo, e dava mais 5 reais para ajudar com a manutenção dele. Aqui no Japão eu também nunca precisei gastar muito com mensalidades e coisas do tipo. Os únicos lugares realmente caros são aqueles que preparam atletas de ponta.

      Claro, existem também certos McDojos por aí (na verdade, um único McDojo com dúzias de filiais), com marketing muito bem estruturado, e para entrar nesses você precisa mesmo de dinheiro. Identificar um McDojo é fácil: eles fazem alegações estranhas ("em um ano você vai aprender muito mais do que em qualquer desses dojos que tem por aí", "aqui você aprende a verdadeira técnica dos samurais", "aqui você É um samurai", "nosso sensei dominou 8 estilos viajando 2 vezes por ano para o Japão", etc); fazem exigências exclusivistas ("nunca experimente treinar em outro dojo", "compre apenas equipamentos vendidos por nós ou por nossa loja online", "evite conversar sobre o dojo com pessoas de outros lugares"); e adaptam o discurso àquilo que o "cliente" gosta de ouvir (para os fãs de anime, falam da "filosofia samurai" e dos "golpes estratégicos", para os corporativos, falam de "liderança e motivação", para os inseguros, falam que "você leva jeito para a coisa, logo logo vai estar ótimo", etc). Ah, eles também têm um punhado de "dissidentes", que se incomodaram com algumas dessas práticas, e foram para outros dojos. Se você já pesquisou sobre o assunto, deve (ou devia) saber de quem eu estou falando.

      Aqui tem uma lista dos dojos filiados à Confederação Brasileira de Kendo: http://www.cbk.esp.br/cbk/academia.asp.

      Você treina tameshigiri também?

      Não. Não tenho vontade de praticar kobudo, apesar de achar interessante assistir.

      Ken Himura
      Veterano
      # jul/10
      · votar


      Bog
      Sim, eu tô ligado. Já pesquisei muito e já vi muita coisa abusiva, principalmente dum grande McDojo por aqui no Brasil.

      Queria uma escola mais intimista mesmo - como você citou e como é a que eu treino Hung Ga, mas é difícil de achar aqui no Rio. E as duas únicas academias do site aqui são meio longe da minha casa, seria ruim de horário pra mim - já que não tô com muito dinheiro nem tempo livre. É triste...

      O tameshigiri é uma prática que sempre me encantou. Um dia, quando já for proficiente, vou adaptar esta prática às lâminas chinesas que serão "naturais" pra mim, como o dao (sabre), o kwan dao ('grande sabre', o que os japoneses transformaram na naginata) e o wu dip dao ('facões borboleta'), e talvez a espada reta (que também acho maravilhosa). Acho que essa é a única falha do sistema de armas chinesas, o contato real com o corte - já que há treinos de katas em dupla e sparring de armas.

      Outra coisa chata é achar lâminas "de verdade". Eu nunca vi um dao legítimo! Só encontro flexíveis ou semi-flexíveis que não têm fio, nem têm como afiar pra valer. Sabe de alguma loja pela Liberdade ou afins?

      Enviar sua resposta para este assunto
              Tablatura   
      Responder tópico na versão original
       

      Tópicos relacionados a Compartilhando a felicidade não-tão-nerd-assim: voltando para o kendo

      306.095 tópicos 7.902.354 posts
      Fórum Cifra Club © 2001-2018 Studio Sol Comunicação Digital